Ir para conteúdo
Growroom

Meu depoimento sobre minha bad trip e o pior dia da minha vida


Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Cara eu lembrei disso que aconteceu comigo e vim aqui procurar, li o depoimento de algumas pessoas e quis dar o meu, queria entender o que aconteceu, se pode acontecer de novo e se sempre vai acontecer.

Tenho 18 anos, já fumei algumas vezes com alguns amigos mas pouca coisa, eu mesmo só fiz um corre de prensado na vida, era algo que eu fumava só quando algum amigo aparecia e tudo mais... nas vezes que eu fumei, a maior parte eu fiquei bem, dando risada e relaxado mas algumas vezes eu tinha uma brisa errada. Um dia eu senti que meus dentes tavam muito estranhos como se fossem cair, eu fui no banheiro e parecia ouvir que as pessoas tavam rindo de mim e me zoando do lado de fora.

Nesses dias de quarentena, no tédio, eu achei em algum lugar um vídeo de um cara fumando hash num copo e eu lembrei que tinha um pouco aqui que uns amigos tinham deixado alguns meses atrás... como eu não tinha seda nem nada eu fiz igual o cara do vídeo, peguei um copo, fiz uma cobrinha com o hash e prendi com um prego, usei pra não deixar sair a fumaça um daqueles porta-copo de bar ai eu me tranquei no banheiro e acendi, dei duas '' bongada '' no copo, queimou minha garganta foda e eu tossi igual um maldito ai eu parei, joguei fora o restinho e fui tomar um banho.

Eu sempre tomo banho ouvindo música e como eu fumei pra tentar relaxar eu coloquei a caixinha de som e aí que começou a merda. No meio do banho, eu sentia que a música tocava em câmera lenta, eu também sentia que tava muito lento pra me lavar, mas não um lento de relaxado sabe? Eu já comecei a ficar meio nervoso porque eu já tinha tido umas ideia errada algumas vezes e não queria repetir aí quando eu sai do banho eu deitei pra ver se conseguia dormir ou se passava a sensação mas não melhorava, eu não conseguia fechar o olho e relaxar de jeito nenhum e toda vez que eu pegava o celular pra ver as horas parecia que o tempo praticamente não passava entende? Tinha passado, na minha percepção, uns 10 minutos e quando eu olhava o relógio só tinha passado 1 minuto.

Comecei a ficar desesperado, pensando que quando meus pais chegassem em casa eu ia ficar fodido, comecei a pesquisar um jeito de sair da bad trip mas nada ajudava e nessa eu comecei a andar pela sala indo e voltando o tempo todo. Eu sentia que meus movimentos eram repetidos, como se tivesse uma fila indiana de '' eus '' e todo movimento que eu fazia esses eus repetiam e eu sentia como se tivesse vivendo esses movimentos o tempo todo. Liguei pra um amigo pra falar que tava zoado e ele disse que ia vim até a minha casa, nessa eu comecei a ter uma noia de que ele ia bater o carro e morrer no caminho porque eu tinha deixado ele preocupado, foi horrível. Resolvi contar pro meu irmão que tava em casa também e ele veio ficar comigo pra tentar me acalmar, nessa foi a pior hora. Eu comecei a sentir minha cabeça doendo quando eu tentava pensar em qualquer coisa como se minha própria mente me impedisse de racionalizar o que tava acontecendo e depois de um tempinho eu comecei a achar que eu tava ficando maluco, eu sentia como se tivesse perdendo o controle mental do meu corpo e comecei a achar que ia ficar esquizofrênico, cogitei até pular da janela pra acabar com essa sensação. Depois de um tempo, tomei um chá de camomila e depois de algumas horas que eu tinha fumado, voltei ao normal.

No dia seguinte consegui uma consulta num psiquiatra e fui lá pra tentar entender o que tinha acontecido.

Ele me disse que eu tive um surto psicótico, que isso acontece com algumas das pessoas que usam alguma substância psicótica tipo a maconha, hash ou cocaína. Ele disse que algumas pessoas ficam malucas de vez mesmo, viram esses noia que ficam andando pela rua. Ele me diagnosticou com ansiedade grave e eu venho tomando remédio e fazendo acompanhamento com ele desde esse dia mas eu ainda fico muito intrigado com o que aconteceu, se isso vai se repetir e se aconteceria algum dia independente de eu ter fumado.

Eu sei que eu não sou uma pessoa que tem um psicológico normal, eu acho que sou depressivo apesar de não ter diagnóstico... as drogas sempre me interessaram por causa da sensação de bem estar que todo mundo diz ter mas isso me deixou com muito medo de usar qualquer coisa de novo e isso me deixa triste porque eu queria experimentar as coisas...

