Ir para conteúdo
Growroom

Influência da maconha no cotidiano de um empreendedor


Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Recentemente, vi no fórum um tópico sobre fumar no trabalho. 
Achei as respostas muito interessantes.
Eu comecei a fumar meio tarde na vida. Aos 42 anos tenho comprado maconha para fumar em casa. E confesso que ela me ajuda muito, principalmente, deixando meu astral lá em cima, o que me faz desconfiar que eu sofria de algum tipo de depressão, pois do tempo que comecei a fumar (praticamente, todos os dias) notei uma expressiva mudança no meu humor.
Sou músico, compositor e gravo muita coisa em casa mesmo, e confesso que a maconha é uma chave que me abre portas fantásticas na criação e isso é muito recente pois no começo da minha carreira como músico fazia um tipo de música altamente apreciada por canabistas (reggae e ska, na maioria) sem a menor influência da maconha e isso hoje me soa muito irônico.
No início do ano, eu comecei a trabalhar como um pequeno empreendedor, e até então a maconha não me atrapalhava. Às vezes, fumo antes de sair de casa para atender meus clientes e é bom. Fora minha paranoia, ninguém nunca me notou alterado ou estranho.
Acontece que eu consumo aleatoriamente prensados e não sei que tipo de maconha estou consumindo.
Na última que comprei notei algo que eu queria compartilhar aqui. 
Sei que há vários tipos de maconha e seus efeitos variam. A erva que estou consumindo atualmente tá tendo um efeito forte no sentido de me deixar parado. 
Eu fumo e fico em casa, travado, sem iniciativa, com preguiça e, invariavelmente, me causa um sono muito forte, de dia ou de noite.
Isso me preocupa um pouco porque chego a pensar que daqui pra frente esse vai ser o principal efeito da maconha em mim.
Mas por outro lado já consumi outros prensados que não tinham essa propriedade. Eles até me davam um up.
Isso é normal?
Esse prensado tá bom?
Vou ter que aguentar essas variações na maconha que eu compro?
Vocês já tiveram isso também?
Isso tudo novo pra mim e, às vezes, me sinto constrangido de ficar perguntando aos meus amigos canabistas para não soar repetitivo e deslumbrado.
Obrigado e abraço a todos.
 

Editado por rastapunk
Má redação
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Cara isso é normal em prensados.. Vai ter uns que é porrada, te derruba mesmo.. outros que você vai ficar mais eufórico.. e aqueles que nem larica vai dar ehehehe

Eu tbm não curto muito ficar lezado, soh pra ver um filme ou jogar um game, entao quando acho um breu que tem esse efeito mais eufórico, já procuro pegar uma boa quantidade ehehehhe
 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Salve Rastapunk beleza? Então, a solução primária : cultivar e deixar o prensado de lado, mas, na prática nem todos tem esse acesso.
Juntamente com a solução primária a dica seria cultivar sativas. Quem sabe até um prenseed e tentar um cultivo em? Com certeza uma sativona não vai te deixar colado no sofá e morto de preguiça. Abraços.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Nesse Brasil, só fumando (vaporizando) um pra segurar a onda. É fod** !!! Vc busca empreender fugindo de patrão e esbarra no Governo como sócio majoritário, sem falar da camada proletariada acostumada com o assistencialismo formadora da mão de obra. 

E o nome pra o que vc sente Rastapunk é BODE, resultado da fumaça de péssima qualidade que anda inalando por aí. Sugiro que debruce nesse digníssima fonte de informação que é nosso GR e produza seu verdim. Não apegue-se ao fato do difícil acesso a strains (espécies) gringas. Sementes do bom e velho paraguaio, cultivadas e curadas de maneira correta pode surpreender ! Abrx 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Fala rastapunk, se não puder cultivar, tem como lavar o prensado. Eu curto muito lavar por esse fato, não me deixa lezado, dão um efeito mais energeticos kkkk To encerrando uma lavagem esses dias e dps vou postar um tutorial de um metodo que nao é com agua quente, preserva mais o sabor e a vibe da ganja... Abrss, e paz !

