Capitão do Bagulho

Concentrados de maconha causam danos irreversíveis no cérebro

Recommended Posts

9 minutos atrás, black flag disse:

Prefiro deixar aberto pra que todos vejam que é fake. Se eu fechar que benefício vai trazer pra discussão?

Eu já até atualizei o prefixo pra verem que é fake, boa.

 

4 horas atrás, wet-coma-dreams disse:

quando abri e vi foto da Sarah Palin e Ted Cruz (dois líderes conservadores imbecis dos EUA, pra quem não conhece) já percebi que não dava pra acreditar na notícia, ainda mais com o título da matéria, mas não cheguei a clicar no disclaimer.. Bah..

essa moda de site satírico de notícia é problemática. Uma coisa são sites como o Sensacionalista ou o The Onion que são claramente de comédia, mas sites como esse discutido ganham dinheiro de anunciantes justamente pelos zé povinhos compartilharem as notícias falsas achando (ou querendo acreditar) que são verdade. Só ajuda a espalhar desinformação.

Até mesmo nos comentários dessa matéria você pode ver que tem gente que sabe que o site faz matérias fake e outros não, realmente fica muito complicado, sorte que nosso amigo aí percebeu :ph34r:

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou criar uma polemiquinha aqui.

 

http://www.livescience.com/51650-edible-marijuana-death.html

http://www.dailymail.co.uk/news/article-2595325/Student-fell-death-eating-pot-cookie.html

Esse artigo não é falso, vi em vários outros lugares. Basicamente, o maluco comeu um cookie inteiro de maconha, teve uma bad trip terrível e pulou da janela do 4o andar e morreu. Quem deu o cookie pra ele foi um amigo.

Tem outro caso também, esse foi com um brownie, o moleque fez quase a mesma coisa mas não morreu. E nesse caso, a própria mãe que deu o brownie pro moleque.

https://www.theguardian.com/us-news/2015/apr/24/teenager-jumped-out-window-after-mother-fed-him-pot-brownie-police

Ou seja, dá pra ficar claro que maconha NÃO É BRINQUEDO. Curto demais minha erva, depois que comecei a plantar então, melhor coisa. Mas às vezes percebo muita displicência e desrespeito com a maconha por parte de algumas pessoas. Insistem em dizer que a erva é 100% inofensiva, mas galera, NÃO É. Certamente, a melhor droga no quesito dano x benefício, fácilima de produzir,  tem mais utilidade que Bombril, mas ainda assim, É DROGA e tem seus perigos. E qual a minha preocupação com esse tratamento relaxado quando se fala que a maconha é 100% inofensiva, pra toda e qualquer pessoa?

Quando alguém desinformado e despreparado sobe lá e dá um discurso sobre a maconha e fala um monte de abobrinha (assim como proibicionistas a põem como algo terrível, um ativista desinformado a põe como algo totalmente inofensivo) ele cria uma expectativa. E quando acontecem esses casos onde fica impossível de negar a relação da maconha com a fatalidade, é um prato cheio para os Aslingers modernos.

Não foram discursos cheios de paixão que legalizaram a maconha nos EUA. Foram estudos, comprovados e aceitos, demonstrando realmente o que era e como era a maconha. Dizer que a maconha não tem perigo algum só atrapalha o movimento, quem acha isso jamais deveria abrir a boca pra informar alguém, principalmente proibicionistas. O X da questão nunca deverá ser "a maconha é inócua" mas sim, proibir é bem pior do liberar, mas se liberar, tem que haver muita educação e informação, porque maconha não é pra todo mundo, não deve ser tratada como brinquedo ( o cara que pulou e morreu comeu 1/6 do cookie primeiro, depois de 1 hora achou que não dava onda e comeu tudo).

  • Like 8
  • Thanks 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 minutos atrás, black flag disse:

Drogas não são pra todo mundo, seja qual for.

Cada organismo reage diferentemente as drogas, alcool e remedios.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E também a abusos, nenhum tipo de abuso é bom.

Se quiserem aprender algo que realmente pode ser causado por cannabis, e não suposições que podem ser relacionadas a problemas mentais,
estudem sobre CHS = cannabis hyperemesis syndrome.
Isso sim é um problema de verdade causado por abuso. E que, mais uma vez, não ataca todo mundo que abusa.
E por abuso, falo de gente que consome absurdamente mais do que a gente sequer imagina.

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que o irmão @loucaço e o @black flag falaram, é a mais pura verdade.

