Recommended Posts

Fala galera, blz?

sou novo aqui no forum e cadastrei pq preciso de informações. Em maio de 2018, eu e mais dois amigos tinhamos acabado de sair da faculdade e fomos pegos fumando maconha no carro, a gnt tinha acabado de fumar o beck e a policia chegou. Mandaram sair do carro, aquele enquadro padrao, perguntaram se tinha mais e disseram q nao tinha (eu nao sabia q tinha mais), ai acharam no porta luvas do carro dois potes, q ao todo continham no máximo 4-5 g de maconha dichavada. Fomos conduzidos ao batalhao onde foi feito o bo e nele constava tráfico de drogas, embora no historico estava claro q a gnt tava consumindo a droga. Apreenderam nossos celulares, dois dichavadores e sedas e 95 reais, 80 sacados por um amigo meu horas antes e 15 de outro.(puta erro de principiante, erro de vacilão msm estar com essas coisas). Aí fomos conduzidos à civil onde passamos a noite na cadeia. Dps fomos liberados e assinamos um papel de compromisso pra prestar esclarecimentos ao forum e fomos liberados. Depois fomos à civil prestar depoimento para liberar o carro q tinha ido ao patio e pegar os celulares. Um dos amigos assumiu o bo dizendo q a droga era toda dele e foi feito um tco. Um dos policiais civis, ao conduzir a gnt para o escrivao, falou q era pra dizer q estavamos tentando pegar o celular e q era um artigo 28. Eu to mto preocupado pq os pm disseram q so o fato de estarmos em 3 ja significa trafico (consta no bo art 33 paragrafo 3). Carro foi liberado e os celulares também. Queria saber o q pode acontecer com a gnt e como seria essa audiencia. Conversei com advogados e eles disseram q preso nao vamos ser pq se tivesse a menor duvida do trafico, nem liberado seriamos e estariamos aguardando a audiencia na cadeia em vez de solto. Mas ainda estou preocupado, pq nunca imaginei nem passei por situação semelhante, so fumava pra poder desenhar e curtir musica. Se alguem souber responder ou ja tenha passado por situação parecida, pf me da uma luz aí e me explica q q pode acontecer. vlww demais

Detalhe: nenhum de nós possuimos antecedentes criminais, todo mundo primário

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

amigo.. vai atrás de um advogado... coisa que ja deveria ter feito antes de assinar um b.o por 5 gramas de maconha em 3 cabeças

  • Like 1
  • Thanks 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 07/07/2018 at 01:42, Rick R disse:

Fala galera, blz?

sou novo aqui no forum e cadastrei pq preciso de informações. Em maio de 2018, eu e mais dois amigos tinhamos acabado de sair da faculdade e fomos pegos fumando maconha no carro, a gnt tinha acabado de fumar o beck e a policia chegou. Mandaram sair do carro, aquele enquadro padrao, perguntaram se tinha mais e disseram q nao tinha (eu nao sabia q tinha mais), ai acharam no porta luvas do carro dois potes, q ao todo continham no máximo 4-5 g de maconha dichavada. Fomos conduzidos ao batalhao onde foi feito o bo e nele constava tráfico de drogas, embora no historico estava claro q a gnt tava consumindo a droga. Apreenderam nossos celulares, dois dichavadores e sedas e 95 reais, 80 sacados por um amigo meu horas antes e 15 de outro.(puta erro de principiante, erro de vacilão msm estar com essas coisas). Aí fomos conduzidos à civil onde passamos a noite na cadeia. Dps fomos liberados e assinamos um papel de compromisso pra prestar esclarecimentos ao forum e fomos liberados. Depois fomos à civil prestar depoimento para liberar o carro q tinha ido ao patio e pegar os celulares. Um dos amigos assumiu o bo dizendo q a droga era toda dele e foi feito um tco. Um dos policiais civis, ao conduzir a gnt para o escrivao, falou q era pra dizer q estavamos tentando pegar o celular e q era um artigo 28. Eu to mto preocupado pq os pm disseram q so o fato de estarmos em 3 ja significa trafico (consta no bo art 33 paragrafo 3). Carro foi liberado e os celulares também. Queria saber o q pode acontecer com a gnt e como seria essa audiencia. Conversei com advogados e eles disseram q preso nao vamos ser pq se tivesse a menor duvida do trafico, nem liberado seriamos e estariamos aguardando a audiencia na cadeia em vez de solto. Mas ainda estou preocupado, pq nunca imaginei nem passei por situação semelhante, so fumava pra poder desenhar e curtir musica. Se alguem souber responder ou ja tenha passado por situação parecida, pf me da uma luz aí e me explica q q pode acontecer. vlww demais

Detalhe: nenhum de nós possuimos antecedentes criminais, todo mundo primário

Você não deveria ter assinado o B.o por 5g como disse o João, mas agora que assinou corre atrás junto com seu advogado para mostrar que você é usuário e não acontecer nada pior, normalmente não acontece nada demais. Ah eu tava pensando aqui mas não sei se influencia o caso se você poder ter plantar dentro de casa e acabar se complicando de vez 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 07/07/2018 at 01:42, Rick R disse:

Fala galera, blz?

