Ir para conteúdo
Growroom

MACONHA E ATAQUE DO PANICO


Brunozn96

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Eai Galera beleza?

eu abri um fórum aqui a alguns anos atras (2013), falando sobre o problema que enfrentei fumando maconha, vou citar embaixo.. 

Citar

blz galera então eu queria uma opinião de vcs com o meu problema e o seguinte:

antigamente faz + ou - uns 8 meses eu fumava maconha todo dia 1 baseado e uma vez eu fumei e começei a passar mal meus batimentos cardíacos aumentaram mt fiquei acelerado senti calor depois senti frio , senti caimbra nas pernas fui parar no hospital por causa de 1 beck e chegando la tava com taquicardia suadeira foi terrivel e descobri que tenho prolapso valva mitral , isso aconteceu a 8 meses e hj eu tomo remedio propanolol para evitar arritmia e hj em dia eu fico com meus amigos enquanto eles fuma de tabela e nao me acontece nada oque vcs acha q se eu fumar volta a acontecer ? de vez em quando eu fumo cigarro e nao acontece nada , bebo e nada se alguem ja passou por isso sabe como e i nao desejo a ngm porque foi uma sensação horrível deem sua opiniao abraços

bom continuando esse post foi em 2013 e hoje aqui estou em 2016 relatando o que aconteceu comigo, e me desculpem por eu não ter respondido mais nada no tópico, eu perdi a senha daquela conta e com o acontecido eu fiquei tão abalado, que acabei me desligando da internet e não respondi mais ao forum, e hoje vi que rendeu um bom debate la sem eu ter participado.

Foi o seguinte comecei a fumar maconha com 15 anos e aos poucos fui andando por rodas de amigos e conhecendo coisas novas, comecei a cheirar e beber que nem louco, e em um certo dia ia ficar sossegado na minha casa, em um sabado eu resolvi comprar um baseado pra relaxar, e tive uma crise de panico que nem relatei a cima no post antigo e desde então nunca mais fumei, fui em um cardiologista e descobri que tenho prolapso da valvula mitral e a doutora disse a famosa frase de quem porta PVM "que eu vou morrer com isso mais nunca disso", e me receitou propanolol pra tomar todo dia, e desde então pratiquei esporte, andei de skate e bebi, mais bebi muito so vivia de cachaça pra compensar a saudade do green, e tenho sentido dores no peito e falta de ar, nada de mais, apenas sintomas do meu problema, porque deixei os remedios de lado e toquei o fodase, e vivi uma vida normal, apenas com dores no peito nada que cause panico, fui em muitas festas e quando bebi demais acabei fumando maconha e nao me acontecia nada dos sintomas da crise de panico achava estranho, pois quando tentava fumar unzinho sozinho sempre vinha os sintomas novamente, e vi em um topico aqui do forum de um colega dizendo que tem o mesmo problema, e que ele resolve tomando propanolol 1 hr antes de dar um tapa, e tentei experimentar, tomei o remedio fui na bica bolei uma perna de grilo e dei apenas 2 tragos, caminhando na rua com um amigo, depois de 5 minutos parecia que eu fumei 5 baseado bateu uma brisa tao forte que eu perdi a noção do tempo e do espaço parecia que eu tava sedado e meu coração deu uma leve acelerada, cheguei na praca com os amigos e fiquei naquela paranoia sentado observando as arvores e tentando dialogar, depois de um tempo o acelero passou e fiquei apenas lombrado, e fui pra casa dormi, no final de semana tentei repetir a dose tomei o remedio peguei uns 5 camarao da paranga e coloquei na ponta do cigarro, fumei o cigarro todo, fiquei apenas chapado, agora descobri que todo esse tempo foi uma crise de panico e eu acho que estou conseguindo controla-la, quando eu fumo sozinho e fico pensando naquela vez que sofri um ataque, me vem um acelero e falta o ar, agora quando fumo um dedo de gorila entre amigos bebado nada me acontece, vou tentar continuar a experimentar e voltar a fumar e vou relatando aqui nesse topico.