Não são para todo mundo, é aquilo que dizem "não existe nenhuma morte confirmada por maconha". Mas eai? só pq ninguém morreu quer dizer que não faz mal? A galera tem uma visão muito deturpada sobre as coisas... Entendo que tem gente que faz uso religioso e espiritual da planta. Eu particularmente sou meio cético nesse sentido, mas acredito que pra qualquer tipo de uso, sempre vai ter alguma influência negativa. Pode não ser na sua saúde, mas alguma coisa negativa vai influenciar ... "Nem tudo são flores na vida" existem também os espinhos, muitas vezes os espinhos são tirados pela mão do floricultor, outras vezes são encontrados pelo comprador.

é foda ... de um lado temos ativistas bons e também cegos, e do outro, temos líderes mundiais e médicos que são tomados pelo estado, e não podem fazer "cada um o seu papel", tem toda uma manipulação de informação pra manter a sociedade digamos que "estável"...

Não é o tema abordado, mas por exemplo ... uma liberação no Brasil HOJE? todos nós bons utilizadores ficaríamos felizes com tal noticia, por outro lado, teria uma cambadinha de filho da puta, que iria lá na porra da porta do DP fumar na frente do delegado, só pra poder falar que "ta liberado" ... 

As pessoas não tem intelecto para diferenciar as informações que são passadas ....

mais uma vez, é foda! kkkk

quando vi essa noticia ali nos tópicos recentes, já logo falei "pronto fudeu, agora não libera mesmo" kkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
52 minutos atrás, loucaço disse:

Ou seja, dá pra ficar claro que maconha NÃO É BRINQUEDO.

Eu estava terminando de ler os comentários para dar minha opinião quando, antes do término, eu me deparo com a sua. 

Perfeita colocação. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

a questão de fumar dab e bud e a influencia de tudo que o pessoal ja citou entre quantidade da dose, e modo de extração que pode haver algums vestigios de toxicos, também entra o ponto de que, quando a gente fuma aproveitamos cerca de 25% apenas do baseado, isso gera um grande controle na ingestão de cannabinoides fazendo com que nao haja exagero momentâneo, ja o dab como é concentrado e mesmo em temperaturas muito alta a maioria das vezes vc vaporiza em vez de combustionar ele acaba aproveitando muito mais dos canabinoides, oque pode fazer realmente da uma overdose, o pessoal que nunca leu sob overdose da maconha, da uma passada na area de culinaria e ve quantos avisos sobre excesso de cannabinoides em uma coisa e o relato de varios que passaram mal, entao eu sinceramente acho um ENORME disperdicio fumar gramas e mais gramas, ainda mas de algo de excelente qualidade, eu sou daqueles q sabe como curtir a onda da maconha, pois todo mundo sabe que a maconha sequela mesmo, e vc pode fumar ate do pé, se vc fuma muito uma hora o efeito fica fraco e vc acaba fumando mais e mais sem necessidade, entao uma dica de ouro que deixo pra vcs, se vcs fumam maconha e nao da a mesma brisa que vcs sentiam antes, a culpa as vezes nao e nem do chá que ta ruim, e sim da sua cabeça que ja sequelou, entao fica uma semaninha longe da erva pra regular o ritimo, vcs veram que maconha é o velho ditado, apenas PUFF PUFF PASS dois tragão bem dado num cha de boa qualidade faz o mesmo efeito que uma baseado inteiro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
39 minutos atrás, maconheiro2010 disse:

só pq ninguém morreu quer dizer que não faz mal? A galera tem uma visão muito deturpada sobre as coisas...

Não falei isso. Falei que não é pra todo mundo, não que faz mal. Drogas é pra quem sabe usar.
Essas pessoas que sofrem de CHS são pessoas que consomem uma quantidade fora da realidade.
Inclusive vi um caso que o cara fala que o médico dele recomendou que não passasse de 7g por dia.
O que o médico recomendou como limite, 7g, eu levo no mínimo uns 3 dias pra consumir.
Imagina quanto esse cara consumia sem o limite do médico. Se não me engano, era no mínimo 20g por dia.

Qualquer substância se abusada vai trazer malefícios, seja ela açúcar, café, leite, suco de laranja... ou maconha.

  • Like 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu fumava muito na adolescencia, o que hj em dia vejo que foi um erro, pois ate os 23 anos o cérebro ainda não se desenvolveu 100% e por isso afeta muito. Outra coisa que afeta é durante o aprendizado e pode causar défcit de atenção.

Durante um periodo da adolescencia eu fumava em torno de 20 a 50g por dia, e ainda por cima misturava cigarros, alcool com remédios fortes e outras porcarias.

Hj eu uso apenas cannabis, sem outras substancias estimulantes e pra mim serve muito bem, em torno de 3 a 6g por dia e não ultrapassa disso há 2 anos. Pra mim serve pra combater stress, depressão e fadiga.

Efeitos colaterais ruins que eu percebi, é falta de apetite antes de fumar e a mesma irritação no cerebelo (parte posterior do cérebro) quando falta maconha, ou passa 1 dia sem fumar por exemplo, que deixa a pessoa nervosa ou irritada.

