Ir para conteúdo
Growroom

Evento Maconha Medicinal


Juniaum

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Achei interessante divulgar para a galera!! 

dia-medicinal_f1f4b310-d38f-423d-a17f-aa

No Rio de Janeiro teremos uma tarde atividades no Largo da Carioca, no Centro. Confira a programação e confirme presença no Facebook. https://www.facebook.com/events/981764305198857/

15 - 17H - Médicos fazendo atendimento básico, como auferir pressão, conversas com o público que estiver passando, distribuição de materiais informativos, feira de drogas.

17 - 19h - Aulões públicos. Especialistas em diversos temas vão fazer falas.

19h - Exibição do filme "Run from the cure", que conta a história do Rick Simpson e do óleo de cannabis. 

20h - Encerramento cultural e cortejo musical até a Lapa.

O estopim deste debate ocorreu com a repercussão do caso da pequena  Anny Bortoli Fischer, de 5 anos. A menina desenvolveu a síndrome CDKL5, um problema genético raro que causa epilepsia grave e sem cura. Na luta para diminuir o sofrimento da filha, Katiele encontra uma substância que pode ajudá-la, o CBD, derivado da maconha. Ela precisa trazer a substância ilegalmente para o Brasil, pois qualquer produto com origem na planta de maconha é proibido no país.

 

  • Like 6
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Conteúdo Similar

    • Por highbythebeach
      Olá, estou buscando tirar dúvidas e encontrar experiências de outras pessoas. Abri essa enquete, pois estou sofrendo males no intestino e vou fazer uma colonoscopia para descobrir o que me afeta. O fato é que sinto muito desconforto (algumas dores) e constipação (intestino preso), tomei muitos remédios e eles não ajudaram em nada a não ser em intoxicar meu fígado. Gostaria de saber quais efeitos você sentiram com o uso da cannabis no intestino/estômago usando a planta como tratamento, também gostaria de saber se alguém com síndrome do intestino irritável/doença de crohn como se sentem com o uso da cannabis.
    • Por Careca Dos Dreads
      Salve rapaziada,tudo certo?
      Bom, a um tempo atrás tive uma crise de ansiedade devido a um coma alcoólico q despertou isso em mim.Eu já fumava antes disso acontecer, mas só as vezes, e depois do acontecimento a erva me ajudou bastante,tava fumando um Beck por dia depois de uma pedalada na praia olhando o pôr do sol e me fazia muito bem. Acontece q criei um pensamento q não queria depender de nenhuma coisa externa pra me sentir bem comigo e fiquei preocupado e com medo de estar viciado na erva. 
      Comecei a fumar só final de semana, mas nao deu muito certo pq chegava segunda feira e me dava um pouco de abstinência, eu conseguia não fumar durante a semana, mas às segundas e terças eram difíceis por causa disso. 
      Enfim, vi uma informação na internet q as pessoas mais propícias a se viciarem na erva são jovens com ansiedade, e isso me deixou em dúvida se deveria voltar a fumar, pois sinto falta do bem q a maconha me fazia, mas também tenho medo de ficar viciado.
      Queria saber a opinião dos senhores a respeito.
      Valeu rapaziada.
       
       
    • Por CanhamoMAN
      Nova Jersey amplia uso de maconha medicinal para dor de cabeça e ansiedade
      http://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2018-03/nova-jersey-amplia-uso-de-maconha-medicinal-para-dor-de-cabeca-e   27/03/2018 22h20 Nova York, EUA Da EFE* O estado de Nova Jersey ampliou nesta terça-feira (27) seu programa de maconha medicinal para incluir pacientes que sofram de dor de cabeça, ansiedade, diversas formas de dor crônica e do transtorno neurológico da síndrome de Tourette. As informações são da Agência EFE.
      O governador de Nova Jersey, Phil Murphy, que assumiu o cargo no último dia 6 de janeiro e é favorável à legalização da maconha para fins recreativos, ampliou a iniciativa também para que os pacientes que estão sob tratamento paguem menos para registrar-se no programa, tenham mais lugares onde comprar a droga e diminuir a burocracia.
      Nova Jersey aprovou em janeiro de 2010, durante a administração do democrata Jon Corzine, o uso da maconha para fins medicinais – uma das leis mais restritas dos 29 estados com esta modalidade – para pacientes com câncer, Aids, epilepsia, doença de Crohn, glaucoma e esclerose múltipla.
      Em dezembro de 2012 foi aberto o primeiro centro privado para o tratamento, depois de obter o sinal verde do Departamento de Saúde de Nova Jersey.
      Já em 2013 foi aprovado seu uso para crianças com certas condições graves e, três anos mais tarde, a legislação foi ampliada para incluir também sua utilização para o transtorno de estresse pós-traumático, apesar do então governador republicano, Chris Christie, não apoiar o programa.
      "Os pacientes devem ser tratados como pacientes, não como criminosos. Seremos guiados pela ciência", disse Murphy em entrevista coletiva de hoje, na qual também assegurou que não falhará com os pacientes que não receberam o cuidado compassivo que lhes foi prometido há uma década.
      Segundo o atual governador, Chris Christie estigmatizou o programa ao dificultar que os pacientes se registrassem e que os cultivadores da erva pudessem operar no estado.
       