abraços galera

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

é foda saber a causa disso velho..Muita gente relata isso

creio ser tipo uma reação em cadeia que se desencadeia no subconsciente, agora a raiz disso eh foda saber

talvez se vc conseguir manter a sua atenção e pensamentos  apenas no presente durante o efeito da erva  (se esquecendo de pesos do passado ou preocupações pelo futuro) mt provavelmente isso não aconteceria

tenta curtir o momento, se distrair com a paisagem ou conversas

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Amigo, talvez isso te ajude:

em relação a ansiedade:

o THC se liga a um neurotransmissor que produz canabinoides naturalmente, esses canabinoides são ativados por neurônios após serem ''acesos'', sempre quando temos um pensamento esses neurônios ficam ativos, e após ativos eles ficam temporariamente irresponsáveis, e os canabinoides quem interrompem esse processo e dão rumo a eles... o problema é que quando a gente fuma um nosso cérebro fica saturado de canabinoides, então quando esses neurônios estão ''acesos'' n há um neurotransmissor específico pra filtrar ele, logo eles acabam que se perdendo e ligando rapidamente aos primeiros pensamentos que vem na cabeça, o que leva teus pensamentos a serem mais amplos e mais conectados; em termos de ansiedade, quando você começa a ter um pensamento ansioso, ele acaba que ganhando força e ficando cada vez mais sólido... e o resultado disso é uma ansiedade a níveis irracionais, pensamentos ansiosos puxando um ao outro, te convencendo que há algo errado quando na verdade a única coisa errada é que você n tá conseguindo largar um simples pensamento ansioso que levou a essa crise gigantesca em primeiro lugar.

por fim ele recomenda o que sempre digo; low thc high cbd strain pra ter uma experiência mais tranquila, e evitar que esses neurônios se ligam a pensamentos ansiosos, ou que não sature os canabinoides em primeiro lugar.

e também meditação, pra ter uma mente mais calma, ter controle dos pensamentos ao invés de um cérebro todo embaralhado com pensamentos soltos a todo tempo.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Eai Nil, cara obrigado pela explicação e é exatamente o que imagino, ja que quando estou entre amigos distraidos esses pensamentos ansiosos não me vem a cabeça, e veja bem nunca tentei fumar uma pure, apenas prensado e também nunca tentei uma dose com mais cbd... no caso preciso de um vaporizador certo? 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 5 years later...
  • Usuário Growroom
Em 26/04/2016 at 10:18, Brunozn96 disse:

então eu consigo me distrair as vezes, e acabo não tendo esse acelero, mais quando to sozinho ai as coisas mudam, e parece também que o efeito da erva em mim esta 100x mais potente, eu do 2 tragos e ja bate uma brisa forte....

Oi então eu resolvi pesquisar sobre esse assunto, por que eu também nos primeiros 2 dragos , depois de 2 minutos a brisa vem lentamente e começa me dar ansiedade sem saber o que faço mãos trêmulas um arrependimento de eu ter fumado , coração acelerado e sinto ta bem  falta de ar, com enjooos ,  minha primeira maconha foi com 15 anos também andava com umas amigas mais isso não acontecia comigo pois fumava todos os dias baseados enormes eu dava risada até curtia a brisa com elas , depois que eu fiquei um tempo sem usar , parece que tudo mudou no meu organismo, se eu te falar que até dor de barriga me da na hora da brisa se não tiver banheiro perto e um desespero, eu não fico mais relaxada na brisa da maconha e olha que são apenas 2 tragos, as vezes na brisa eu me sinto incapaz de resolver as coisas sozinhas ai começo a pedir ajuda para amigos , ontem mesmo fumei sozinha dentro do meu quarto na parte da tarde 12:00 Mais ou menos mas tinha almoçado antes , mesmo assim passei mal tipo arritmia e pior de tudo que eu não paro de fumar fico meses sem , mais depois eu volto de novo a usar pra ver se eu consigo curtir pelo menos um pouco da brisa sair da realidade.  É raro eu dar risada na brisa por que parece que um bom tempo fico passando mal uma sensação horrível. 

Mas nunca cheguei a ir no cardiologista brisada , por que como eu disse dependendo da brisa eu fico dependente de alguém ir comigo, me da um desespero aquela aceleração no coração , tomara que ninguém passa mais por isso, eu tenho 23 anos hoje , mas ainda gosto do cheiro da maconha queria sentir a brisa como era antes só pra sair um pouco da realidade .

 

 

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...