Ir para conteúdo
Growroom

Uso Crônico Da Maconha Encolhe Partes Do Cérebro Mas Compensa Fazendo Mais Connecções


Canadense

Recommended Posts

  • Usuário Growroom
marijuana_1024.jpg
Heavy marijuana use shrinks your brain but compensates by making more connections

The first comprehensive investigation into the effects of long-term marijuana use has revealed that while the drug appears to shrink a certain part of the brain in heavy users, their brains will actively compensate for it by increasing connectivity - especially if they started using it young.

BEC CREW 11 NOV 2014
facebook_34.png7.2ktwitter_34.png38email_34.png

There’s a reason why every time new research is published about marijuana it’s met with furious debate - even the scientists who specifically research its effects can’t definitively say what they are. Just this year, new research has suggested that it can cause a decrease in the quality of your sperm, while another study identified it as apossible treatment for autoimmune disease. One study said it doesn’t have any effect on your IQ, but and another said that if you’re a teenage user, it can cause cognitive decline, and yep, a decreased IQ.

But now, neuroscientists in the US have completed the first comprehensive investigation into the effects of long-term marijuana use, and what they found could go a long way in explaining the confusion around it. One thing was clear - the brains of people who heavily use marijuana are different to those of their peers. But not only do the effects of the drug appear to change over the course of extended use, they also appear to differ depending on what age you start using.

The team, from the Centre for Brain Health at the University of Texas, recruited a relatively large group of participants, including 48 adult marijuana users and 62 gender- and age-matched non-users. They accounted for any biases that might skew their results such as gender, age, ethnicity, and tobacco and alcohol use. The marijuana uses were all classified as ‘chronic users’ who had been consuming the drug three times a day, on average, for the past 10 years, and showed no signs of psychosis or neurological disorders.

The participants were put through a number of cognitive tests while their brain activity was being scanned and imaged by an MRI machine. According to Abby Phillip at The Washington Post, three characteristics of the brain were analysed, including the volume of a region called the orbitofrontal cortex (OFC); how connected the OFC was to other areas in the brain; and the structural integrity of the brain tissue. The OFC region of the brain is associated with feelings of addiction, the ability to make decisions, and increased brain connectivity.

The cognitive tests resulted in lower IQ scores for the chronic marijuana users, and the brain scans revealed that they had smaller brain volume in the OFC region - but the team was careful to point out that there appears to be no correlation between the two results.

"The orbitofrontal cortex is one of the primary regions in a network of brain areas called the reward system,” said lead author and neuroscientist, Francesca Filbey, in a press release. "It helps us determine what is good for us and what keeps us sustained. In this case, the orbitofrontal cortex plays a role in drug use because drug use and things associated with it - paraphernalia for example - are associated with the rewarding effects of drugs.”

So the area in our brains that evolved to help us stay motivated based on a reward system appears to shrink over the course of long-term marijuana use, and the younger a user starts, the more significant the shrinkage.

But, strangely enough, the team also found evidence that the brains of chronic marijuana users had been compensating for OFC shrinkage by actively increasing connectivity between different areas to the brain, and increasing the structural integrity of the brain tissue. These increases appear as soon as a person begins using marijuana, and they become more significant the heavier the use. Until a point.

After about six or eight years of chronic marijuana use, this increased connectivity starts to decline, leaving long-term users with a shrunken OFC and only slightly above average connectively. The results have been published in the journalProceedings of the National Academy of Sciences.

"To date, existing studies on the long-term effects of marijuana on brain structures have been largely inconclusive due to limitations in methodologies,” said Filbey. "While our study does not conclusively address whether any or all of the brain changes are a direct consequence of marijuana use, these effects do suggest that these changes are related to age of onset and duration of use.”

Importantly, as Phillip explains at The Washington Post, there’s so far no evidence to suggest a connection between the structural integrity of the OFC and certain human behaviours. "And it is possible that the small orbitofrontal cortex observed in marijuana users predated their marijuana use," says Phillip. "A 2012 study found that smaller orbital frontal cortex volume at 12 years of age appeared to predict the initiation of marijuana use later in life.”

So once again, we’re left with an inclusive study, but what we can say is that, at least in the early days of use, any damage that’s being done appears to be compensated for by the incredibly adaptable human brain - particularly if you start young.

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Como dito pelos pesquisadores: The results showed that compared

with controls, marijuana users had significantly less bilateral
orbitofrontal gyri volume, higher functional connectivity in the
orbitofrontal cortex (OFC) network, and higher structural connectivity
in tracts that innervate the OFC (forceps minor) as measured
by fractional anisotropy (FA).