sou novo aqui no forum e cadastrei pq preciso de informações. Em maio de 2018, eu e mais dois amigos tinhamos acabado de sair da faculdade e fomos pegos fumando maconha no carro, a gnt tinha acabado de fumar o beck e a policia chegou. Mandaram sair do carro, aquele enquadro padrao, perguntaram se tinha mais e disseram q nao tinha (eu nao sabia q tinha mais), ai acharam no porta luvas do carro dois potes, q ao todo continham no máximo 4-5 g de maconha dichavada. Fomos conduzidos ao batalhao onde foi feito o bo e nele constava tráfico de drogas, embora no historico estava claro q a gnt tava consumindo a droga. Apreenderam nossos celulares, dois dichavadores e sedas e 95 reais, 80 sacados por um amigo meu horas antes e 15 de outro.(puta erro de principiante, erro de vacilão msm estar com essas coisas). Aí fomos conduzidos à civil onde passamos a noite na cadeia. Dps fomos liberados e assinamos um papel de compromisso pra prestar esclarecimentos ao forum e fomos liberados. Depois fomos à civil prestar depoimento para liberar o carro q tinha ido ao patio e pegar os celulares. Um dos amigos assumiu o bo dizendo q a droga era toda dele e foi feito um tco. Um dos policiais civis, ao conduzir a gnt para o escrivao, falou q era pra dizer q estavamos tentando pegar o celular e q era um artigo 28. Eu to mto preocupado pq os pm disseram q so o fato de estarmos em 3 ja significa trafico (consta no bo art 33 paragrafo 3). Carro foi liberado e os celulares também. Queria saber o q pode acontecer com a gnt e como seria essa audiencia. Conversei com advogados e eles disseram q preso nao vamos ser pq se tivesse a menor duvida do trafico, nem liberado seriamos e estariamos aguardando a audiencia na cadeia em vez de solto. Mas ainda estou preocupado, pq nunca imaginei nem passei por situação semelhante, so fumava pra poder desenhar e curtir musica. Se alguem souber responder ou ja tenha passado por situação parecida, pf me da uma luz aí e me explica q q pode acontecer. vlww demais

Detalhe: nenhum de nós possuimos antecedentes criminais, todo mundo primário

Caro amigo, boa noite.

5 gramas de maconha e tráfico de drogas? Desculpa a franqueza, mas é cidade pequena? Digo porque é muito estranho, ao menos aqui na cidade, ver pessoas assinando TCO pelo artigo 33 (tráfico) por somente 5 gramas. O fato de você estar com uma ou mais pessoas, com ou sem dinheiro, nada tem em relação à sua conduta. Se você é usuário, é usuário e ponto. Não é ilegal andar com dinheiro na carteira, muito menos andar na companhia de amigos. 
Procure um advogado na sua cidade que seja criminalista e analise o caso novamente. Provável que vão mudar para o artigo 28 (usuário) e a pessoa que assumiu a bronca vai ser intimado para uma audiência com o juiz (onde será proposta transação penal para o usuário - se chegar à este ponto, por diversas vezes quando a quantidade é muito pouca, o inquérito fica "esquecido" na delegacia e a intimação para audiência nunca chega), e os demais provavelmente só vão para prestar esclarecimentos.  

Qualquer dúvida manda mensagem Privado ou e-mail para [email protected] 

Abraços

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
19 horas atrás, ElCigano disse:

Você não deveria ter assinado o B.o por 5g como disse o João, mas agora que assinou corre atrás junto com seu advogado para mostrar que você é usuário e não acontecer nada pior, normalmente não acontece nada demais. Ah eu tava pensando aqui mas não sei se influencia o caso se você poder ter plantar dentro de casa e acabar se complicando de vez 

Eu nem sei se assinei bo, o q eu assinei foi o papel de esclarecimentos, estava na cadeia e nao sabia q tinha a opção de nao assinar... putz. Tenho nada em casa, msm assim brigadao amigo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
27 minutos atrás, Rick R disse:

Eu nem sei se assinei bo, o q eu assinei foi o papel de esclarecimentos, estava na cadeia e nao sabia q tinha a opção de nao assinar... putz. Tenho nada em casa, msm assim brigadao amigo

Você falou em TCO e artigo 28. TCO é um termo circunstanciado de ocorrência, cuja definição da Wikipédia é a seguinte:

Citar

 

Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) é um registro de um fato tipificado como infração de menor potencial ofensivo, ou seja, os crimes de menor relevância, que tenham a pena máxima cominada em até 02 (dois) anos de cerceamento de liberdade ou multa.

 

Ou seja, é um registro de que você se envolveu em alguma merda, mas não muito séria. Assinar um TCO costuma render no máximo uma audiência no fórum onde você vai levar um sermão e talvez ser condenado a prestar serviços comunitários ou doar cestas básicas para instituições de caridade. Isso se, como o colega falou mais acima, a delegacia simplesmente não deixar pra lá porque sabe que 5 g em 3 pessoas é lambari minúsculo perto do que de fato tem que ser policiado. Entre casos assassinato, assalto a mão armada e tráfico de verdade, é bem possível que a Polícia Civil nem dê atenção e ainda ache ruim que os PMs querem mostrar serviço e se impor pra cima de gente inocente pra alimentar o ego.

