Ir para conteúdo
Growroom

ajuuuuuudaaaa,lsd


bianca lopes monteiro

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

entao pessoal desculpe pelo texto que vou fazer agr mas eu preciso muito de ajuda, nao aguento mais viver assim, nem as coisas do dia a dia consigo fazer mas enfim
eu um fds fui em uma rave, sempre usei doce, bala, md lanca enfim, nunca tinha ficado desse jeito, a 1 mes e meio, aconteceu essa rave, um dia antes eu fui pra uma tabacaria bebi e acordei de ressaca pra ir pra rave, nao conseguia comer por conta da ressaca, (sei que foi errado, deveria ter comido, mas blz) ate entao, fui, cheguei la, na madruga tomei um quarto do doce, tupa, foi uma brisa maravilhosa, ri dms, a madrugada toda, enfim foi dhr, dormi e acordei de manha p aproveita a festa, eu comi umas bolacha pela manha, mas nada que sustente, enfim tomei 1;4 dodoce o melancia, blz, umas 40 minutos dps um amigo meu me deu mais uma metade, e eu tomei um relinho de uma bala, iphone x, (gente sei que foi errado que exagerei)mas blz, ate entao de boa, tudo comeco quando eu baforei, depois de uns 15 minutos que eu ja tinha parado de baforar, eu comecei a ver a boca das pessoas verde, de todo mundo, ate entao p min era brisa, so que as coisas comeco a ficar feia dms, tava td mundo derretendo e ao mesmo tempo parecia que na minha visao a velocidade tinha triplicado demais,tava tuddo muito rapido, eu comecei a ficar mole, e desmaiando, meu amigo me levou pro ambulatorio, estava com a pressao 9,6, diz o pessoal que foi por conta da desidratacao, q eu n tinha comida,blz, vim p casa, me recuperei da loucura, suave, so qe ja se passaram 1 mes e meio e eu nao consigo viver em paz, eu tento focar e outras coisa pq meus amigos dizem que isso e psicologico do trauma que eu tive mas nao da, nao posso ir pra nenhum lugar que nao seja minha casa, ou ate mesmo tormar uma cerveja com colegas que tudo volta, meu coracao acelera, as coisas em velocidade rapida volta, minha visao n ta norma, parece que estou tendo visual, e isso me deixa e panico, ai eu me desespero e parece que vou morrer de enfarto, desmaiar, e comeco a entra em panico, vou passar no psicologo daqui dois dias, mas queria saber se ja aconteceu isso com alguem, se isso passa, pq eu nao aguento mais isso, quero ter minha vida de volta ao normal, ja fiz ate promessa pra deus que nunca mais vou usar droga, pq isso e horrive, vc ter uma brisa que voce nao esta buscando e parece que eu vou viver isso pra sempre

  • Sad 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Tem um brother meu que o cara tomou 1 cartela de papel em um mês...
O cara andava de skate de paletó e gravata empurrando um carrinho de mercado gritando na rua.
O cara tomava uma média de 5 papeis por semana, ele nunca mais foi o mesmo em questão mental, ficou anos sem usar quimicos porém voltou recentemente a usar e fica mais fora da casinha do que normalmente.
Tudo isso pelo fato de não ter noção do que uma droga química pode fazer...
O uso químico é algo que deve ser sempre analisado na questão de realizar uma análise de que tipo de droga está usando.
O problema do papel e da bala é que muitas pessoas usam e mal sabem o que estão usando por isso a necessidade do "redução de danos".
Acredito que você vai voltar a se sentir normal mas você precisa dar um tempo primeiramente pra sua cabeça/mente.

Fazer um checkup de exame de sangue e afins é algo muito importante.

Semanalmente ter a orientação de um psicólogo é mais do que necessário na minha opinião.

Tentar deixar de lado toda negatividade e pensamentos ruins e focar no que te leva pra frente sempre.
 