Os resultados mostram que, comparados com os controles, usuários de marijuana tem significativamente menos volume
no giro orbitofrontal, maior conectividade funcional na rede do cortex orbitofrontal (OFC) e maior conectividade estrutural nos
tratos que enervam o OFC (forceps menor), medidos por anisotropia fracionada (FA).


Como dito pela mídia:
USUÁRIOS DE MACONHA TEM CÉREBRO ENCOLHIDO, MAS COM MAIS CONEXÕES!11!1!

Então tá, né...
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

"The marijuana uses were all classified as ‘chronic users’ who had been consuming the drug three times a day, on average, for the past 10 years, and showed no signs of psychosis or neurological disorders."

isso eh uma vitoria. Bom artigo.

Agora discordo com voces de ser "melhor". Nao tem que ser melhor so pq a gente fuma maconha, pode ser so diferente. Diferente nao eh melhor nem pior.. so diferente! Acho que eh inerente ao ser humano o sentido de comparacao, mas se os cientistas nao se atreveram a dizer que eh 'melhor' pq nos deveriamos? ;)

@Canadense, tambem to em Toronto e queria te perguntar 2 coisas se nao for tomar muito seu tempo. Se puder me envia uma MP ja que nao posso enviar pra voce.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

doa o quanto doer temo que parar de interpretar as coisas a nosso favor, o texto diz tb que:

''The cognitive tests resulted in lower IQ scores for the chronic marijuana users''

e tb diz que:

''After about six or eight years of chronic marijuana use, this increased connectivity starts to decline, leaving long-term users with a shrunken OFC and only slightly above average connectively''

entao nao vamos nos iludir achando que a maconha melhora o cerebro nao, eu acredito que ela prejudique, mesmo que pouco, mas pelo menos em mim, memoria de curto prazo ja era, e sinto que tenho que me esforçar mais para memorizar e aprender... mas nao acho que me prejudique mais que ela me ajuda em outros aspectos, então colocando na balança o uso cronico e diário pra mim compensa

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cannabis shrinks your brain and expands your mind ...

Canabis encolhe o seu cerebro e expande a sua mente ...

Foi isso que entendi ...

Keep on smoking ....

Isso que eu tenho uma cabeca enorme ... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

concordo que isso não é, necessariamente, uma coisa boa.. ou melhor

é preciso ter muito cuidado na interpretação dos dados gerados pela ciência e suas aplicações práticas, uma vez que estamos apenas começando a produzir conhecimento em ambas as áreas (cérebro e cannabis)

em pessoas consideradas "normais", talvez essas consequências possam, sim, ser prejudiciais. porém, em alguns casos, pode ser interessante voce ter uma forma de estimular o cérebro a buscar "novos caminhos".

é necessário buscar novos conhecimentos e tentar entender como e porque essas alterações são feitas..

edit: lembrando sempre o fator IDADE das pesquisas. Maconha não é uma droga para crianças..

Canadense sempre trazendo boas informações pro Growroom

:335968164-hippy2:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

doa o quanto doer temo que parar de interpretar as coisas a nosso favor, o texto diz tb que:

''The cognitive tests resulted in lower IQ scores for the chronic marijuana users''

e tb diz que:

''After about six or eight years of chronic marijuana use, this increased connectivity starts to decline, leaving long-term users with a shrunken OFC and only slightly above average connectively''

entao nao vamos nos iludir achando que a maconha melhora o cerebro nao, eu acredito que ela prejudique, mesmo que pouco, mas pelo menos em mim, memoria de curto prazo ja era, e sinto que tenho que me esforçar mais para memorizar e aprender... mas nao acho que me prejudique mais que ela me ajuda em outros aspectos, então colocando na balança o uso cronico e diário pra mim compensa

Não tem tentando enganar ninguém aqui... Sequer sei o que é "Melhor" ou "Pior"...

Nossa meu cérebro diminui 2 milímetros...mas conheço gente que não fuma nada e não tem cérebro para diminuir...

Absolutamente nada é inócuo...nem água. Imagina maconha....

Todas as pessoas usam drogas, experimente fazer teste igual com quem bebe...Eu escolhi usar maconha e estou preparado para lidar com as consequências do uso.

O cara descobriu que o uso cronico de maconha pode fazer mal? Sério isso? Ah vá...