Um TCO deixa como se fosse um ponto negativo no seu histórico, que é retirado após 5 anos. Se você se envolver em outra treta nesse período, caracteriza reincidência e piora o contexto sob o qual você é analisado. O mais importante é que ele não deixa você fichado, ou seja, não vai aparecer que você um dia foi pego com uma paranga se um futuro empregador puxar seus antecedentes.

(Não sou jurista, todas essas informações são baseadas na minha própria experiência por conta de uma treta com um porteiro do prédio suficientes anos atrás. Não tenho orgulho, mas aconteceu; fique livre pra me julgar quem quiser.)

O artigo 28 é da Lei de Tóxicos, 11343/06. Ele diz o seguinte:

Citar

 

Art. 28. Quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar será submetido às seguintes penas:

I - advertência sobre os efeitos das drogas;

II - prestação de serviços à comunidade;

III - medida educativa de comparecimento a programa ou curso educativo.

§ 1° Às mesmas medidas submete-se quem, para seu consumo pessoal, semeia, cultiva ou colhe plantas destinadas à preparação de pequena quantidade de substância ou produto capaz de causar dependência física ou psíquica.

§ 2° Para determinar se a droga destinava-se a consumo pessoal, o juiz atenderá à natureza e à quantidade da substância apreendida, ao local e às condições em que se desenvolveu a ação, às circunstâncias sociais e pessoais, bem como à conduta e aos antecedentes do agente.

§ 3° As penas previstas nos incisos II e III do caput deste artigo serão aplicadas pelo prazo máximo de 5 (cinco) meses.

 

Há outros quatro parágrafos nesse artigo, mas esses são os relevantes nesse caso. O parágrafo 2° é onde a porca torce o rabo porque deixa na mão do juiz decidir o seu destino, sem nenhum parâmetro objetivo. Se for uma pessoa de bom senso, vai ver que você estuda, talvez trabalha, estava com uma quantidade mínima de droga leve, não resistiu à prisão ou deu fuga, não tem passagens anteriores, não estava em situação suspeita, não estava armado, etc., vai bancar o professor do South Park e dizer "drugs are bad, mkay?" e te liberar com um puxão de orelha, talvez indicando alguma pena comunitária só pelo valor didático da coisa -- e até talvez pra dar uma forcinha pra algum orfanato local. Já se for um juiz reaça daqueles que acham que maconheiro é tudo vagabundo safado sem-vergonha, ele pode querer complicar a sua vida, mas acho pouco provável. Mesmo porque não há como complicar muito já que o artigo 28 é específico para usuários, então ele não pode te enquadrar como traficante mesmo que queira. O seu amigo que assumiu a bomba é quem correria risco de acabar sendo levado pra fazer amizade com assassinos, ladrões e estupradores, mas, de novo, as circunstâncias da ocorrência não contribuem pra isso.

Em última análise, o conselho de todos é o que vale: procure um advogado criminalista e vá à audiência com ele por via das dúvidas. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, King of the bongo disse:

Você falou em TCO e artigo 28. TCO é um termo circunstanciado de ocorrência, cuja definição da Wikipédia é a seguinte:

Ou seja, é um registro de que você se envolveu em alguma merda, mas não muito séria. Assinar um TCO costuma render no máximo uma audiência no fórum onde você vai levar um sermão e talvez ser condenado a prestar serviços comunitários ou doar cestas básicas para instituições de caridade. Isso se, como o colega falou mais acima, a delegacia simplesmente não deixar pra lá porque sabe que 5 g em 3 pessoas é lambari minúsculo perto do que de fato tem que ser policiado. Entre casos assassinato, assalto a mão armada e tráfico de verdade, é bem possível que a Polícia Civil nem dê atenção e ainda ache ruim que os PMs querem mostrar serviço e se impor pra cima de gente inocente pra alimentar o ego.

Um TCO deixa como se fosse um ponto negativo no seu histórico, que é retirado após 5 anos. Se você se envolver em outra treta nesse período, caracteriza reincidência e piora o contexto sob o qual você é analisado. O mais importante é que ele não deixa você fichado, ou seja, não vai aparecer que você um dia foi pego com uma paranga se um futuro empregador puxar seus antecedentes.

(Não sou jurista, todas essas informações são baseadas na minha própria experiência por conta de uma treta com um porteiro do prédio suficientes anos atrás. Não tenho orgulho, mas aconteceu; fique livre pra me julgar quem quiser.)

O artigo 28 é da Lei de Tóxicos, 11343/06. Ele diz o seguinte:

Há outros quatro parágrafos nesse artigo, mas esses são os relevantes nesse caso. O parágrafo 2° é onde a porca torce o rabo porque deixa na mão do juiz decidir o seu destino, sem nenhum parâmetro objetivo. Se for uma pessoa de bom senso, vai ver que você estuda, talvez trabalha, estava com uma quantidade mínima de droga leve, não resistiu à prisão ou deu fuga, não tem passagens anteriores, não estava em situação suspeita, não estava armado, etc., vai bancar o professor do South Park e dizer "drugs are bad, mkay?" e te liberar com um puxão de orelha, talvez indicando alguma pena comunitária só pelo valor didático da coisa -- e até talvez pra dar uma forcinha pra algum orfanato local. Já se for um juiz reaça daqueles que acham que maconheiro é tudo vagabundo safado sem-vergonha, ele pode querer complicar a sua vida, mas acho pouco provável. Mesmo porque não há como complicar muito já que o artigo 28 é específico para usuários, então ele não pode te enquadrar como traficante mesmo que queira. O seu amigo que assumiu a bomba é quem correria risco de acabar sendo levado pra fazer amizade com assassinos, ladrões e estupradores, mas, de novo, as circunstâncias da ocorrência não contribuem pra isso.