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
3 minutos atrás, zibumafu disse:

Tem um brother meu que o cara tomou 1 cartela de papel em um mês...
O cara andava de skate de paletó e gravata empurrando um carrinho de mercado gritando na rua.
O cara tomava uma média de 5 papeis por semana, ele nunca mais foi o mesmo em questão mental, ficou anos sem usar quimicos porém voltou recentemente a usar e fica mais fora da casinha do que normalmente.
Tudo isso pelo fato de não ter noção do que uma droga química pode fazer...
O uso químico é algo que deve ser sempre analisado na questão de realizar uma análise de que tipo de droga está usando.
O problema do papel e da bala é que muitas pessoas usam e mal sabem o que estão usando por isso a necessidade do "redução de danos".
Acredito que você vai voltar a se sentir normal mas você precisa dar um tempo primeiramente pra sua cabeça/mente.

Fazer um checkup de exame de sangue e afins é algo muito importante.

Semanalmente ter a orientação de um psicólogo é mais do que necessário na minha opinião.

Tentar deixar de lado toda negatividade e pensamentos ruins e focar no que te leva pra frente sempre.
 

ta foda amigo, queria voltar no tempo e nunca ter vivido essa experiencia horrivel que parece que desencadeo alguma coisa, mas vou tentar com os pensamentos positivos

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

obviamente foi pelo lança combinado com desidratação, lsd é uma substância incrível, potencializando os sentimentos; sejam positivos ou negativos.

não julgando, mas pelo seu ambiente para usar ácido, é de duvidar se era lsd mesmo. procure o caps da sua cidade e converse com eles, talvez consiga algum tipo de remédio ou terapia.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cara, ja tomei papel demais na minha vida, e infelizmente tive um surto psicótico, teve época q tomava uns 4 papel por semana ou mais, dropava so inteiro e na minha época nem existia esses lsd fake de hj; Essas drogas não estão com nada!! Tudo ilusão, hj em dia muito raro tomar algo, negocio eh vc dar um tempo para seu organismo, procurar ajuda se ver que esta precisando, se tratar com respeito é fundamental...

Diminui muito a intensidade das drogas nos últimos anos, a 2 anos parei de fumar tabaco, mas to descontando na cannabis toda essa ansiedade que sinto...

Acho que voce deve se privar de varias coisas no momento, e buscar autoconhecimento, buscar atravessar esse período de maneira consciente. Te indico um livro que chama O Milagre da Manhã, se vc conseguir ler ou estudar o conteúdo do livro por meio de videos do youtube ou algo do tipo vc vai ter uma ajuda fundamental para mudar seu estilo de vida. Faça atividades físicas e procure reforçar sua espiritualidade. Atividades físicas + Espiritualidade curam qualquer coisa no sentido emocional.

Da uma pesquisada no livro que te indiquei, tem uma serie de rotina que vai te aliviar e te ajudar a enfrentar esse período difícil que esta passando.

Ja passei por momentos conturbados em relação as drogas, ate hoje cultivando ainda tenho umas bads, pelo proibicionismo e as vezes por achar que estou fumando muito e me prejudicando, to num desafio comigo de fumar apenas 2 por dia, e olha q to de ferias, pensa como ta difícil haha

Fé na vitoria amigo, e larga esses amigos seus um pouco, por muito tempo achava que precisava de droga para curtir, hoje em dia eu fico ate o fim da festa so tomando minha cervejinha e fumando minha ganja, vai da tudo certo paizão, se cuida!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 11 months later...
  • Usuário Growroom
Em 21/07/2019 at 23:24, bianca lopes monteiro disse:

entao pessoal desculpe pelo texto que vou fazer agr mas eu preciso muito de ajuda, nao aguento mais viver assim, nem as coisas do dia a dia consigo fazer mas enfim
eu um fds fui em uma rave, sempre usei doce, bala, md lanca enfim, nunca tinha ficado desse jeito, a 1 mes e meio, aconteceu essa rave, um dia antes eu fui pra uma tabacaria bebi e acordei de ressaca pra ir pra rave, nao conseguia comer por conta da ressaca, (sei que foi errado, deveria ter comido, mas blz) ate entao, fui, cheguei la, na madruga tomei um quarto do doce, tupa, foi uma brisa maravilhosa, ri dms, a madrugada toda, enfim foi dhr, dormi e acordei de manha p aproveita a festa, eu comi umas bolacha pela manha, mas nada que sustente, enfim tomei 1;4 dodoce o melancia, blz, umas 40 minutos dps um amigo meu me deu mais uma metade, e eu tomei um relinho de uma bala, iphone x, (gente sei que foi errado que exagerei)mas blz, ate entao de boa, tudo comeco quando eu baforei, depois de uns 15 minutos que eu ja tinha parado de baforar, eu comecei a ver a boca das pessoas verde, de todo mundo, ate entao p min era brisa, so que as coisas comeco a ficar feia dms, tava td mundo derretendo e ao mesmo tempo parecia que na minha visao a velocidade tinha triplicado demais,tava tuddo muito rapido, eu comecei a ficar mole, e desmaiando, meu amigo me levou pro ambulatorio, estava com a pressao 9,6, diz o pessoal que foi por conta da desidratacao, q eu n tinha comida,blz, vim p casa, me recuperei da loucura, suave, so qe ja se passaram 1 mes e meio e eu nao consigo viver em paz, eu tento focar e outras coisa pq meus amigos dizem que isso e psicologico do trauma que eu tive mas nao da, nao posso ir pra nenhum lugar que nao seja minha casa, ou ate mesmo tormar uma cerveja com colegas que tudo volta, meu coracao acelera, as coisas em velocidade rapida volta, minha visao n ta norma, parece que estou tendo visual, e isso me deixa e panico, ai eu me desespero e parece que vou morrer de enfarto, desmaiar, e comeco a entra em panico, vou passar no psicologo daqui dois dias, mas queria saber se ja aconteceu isso com alguem, se isso passa, pq eu nao aguento mais isso, quero ter minha vida de volta ao normal, ja fiz ate promessa pra deus que nunca mais vou usar droga, pq isso e horrive, vc ter uma brisa que voce nao esta buscando e parece que eu vou viver isso pra sempre

" Melancia " o Doce Whatermelon (topssimo) ug nao lembro super recomendo 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 month later...
  • Usuário Growroom

Oi, aconteceu o mesmo comigo  eu ia todos  os fim de semanas a festas  e so tomava md e ecstasy, ate que um dia dei num papel lsd tmb, ai fui dando noutro fim de semana também,  e dps outra vez, e quando parei de ir a festas, entretanto ja tou a 5 meses em casa,  e minha visão  ta muito turva,  e eu tambem fumo beck, e quando fumo fico muito pior parece que tou  com a viagem  do papel e fico numa viagem muito loca, acho que fritei e tou muito preocupado porque tambem sofro de ansieade, e além disso, sempre que fico sentado ou deitado por um tempo e me levanto, me da umas tonturas horrível  e acontece sempre que  levanto, ja tou farto disso e tudo oque vc disse ta se passando igual comigo e to muito preocupado tmb quero voltar ao normal , preferia ter ficado so pelo Ecstasy,  agora acha que tem tratamento  para voltar tudo ao normal??? Me diga que sim pfv

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cara, isso se chama síndrome de pânico por desencadeamento.

Simplesmente, você sofreu um trauma... Você presenciou o começo de uma brisa torta e logo depois apagou. Isso significa que a única coisa que seu cérebro lembrou do ultimo momento foi de você estar muito fora do controle, o que geralmente causa um pânico, podendo até evoluir para o medo de "morte", pois seu cérebro consciente perdeu o controle.

É altamente recomendável  procurar  um psicólogo para evitar a evolução da síndrome ou coisa assim, porém acredito que seu quadro é leve pois não é um trauma emocional, e sim um trauma de sensação, e você conseguiria reverter apenas com a auto- psicoterapia, que é convencer você mesmo de apenas estar fora do controle, respirar fundo, e tomar o controle de volta. Evite alcool, drogas e maconha no período que estiver em melhora ou em tratamento.

Novamente, uma conversa com um psicólogo não é descartável.

