Ir para conteúdo
Growroom

Stf Deve Julgar Neste Semestre Descriminalização Do Porte De Drogas


dine

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Teori Zavascki, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski. Essa é a ordem de votação. Bem que Dias Toffoli poderia esperar a vez dele p pedir vistas. Nos daria a chance de emplacar o 6 x 0 antes d novas vistas.

Mas como não é o caso (considerando q não é necessário estar na "vez" pra pedir vistas), fica a pergunta: se Dias Toffoli pedir vistas logo apos Teori proferir o voto, ele furaria a fila na votação?

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

A maioria da população não queria o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

A maioria da população não aceitaria, de jeito nenhum, a decisão obrigando os gastos no fundo penitenciário. Pra maioria, preso tem que se fuder mesmo.

A maioria da população que foi votar, votou na Dilma.

Se for usar isso de argumento, que seja pra tudo. Vamos foder todo mundo então, porque é isso que a maioria da população quer, kkkkkk.

Bom, como eu já tinha adiantado, esse é o Perfil do Fux. Acho que vai votar contra. Mas tudo bem, nada de desespero. Já temos metade do que precisamos.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Fiquei otimista depois do voto do Barroso, sempre imaginei que que seriam necessários mais uns 10 anos para esse nível de debate acontecer na sociedade brasileira. É até bom que eles peçam vista, demonstra que não é assunto simples a despeito do perigo de "sentarem"no processo.

Se vai passar eu não sei mas uma luz se acendeu. :animbong:

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Eu to botando fé nessa reportagem de hoje no fantástico, a Globo em si até agora não se manifestou sobre o julgamento da RE, pelo menos não pela TV, acho que eles indo até o Uruguay mostrando os clubes de cultivos, os bds resinados, a rotina da galera que fuma, não vai dar nada, até pq não tem como eles falarem nada pra prejudicar a gente, eles até mesmo a um tempo atrás fizeram uma reportagem com Growers do Rio ( daqui da casa ) que destribuem oleo de CBD pra alguns pacientes, achei a reportagem muito boa e esclarecedora de muita coisa, ali ja diferenciou muita coisa sobre os usuarios de Cannabis, acho que hj no Fantastico so vai dar uma continuidade, acho que daqui uns dias vai ter até receita cannabica na Ana Maria hahaha

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cara, acho UE osos importante disparado, vai ser mostrar que maconheiros são pessoas normais. Que fumam maconha, mas levam uma visa normal. Trabalham, tem filhos, são pessoas boas. Uma reportagem da globo tira o estigma de forma mais eficiente do que uma marcha da maconha. Ate pq nego do Brasil todo, inclusive os reacas, vão ver maconheiros felizes, trabalhando, cultivando e sendo produtivos pra sociedade. E acho q se perguntarem pra alguma autoridade se o consumo aumentou e ela falar que não, aí a vitória vão ser nossa mole.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Acho q vc confundiu com Amsterdã

Tive q procurar pq realmente não tinha certeza...

Las primeras legislaciones en Uruguay respecto a la regulación del uso de drogas fueron establecidas por la ley 9 155 de 4 de diciembre de 1933, la cual promulgó el Código Penal que definió:[4]

Artículo 223. Comercio de la coca, opio o sus derivados.

El que, fuera de las circunstancias previstas reglamentariamente, ejerciere el comercio de substancias estupefacientes, tuviere en su poder o fuere depositario de las mismas, será castigado con seis meses de prisión a cinco años de penitenciaría.[4]

El 11 de setiembre de 1937 se votó la ley 9.692 que adecuó la legislación interna a los compromisos adquiridos por Uruguay a nivel internacional en instancias como la Convención Internacional del Opio que tuvo lugar en La Haya en 1912, las Conferencia para la limitación de la fabricación de Estupefacientes realizadas en Ginebra en los años 1925, 1931 y 1932 que culminaron en el Convenio para la supresión del tráfico ilícito de drogas nocivas.[5]

Por el decreto-ley 14 294 de 1974 se derogó la ley 9 692 de 1937, se reguló la comercialización y uso de drogas y se establecieron medidas contra su comercio ilícito.[6] Esta ley definió con algunas excepciones como la investigación o uso medicinal que la plantación, tráfico o posesión de cannabis seria penada con cárcel, salvo las personas que tuvieran una cantidad mínima destinada exclusivamente para consumo personal.[6] En 1998 se promulgó la ley 17 016 que estableció cambios al decreto ley de 1974 y que constituyó hasta el año 2013 la legislación vigente respecto al uso de cannabis.[7] La misma establecía que el consumo es legal, así como su posesión cuando las cantidades fueran para consumo personal. No obstante, a pesar de permitir el consumo, la ley prohibía todo tipo de producción y comercialización.[7]

Seguindo a lógica proibicionista o Uruguai seria hoje um país de esquizofrênicos!!!

Pelo q eu entendi ela era descriminalizada de 1974 até 1998 quando ela teve seu consumo legalizado,muito mais tempo do q Portugal...