Em última análise, o conselho de todos é o que vale: procure um advogado criminalista e vá à audiência com ele por via das dúvidas. 

Valeu demais amigo. Sobre o que aconteceu é q no bo esta escrito art 33 paragrafo 3, q diz:  Oferecer droga, eventualmente e sem objetivo de lucro, a pessoa de seu relacionamento, para juntos a consumirem, (daí justificando o trafico, pois estavamos fumando em 3) Aqui em MG, principalmente em cidade menor os policiais sao casca grossa, qualquer coisa tao querendo te levar por trafico, conheço um cara q rodou porque tinha 3 baseados bolados e os pm falaram q era pra vender e nao sei o q, foi liberado pela civil. Quando fomos à delegacia um civil la, ao ler nosso bo simplesmente falou: PQP essa pm dessa cidade escreve cada merda. Ele achou absurdo estarmos com o 33 sendo q ninguem tinha sido preso de fato. To torcendo para q a civil mude o ocorrido e coloque no 28 (se é q isso é possivel). Tentamos ir la pra pegar os celulares varias vezes e smp davamos azar, pois ou o aparelho nao tava la, ou o escrivao nao estava disponivel. Mas todas as vezes q iamos o mesmo policial citado acima, falava pra frizar bem que era um 28. Cara eu to puto num tanto q ninguem tem noção, nao somos bandidos, nao aparentamos ser, explicamos tudo pros policiais e ainda deram um tapao no meu amigo e nos enquadraram como trafico. Isso é absurdo cara, mentalidade de seculo 19 nessa merda, por causa de 5 g de maconha. A gnt tinha acabado de fumar o beck e jogado a piteira fora, cerca de 3 min dps os pm chegaram, ajudamos a acha o cigarro, onde so tinha a piteira msm, nada de maconha, mas os homi da lei colocaram no bo q a gnt tinha jogado fora qnd a policia chegou. Vai entender pq tem tanta birra com maconheiro. Logo ao lado de onde estavamos tinha um bar proximo da facul lotado de bebado fazendo as maiores asneiras, mas vao la né, vamo enquadrar qm so ta fumando ouvindo msc num carro. Paizinho de merda. Desabafei aqui mas valeu camarada, vou ir atras de advogados e ver q q posso fazer para aliviar minha situação. Mesmo q pegue o tal do 33 paragrafo 3, preso nao vou ser, pq sou primario e tenho bons antecedentes, logo a conversao de penas q restrinjam direitos nao se aplica. Ah e uma observação aqui só pra indignar, enquanto faziam o bo no batalhao, os cana tavam vendo porno da mia khalifa... Resultado? um bo cheio de erros onde ate a placa do carro foi colocada errada, o q mudou tudo, deu outro carro la de placa de sp, e os cara nao perceberam isso pq tavam ocupados demais ''limpando as ruas''. brincadeira viu

Como um amigo assumiu o bo, to com medo dele enquadrar no 33 por um motivo tao bobo, mas acho q eu e o outro vamos enquadrar no 28, seria algo como cliente fumando com traficante. Absurdo velho, nó, qualquer cenario é ridiculo, tem como nao

 

  • Sad 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Rick R disse:

Aqui em MG, principalmente em cidade menor os policiais sao casca grossa, qualquer coisa tao querendo te levar por trafico

Isso é absurdo cara, mentalidade de seculo 19 nessa merda, por causa de 5 g de maconha.

Vai entender pq tem tanta birra com maconheiro.

Dá poder pra gente de cabeça pequena, é isso que acontece. Ainda mais PMs que se acham soldados, são educados com mentalidade literalmente militarista de fazer guerra e trucidar o "inimigo" em vez de buscar o entendimento, cagando pras liberdades individuais desde que eles possam se mostras os fodões e humilhar gente de bem, provavelmente descontando suas frustrações nos outros na base da porrada.

Eu tive um professor de português no cursinho , origem humilde e coração enorme, e ele contou que tinha entrado pra PM de SP quando era novo, chegou a integrar a tropa de choque na capital. Ele disse que pulou fora quando percebeu que todo o treinamento que eles tinham era centrado em baixar porrada e nunca em negociar, segurar a onda, manter a calma, usar a cabeça em vez de o braço, e que um dia começou a sentir umas tremedeiras, uma batedeira no peito com vontade de explodir em ódio, logo ele que sempre tinha sido tão de boa. O ódio contamina, mano e tem muita gente de bem que acaba virando monstro quando coloca uma farda.