 

Abraços,

#NoísdaMary

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 weeks later...
  • Usuário Growroom

Sindrome do panico é horrivel, tive isso desencadeado pela cannabis em excesso, mas é aquilo, ela foi o gatilho, hj vim aqui no forum e vejo que nessa pandemia a turminha da ansiedade sumiu bem hahahaha

Que bom que sumiram, pelo visto n tem acontecido tanto né, tomara haha

Mas to super bem hj, inclusive fumando um agora, prensado pq to na casa dos meus pais, mas muito mais consciente da minhas escolhas e da minha vida, as vezes o LSD só foi o gatilho, de um transtorno emocional reprimido a tempo. No meu caso foi isso, e agora vejo que tudo que aconteceu veio para melhorar minha qualidade de vida, as pessoas que me amam estão e estiveram comigo todo o tempo. Tive que ficar um bom tempo sem fumar para entender o que estava acontecendo comigo, e ate superar o trauma de fumar foi teeeenso! Mas a vida é essa montanha russa, passei aperto e na epoca so fumava crema, a abstinencia que passei foi sinistra demais, ansiedade da abstinencia de muita crema com sindrome do panico! ooooh fase ruim hahahhaa

Deus na frente rapaziada, o autoconhecimento é a cura, to em tratamento com antidepressivo, doido para fazer o desmame, mas nessa pandemia to tão parado que to seguindo a recomendação de continuar com a dose minima, mas no inicio foi prescrito 4 medicaçōes. Agora acho que ja venci o trauma, a parte psicologica é a mais dificil de tratar parece, pois mesmo medicado o medo existe, e eu nunca tive medo de nada cara, entao foi horrivel, achei que estava enlouquecendo, nao tinha medo de morrer, e sim de pirar. Individual demais esse bagulho. Se cuide fera! Daqui uns dias faço o desmame, esse mes deu 1 ano de tratamento, 1 ano de luta e muita gloria, valeu a pena ter passado por tudo isso, foi um tapa na cara que a vida me deu para que eu pudesse me refazer! E o novo esta chegando!

Quanto ao cultivo um dia eu volto, mas devagar, sem pressa, sem neura. parei na epoca das crises...O conhecimento ta ai, so amadurecer a postura para cuidar melhor de mim!

Vai dar tudo certo parceria! A caminhada vai ser dura, vai ser dificil, parece que nao vai acabar nunca, que essa situacao vai ser eterna! Mas passa e te faz um cara mais forte!! Chegou a hora amigo, de nos olharmos como animais, seres espirituais e nos respeitarmos como tal! Chega de excessos, a planta é veneno e soro, so depende de vc utilizar da maneira correta, e confesso que nao sei utilizar do jeito certo, entao a gente vai freiando a caminhada!

Abraxx Jah Bless!!!!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 8 months later...
  • Usuário Growroom

Olá galera confesso que estou em uma fase muito difícil na minha vida e acabei me vendo nesse cara Shouk, e na moral desejo que isso que aconteceu com ele aconteça comigo um dia começo a caminhada hoje de tentar superar esse grande problema que é o pânico e ver toda essa trajetória dele fez ver que é possível, não sei se um dia verá mas sempre serei grato por proporcionar sua trajetória e ver você escrevendo isso me fez chorar de alegria! Vou ser capaz!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Conteúdo Similar