Porem isso ocorre pois nao temos acesso ainda a cannabis de qualidade regulamentada e com orientação de médico de cannabis pra indicar o limite e variedade adequada pra cada pessoa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, black flag disse:

Não falei isso. Falei que não é pra todo mundo, não que faz mal. Drogas é pra quem sabe usar.
Essas pessoas que sofrem de CHS são pessoas que consomem uma quantidade fora da realidade.
Inclusive vi um caso que o cara fala que o médico dele recomendou que não passasse de 7g por dia.
O que o médico recomendou como limite, 7g, eu levo no mínimo uns 3 dias pra consumir.
Imagina quanto esse cara consumia sem o limite do médico. Se não me engano, era no mínimo 20g por dia.

Qualquer substância se abusada vai trazer malefícios, seja ela açúcar, café, leite, suco de laranja... ou maconha.

Oh meu parceiro, vc me entendeu errado kkkk eu ironisei a situação kkk entendi vc perfeitamente, tentei enfatizar a ideia com ironia kkkk tamo ae pow

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre os concentrados, logicamente que o potencial de abuso é muito maior. 1 dab pode conter mais de 10X o conteudo de THC de um baseado inteiro e a tolerância que ele cria é muito maior e mais rápida. Não quero dizer que usar concentrados é algo que vá te trazer problemas mas o potencial de isso acontecer com o uso continuado é muito maior com eles e eu pessoalmente não usaria mais do que casualmente.

A tentação é muito grande e entrar num circulo é muito fácil...

 

  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 19/02/2017 at 17:22, Capitão do Bagulho disse:

Certo de que deixa de ser tão natural, porém entra bem aquilo que eu comentei a cima e outra coisa,contando de que geralmente você não sabe da onde foi extraído e nem com que profissionalidade, pode conter restos de ferts, minerais, butano, várias coisas, sem contar esse novo extrato à base de CO2, as máquinas utilizadas pra isso são industriais, quer dizer, nem pode ser feito em casa para ter certeza do que está consumindo.

Eu nunca fumei dabs, mas certeza que tem que dar uma manerada né, se não pira mesmo :blink:

Então, também creio que esses usos mais brabos com altas dosagens de THC, devem ser melhores pensados/ estudados. Hora ou outra a gente vê extratos cada vez mais potentes no mercado e isso se torna perigoso porquê ainda não se sabe como altas dosagens mechem com nossos neurônios e tal. Por enquanto, nem dinheiro pra Dab eu tenho então tô sussa com meu pren hahaha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 20/02/2017 at 19:08, Strain Hunter disse:

Durante um periodo da adolescencia eu fumava em torno de 20 a 50g por dia, e ainda por cima misturava cigarros, alcool com remédios fortes e outras porcarias. 

 wat. isso da 1.25 a 3,15 cigarros por hora.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 20/02/2017 at 19:08, Strain Hunter disse:

adolescencia eu fumava em torno de 20 a 50g por dia, e ainda por cima misturava cigarros, alcool com remédios fortes e outras porcarias.

Ou não é um ser humano ou um pescador daqueles kkkkkkkk

Adolescente que fuma entre 800 a 1500 gramas por mês????????

 

Mas para humanos, o que diferencia o remédio do veneno é a quantidade e qualidade! 

Até Snoop Dogg sabe que as s vezes é bom dar uma maneirada...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, guerrilheiro420 disse:

Ou não é um ser humano ou um pescador daqueles kkkkkkkk

Adolescente que fuma entre 800 a 1500 gramas por mês????????

 

Mas para humanos, o que diferencia o remédio do veneno é a quantidade e qualidade! 

Até Snoop Dogg sabe que as s vezes é bom dar uma maneirada...

Quer chapar >>> Mete um Do It Yourself bong de 5 gallons .... 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caraca que inveja desses concentrados que eles fuman, "bho", "wax", "shatter", "budder", "oil" , aqui no Brasil até chega mas muito caro, ja tive ah honra e o prazer de experimentar, é muito bom, no dabs concerteza potencializa brisa e igual o amigo falou, fumar 8 gramas dessa parada deve chapar demais, mas no contexto engraçado ah historia, os amigo são tudo viciado nesses bagulho que é bom msm e vicia e tlz, o erro foi levar pro hospital pro mlk fumar, e tamben  oleo, hx, shater, bho é foda, o bang é bom e vicia mesmo, deveria pegar mais leve, serve de aprendizado pra mulcada que vem vindo que tudo pode viciar, não seja um noinha de oil, hxx, wax, sei q é mto bom fumar essas paradas mas nao viva so em função disso, esse é o segredo, saber curtir a parada.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ólhaê.

independente da substancia,,,, tentar ver uma situação apenas hipotética.

sujeito usa (exagera, q seja), aí dá um tilt no loco... sei lá bizarro msmo tipo parada cardiorespiratória,,,, aí o cérebro fica minutos sem irrigação sanguínea,

volta, fica sequelado.

e a culpa é da substância?

wtf

desinformação mata.