A PM tem muito resquício da ditadura, muitos dos atuais comandantes foram formados naquela época e entendem que estão em guerra com subversivos e que precisam fazer faxina social como acusadores e juízes, como se fazia lá atrás. Não concordava com o estado -- ou melhor, o estado não concordava com você --, era só te levar pra "averiguação", encher de porrada e deixar mofar umas semanas na masmorra, isso se você não fosse suicidado pra ficar calado pra sempre.

Minha dor é perceber que, apesar de termos feito tudo o que fizemos, ainda tem gente que quer que essa corja virulenta volte ao poder -- ainda que por via democrática, com candidato que se coloca como salvador e defende que a solução pra tudo é baixar o cacete -- pra novamente implantar o reino do terror, desrespeitar direitos humanos, coibir o direito à defesa legal e desaparecer com opositores. 

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

olá amigo, a maior parte da esfera de fiscalização são uns parasitas, Quando não espancam eles estorquem, roubam. Sem falar nos advogados de cadeia que faturam muito pra dividir com delegados e juízes. Eles, sem saber, defendem os interesses da industria farmaceutica e de bebidas alcoólicas.

Nos EUA, a droga que mais mata com overdose são os remédios... No mundo, a maior causa de morte é.... adivinha.... acidentes automobilisticos... mais mesmo que doenças e guerras.... adivinha... maior parte desses acidentes está associado a bebidas alcoólicas :( ... Então estamos lutando contra uma industria forte e poderosa... ou seja, industria milionaria forte molhando a mão de "Teoris" para engavetar processos de legalização contra um monte de vagabundos fazendo marcha de maconha... isso na visão deles.

Falta a sociedade civil se organizar e nessas associações prestar até mesmo serviço jurídico gratuito para esses tipos de casos. Até lã vamos nos sentindo como marginais e vc ainda teve sorte, não foi espancado nem tomou uns tapas na cara. de acordo com seu relato!

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 horas atrás, Cannabis Medicinal disse:

Sem falar nos advogados de cadeia que faturam muito pra dividir com delegados e juízes. Eles, sem saber, defendem os interesses da industria farmaceutica e de bebidas alcoólicas.

Falta a sociedade civil se organizar e nessas associações prestar até mesmo serviço jurídico gratuito para esses tipos de casos.

Desculpe a franqueza, mas não fale daquilo que você desconhece. 

A classe de advogados, em sua esmagadora maioria, é sim contra a Legalização das Drogas. Porém, o mais engraçado disso tudo, é que são justamente os Criminalistas (que muitos confundem com os "portas de cadeia") que normalmente defendem a legalização. Não só pela área de atuação (temos vivência no sistema de justiça criminal e estamos cansados de ver essa guerra inútil e que ceifa a vida de milhares), mas quem é criminalista mesmo tem tendência a ser mais Garantista e Libertário, o que os demais colegas de profissão não são - talvez por não atuarem na área, ou até mesmo porque pouco se importam com as milhares de vidas perdidas na guerra e no sistema penal -.

Não estou falando que não exista aquele advogado, que trabalha na área penal, e que paga o café para os policiais de plantão ligarem quando alguém for preso e "por coincidência" o advogado está lá... Corrupção existe em qualquer lugar amigo, inclusive em alguns casos, dentro de casa. Generalizar toda uma classe que luta pela Legalização, por conta do erro de um ou outro, é - talvez sem saber - um erro grotesco.

Sobre o segundo ponto, a OAB não permite a livre prestação de serviço jurídico gratuito, nem uma ONG voltada à isso, pois como ONG arrecada dinheiro, seria uma "desvantagem" de concorrência com os outros colegas de profissão. Você como advogado pode até trabalhar para ONG e os interesses dela, porém não prestam serviço gratuito de assistência jurídica aos demais (até onde eu saiba, pode ser que tenham mudado). Sim, o Código de Ética da OAB é, em muitas vezes, uma coisa completamente sem noção. Para se ter ideia, até poucos anos atrás (3 anos talvez) era proibido fazer PRO-BONO inclusive. Você corria risco de processo disciplinar a caso o fizesse. Grupos de advogados que prestam serviço gratuito existem sim, porém muitas vezes não podem se expor por conta desses impasses. 

Sobre o restante do seu ponto de vista que você colocou, concordo 100%.

 

@Rick R fica tranquilo "my brother", a quantidade era muito pequena para que ele seja processado pelo artigo 33. O próprio Ministério Público sabe que é um tiro no pé. Essa quantidade deveria cair direto pelo princípio da insignificância, pois é muito mais custoso para o Estado te processar por uma coisa tão barata e ínfima que simplesmente "deixar passar". Na verdade, essa "incrível apreensão" nem sequer paga a gasolina que tiveram que usar com vocês. É por isso que o Sistema não funciona, e muitos juizes e promotores já estão ligados nisso - ainda que haja muitos do poder judiciário tentando condenações por 1g de qualquer droga em nome de uma "defesa social contra as drogas" -. Sobre a transação penal (prestação de serviço comunitário ou pagamento de cesta básica), se você usar a parte de pesquisa, acho que neste mesmo tópico ou em outro aqui nesse canal do fórum, tem uma discussão bem saudável feita por mim e por mais outros 2 colegas, onde explicamos o que exatamente é isso, se vocês devem ou não assinar e a consequência disso tudo. Ademais, aproveito para falar que assinar TCO não tem problema nenhum, isso não é confissão de culpa nem de condenação. Na verdade, o inquérito policial por si só, sequer tem poder para servir de base em uma possível "condenação", seja ele o crime que for.

