Estufas para cultivo indoor: o que saber antes de comprar

Conforme o mundo vai mudando sua forma de ver a Cannabis, cada vez mais pessoas estão colocando a mão na terra e aprendendo a cultivar a própria maconha fazendo isso em casas ou apartamentos. E dentro deles, não no pátio ou na sacada. Isso acontece graças às estufas para cultivo indoor  que hoje em dia são utilizadas pela grande maioria dos growers, sejam eles iniciantes ou experientes.

A fama das estufas para cultivo indoor não é à toa. Afinal, elas são feitas justamente para cultivar plantas simulando um ambiente externo dentro de uma “cabine” com interior reflexivo. Assim, é possível cultivar plantas sem depender das condições climáticas, e ainda manter um ciclo contínuo já que é possível controlar tudo. Da quantidade de luz que as suas meninas vão receber, até a quantidade de água ou a temperatura do ambiente.

Se você ainda não conhece ou não cultivou em uma estufa para cultivo, então está na hora de saber mais sobre elas. Apostamos que você vai finalizar a leitura pensando em comprar uma. Afinal, apesar da maconha ainda ser ilegal no Brasil, é preciso resistir contra essa lei proibicionista que gera muito mais problemas à sociedade do que soluções. Além do ativismo constante, uma das melhores formas de se reduzir danos e resistir é tendo o seu próprio grow que vai render uma erva com uma qualidade muito superior do que o prensado impuro, cheio de sujeiras, e que financia o tráfico.

 

  • O que são as estufas para cultivo indoor?
  • Segurança no cultivo indoor

 

O que são as estufas para cultivo indoor

As estufas para cultivo ou growbox são cabines de cultivo indoor, ou seja, são espaços feitos para se cultivar plantas internamente.  Apesar de ser relativamente grande, é possível acomodar uma estufa de cultivo em qualquer canto, pois ela possui diversos tamanhos, modelos e marcas diferentes.

Nestas “barracas de cultivo” é possível controlar luz, temperatura e até a umidade relativa do ar, fora que insetos e pragas não são motivos de preocupação. O melhor de tudo, é que se você mudar de lugar, é possível desmontar tudo e levar sua plantação para um novo espaço.

As estufas de cultivo indoor ou growbox, existem em diversos tamanhos, modelos e marcas. Desde barracas tão pequenas, que mal recebem uma muda recém germinada, até barracas que não caberiam dentro de um quarto de dormir. A maioria delas tem uma altura de 2m e seus tamanhos começam em 40 a 60 cm e vão até 1 a 1,2m.

As melhores marcas de barracas, já vem equipadas com as saídas e entradas para energia e ar, assim como com zipers que não permitem nem a entrada nem a saída de luz, e com um revestimento interno de material de boa reflexão. Uma vez montada, é necessário instalar todo o equipamento necessário para o cultivo. Seja solo ou hidroponia.

Cultivo Indoor: solução prática e segura para cultivar

Sim, plantar outdoor, direto na terra, com a luz intensa do sol é o jeito mais natural e econômico de se cultivar Maconha. Mas nem todo mundo tem um pedaço de terra para plantar, ou quando tem, surge um certo receio de que um vizinho cagueta e desocupado faça uma denúncia anônima. Por conta disso o cultivo indoor se tornou uma solução segura para se colher flores.

Isso ocorre porque elas são realmente discretas, pois foram criadas justamente para os jardineiros da cidade que não possuem um jardim para cultivar suas ou moram em apartamentos e casas pequenas. As estufas de cultivo ajudam a disfarçar o cheiro, além de esconderem as plantas é claro.

Principais vantagens das estufas para cultivo indoor

  • São discretas e podem garantir a segurança de um cultivo.
  • Permitem total controle da temperatura, exposição à luz, e de todos os elementos de um cultivo.
  • São fáceis de montar e desmontar.
  • Estão disponíveis em diferentes tamanhos podendo caber em qualquer lugar.
  • Tem estufas mais baratas e mais caras. Basta escolher a que cabe no bolso.
  • Permite a colheita contínua.
  • São o futuro do cultivo caseiro

Comprando uma estufa de cultivo

Uma estufa para cultivo básica é composta por um material à prova de luz, nas quatro laterais, no topo e na base e possui diversas aberturas para acesso a parte elétrica, de ventilação e outras funções. Há diversas marcas no mercado, que oferecem muita variedade de preço, funcionalidade e qualidade.

Quando for comprar uma estufa, é preciso ficar atento à qualidade da tenda que reveste a cabine. O tecido de fora deve ser forte e resistente, enquanto a parte interna deve proporcionar um bom reflexo, aumentando a eficiência da luz.

Antes de mais nada, meça a área que você deseja colocar sua estufa e compre conforme as dimensões do seu espaço. Afinal de contas, você não vai querer comprar um produto que não cabe em casa. Pensar no tamanho, é também pensar na quantidade de plantas que a estufa pode comportar. Você não vai conseguir colocar 10 vasos em um 60 x 60, então veja se o tamanho da sua horta é o mesmo que o do produto.

