Entre para seguir isso  
Marijuanaut

Polícias Federal e Militar erradicam 60 mil pés de maconha no Sertão

Recommended Posts

Polícias Federal e Militar erradicam 60 mil pés de maconha no Sertão

Erradicação ocorreu em fazendas de Cabrobó e em Chorrochó, BA.
Duas pessoas que estavam na fazenda foram presas pela polícia.

19/05/2016 10h28 - Atualizado em 19/05/2016 10h38

 

Polícias Federal e Militar  erradicam 60 mil pés de maconha  no Sertão (Foto: Divulgação / Polícia Federal)

Polícias Federal e Militar erradicam 60 mil pés de maconha no Sertão (Foto: Divulgação / Polícia Federal)

A Polícia Federal (PF) divulgou, nesta quinta-feira (19), o balanço de uma operação realizada entre os dias 10 a 15 de maio, que resultou na erradicação de 60 mil pés de maconha em três localidades, sendo duas em Cabrobó, no Sertão de Pernambuco e uma em Várzea da Ema, em Chorrochó, na Bahia.

A ação contou com a participação do efetivo da 1ª e 2ª Companhia Independente de Polícia Militar (1ª CIMP), (2ª CIPM), de Belém do São Francisco e Cabrobó e de policiais militares da Bahia. Duas pessoas foram presas durante a operação.

Segundo a PF, em Cabrobó, na localidade de Cachoeirinha foram encontrados quatro mil pés de maconha e 10 mil mudas. Na Fazenda Gangorrinha os policiais encontraram cinco mil pés da droga , 10 mil mudas e seis quilos de maconha pronta para o consumo. Em Várzea da Ema foram encontrados 50 mil pés do entorpecente. Segundo dados da PF, com os 60 mil pés de maconha erradicados, deixaram de ser produzidos pelos traficantes 20 toneladas da droga.

20 mil mudas da droga foram destruídas pela polícia (Foto: Divulgação / Polícia Federal)
20 mil mudas da droga foram destruídas
pela polícia (Foto: Divulgação / Polícia Federal)

O chefe de comunicação da Polícia Federal, Giovani Santoro, disse que a operação foi realizada com o intuito de erradicar as plantações e evitar que os traficantes abasteçam o mercado consumidor de toda a região Nordeste. “Fizemos o acompanhamento prévio dessas localidades, junto com a Polícia Militar e focamos não só nas grandes operações realizadas pela PF, cerca de quatro por ano, mas também nos pequenos produtores, que terminam escapando dessas ações feitas pela Polícia Federal”, explica.

Giovani ainda ressalta que nas grandes operações, apesar de erradicar uma grande quantidade da droga, raramente a polícia consegue chegar aos cultivadores. “A questão das grandes operações é que nunca há prisões, porque temos muitos agentes envolvidos, uso de barco, helicóptero e essas pessoas conseguem ver que vamos fazer as operações e terminam fugindo. Já nas pequenas ações, conseguimos que os presos apontem os verdadeiros financiadores, para que possam ser identificados e presos”, detalha.

Prisões
Durante a ação da polícia em Chorrochó, dois agricultores, de 32 e 48 anos, foram presos. Um deles já foi detido por porte ilegal de armas. Os dois foram levados para a Delegacia de Polícia Federal de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, onde foram autuados em flagrante, por semear ou cultiva sem autorização, plantas que se constituem em matéria-prima para a preparação de droga.

“Com a prisão dos agricultores conseguimos chegar aos nomes dos financiadores, aqueles que estavam custeando os plantios.  Então, isso é importante porque vamos também responsabilizar quem são os plantadores. Essas pessoas serão intimadas para prestar depoimento e podem responder por tráfico de drogas. Com isso vamos conseguir tirar de circulação para que não voltem a financiar novas plantações”, argumentou Giovani.
 

Toda a maconh encontrada foi incinerada (Foto: Divulgação / Polícia Federal)
Toda a maconha encontrada foi incinerada (Foto: Divulgação / Polícia Federal)

Os agricultores foram encaminhados para o Instituto de Medicina Legal (IML), onde fizeram exame de Corpo Delito e em seguida conduzidos para a Cadeia Pública de Salgueiro, onde ficarão à disposição da Justiça Federal.

Operações
Em fevereiro de 2016 uma operação da Polícia Federal erradicou 170 mil pés de maconha em cidades do Sertão de Pernambuco. Deixaram de ser produzidas 56 toneladas da droga. Foram destruídos 31 plantios e 58 mil mudas. Ainda foram apreendidos 400 quilos da droga pronta para consumo.

No ano de 2015 a PF erradicou 806 mil pés do entorpecente, evitando a produção de 268 toneladas da droga. 260 plantios foram destruídos, junto com 361 mil mudas. 546 quilos de maconha pronta para consumo foram apreendidos.

 

Fonte: http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2016/05/policias-federal-e-militar-erradicam-60-mil-pes-de-maconha-no-sertao.html


____________

 

Que lindeza de plantação. Pareciam estar prestes a colher.

O famoso fumo "cabrobó".

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
Entre para seguir isso