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Bem....eu sou empresário, tenho meu negócio, e fumo do green toooooodo dia. Com 42 anos, ta mais que na hora de comprar os equipamentos e plantar seu ganja. O prensado só vai te lesar nunca mais!!! E nem pense em vaporizar o prensado, vai sair um gosto de chá horrível. Plante amigo, livre-se do tráfico, o país agradece.

 

PaZ

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 weeks later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Conteúdo Similar

    • Por Azul_Piscina
      Oi galera então, eu fumei tipo 4 vezes na vida, experimentei no final do ano passado e até que não tenho bad quando tô chapada, mas quando vai passando o efeito eu fico muito triste e com umas paranóias e também não consigo me conectar com as outras pessoas nem nada que a galera fala de viajar em uma conversa, fico extremamente sensível, tipo coisas que eu não ligaria me deixaram triste, alguém aí já sentiu isso? 
      valeu gntt
       
       
       
       
    • Por lrs1327
      Galera, vou tentar ser rápida, ontem eu fumei um beck e depois de uns 10 min comecei a ter umas brisa estranha, eu ficava meio lenta por uns 3 segundos, depois voltava ao normal e ia acontecendo isso em loop, eu tentava voltar ao normal, tipo encostando nas coisas pra ver se estava tudo bem, mas meu corpo não me obedecia direito, minha boca ficava dormente, não conseguia sentir as batidas do meu coração, mesmo sabendo que estavam muito rápidas. Fiquei desesperada, pensei que ia morrer, tentei ficar calma, mas eu só queria que aquilo parasse e que eu voltasse ao normal, pesquisei várias coisas na internet pra saber se eu ia ficar com isso pra sempre, vi várias pessoas falando sobre bad trip, então presumi que seria isso, bebi bastante água, deitei e tentei dormir pra ver se hoje isso passava, demorei um pouco pra dormir, mas consegui. Hoje eu acordei um pouco melhor, mas ainda sinto minha boca dormente, meu coração um pouco acelerado e minhas mãos tremendo um pouco, mas nada pior do que ontem, estou querendo avisar minha mãe pra ela me levar no hospital e la talvez eles saberem o que fazer, mas antes quero saber de alguém se isso vai passar e se é normal ficar assim por 12h ou mais, por favor me ajudem, estou com medo de desenvolver esquizofrenia pelo o que eu vi as pessoas falando.
    • Por fielpcp
      Boa tarde galera, fumo há 8 anos e nesses ultimos anos quase sempre que fumo um tenho uma leve crise de panico e paranoia, mas o que corta esses sintomas é quando eu faço sexo ou quando me masturbo. Queria saber se alguem tem esse tipo de comportamento?
      E para quem tem sintomas de ansiedade ,crise de panico apos fumar um e nao quiser ficar na bad trip, tentem fazer isso ver se resolve porque pra mim isso é uma das melhores sensações quando ta na trip, esse combo thc e sexo <3.
    • Por trevorpeacelove
      Eai pessoal, gostaria da opinião de vocês sobre o acontecido, preciso contextualizar antes.