Duas estufas para cultivo indoor

 

O que observar na hora de comprar uma estufa para cultivo

Antes de comprar uma estufa para cultivo indoor é necessário observar diversos fatores relacionados ao espaço onde ela vai ficar, e o quanto você deseja colher, para também saber a quantidade de lâmpadas, entradas de ar, etc, que essa cabine irá precisar.

  • Exaustores

Toda estufa de cultivo indoor precisa de um sistema de exaustão para circulação do ar e também refrigeração para manter o ambiente numa temperatura agradável.  Por isso é sempre olhar a quantidade de saídas de ar disponíveis para acoplar filtros de carvão, por exemplo ou dutos de ar.

A entrada de ar de uma estufa para cultivo deve estar no topo dela, na parte superior. É no alto que se concentra o ar quente que deve ser extraído para fora da estufa, mantendo uma temperatura ideal para as plantas.

  • Elétrica 

Não é junto com a estufa de cultivo que vão vir os equipamentos elétricos para o seu grow funcionar, porém, é na cabine  que estão as entradas e saídas para instalação de lâmpadas, e é também importante sempre pensar em colocar ela perto de uma tomada para facilitar tudo e principalmente evitar acidentes.

  • Suportes

Comprar uma estufa para cultivo de qualidade é evitar acidentes ou tragédias. Pense que quanto mais resistente ela for, menos chances de as lâmpadas que estiverem um suporte caírem. Isso não é comum, pois realmente as estufas costumam suportar relativamente bem o peso de lâmpadas e refletores. Porém, faça testes antes e observe bem nas primeiras 24 horas se tudo está seguro e que a sua estufa aguenta o peso.

Iluminando o seu grow

Depois de comprar sua estufa para cultivo, ou antes mesmo disso, é bom ir pensando nas lâmpadas que vai utilizar e suas potências. Existem diferentes lâmpadas para cultivar maconha. Para plantas em estágio de crescimento e plantas mãe (matrizes), lâmpadas compactas fluor ou T5 podem funcionar muito bem, assim como as lâmpadas de vapor metálico HQI. Para a floração, mais intensidade de luz pode ser desejada e as lâmpadas de vapor de sódio HPS costumam dar conta do recado em cultivos de larga escala inclusive.

Estufa para cultivo indoor com painel e ventiladores.

Há também quem prefira fazer todo o cultivo com lâmpadas de LED, o que pode acabar sendo mais econômico e tão eficiente quanto. O importante é que sua estufa para cultivo indoor esteja realmente imitando um dia de sol só que dentro de casa. As lâmpadas podem ser instaladas em refletores com hangers que controlam a distância que a lâmpada fica da luz com muita facilidade.

 

 

  • Para um espaço de 60×60 cm, com um jardim de 40x40cm no meio: uma lâmpada de 150 Watt HPS ou HQI (vapor de sódio ou metálico)
  • Para um espaço de 80×80 cm, com um jardim de 60x60cm no meio: uma lâmpada de 250 Watt HPS ou HQI (vapor de sódio ou metálico)
  • Para um espaço de 1×1 m, com um jardim de 80x80cm no meio: uma lâmpada de 400 Watt HPS ou HQI (vapor de sódio ou metálico)
  • Para um espaço de 1,2×1,2 m, com um jardim de 1×1 m no meio: uma lâmpada de 600 Watt HPS ou HQI (vapor de sódio ou metálico)
  • Para um espaço de 1,5×1,5 m, com um jardim de 1,2×1,2 m no meio: uma lâmpada de 1000 Watt HPS ou HQI (vapor de sódio ou metálico)

Os kits de cultivo indoor

Além da opção de comprar uma estufa para cultivo indoor e equipá-la, também é possível adquirir os kits de cultivo que já reúnem tudo o que é necessário para começar a cultivar na hora. É só montar os equipamentos e germinar as sementes. Os kits estão divididos para se adequarem ao espaço disponível que cada um tem para cultivar, e também conforme o preço que cada pessoa tem para investir nesse grow indoor.

Porém, pode ser realmente mais econômico comprar tudo de uma vez e já ficar com estufa para cultivo pronta já sem precisar procurar item por item, o que pode ser complicado para quem está começando agora a cultivar.

A temporada do cultivo indoor já começou

Um dos motivos de muitos maconheiros recorrerem ao cultivo indoor são as estações do ano. Para muitos, não basta ter um local outdoor para plantar, se no outono e inverno os dias são mais curtos, fazendo com que o estado vegetativo da cannabis demore mais tempo ou floresça antes do esperado, quando a planta ainda está muito pequena.

Para fugir desta situação, muitos growers trazem suas plantas para um local fechado e ligam as luzes artificiais, substituindo razoavelmente bem a luz do sol. E nada melhor para acomodar as plantas do que uma as estufas para cultivo indoor, onde as meninas contam com as condições perfeitas para o seu desenvolvimento, garantindo uma colheita proveitosa nas quatro estações do ano.

Ou seja, dá pra cultivar o ano inteiro se quiser. Chega de fumar prensado. Amadureça a ideia de fazer seu próprio plantio, se uma estufa ainda é um investimento muito pesado para o seu bolso, tente achar um espaço na área de serviço ou na varanda de casa para colocar seu vaso. Fumar sua própria erva é mais prazeroso do que você imagina.

Já começou a temporada do cultivo indoor