• Conteúdo Similar

    • Por Superhighman
      Salve galera, boa noite! 
      To abrindo esse tópico pq queria umas dicas, críticas e sugestões direcionadas ao meu cultivo. Essa vai ser minha primeira experiência, e apesar de toooooda leitura e estudo, sempre restam umas dúvidas e algumas inseguranças. 
      Vamos lá...
      Vou plantar uma automática da Trikoma seeds, chama Al Tiro, vou usar 2 vasos de 12 litros e um painel de led 400w. Até aí tudo OK, as minha maiores dúvidas são sobre o solo.
      Tenho aqui 40 litros de um substrato pronto feito de pó e fibra de coco, pó de pinus, casca de arroz torrada, termofosfato natural e micronutrientes, 4kg de húmus de minhoca, torta de mamona, farinha de ossos, vermiculita e calcário dolomitico.  
      Enchi os vasos com a maior parte do substrato de coco pronto e adicionei pouco menos de 2kg de humus em cada vaso, uns 600ml de torta de mamona, umas 4 colheres de farinha de osso, uns 600ml de vermiculita e 2 ou 3 colheres de calcário, juntei muitas informações q li aqui e fui fazendo no "olhometro" kkk
      Não pretendo adicinar nada além disso, fert to pensando em usar só Flowermind.
      Na parte mais de cima do vaso coloquei so o substrato com a vermiculita pra não queimar a planta quando for muito novinha. 
      Tá certo ? Falta algo ? Exagerei ? 
      Tava pensando em adicionar perlita, mas conversei com um pessoal e disseram q não é necessário.
      Se por favor alguém puder me ajudar, vou ficar muito agradecido ! 
      Os vasos ja estão prontos, dei uma rega hoje e to esperando as seeds chegarem.
      Valeu galera.
    • Por Citral Mystik
      De boa moçada... minha dúvida é sobre tipos de turfa. Montei meu substrato com 45% turfa, 45% perlita e 10% hunos de minhoca. Não estou gostando dos resultados, em comparação com os antigos substratos orgânicos que sempre usei. Estou fertilizado com flowermind 3x por semana usando o limite máximo recomendado. No meu diário de uma Dinamed CBD fui alertado por um irmão do GR sobre a cor do meu substrato, muito escuro, e perguntou se eu estava usando turfa negra. Como é a primeira vez que uso substrato semi inerte com turfa comprei só como turfa na loja e creio que comprei a turfa negra e não a clara que dizem ser de spahgnum. Apesar que li em um fórum gringo e dizem que todas são sphagnum, só muda a espécie e ambiente de formação.
      Essa é uma foto do vaso:

      Fui pesquisar num site aqui do Brasil mesmo e encontrei isso:
      Que é a turfa?
      Turfa, uma das palavras mais usadas em jardinagem, é um material orgânico constituído por elementos procedentes da decomposição de vegetais.
      Este material é de cor castanha (escura ou clara, dependendo do tipo) e é muito rico em carvão. A sua natureza depende das condições ambientais presentes na sua formação.
      Usa-se principalmente em jardinagem formando parte do substrato. Relacionado com isto, as suas características principais são as seguintes:
      Porosidade: a turfa tem uma alta porosidade que permite a circulação do ar e a correta drenagem da água por parte das raízes da planta. Este material é ideal para as espécies que não toleram alagamentos. Permutador catiónico: o seu pH é variável e costuma-se encontrar entre 3 e 4 quando se trata da turfa loira e entre 7 e 8 quando é turfa negra (já vamos falar dos tipos de turfa mais à frente). Retenção da água: é um elemento capaz de conseguir a retenção da humidade, por isso usa-se em conjunto com outros compostos (perlite) para evitar os excessos e os temidos encharcamentos ou alagamentos. Nutrientes: tem poucos nutrientes, daí que seja muito habitual adubar com frequência para suprir a falta destas substâncias. Como se forma a turfa?
      A turfa é um material formado por espécies vegetais decompostas. A formação desta “substância” é o primeiro passo pelo que a vegetação se transforma em carvão mineral (tal como mencionado antes, a turfa é muito rica em carvão).
      Trata-se de um processo lento.
      Nas bacias em que se forma (terra turfosa) e na parte mais superficial destas, é onde os resíduos vegetais, através da decomposição anaeróbica, lenhina e celulose, se transformam em turfa.
      De acordo com o grau de decomposição e a zona, a turfa é de um tipo ou de outro.
      Tipos de turfa
      Como mencionado anteriormente, existem dois tipos de turfa, diferenciadas entre si pelas suas particularidades:
      Turfa loira
      Também chamada turfa alta, é a que se desenvolve nas regiões com climas suaves, onde as precipitações são abundantes, as temperaturas são suaves e nas que a radiação solar escasseia.
      Nestes lugares desenvolvem-se espécies pouco exigentes, difíceis de decompor pelo que a estrutura principal da vegetação que forma a turfa fica praticamente inalterada.
      Como consequência, a terra é pobre e o pH é baixo.
      Turfa negra
      A turfa negra, denominada assim pela cor escura que tem a vegetação que se decompôs quase por completo, desenvolve-se em zonas baixas, ricas em bases.
      Ao contrário da anterior, o seu pH é alto e é a mais adequada para cultivar praticamente todo o tipo de plantas. Pode-se dizer que é quase um “substrato universal”.
      Lido isso vêm as dúvidas, se minha turfa é essa turfa negra que tem Ph mais alto eu precisaria corrigir? Alguém  já usou essa turfa negra e teve bons resultados? Será que se eu fizer uma cobertura com mais húmos de minhoca e farinha de osso melhoraria? 
      É isso galera, valeu pelo espaço.
    • Por Hortus xxxxxxxx
      Salve Família do GrowRoom
      Passando aqui pra divulgar os serviços da Hortus xxxxxxxx, a primeira GrowShop do Nordeste Brasileiro.
      Entregamos em todo Brasil em especial para região nordeste, onde nosso frete é imbatível.
      Se vc está em Salvador, a entrega é grátis nas compras acima de R$ 199 e vc pode pedir pelo site www.hortuscultivourbano.com.br ou pelo WhatsApp (71) 99620-6288


  • Tópicos

  • Posts

    • Vou acompanhar.   Pooow isso pra mim é sinónimo de seed paia,que tipo de semente nao vinga no sol?ja vi planta ficar amarela mas de amarelo ficar verde....me desculpe a ignorância, mas digo que as seeds que estão pra chegar do seedsman msm,nao vao queimar no sol nao.... Nao tenho cultivo indoor não sem condições. Se tivesem dito que era apenas pra cultivo interior eu entenderia. Pra mim detam blueberry tb.. Acho que geral é ate a embalagem vem disendo que é um "presente"   Eu sou adepto do gaiola bunita nao da comer a canário mas desconfio de sementes esbranquiçadas,a qui essas ficaram amarelas quando brotaram ainda pra esverdiar com o tempo... (40 por seed e 40 de frete ta quase com 40%de desconto)   Acho que se quiser coisa boa terei que esperar mais 1 mês msm.
    • meu medo é justante esse, o sol matar uma coisa rara que veio lá nepal kkkkk
    • Em relação ao vendedor Pantera seeds, as informações sobre as  sementes é um adesivo colado na embalagem  bem amadora , parece que todos envelopes já ficam prontos com antecedência, ai o "EMISSáRIO" só cola o adesivo com dados da strain dependendo do pedido do cliente. quanto a aparência das seeds, se soubesse que seeds tão branquelas germinavam, não teria jogado as preensedes branquelas fora durante 10 anos! não estou desfazendo do trabalho alheio, mas pelo custo( 40 reais por semente +40 de frete Pac) deveriam ser sementes com padrão europeu de buniteza. Vou torcer pra cumprir aquela palavra, "dos fracos nascem os Fortes" e esperar uma linda planta cheia de aromas com onda "manera" se esse troço germinar né kkkkkkk😄😄