      Estava a exatos 3 meses sem fumar, hoje tenho 24 e desde os 18 sou usuário, de fumar quase todo dia, minhas bad ate então era ficar "cabreiro", do restante sempre foi boas reflexões filosóficas, risadas, euforia, morga, etc.
      Estou a conhecer uma mina que vem ganhando meu coração, ela sabe que sou maconheiro e que estava sem fumar por 3 meses, ela começou a fumar pouco mais de 6 meses, ela tem 18 anos.
      Eu acabei cedendo a minha proposta de 6 meses e aceitei um convite pra fumarmos junto. TOP tava animadaço, coração a mil, 1- porque já sou meio ansioso, 2-to gostando dela, 3- macooonhaaa.
      Antes desse rolê, estávamos indo bem, química batendo, reciprocidade, conexão se encaixando e só oque me atrapalhava era minha ansiedade em fazer dar certo e preocupado com a aprovação dela em minha ações e falas. Pois bem, então em nosso 4º encontro e por enquanto ultimo foi o seguinte:
      Chegamos no local planejado, era bem calmo, 1 carro passando a cada 1h só.
      Coloquei um lofi, pq ambos curtem.
      demos alguns abraços e beijos antes
      ela me deu a honra de acender, um baseado bem considerável pra duas pessoas
      apos terminar o baseado, trocamos um papo normal e quis analisar o quanto eu estava chapado
      eu de numa escala de 0 a 10 fiquei 8.5 ela disse que 6.5, pois bem
      percebi que não estávamos num time certo, eu muito eufórico e ela bem menos, ate pra beijar e abraçar eu estava muito acelerado, [percebivel
      OFF pra um contexto- Eu na maioria fumava com meus amigos, e lá temos uma cultura de alem dos papos cabeças sermos idiotas e piadistas, creio que isso é normal.
      A PARADA FOI ESSA, eu comecei a ser piadista, mas do bem claro, nada ofensivo, tipo o idiotão da classe, no começo tava massa, tirei varias risadas dela, dela rir pra porra, e nesse caminho entrei num vicio horrível em falar que ta brincando, exemplo, falava uma piada e no final da frase "kkkk brincadeira" mandava mais uma fala zuera "kk to brincando". Ai as vezes era sobre uma coisa sobre ela e falava "kkk to brincando" eu REALMENTE FIQUEI VICIADO EM FALAR ISSO, isso levou 1h30 +-, de tão modo que ela se irritou com razão, ela falo "que porra é essa mano, se é sempre assim?" eu falei que "não! de ficar falando que "to brincando", não! 
      E isso a incomodou a respeito de que nada que eu dizia era concreto e verdadeiro, e eu mesmo fiquei assustado com a situação mas tava chapado, ai ia tentar falar algo falava piada e continuava com o vicio véi.
      Eu ficava em silencio por alguns minutos, conseguia "VOLTAR" mas ai passava um pouco e repetia.. e assim era.
      Foi muito desconfortável pra ela, ela achou que tudo era uma piada ate o fato de eu estar ali e pensou que eu era um Joker do caralho mano, e isso foi triste pra mim.
      Alguns minutos em silencio apos ter "VOLTADO " eu disse pra ela que não sabia oque tava acontecendo e que minhas intenções era só dar amor, carinho e ser engraçado, pra que ela não defina quem sou por isso que estou fazendo, porque isso claramente pra mim estava sendo euforia até o talo, ansiedade, e tanto medo da aprovação sua que tudo que eu falo, estou usando esse gatilho "to brincando" pra sempre ficar em cima do muro sobre oque disse, eu analisando depois, pra mim foi isso, eu disse, inclusive ainda chapado.. e que estou errado sim pois preciso ser mais seguro e confiante. "
      Ela disse que entende e continuamos o role
      o melhores momentos foi no inicio do role, antes de começar meu vicio,
      depois tbm tivemos momentos agradáveis mas ainda com aquilo na cabeça. aquilo que eu digo e que senti é que ela ficou com medo de quem eu sou, ela me acha meio louco, me acha com transtorno de personalidade coisa do tipo, mas eu acho que não tenho isso não mano, nunca me aconteceu e acho que sou normal sim.
      Agora ela ta sem falar comigo  e eu to planejando em pedir pra nos vermos pessoalmente e eu disser oque penso mas eu perdi credibilidade nas minhas falas, eu sei que vou parecer autentico e real a falar sobre isso mas quem tem que avaliar é ela né, e isso ta me matando. Vontade de pedir pra td mundo que já fumei gravar um vídeo falando que não sou assim kkk.

      Como sair dessa com a mina é difícil vocês me ajudarem mas aceito qualquer sugestão e opinião, mas e a opinião sobre esse meu vicio, é preocupante ou bah nem é ? 
      Grato pela atenção pessoal ✌️
    • Por Edu.jpg420
      Salve rapaziada
      Eu tenho essa dúvida a tempos e nunca parei pra pesquisar sobre, mas gostaria de saber a opinião dos maconheiros.
      Eu não sei com vocês, mas comigo sim, pq a gente fuma com algumas pessoas e ficamos normais, E outras parece que 3 tragos são 3 puxadas num bong do snoop dog? Fumo com algumas pessoas e praticamente.nem me sinto chapado, apesar de gostar mais de fumar sozinho, tem pessoas que fumo pouco até e já fico doidão, risonho, tipo pira do primeiro beck. Pq isso acontece? 
×
×
  • Criar Novo...