    • Por Suzette
      Amigos, boa tarde!
      Sou biólogo, tenho 32 anos, sou pai. Tenho ansiedade crônica ou também chamada de ansiedade generalizada. Sofro com essa doença desde a juventude, e desde então essa doença me cobra caro, acredite, já tomei toda tarja preta possível e impossível. Sobrevivi a desejos insanos de suicídio e instabilidade psicológica através do pensamento acelerado e ansiedade.
       
      Tenho uma família de cabeça fechada, pai advogado e mãe terapeuta, então a Cannabis nunca foi uma opção, aliás, nem existia os estudos que dispõem o tratamento de ansiedade e depressão (causada por ansiedade) que existem hoje.
       
      Me testei e resolvi usar a Cannabis, busquei em artigos, fóruns e grupos de discussões nacionais e internacionais para chegar a um consenso. Uso Cannabis todos os dias a cada doze horas, geralmente as 7:00 (quando levanto) e outra as 19:00 quando chego em casa. Nunca tive uma bad trip. A “dose” é a mesma todo dia, meio beck pra cada momento. A um ano e oito meses não tenho crises de ansiedade e até hoje a depressão não me encontrou novamente.
       
      Meu maior dilema e problema atual é conseguir novas sementes, estou na procura, mas sem sucesso. Hoje temo que com a chegada do fim do meu cultivo, pela falta do mesmo eu fique sem meu remédio, ontem mesmo contei, tenho 6 doses.
       
      Fica o meu relato, se curem, se cuidem e principalmente não desistam de vocês.
       
      Abraços.
    • Por bogart
      Pessoal,
      Alguém já teve experiência com extração de óleos ou similares para um paciente que precisa abrir o apetite?
      Particularmente, gostaria de saber da experiência com o extrato de CBD e o estímulo do apetite. O que eu encontrei até agora na internet me pareceu um pouco inconclusivo. O canabidiol tem a propriedade de causar a boa e velha larica?
  • Tópicos

  • Posts

    • Gente, não adianta procurar seed por aí em qq seed bank que envia para o Brasil O Seed bank tem que entender a fiscalização que acontece aqui e ter algo muito bom. Não adianta enviar semente dentro de capa de CD. Não vai receber...
    • Falou tudo irmão! Informação vale ouro! E aquela velha história né, o que ninguém sabe, ninguém estraga... eu entrei numa leve noia e até apaguei o post que mandei de SB... Além de ter muita informação boa e dicas de SB que sempre passaram de boas, galera tem que começar meter a cara e ir atrás do que tá querendo... Escolhe a strain, descobre quem é o breeder, vai no site e vê quem são os revendedores... senão tiver site, vai no IG e troca uma ideia com os caras, pergunta quais SB vendem os feijões deles e aí vai atrás... Eu to parando aqui de enviar link de SB no fórum... Qualquer coisa chamem no DM que eu passo os poucos que conheço Tmj
    • Eu já busquei comprar semente diretamente do breeders. No caso, como estava buscando Amnesia Haze, fui atras do "Soma Seeds". Fui no site, peguei o tel dele, entrei em contato pelo Whats.  Em menos de 5 minutos ele me respondeu que enviaria p/ o Brasil E me perguntou qtas sementes. Falei 10 sementes e ele nunca mais me respondeu. Várias mensagens e fui totalmente ignorado depois disso.  Acho que breeder não se interessa muito em vender p cliente final. Com isso, ano passado, comprei a AMN Haze (Soma Seeds) através do Attitude. Chegou tudo certo.
×
×
  • Criar Novo...