Ir para conteúdo
Growroom

Relatos de um ansioso urbano.


Suzette

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Amigos, boa tarde!

Sou biólogo, tenho 32 anos, sou pai. Tenho ansiedade crônica ou também chamada de ansiedade generalizada. Sofro com essa doença desde a juventude, e desde então essa doença me cobra caro, acredite, já tomei toda tarja preta possível e impossível. Sobrevivi a desejos insanos de suicídio e instabilidade psicológica através do pensamento acelerado e ansiedade.

 

Tenho uma família de cabeça fechada, pai advogado e mãe terapeuta, então a Cannabis nunca foi uma opção, aliás, nem existia os estudos que dispõem o tratamento de ansiedade e depressão (causada por ansiedade) que existem hoje.

 

Me testei e resolvi usar a Cannabis, busquei em artigos, fóruns e grupos de discussões nacionais e internacionais para chegar a um consenso. Uso Cannabis todos os dias a cada doze horas, geralmente as 7:00 (quando levanto) e outra as 19:00 quando chego em casa. Nunca tive uma bad trip. A “dose” é a mesma todo dia, meio beck pra cada momento. A um ano e oito meses não tenho crises de ansiedade e até hoje a depressão não me encontrou novamente.

 

Meu maior dilema e problema atual é conseguir novas sementes, estou na procura, mas sem sucesso. Hoje temo que com a chegada do fim do meu cultivo, pela falta do mesmo eu fique sem meu remédio, ontem mesmo contei, tenho 6 doses.

 

Fica o meu relato, se curem, se cuidem e principalmente não desistam de vocês.

 

Abraços.

  • Like 6
  • Thanks 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
1 hora atrás, Suzette disse:

 

Boa tarde amigo, é complicado, tenho um pequeno grau de ansiedade, nunca fui diagnosticado mas tenho todos os sintomas, minha cabeça não para, sou pai de uma menina também. 

Já adquiri alguns problemas devido ao sistema nervoso (stress e ansiedade) e a maconha me ajuda muito também, tento pensar coisas positivas, estar em contato com a natureza, é tudo de bom. Quanto a seeds, pesquisa bem que aqui no BR tem várias pessoas vendendo.

Não desista, maconha é saude.

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Sofro do mesmo problema, tbm sou pai, a unica diferença é que minha mae é um pouco mais tolerante...

 

mas o que tenho a dizer é para vc procurar bem pq tem muita gente vendendo semente de qualidade no Brasil...nao abra mao do seu remédio, nao volte para as drogas de tarja preta...qqer coisa manda msg no pvt.

 

Boa sorte e obg por compartilhar o seu relato, me faz ter mais ctza que tomei a decisão certa qdo parei com as drogas e resolvi me medicar por conta com a nossa plantinha.

 

ABS!

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
20 horas atrás, Suzette disse:

Meu maior dilema e problema atual é conseguir novas sementes,

Eai mano blz, esse dilema muitos compartilham com vossa senhoria eu diria que é bem interessante dar uma lida nesse tópico

 logo na primeira página é aberto um debate sobre as variedades da planta e preferências do consumidor de acordo com sua necessidade. Muitas dicas interessantes são abordadas e você talvez se sinta mais seguro (dentro do possível) na hora de fazer sua aquisição. Dentro do nosso país como os irmãos falaram é possível que encontre, entretanto, existem sites internacionais com envio e descrição mas o risco existe, daqui de dentro é mais tranquilo ao que parece mas o lance é achar algo sem pilantragem.

 

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
2 horas atrás, Bechk Varder disse:

Eai mano blz, esse dilema muitos compartilham com vossa senhoria eu diria que é bem interessante dar uma lida nesse tópico

 logo na primeira página é aberto um debate sobre as variedades da planta e preferências do consumidor de acordo com sua necessidade. Muitas dicas interessantes são abordadas e você talvez se sinta mais seguro (dentro do possível) na hora de fazer sua aquisição. Dentro do nosso país como os irmãos falaram é possível que encontre, entretanto, existem sites internacionais com envio e descrição mas o risco existe, daqui de dentro é mais tranquilo ao que parece mas o lance é achar algo sem pilantragem.

 

 

@Suzette o Mano ai cima tá certo só agora percebi que já até já colheu e leu muito já o topico mencionando é bem interessante mesmo to sempre enchendo o black de pergunta o cara sabe muito e quando ler vai entender  a real diferença entre marcas e nomes dados as plantas, mas o maior conselho mesmo é fazer suas próprias sementes e clones (mudas ) nunca mais vai precisar comprar(eu disse precisar não querer) sementes da uma lida aqui tbm acho que não vai ser avançado pra vc parece ter alguma experiencia e tbm se não me engano ta escrito nos ultimos post como fazer semente normal tbm não muda muito e já fica com opção de plantas feminizadas :

Eu imagino que já deva saber mas aqui tbm é bom ler e sempre leio só pra refrescar a memoria:

 

TmJ^^

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 6 months later...
  • Usuário Growroom

Salve, irmão!

Sou biólogo, tenho 32 anos, sou pai. Tenho ansiedade crônica ou também chamada de ansiedade generalizada. Sofro com essa doença desde a juventude, e desde então essa doença me cobra caro, acredite, já tomei toda tarja preta possível e impossível. Sobrevivi a desejos insanos de suicídio e instabilidade psicológica através do pensamento acelerado e ansiedade.