Detalhe importante, sem nenhuma tipo de punição ao usuario!!

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

É, desde a liberação da importação do CBD pela Anvisa que me convenci que a nossa revolução será sim televisionada. O Fantástico tem o poder de mudar a opinião pública e assim pressionar os legisladores. Vamos ver o que têm a dizer.

Cara, pode ter certeza que quem ajudou mais do que qualquer um, mais do que o Papa, os homossexuais no Brasil, foi a globo com aquelas novelas e matérias, e tudo mais.

Ultimamente a emissora mudou seu perfil conservador dos anos 70-80, para a partir dos anos 2000, por ali, se colocar de uma postura muitas vezes liberal e, dá pra dizer "politicamente correta".

Por mais que eu seja extremamente crítico quanto à qualidade do que produzem (sério, eu não consigo entender como a galera consegue assistir novela, e tenho vontade de dar um tiro de 12 em quem compara com outras séries que eu vejo), eu gosto que justamente a emissora mais forte do Brasil faça frente à Record, essa em uma cruzada extremamente moralista, conservadora, e não pode fugir disso pois é financiada basicamente por igrejas.

Eu concordo totalmente. Ganhar na mídia é importantíssimo para nossa causa, que foi a mais prejudicada, justamente, por questões de mídia nos anos anteriores. Quem sabe hoje eu até assista o fantástico pra ver essa matéria.

Mas não se enganem. Tudo na grande mídia envolve algum interesse por trás, econômico ou não.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Ultimamente a emissora mudou seu perfil conservador dos anos 70-80, para a partir dos anos 2000, por ali, se colocar de uma postura muitas vezes liberal e, dá pra dizer "politicamente correta".

Por mais que eu seja extremamente crítico quanto à qualidade do que produzem (sério, eu não consigo entender como a galera consegue assistir novela, e tenho vontade de dar um tiro de 12 em quem compara com outras séries que eu vejo), eu gosto que justamente a emissora mais forte do Brasil faça frente à Record, essa em uma cruzada extremamente moralista, conservadora, e não pode fugir disso pois é financiada basicamente por igrejas.

Cara, pra mim considero uma vitória apenas o fato de ir a público informações tão valiosas que realmente levam a verdade a qualquer um, e com boa procedência afinal. As sábias palavras desferidas pelo Ministro Barroso são exatamente as que vejo nos comentários da nossa galera, que faz crítica à desinformação que reina na nossa população, e com razão! Brasileiro adora persistir na burrice, andando de lado com o medo que sentem de usar a inteligência para ganhar a vida, fadado a viver e conviver na malandragem. Agora a Globo estar no meio disso tudo, ajudando, com pinta de Liberal, Atualizada e Pró-Brasil, me assusta/chateia muito, considero que a causa seria melhor ganha sem esta ajuda, sem desmerecer a influencia que ela causa na população, ela só age com o modo Capitalista em "ON". Então não agradeçam em nada provindo desta emissora, pois por mais que vá influenciar e até acelerar o ganho da causa, ela é quem vai lucrar, e muito.... Tipo MUITO mesmo, caso a planta seja liberada usando o Uruguai como referência. A globo só defende porque já sabe, assim como todo grupo que busca informação concreta/fatos, o quão lucrativo é o Mercado que cerca o mundo cannábico.

É bom ver que alguém está cuidado se SEUS NEGÓCIOS, e realmente fazendo o trabalho que é pra ser feito no Brasil. Por mais que o risco de não dar em nada, ou até piorar a atual Política esteja em jogo, sabemos agora que seria por mero costume do brasileiro, persistir no erro, porque o povo é assim, mesmo sabendo que o trem é bom, eles querem é que se fodam, pois pra muitos maconheiros ai, ele tão pouco se lixando pra causa, se contentam com o tráfico e com os produtos deste.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Pessoal.. Não entendi algumas coisas

No Uruguai, a lei permitiu apenas o plantio e o comércio através dos clubes (estou vendo o Fantástico).. Mas pelo que vi não podem comprar sem estarem associados aos clubes....

E aqui no Brasil se fala em porte e em plantio, mas como ficaria o comércio?

Outra coisa... Nos votos do STF os ministros condenaram todos os malefícios trazidos pelo tráfico porém se permitirmos o plantio e o porte da maconha o tráfico de cocaína e crack e sintéticos continuaria alimentando as biqueiras e as doideiras.....

O que acham?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Achei ridícula a reportagem... Citaram apenas o CBD como medicação, só falaram dos maus da planta e ainda fecharam publicando um único dado estatístico e ainda negativo e uma entrevista com um psiquiatra contra a maconha.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Superficial, deram voz a apenas um cientista falando negativamente da maconha, e só citaram por cima o Recurso do STF. Foi legal retratarem o Uruguai pos legalização (adorei falarem que era feriado num local movimentado e o único fumando era um turista brasileiro). Mas lançou mais dúvidas sobre o futuro do Uruguai do que apaziguou as inseguranças, na minha opinião.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Bas pinned this topic
  • Alex Kidd locked this topic
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...