  • Like 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Citar

 

Sem falar nos advogados de cadeia que faturam muito pra dividir com delegados e juízes.

 

 

Citar

Desculpe a franqueza, mas não fale daquilo que você desconhece. 

Não estou falando que não exista aquele advogado, que trabalha na área penal, e que paga o café para os policiais de plantão ligarem quando alguém for preso e "por coincidência" o advogado está lá... Corrupção existe em qualquer lugar amigo, inclusive em alguns casos, dentro de casa. 

Primeiramente, vou agradecer ao colega por contribuir com o debate da perspectiva de quem conhece os meandros.

Mas, comparando o que o @Cannabis Medicinal disse e o que você respondeu, fica claro que ambos falaram a mesma coisa: que há uma parcela de adEvogados (pejorativamente falando) que vive de explorar a desgraça de peixes pequenos, muitas vezes em conluio com as autoridades policiais e até juízes. Afinal, "corrupção existe em qualquer lugar", o que, em si, é uma generalização. Coisa que nosso colega não fez, ele falou em "advogados de cadeia", não em "todos os advogados". 

Entendo que você não queira ver a reputação da classe inteira arrastada para a lama, tá certo isso. Só que rolou uma contradição porque você diz para ele não falar daquilo que desconhece e, em seguida, confirma que a acusação é justificada. Portanto, apesar de talvez estar falando sem experiência direta, parece que ele conhece...

Mas é isso, sendo um debate respeitoso, todo contraditório é bem-vindo. ✌️

 

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
12 minutos atrás, King of the bongo disse:

Entendo que você não queira ver a reputação da classe inteira arrastada para a lama, tá certo isso. Só que rolou uma contradição porque você diz para ele não falar daquilo que desconhece e, em seguida, confirma que a acusação é justificada. Portanto, apesar de talvez estar falando sem experiência direta, parece que ele conhece...

Mas é isso, sendo um debate respeitoso, todo contraditório é bem-vindo. ✌️

 

Eu pouco me importo com a reputação da classe de advogados. Os próprios advogados conseguem denegrir a própria imagem da classe. E sinceramente? A OAB na minha opinião é um dos grandes figurões que deixam isso tudo acontecer. Eu realmente sou muito "puto" com advogado, mesmo eu também sendo um. Mas eu realmente fiz uma interpretação mais ampla quando o colega falou "sem falar nos advogados de cadeia que faturam muito pra dividir com delegados e juízes", porque grande parte da população acredita realmente. E isso eu escuto dia após dia, que advogado criminalista (pejorativamente conhecidos como advogados de porta de cadeia) não querem que isso tudo acabe por conta dos clientes, o que é uma falácia enorme, uma vez que é justamente esse pequeno nicho da classe que luta pela liberação hehehe :) 
 

Obrigado por ter me feito re-interpretar toda a discussão, é sempre bom um debate agradável! 

 

@DoctorGrenn Sempre bom ter pessoas novas dispostas à ajudar aqui no fórum, porém você conhece o Código de Ética da classe, correto? Acredito que esteja infringindo alguns, então muita calma nessas horas. Mas por favor, fique à vontade para ajudar nas respostas e dúvidas dos demais membros, ainda que hoje em dia o fórum "Segurança e Lei" segue muito menos movimentado que tempos passados. Nunca é demais um guerreiro a mais na luta! 

 

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Existem muitos delegados honestos e dignos, mas no meu ponto de vista, quando legalizar a maconha vai diminuir um pouco essa corrupção... porém os policiais ainda vao no morro "pegar" drogas, armas e dinheiro,servindo de alimento principal para policiais desvalorizados no Brasil. Ainda haverá tráfico de sintéticos, crack, etc... e migração para outros tipos de crime. A maconha hj sendo vendida no Paraguai a 50 reais o kilo, chegando no consumidor final média de 3 a 5 mil o kilo, há uma margem de lucro enorme que serve tanto pra financiar e organizar o crime, como corrupção e extorsão por parte da p... às vezes com alguns meses de salário atrasado e correndo risco de morrer pra traficante com fuzil... A única soloção pra isso tudo não seria o Bolsonaro ganhar e sentar a porrada nos moradores de periferia e piorar ainda mais as condições de cárcere... e sim acabar com a periferia, migrando esse povo pra cidades descentes com infra estrutura e Estado presente... e ainda construindo ferrovias no Brasil, o que foi impedido em 1920 pelas montadoras de caminhão...  Enquanto professor e policial forem sucateados no Brasil vamos continuar nessa merda afundando com uma divida publica de 3,4 trilhoes de reais

