Ir para conteúdo
Growroom

Legalização Da Maconha É Discutida Em Congresso De Psiquiatria


Recommended Posts

  • Usuário Growroom
Legalização da maconha é discutida em congresso de psiquiatria

http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/brasil/2014/10/17/interna_brasil,536844/legalizacao-da-maconha-e-discutida-em-congresso-de-psiquiatria.shtml

Anamaria Nascimento

Publicação: 17/10/2014 14:05 Atualização: 17/10/2014 14:25

20141017142449151688u.jpg BRASÍLIA - Um debate sobre a legalização da maconha no Brasil dividiu a comunidade médica durante o 32º Congresso Brasileiro de Psiquiatria (CBP), que acontece até sábado no Distrito Federal e reúne cerca de 7 mil estudantes e profissionais de saúde mental. As discussões entre os médicos foram acompanhadas pelo senador Cristovam Buarque (PDT-DF), responsável pela formulação de um projeto de lei sobrea legalização da droga. De acordo com o senador, as opiniões dos médicos serão levadas em conta na elaboração do projeto.

Contrário à legalização da droga, o psiquiatra Ronaldo Laranjeira, professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), argumentou que 28 milhões de pessoas vivem com um dependente químico no Brasil e que 62% das pessoas que usam o entorpecente fizeram uso da droga pela primeira vez antes dos 18 anos. "Cestamos falando de uma questão que afeta principalmente os adolescentes brasileiros. A solução do problema está na prevenção e não na legalização", pontuou.

Entre os defensores do uso medicinal da maconha, o psiquiatra Elisaldo Carlini, também professor da Unifesp, destacou que a importância da maconha para fins medicinais está comprovada. "Cartigos científicos elaborados em várias partes do mundo ao longo das décadas apontam que a maconha não pode ser relacionada a transtornos psíquicos", afirmou. Segundo ele, a legalização da droga levaria ainda a uma diminuição da população carcerária brasileira. "Cinco dias detentos em uma penitenciária causam mais problemas em um indivíduo do que cinco anos de uso da maconha", comparou.

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Ta certo.

O ESPECIALISTA ronaldo larangeiras que havia dito anteriormente que nao existe o uso medicinal da cannabis.

Queria saber que valor tem as palavras desse "especialista" que não tem noção nenhuma dos estudos relacionados a cannabis.

Vem k laranja, sua atitude contrária a regulamentacao da cannabis refere-se aos estudos que o SR. teria obrigacao de conhecer e diz que não existem, ou a questão é relacionada a religião?

Inclusive pergunto, quais as consequencias da regulamentação da cannabis nas suas clinicas?

  • Like 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

O leite deve ser o proibido, porque 100% dos dependentes químicos fizeram uso do leite antes da droga.

A solução é a prevenção... Como faz a prevenção laranjeira? Leva você pra falar na escola? Leva o papa pra falar na televisão? Como faz? E os que não se convencerem? Vamos botar na cadeia?

Estamos na era da medicina baseadas em evidências, mas o especialista laranjada não precisa estudar os artigos. Basta repetir as mesmas bobagens de sempre. Já tá queimando o filme da psiquiatria da unifesp seu Ronaldo.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Toda vez que o laranjada abre a boca pra falar o Professor Carlini deve ter ataques de nervo, pois quando ele diz que cannabis não é medicinal ele desmerece todo um trabalho do professor que ele faz desde 1970!!!!!

"Cinco dias detentos em uma penitenciária causam mais problemas em um indivíduo do que cinco anos de uso da maconha"

Grande frase.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Por ele ser Psiquiatra e estar espalhando falsas informaçoes referentes ao uso medicinal da cannaibis, poderia ele, E DEVE ter seu diploma caçado assim como fizeram com a Marisa Lobo por respaldar seus argumento na religião, e o laranja embasa seus argumentos nas suas ideologias falsas, pelo menos uma dura advertência ele tem que levar.

Principalmente agora que o Conselho regional de Medicina de São Paulo AUTORIZOU a prescrição de cbd para pacientes com epilepsia grave e tb em algum casos isolados a justiça ja autorizou importaçao do sativex tambem!

Algum advogado tem que abrir uma açao contra o mesmo, e fazer uma reclamação formal junto as conselhos competentes. Isso nao é mais caso de debate, e sim de JUSTIÇA!

  • Like 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Conteúdo Similar

    • Por ben1O
      Bom dia rapaziada!
      Vim discutir sobre quão prejudicial pode ser usar cigarros como filtro do baseado, sei que em alguns lugares falam "Cigarronha" e por aqui no Rj geralmente se fala "Balão".
      Não gosto muito de fumar o tal balão, mas as vezes acabo fumando porque sinto a onda mais suave. Será que isso faz mal ou não? Para os que não sabem é um baseado que tem como "piteira" um cigarro, não fumamos o cigarro, só a maconha.
    • Por matiaxxxx
      fala rapaziada, então, eu comecei a fumar ano passado, e pra mim sempre foi muito bom, sempre me deixou mt tranquilo e bem comigo mesmo. mas esse último fds foi foda, acho que fumei muito mais do que eu tô acostumado, e cai numa badtrip fudida. achei que dormindo iria melhorar, mas logo no domingo de manhã acordei com uma náusea do caralho, e meu batimento não tinha normalizado, e tô com isso até agora, já tomei vários remédios e nada mudou. bebi duas doses de dreher antes de fumar também. alguem tem ideia do que pode ser? devo ir no hospital? obs: sou menor 
    • Por Maconheira000
      Olá maconheiros(a),tenho 17 anos,daqui uns dias faço 18 anos, comecei a fumar com 14 anos e rodei em fevereiro desse ano,minha vó deu maior sermão,choro e ainda fico falando q ia me internar na clínica,e ficava me chamando de drogada todo o dia,e ainda ela tranca a porta do quarto,pq ela acha q vou roubar o dinheiro dela.
      E para ainda mais,meus pais são autoridades e minha família é tudo crente (crente bem fanáticos),não tenho como morar com os meus pais,por questões pessoais não daria nem um pouco certo.
      Tô planejando a me mudar para capital faz tempo,moro no interior,e pior q minha família tb não aceita eu ir morar na capital falam q é perigoso e tudo mais,já até falaram q se eu for eles vai tentar me impedir.
      Aceito conselhos,e tenho uma pergunta,podem me internar na clínica mesmo eu sendo de maior?ainda mais q meus pais tem essa autoridade.
    • Por highbythebeach
      Olá, estou buscando tirar dúvidas e encontrar experiências de outras pessoas. Abri essa enquete, pois estou sofrendo males no intestino e vou fazer uma colonoscopia para descobrir o que me afeta. O fato é que sinto muito desconforto (algumas dores) e constipação (intestino preso), tomei muitos remédios e eles não ajudaram em nada a não ser em intoxicar meu fígado. Gostaria de saber quais efeitos você sentiram com o uso da cannabis no intestino/estômago usando a planta como tratamento, também gostaria de saber se alguém com síndrome do intestino irritável/doença de crohn como se sentem com o uso da cannabis.
    • Por Sabrina0987
      Oi galera, tudo bom? 
      To com uma dúvida e espero q vcs possam me ajudar! Fumei pela última vez a 11 dias atrás, hoje preciso tomar umas vacinas e sabado fazer uma exame hormonal (sim, de sangue) quero saber se a maconha interfere tanto na vacina causando uma situação ruim e no exame de sangue alterando. 
×
×
  • Criar Novo...