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

No seu outro comentario vc falou que "conhece pessoas que nem tem cerebro pra diminuir". Facilidade em apresentar exemplos nao torna a estatistica mais relevante, so mais difundida.

Exemplificando, eh mais facil achar um professor com doutorado que goste de poesia ou um caminhoneiro que goste de poesia? Tem mais de 10mil caminhoneiros pra cada professor com doutorado no mundo, entao, estatisticamente falando seria mais facil achar um caminoneiro que goste de poesia.

Por favor, na internet eh complicado de se expressar entao leia esse meu comentario da maneira mais calma e pacifica possivel!

------------------------------------------

Manual de Como sobreviver num corpo humano: viva uma vida saudavel se permitindo os males das coisas que te fazem bem.

Ate amar faz mal quando nao correspondido, te deixa altamente depressivo, desmotivado quase letargico. Devem ter estudos nessa area que indiquem mudancas cerebrais (talvez temporarias que voltem ao normal com se voce "der um tempo" com o amor) para o individuo que ama/nao eh amado, mas quem nao vai se 'arriscar' sabendo que a recompensa de um amor correspondido vale muito a pena?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

No seu outro comentario vc falou que "conhece pessoas que nem tem cerebro pra diminuir". Facilidade em apresentar exemplos nao torna a estatistica mais relevante, so mais difundida.

Exemplificando, eh mais facil achar um professor com doutorado que goste de poesia ou um caminhoneiro que goste de poesia? Tem mais de 10mil caminhoneiros pra cada professor com doutorado no mundo, entao, estatisticamente falando seria mais facil achar um caminoneiro que goste de poesia.

Por favor, na internet eh complicado de se expressar entao leia esse meu comentario da maneira mais calma e pacifica possivel!

------------------------------------------

Manual de Como sobreviver num corpo humano: viva uma vida saudavel se permitindo os males das coisas que te fazem bem.

Ate amar faz mal quando nao correspondido, te deixa altamente depressivo, desmotivado quase letargico. Devem ter estudos nessa area que indiquem mudancas cerebrais (talvez temporarias que voltem ao normal com se voce "der um tempo" com o amor) para o individuo que ama/nao eh amado, mas quem nao vai se 'arriscar' sabendo que a recompensa de um amor correspondido vale muito a pena?

Eu sou pacifico...mas meu avatar é resmungão...

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Entendo toda a pesquisa em torno do tema, e a discussao que é gerada. Mas parafraseando bob marley: eu vivo louco porque vivo em um mundo que nao merece minha lucidez.

Entao vamos deixar de lado essas brigas e olhar para dentro de cada um, se vc usa maconha diariamente, e ve seu desempenho melhorar com o uso, use, se usa e ve o desempenho piorar, pare de usar.,, (ha quem diga para usar mais) hehehe

Eu uso, diariamente, sem pretensao de viver 1000 anos, e nos anos que tenho pela frente, tenho certeza que nao vai ser a cannabis que vai me deixar " burro", afinal, milhares de outros componentes realmente toxicos que ingerimos diariamente nao sao frutos de estudos e estao presentes ate no ar da minha cidade, e que infelizmente mata 14 pessoas por dia, mais ate que o cancer... E vc ai preocupado com a cannabis?

Entao vamos fumar sem medo de ser feliz!!!! Hahaha paz!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Não tem tentando enganar ninguém aqui... Sequer sei o que é "Melhor" ou "Pior"...

Nossa meu cérebro diminui 2 milímetros...mas conheço gente que não fuma nada e não tem cérebro para diminuir...

Absolutamente nada é inócuo...nem água. Imagina maconha....

Todas as pessoas usam drogas, experimente fazer teste igual com quem bebe...Eu escolhi usar maconha e estou preparado para lidar com as consequências do uso.

O cara descobriu que o uso cronico de maconha pode fazer mal? Sério isso? Ah vá...

nao falei que vc esta tentando enganar ninguém, falei o que falei pq existem pessoas que realmente acreditam que nao faz mal algum e faz somente bem, nao falei em momento nenhum que vc é essa pessoa, nao estou aqui defendendo a proibição, vc me interpretou mt mal, existem milhares de coisas que sao consideradas normais pela maioria das pessoas que fazem muito mais mal que a maconha, nao tenho duvidas em relação a isso, tenho parentes diabeticos que nao conseguem parar de comer doce, enfim, a hipocrisia que gira em torno do assunto é mt grande

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 weeks later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...