    • Por GanjerMan421
      Olá galera do Growroom, venho até aqui pedir ajuda pois estou passando por um momento depressivo causado pelo uso da verdinha.
      Eu fui usuário cronico da verdinha por mais ou menos 4 anos, fumo desde os 15 e dos 18 até os 22 eu legalizei tudo por aqui...
      Nos últimos 2 meses eu parei de fumar e tive uma melhora significativa na minha qualidade de vida. Eu voltei a sonhar! Para quem não sabe, fumar muito da verdinha tira o quinto estágio do sono que é o momento em que sonhamos 😕 Mas quando paramos de fumar sonhamos tudo de uma vez em um período de 1 a 2 meses, o que é bem legal pois o sonhos ficam super reais  Sorte que não tenho pesadelos o.o hehe
      Bom agora vou direto ao assunto. Nesse final de semana eu fui dormir na casa do meu primo que fuma muito ainda hoje em dia. Durante o banho de manhã antes de ir embora me deparei com o enorme estoque da verdinha dele no armário, acabei pegando um beck de la pra levar e matar a saudade de fumar um em casa, até ai tudo bem.
      Quando cheguei em casa esperei dar um horário que não haveria ninguém acordado e bolei um baseado gordo, tinha 1,5g mais ou menos ali eu acho. Era tudo que eu tinha pego na casa do meu primo. Fumei mais ou menos metade do beck.
      Agora começa a badtrip. Comecei a sentir paranoia, taquicardia, sede e todos os sentimentos ruins que um corpo desacostumado com a verdinha pode sentir ao usar uma boa quantidade de ganja, mas tudo bem, pois sou macaco velho na parada e sei lidar com esses sentimentos negativos do organismo. hahahahah Até parece, foi logo em seguida que veio a maior bad trip de todos os tempo que eu já senti na minha vida. Eu fui até o netflix assistir algo e me descontrair quando me deparo com o titulo do seriado que eu estava assitindo: Life is to short.
      BUUUM, tive na hora uma epifania de pensamentos, minha taquicardia e minha sede triplicaram na mesma hora e aquilo não saia mais da minha cabeça, tudo a partir era uma paranoia enorme em cima daquele pensamento. 
      Bom a partir daqui é só um relato das brisas bads que eu tive que provavelmente não fazem nenhum sentido e vou deixar em negrito pois talvez não seja necessário a leitura desse monte de doideira para que eu tenha alguma ajuda.
      Já fiz teste de QI em um médico psiquiatra respeitável de verdade e tenho uma pontuação elevada de 131 pontos, imagine tudo que eu fui capaz de raciocinar naquele momento de crise de Pânico.
      Bom eu comecei a imaginar que eu sou uma maquina que processa informações naturais e que isso que me dava a sensação de estar vivo, entrei em um conflito interno sobre teísmo e ateísmo. Comecei a me sentir responsável pela continuação da minha vida. Isso me deixou uma ferida onde tudo que eu pensava a partir dali vinha esse sentimento na minha mente. O engraçado é que eu sei que nada é capaz de sobreviver para sempre, no final você acaba voltando para o o todo e se tornando parde dele seguindo o ciclo da vida.
      Tentar fugir disso seria uma teoria luciferiana onde algo foge da naturalidade e tenta se tornar o próprio Deus, portador da própria luz... Mas querendo ou não isso nunca seria possível para sempre. Isso seria impossível mesmo que através de transcendência da mente, seria uma luta constante de porém finita contra a naturalidade. 
      O barulho da chuva parecia ser o cosmos me pressionando e me aniquilando aos poucos o.o
      Logo em seguida lembrei que não é preciso criador para a existência da complexidade.
      " Sem Deus, o universo não é explicável satisfatoriamente. " -Albert Einstein
      Todos esses pensamentos me deixaram uma enorme ferida e eu tive muita dificuldade para dormir, até que finalmente após ler tudo que eu pude de textos aleatórios na internet eu acabei caindo no sono.
      Hoje já é o terceiro dia desde então e eu continuo sentindo um pouco da dor daquela ferida causada.
      Alguém já passou por algo parecido? Como eu posso lidar com essa angustia causada por quela brisa? Vai cicatrizar essa ferida? o.o
       .
    • Por babydarling
      Eu fumava maconha desde os 16 e atualmente tenho 22, mas não era usuária, fumava de vez em quando e um pouco apenas para ficar alegre ou leve.
      Eu tinha experimentado papel uma vez, mas não me causou nada demais e tinha vontade de experimentar novamente, no começo desse ano, o momento chegou e resolvi dropar um papel, só que eu dropei uma quantidade muito grande, segundo a minha amiga. Na hora só estava eu e meu namorado no quarto e o que eu senti, nunca aconteceu antes: a famosa “bad trip”. No começo era como se tudo que eu tivesse vivido fosse uma mentira, depois eu literalmente senti que morri e tava no meu pós vida, eu não conseguia falar nada, as coisas ficavam em loop, depois em câmara lenta, teve uma hora que senti que se abrisse a porta do meu quarto seria a porta para entrar no inferno, enfim realmente eu nunca tinha sentido nada igual então me deixei levar pela bad, acho que nesse dia fui até a última camada da minha mente, foi horrível, mas por estar com meu namorado e minha amiga depois chegou para ajudar, então consegui sair da bad. Beleza, vida que segue. Falei que nunca mais iria usar papel.
      Depois de um mês, fumei um baseado, mas foi bem pouco mesmo e “pá” entrei na bad trip de novo, dessa vez foi menos intensa, apesar de eu estar em um ambiente onde eu só conhecia minha amiga, eu já tinha noção que tudo que acontecia era coisa da minha cabeça e ao invés de ficar trancada dentro da casa que me causava um pouco de pânico, a gente saia para eu espairecer o que me ajudava a ficar “sã”. Enfim, na primeira vez que aconteceu isso, eu superei, era como se nada tivesse acontecido, mas na segunda bad apesar de ter sido mais “tranquila”, eu não consigo “superar” vez ou outra fico pensando nisso, e isso foi em fevereiro, eu tento desviar meu pensamento quando acontece mas sempre vem as lembranças. Inclusive teve um dia que eu não tinha fumado, nem bebido nada, e simplesmente eu senti como se estivesse entrando na bad. Foi muito do nada, acho que durou uns 3 minutos, fiquei dizendo a mim mesma que era coisa da minha cabeça, que tava tudo normal, mas parecia muuuito um começo de bad trip. Foi muito estranho, porque realmente era um dia comum e eu não tinha usado nada, isso que vem me assustado... Talvez, por pensar demais está me causando algum tipo de transtorno/trauma...  Minha bad vem muuuito visual e sonora, então por mais que eu tente me concentrar tá tudo distorcido, voz, pessoas, olhares, etc então, por mais que eu tente manter a calma é difícil porque tudo ao meu redor tá distorcido.
      Resolvi então ler sobre os sintomas pós-bad trip, encontrei esse site e resolvi contar minha experiência para vocês. 
    • Por Azul_Piscina
      Oi galera então, eu fumei tipo 4 vezes na vida, experimentei no final do ano passado e até que não tenho bad quando tô chapada, mas quando vai passando o efeito eu fico muito triste e com umas paranóias e também não consigo me conectar com as outras pessoas nem nada que a galera fala de viajar em uma conversa, fico extremamente sensível, tipo coisas que eu não ligaria me deixaram triste, alguém aí já sentiu isso? 
      valeu gntt
       