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

  • Conteúdo Similar

    • Por fischerva
      Salve, galera, tudo bem?
      Se tiver posto o tópico em lugar errado, peço desculpas, sou novo aqui e ainda estou me habituando.
       
      Minha dúvida sobre temperaturas no vaporizador é a seguinte:
      É sabido que diferentes canabinóides são liberados em diferentes temperaturas, de forma que é possível dosar o seu uso de acordo com a vontade, escolhendo o tipo de brisa (mais Thc ou Cbd).
      Na erva, cada temperatura evapora determinado canabinoide, mas e nos concentrados, também é possível fazer esse controle ou sempre irá evaporar todos os canabinoides juntos?  
      Não sei se funcionaria da mesma forma ou se há alguma uma tabela específica pra concentrados, como existe para as ervas: 

       
       
       
      Alguém sabe me dizer, ou também tem essa mesma dúvida?
       
    • Por Lucas odc
      Eai galera, eu tenho uma dúvida. Comprei um black mamba pra vaporizar a ganja (infelizmente só tenho acesso a prensado) e eu notei que no caminho de vidro que tem dentro do bocal do aparelho fica uns resquícios de uma resina meio caramelo que me lembra aqueles concentrados que a galera usa pra dar dab. Minha questão é: essa resina é própria para consumo? 
    • Por siro
      Daí pessoal! Blza?!
      Trago uma reportagem que encontrei pelas internets da vida...
      https://apublica.org/2017/10/os-lados-do-poligono-da-maconha/
      Achei interessante partilhar por aqui.
      Saudações!
  • Tópicos

  • Posts

    • Cara, eu vi esse tópico, uso o LUPA, mas no orgânico, então só serve de base, por enquanto não tenho do que reclamar. Mas já que voltei no tópico, eu to usando o Tropikali, mas eu caguei na rega, é um substrato que retem bem a água, então tem que tomar cuidado, segura bem mais que o solo que eu monto. Quanto a atendimento, já troquei muita ideia com eles e são ponta firme demais, tirando duvidas e pah, mas é como eles mesmos dizem: é só água, nada de fert, humus, adubo... não adicione nada, se não caga tudo também. Único ponto é: se não seguir a recomendação dos caras, eles vão mandar a direta em tu, na lata mesmo, tem que ache ruim, tem quem entenda o jeito dos maluco. No mais digo que o solo é bom, um brother leva o cultivo dele desde sempre, só no tropikali e água e ta tendo uns puta resultados.
    • Você consegue crescer suas plantas até o final e colher com essa luz, mas é bem fraca. Pense nesse seu painel como uma luz de auxílio, como uma luz inicial para seeds que brotaram, porque por ela ser fraca, infelizmente isso impacta no desempenho da planta.   Foque em painéis Quantum Board, já foi comprovado que estes painéis são muito superiores aos de "luz roxa".   Claro que nem sempre temos dinheiro suficiente pra conseguir estes painéis que são meio caros mesmo, mas velho, a luz é o principal do seu grow. Quanto mais luz, mais rápido e maior a planta cresce, mais gordos ficam os buds e mais resina eles produzem, então vale a pena a compra destes painéis Quantum Board. Você pode investir nas lâmpadas HPS também. Elas são mais baratas e geralmente é mais fácil ter um desempenho melhor do que com as leds, porém elas precisam de muitos equipamentos adicionais como refletores, reatores e quase que te obriga a controlar a temperatura por conta do calor que elas emanam.   Outra coisa, a luz é importante, mas é uma das coisas importantes. Nunca esqueça que o plantio ainda é proibido aqui, então investir num sistema de exaustão e eliminação de odores é crucial pra você não ter problemas, porque mesmo uma planta apenas já produz um odor forte dependendo da strain. Prenseeds são uma caixa de surpresas. às vezes você encontra genéticas que não produzem tanta resina, mas às vezes você se depara com umas genéticas fudidas que cheiram pra caralho, então é sempre bom prevenir. O segredo do sucesso é o segredo.   Já que a luz que você tem não tem tanta potência, revestir seu grow com um tecido refletivo vai te ajudar muito. Eles são excelentes pra espalhar a luz em várias direções, e ajuda a planta a receber luz nos galhos de baixo, que são mt difíceis de lidar num cultivo indoor.    Pesquise bastante que você descobre o necessário pra você começar a cultivar sem gastar muito. Lembrando que se você tratar sua planta com descaso, isso reflete lá na hora que você for colher.