Esse é meu depoimento, agradeço quem leu e quem tem uma história parecida e quiser compartilhar eu adoraria ler... também queria pedir que não me julgassem nem ninguém por causa do que aconteceu comigo eu só quero entender o porquê.

Valeu rapaziada :)

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Aparentemente tu tem um quadro de psicose, e teve sorte de o surto ter acontecido em ambiente seguro, e mais sorte ainda de o evento gatilho ter sido um hash... Imagina se o evento gatilho fosse um término de relacionamento ou briga no trânsito... Mas é isso, tu não estragou tua cabeça nem nada, isso ia acontecer eventualmente, mas por sorte tu conseguiu descobrir teu distúrbio sem correr, e sem causar grandes riscos... Mas sinceramente não sei se tu vai poder experimentar com drogas, talvez uma cannabis de uma strain cheia de cbd... Boa sorte aí, e fik fly, ninguém é normal, viver não é fácil mesmo, mas vale o desgaste...hehe

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Sinistro o tanto de relato similares que anda tendo nos últimos tempos na área de saúde e psicologia... 

Hash é concentrado né... Alta % de thc...Vc provavelmente não era acostumado e foi mandado pra lua numa bad trip... 

To ligado como é algumas dessas sensações, do tempo então vish... 

Cara é muito relativo e não tem como saber exatamente se aconteceria uma hora sem o uso ou se só aconteceu pelo uso em excesso, ansiedade é foda as vezes pode ter trazido a tona o que já tava lá mas de uma maneira mt mais intensa com a brisa que vc perdeu o controle, o que acaba gerando um trauma maior... 

Mas a principio é bom pra te deixar mais alerta, as vezes antes careta do que uma brisa errada né? 

Tive que dar uma brecada por alguns sinais também. 

Cannabis/Hash é bom ter uma cautela, 

Já conheci pessoas que fumaram por anos então começou a bater umas paranoias cabulosas que tiveram que parar. Alguns que era mt boa quando mais novo e agora não mais, outros batia bad antes e agora suave... Então parece que não tem muito um padrão... Cada um reage de uma forma mas quando mais potente a planta mais chances de dar merda com ansiedade, ataque de pânico, bad trip..

 

Fique bem amigo, sensação de bem estar a gente pode conseguir também careta... Pular de paraquedas, fazer mais do que se gosta, música, esporte, seja o que for da pra achar uma variedade e diversão ali... 

Um banza as vezes é bom mas se não ta batendo pro relaxar vá com calma... 

 

 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 weeks later...
  • Usuário Growroom

Olha, esse tipo de "bad trip" é comum em usuários com quadro de depressão, ansiedade e tendência a esquizofrenia. Praticamente sua mente entrou em psicose pois a "viagem" foi tão high que você entrou em pânico achando que algo de ruim fosse acontecer. Teoricamente falando, sua mente é uma mente um tanto com mais aflita que o normal, o que faz tudo a volta ser encarado de uma forma mais preocupante, quando você usa um psicotrópico, essa sensação é amplificada, e seu cérebro perde a capacidade de entender o quão real é essa aflição. Tudo está em nossa mente, o controle dela é a chave para o bem estar em qualquer circunstância, mas considerando o uso de algum entorpecente, é melhor tomar alguns cuidados, pois se conscientemente já é difícil lidarmos como nossos pensamentos, estando chapado é muito mais.

Avalie se você já fez uso da cannabis em outras circunstâncias e se a sensação foi melhor. Outra coisa, considerando os diversos tipos de "strains", o ideal é encontrar aquele que te faz se sentir melhor, além é claro de preferir uma erva cultivada do que um prensado, pois tem toda uma questão que vai para além da psicologia, que é a questão energética, repare que no estado de chapação, ficamos mais sensíveis a tudo, isso se dá, porque nossa mente fica mais aberta a toques mais sutis como o de energia e vibração das coisas. Então imagine um prensado, o tanto de energia "negativa" que ele pode estar carregando devido o ambiente em que esteve, manuseio e até mesmo o tráfico. Mas no seu caso mesmo, sendo o HASH é bem possível que sua mente já estava perturbada por outros motivos que te afligiam e a strain da erva devia ser uma não tão compatível com seu mood.

Por hora, acredito que o melhor a fazer é dar um tempo e seguir o protocolo de tratamento do seu médico. Mas lembre-se, seu estado mental é apenas uma criação da sua mente, se conseguir contornar isso, terá uma mente livre, exceto é claro em casos de problemas que fogem a este caso, como de transtornos neurológicos causados por alterações químicas do organismo, onde o acometido precisa estar em constante tratamento, aí o uso de entorpecentes deve ser restringido afim de evitar complicações.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...