       
       
       
    • Por lrs1327
      Galera, vou tentar ser rápida, ontem eu fumei um beck e depois de uns 10 min comecei a ter umas brisa estranha, eu ficava meio lenta por uns 3 segundos, depois voltava ao normal e ia acontecendo isso em loop, eu tentava voltar ao normal, tipo encostando nas coisas pra ver se estava tudo bem, mas meu corpo não me obedecia direito, minha boca ficava dormente, não conseguia sentir as batidas do meu coração, mesmo sabendo que estavam muito rápidas. Fiquei desesperada, pensei que ia morrer, tentei ficar calma, mas eu só queria que aquilo parasse e que eu voltasse ao normal, pesquisei várias coisas na internet pra saber se eu ia ficar com isso pra sempre, vi várias pessoas falando sobre bad trip, então presumi que seria isso, bebi bastante água, deitei e tentei dormir pra ver se hoje isso passava, demorei um pouco pra dormir, mas consegui. Hoje eu acordei um pouco melhor, mas ainda sinto minha boca dormente, meu coração um pouco acelerado e minhas mãos tremendo um pouco, mas nada pior do que ontem, estou querendo avisar minha mãe pra ela me levar no hospital e la talvez eles saberem o que fazer, mas antes quero saber de alguém se isso vai passar e se é normal ficar assim por 12h ou mais, por favor me ajudem, estou com medo de desenvolver esquizofrenia pelo o que eu vi as pessoas falando.
    • Por fielpcp
      Boa tarde galera, fumo há 8 anos e nesses ultimos anos quase sempre que fumo um tenho uma leve crise de panico e paranoia, mas o que corta esses sintomas é quando eu faço sexo ou quando me masturbo. Queria saber se alguem tem esse tipo de comportamento?
      E para quem tem sintomas de ansiedade ,crise de panico apos fumar um e nao quiser ficar na bad trip, tentem fazer isso ver se resolve porque pra mim isso é uma das melhores sensações quando ta na trip, esse combo thc e sexo <3.
×
×
  • Criar Novo...