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu tenho um amigo de infancia que foi preso com 3 petecas de cocaina e os policiais pediram 2 mil reais pra liberar ele,... ele nao tinha e adicinha o q aconteceu? Ele pegou 6 anos de prisao e vai cumprir no minimo 3 anos e meio... claro que nao se compara ao caso do tópico, estou apenas citando... sem contar tambem que ja tive uma experiencia ruim aos 18 anos por causa de maconha... fui pego com 100g de fumo após comprar que era pra durar o mes inteiro e apanhei mais de 3 horas sem parar, por umas 5 ou 6 viaturas que se revezava, algemado, depois interrogado 4 vezes... em fim... sorte que um grande advogado conseguiu provar que era pra consumo e prestei 5 meses de serviço comunitário, esse é um dos motivos que tenho raiva dessa politica antidrogas...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
45 minutos atrás, Cannabis Medicinal disse:

 sem contar tambem que ja tive uma experiencia ruim aos 18 anos por causa de maconha... fui pego com 100g de fumo após comprar que era pra durar o mes inteiro e apanhei mais de 3 horas sem parar, por umas 5 ou 6 viaturas que se revezava, algemado, depois interrogado 4 vezes... em fim... sorte que um grande advogado conseguiu provar que era pra consumo e prestei 5 meses de serviço comunitário, esse é um dos motivos que tenho raiva dessa politica antidrogas...

Caralho mano, isso é de causar revolta em qualquer um, nó eu to sem palavras. O máximo que eu ja busquei foram 40 g e no caminho de volta para casa eu tava com o c* na mao, só a neura do q podia acontecer ferra com a mente. Uma planta jamais deveria ser criminalizada, felizmente tudo ocorreu bem em seu caso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, jpw disse:

 

@Rick R fica tranquilo "my brother", a quantidade era muito pequena para que ele seja processado pelo artigo 33. 

poise cara, conversei com advogados e nem processo eles acreditam que vai virar. Realmente so a gasolina q gastaram custou mais ao estado q meu ''crime'' afinal fomos conduzidos para outra cidade e os homi ficaram rodando com a gnt no camburao, passando em quebra mola rapidasso so pra gnt ficar pulando la dentro. teve uma hora q o pulo foi tao grande q eu cheguei a cair de cara no chao da gaiolinha. É osso... isso que aconteceu comigo so aumenta ainda mais minha vontade de lutar pelo nosso direito de fumar sem ser criminalizado, so q infelizmente o futuro para esse cenario nao parece nada bonito e acredito q vai demorar muito até podermos ter a tranquilidade de fumar um na praça com amigos tranquilamente ou travar toda vez q vermos um policial. Triste pois policiais deveriam servir e proteger, mas a realidade é que esses militares so querem nos incriminar e nos machucar, em vez de raciocinar e aplicar a conduta certa. Estou com planos serios de mudar para a holanda ou para a suíça, tenho o passaporte europeu e ainda nao sei pq to perdendo meu tempo nessa terra, deve ser amor de mais a esse país, mas quero ter tranquilidade e qualidade de vida, isso fala mais alto

 

 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E pra todo mundo que dedicou seu tempo para me responder eu so tenho a agradecer, me tranquilizaram demais e é mto confortante saber q temos uma comunidade tao unida, so a ganja pra proporcionar isso né meus amigos kkkkk. 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

comprar maconha clandestina é muito arriscado no Brasil, seja comprando uma porção de 25g de prensado que custa média de 50 reais e dura 1 semana para mim em média ou comprando 100g pra durar o mes inteiro e não correr 4x risco de ir comprar por mes... e pior de tudo, ajuda o crime organizado a levantar recursos fáceis pelo lucro alto, o que poderia estar gerando de imposto pro Estado.

Minha esperança é que o presidente da Anvisa está quase liberando o cultivo pra fins de pesquisa e medicinal... o primeiro passo e que abre possibilidades para criação de associações.... o que tenho muito interesse em participar e ajudar muitas pessoas e famílias que precisam de Cannabis Medicinal.

 

"eita cabra da peste, pelorinho e olodum somos do nordeste..."

2.thumb.jpg.c24b05ef8bd0f9834a264b92eac137d5.jpg

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
41 minutos atrás, Cannabis Medicinal disse:

comprar maconha clandestina é muito arriscado no Brasil,


Minha esperança é que o presidente da Anvisa está quase liberando o cultivo pra fins de pesquisa e medicinal... o primeiro passo e que abre possibilidades para criação de associações.... o que tenho muito interesse em participar e ajudar muitas pessoas e famílias que precisam de Cannabis Medicinal.

E tem como comprar a oficial? Me avisa que eu quero! 😂😂😂

A Anvisa é um caminho, mas a gente tem que que lembrar que estamos sob um governo muito conservador, então tudo fica mais difícil. Mesmo a agência sendo independente, é claro que rola uma pressão enorme do Executivo. E, a depender do que rolar em outubro, a coisa pode piorar muitíssimo (antes que pensem que estou sendo partidário: a chance de legalizar era tão baixa quanto nos governos anteriores).

No STF, a descriminalização não avança na prática e muito menos na TEORIa (entendeu? ãh? ãh 😉).