 

Perfeito, a unica diferença é que tenho outra profissão e 31 anos, no mais está idêntico.
Se pudesse, venderia tranquilamente minha alma ao diabo pra me livrar disso.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Conteúdo Similar

    • Por cielzinho
      Olá, eu fumo/vaporizo maconha recreativamente, mas recentemente meu pai começou a ter insônia devido a problemas no trabalho, procurou ajuda médica e foi diagnosticado com ansiedade, o médico receitou 3 remédios diferentes, dentre eles alprazolam, sertralina. 
      Meu pai (60 anos) tem tido problemas para dormir, consegue adormecer mas acorda no meio da madrugada e não consegue voltar ao sono, fica pensando no trabalho - depois que ele tomou os remédios, os problemas continuaram só que ele ficou mais 'dormente' durante o dia. 
      Eu sugeri a ele conversar com o médico sobre o uso de CBD, mas ele me respondeu que no Brasil só seria liberado em casos mais graves, e ai está minha duvida - ainda hoje ainda está bem restrito a casos mais graves, como última opção? 
      Vejo alguns usuários comentando o uso do CBD em casos de ansiedade/insônia, mas não informam se utilizam do CBD prescrito/receitado ou se produzem/conseguem e se 'auto-medicam'.
       
      Ele não se considera um caso grave e aceitará os remédios tarja preta que lhe receitarem, mas com tantos efeitos colaterais eu me questiono se o CBD de alguma forma serviria como tratamento para esse caso 'não grave'. 
      Ele nunca fumou ou vaporizou maconha, já pensei em oferecer uma vaporizada algumas horas antes dele dormir, mas não tenho acesso* a uma flor rica em CBD, então descartei a ideia visto que o THC poderia agravar a insônia. 
       
      *ainda  ; se me disserem que vaporizar uma flor rica em CBD poderia ser uma forma de tratamento, consigo acesso
    • Por ZecaBaleiroo
      Primeiramente, quero pedir perdão se criei o tópico no lugar errado.
      Apesar de estar há muitos anos na internet e há muitos anos fumando, eu nunca tinha me interessado pelo cultivo, justamente por conta da "difilculdade" que exisitia dadas as minhas condições.3.jfif4.jfif1.jfif2.jfif
       
      Em janeiro eu estava no fundo do poço, afastado devido a uma fobia social e depressão, estava sem um puto no bolso para literalmente nada, repito NADA.
      Foi daí que eu achei um saquinho com algumas sementes de alguns fumos "bons" que eu guardei em 2017 e havia esquecido.
      Minha idéia era tentar "cultivar" colher e fumar algo feito com as minhas próprias mãos com um porém: Não investindo nada.
      Daí então eu plantei umas 10 sementes direto na terra sem germinar no dia 24/01. Das que nasceram e brotaram nessa terra sem nutrientes e contra todas as condições eu separei essas duas das fotos.
      To fazendo isso mais como uma experiência para testar se é possível cultivar com 0 investimento.
       
      O vazo estava vazio, a terra veio de um vaso de aloe vera/boldo que meu pai tinha plantado.

      Hoje elas estão com exatos 51 dias de vida, vou atualizando conforme for evoluindo.

      Fiquem na paz do senhor Jesus! 
    • Por lviee
      Sempre gostei de fumar maconha, fumo a 2/3 anos, nunca me trouxe problema nenhum, sempre fumei feliz ou triste e sempre consegui aproveitar bem a brisa, mas nesses ultimos tempos, fiquei uns 2 meses sem fumar nada, e até estava tranquilo mas quando deitava para dormir a cabeça demorava pra relaxar e eu tinha muitos pensamentos, pensava em como seria o outro dia e algumas coisas que eu poderia fazer no dia seguinte, pensava em coisas que já aconteceram e no geral antes de conseguir dormir eu tinha muitos pensamentos.
      Ontem eu fumei um fino que me deram de salve, e guardei a ponta, ao chegar em casa, misturei essa ponta com um pouco de tabaco e fumei, nas duas ocasiões não foram quantidade suficiente para me chapar, mas um leve relaxamento, até ai estava de boa, fumei a ponta jogando, após algum tempinho a internet no pc parou de funcionar e eu apaguei a luz e me deitei pra dormir, quando do nada a cabeça foi a milhão, eu tava tendo muitos pensamentos um em cima do outro, não conseguia controlar muito bem e o coração acelerado, levantei pra beber água e a principio achei que oque causava isso era ficar no escuro, pois quando eu me levantava só sentia um pequeno desconforto, mas quando deitava novamente as coisas já pioravam, ao deitar depois de beber água tive um pouco de tremedeira e me conformei que estava tendo uma bad trip e tentei me acalmar controlando a respiração, as coisas foram se acalmando mas até agora não sei oque causou isso, não quero parar de fumar maconha pois eu estou bem comigo mesmo e não passo estresse ou qualquer outra coisa que possa ser gatilho pra uma bad trip, sempre fumei tranquilo e curtia uma brisa, isso simplesmente aconteceu do nada e eu não sei explicar, pesquisei bastante e quem geralmente tem bads trip foi porque fumou em um dia ruim ou em um local ruim, fumei dentro de casa, feliz, e mesmo assim passei por essa, mais alguém já passou por uma situação parecida?
×
×
  • Criar Novo...