Tilt

1 grow white widow

Recommended Posts

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

  • Tópicos

  • Posts

    • Bom dia. Minha diesel tá na floração e pegou uma praga as folhas estão todas manchadas. Um amigo disse pra jogar uma mistura de fumo e alho e outro disse que como está na floração pra deixar quieto. Segue fotos. É minha primeira planta.
    • Essa linha Forth deixa a água muito ácida. Quando eu uso, sempre acrescento PH up para equilibrar.
    • É para o TCC? Aproveitando a vibe, vamos lá: Fumo ''cannabis'' há 13 anos mais ou menos, comecei bem cedo, talvez na casa dos 15~16.  Sempre comprei prensado. Sou um paciente em busca da minha medicina, não concordo em ter q ter contato com mercado pararelo para obter resquicios do meu alimento espiritual em um produto de pessima qualidade. A exposição é grande, mesmo para quem não cultiva e recorre ao trafico. Falando um pouco mais sobre a minha relação com a erva, no começo não entendia muito bem qual era a da parada, fumava sem propósito, muito que por curiosidade. Ao longo dos anos, depois de muita reflexão e muitas milhas na bagagem, já ciente do que eu queria para a minha vida, decidi me aprofundar no assunto e tentar buscar dentro de mim respostas para a minha conexão com a ganja. Foi então que comecei a ter contato com a reggae music , nacional e internacional, responsaveis por me fazer pensar e chegar cada vez mais perto das respostas q eu buscava. Gosto da natureza, sou filho dela, e creio ser esse o meu proposito em vida, a volta às raizes. Pro rasta não faz sentido comprar, e sim cultivar o seu proprio alimento (assim consideramos a erva, alimento para a alma). Hoje em dia, ciente de tudo isso, não me faz sentido algum ter que comprar cannabis. Foi então que resolvi começar a cultivar. Pela ideologia e pela qualidade. Estou vivendo uma experiencia nova atualmente, saí da casa dos meus pais e estou morando com a minha namorada em um imovel alugado, e tendo o meu espaço, resolvi nao perder mais tempo. Com relação ao risco, confesso que o cultivo é um pouco mais complicado,pra meter as caras vc precisa se sentir responsavel e preparado - coisas que só o tempo te trarão -  fica muito mais difícil se desfazer de vasos com plantas adultas, do que de pedaços de maconha prensada. Se bem que comigo eu sempre tinha umas 200g para meu consumo.  Assim como filhas de sangue, devemos ser responsaveis com as nossas plantas. Ainda mais sob uma lei que não nos favorece. Eu particularmente não gosto de pensar muito nisso, tento colocar na balança o fato de plantar em casa ou ter que ir buscar na biqueira. No fim das contas, a exposição ao sair de casa é muito maior do que ter um canto reservado para seu plantio. Rodar por indoor, eu considero de risco as seguintes hipoteses: 1-cheiro muito forte vazando pela casa 2-luz vazando pelas frestas 3-comercio via aplicativo (seu nome na lista de contato dos outros salvo como ''Contatinho do Kunk'') 4-mandadin de busca e apreensao Bom é isso ae... acho que ja falei d+ Grande abraço aluno, esperamos poder contar contigo em prol da nossa causa. Tmj!