Já no Congresso, foi apresentado hoje um projeto de lei visando permitir cultivo pessoal e em clubes, o que é um puta avanço. Mas... é só um projeto de lei, que precisa passar por deputados e senadores reacionários, ignorantes e/ou hipócritas. Como a imensa maioria dos brasileiros pensa que maconha é coisa de vagabundo e que legalizar vai destruir a juventude e fortalecer o tráfico (????) por conta da lavagem cerebral do proibicionismo, preconceitos muitas vezes de cunho religioso, desinformação e -- bora combinar -- porque o brasileiro médio é muito chucro, parece-me muito improvável que aqueles com cargos eletivos trabalhem pela liberação. Qualquer candidato a presidente que defender abertamente a legalização corre o risco de cometer suicídio político e nunca mais ganhar nem pra subsíndico porque vai ser taxado de amigo de bandido. Sendo que muitos dos reais bandidos e seus amigos estão mesmo é lá por Brasília e demais esferas do poder.

Mas bora cruzar os dedos, que é o que resta, e tomar cuidado porque há perigo na esquina enquanto o bom senso não é aplicado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

fala amigo @King of the bongo hehehe , tudo certo? Hj em dia já existem associações de Cannabis Medicinal entre 50 a 160 pacientes com salve conduto para "comprar" mensalmente em forma de mensalidade para tratar alguns tipos de doença, já é um avanço que possibilita até mesmo o cultivo em forma de associação por pessoas comuns como a gente, reunindo profissionais para formar toda uma estrutura de tratamentos fitoterápicos, homeopáticos e alternativos, é uma área que me interessa muito.

Meu ponto de vista é que o juiz Teori Zavascki engavetou o processo por pressão de industrias da cerveja e farmaceutica, talvez por subordinação ou propina mesmo, só DEUS sabe, enquanto o povo sofre pra alimentar as contas de meia duzia de magnatas. Isso só reforça a necessidade de organização por parte da sociedade civil e associações mesmo para pressionar a ANVISA e participar de audiencias publicas para debates e troca de informações.

Se bolsonaro ganhar a eleição ele disse que vai dar Cannabis Medicinal pra cada preso no Brasil e deixar cada preso ter até 6 pés de maconha na cela, e portar até 28g de Maconha por dia... kkkkkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 10/07/2018 at 17:27, Rick R disse:

E pra todo mundo que dedicou seu tempo para me responder eu so tenho a agradecer, me tranquilizaram demais e é mto confortante saber q temos uma comunidade tao unida, so a ganja pra proporcionar isso né meus amigos kkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, fiquei aí sumido sem dar ideia, mas o q aconteceu é o seguinte, chegou a intimação pra um dos meus amigos, pra mim e pro outro deve chegar dentro de alguns dias tmb e fui acompanhar o processo pelo tjmg, consta la ''posse de drogas para consumo pessoal''. Entao to aliviado pq se trata de um 28 msm e no maximo eu vou tomar um xingo cabuloso e prestar uns serviços ai pra comunidade. Nao tenho ideia de q tipo de serviço nem do tempo ( conta la 5 meses pois sou primario) mas msm q seja 5 ta de boa, poderia ser pior. So regresso mas felizmente ta tudo certo, jeito é ficar esperto e agradeço aí novamente pelos posts, me ajudaram e me tranquilizaram demais. Abraço a todos e muitas verdinhas na horta

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eai Rick!!
Oq q rolou da audiência? Pegou serviço?

Mas tem como sair dessa sem precisar prestar serviços será?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

  • Conteúdo Similar

    • Por doggbill
      Sempre fumei com um amigo q o irmão descolava a
      ganja em quantidade, mas esse amigo se mudou
       Nunca fui numa boca e nem sei onde tem uma, n conheço mais ngm q fuma
      tem algum jeito de eu descobrir onde ficam as biqueiras da minha cidade?
      PS: n moro perto de favela ou algum lugar q seja muito obvio, oq mais se aproxima são as praias
    • Por danizinha
      Galera, to indo pra expo no Uruguai e queria levar 10g pra não chegar lá na saga... só que to em choque por ser voo internacional e não saber qual o melhor jeito de levar.. vcs podem me ajudar? Obrigada 😊 
    • Por cabuloso7270
      https://imgur.com/a/vCfzduY
      me ajudem com minha nova plantinha estou em duvida ainda se realmente é uma planta de cannabis, plantei umas sementes nesse vazo, mas ja tem outros tipos de plantas nele, gostaria de saber se isso interfere ou se realmente parece uma cannabis
    • Por Kassio ramos
      Boa noite pessoal, preciso que me tirem uma dúvida, então comecei meu primeiro cultivo agora e reparei nessas folhas novas na minha planta, imaginei que fossem os pestilos  dela, mas aqui no Brasil ainda nem estamos no verão, será que ela está já está florescendo ? Ela já tem pré flores ?  Obrigado a todos e boas vibes 

    • Por MB.420
      salve galera, então to com uma manga rosa aqui e ela começou a apresentar manchas brancas depois da flora nos últimos dias mas o que mais ta me incomodando é que ela já entrou na floração a 1 mes e n aparenta crescimento, ela continua com o mesmo tamanho do primeiro dia de floração, exatamente igual, achei que em 1 mes já ia apresentar um crescimento e nd, acho que ela travou, estou usando substrato carolina em um vaso de 12 litros, regando somente quando a terra seca num grow de 40x40x120 em um painel de led de 200w, não sei mais o que vazer 
      ajudaaa plsss