Ir para conteúdo
Growroom

Maconha E Gastrite/Refluxo


rChong

Recommended Posts

  • Usuário Growroom
Em 07/12/2016 at 11:26, Benz1620 disse:

É isso, as pesquisas que vi se referiam ao consumo de cigarro, n encontrei referências especificas da cannabis.

Enquanto a comer menos porções em horários mais frequentes é uma forma de tentar controlar a acidez q a gastrite causa. Tanto q depois de uma noite de sono, logo ao acordar é o hr q mais sinto ânsia de vomito e queimação, por estar de estomago vazio. ?

N queria parar de fumar, mas se eu perceber q influencia muito, vai ser o jeito dar um tempo.

Mesmo com tratamento medicamentoso adequado ainda n me sinto melhor, com crises de vomitos persistentes.

Vlw por responder. ?

Oii eu sinto a mesma coisa que você eu fumo um de manhã um a tarde e um a noite até ai suave mais quando eu acordo começa a vir a ânsia e eu acabo vomitando, queria cuidar mais de mim e to em duvida se isso realmente é por causa da maconha :( se caso você tiver melhor e querer me passar dicas do que você acha responde ai 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 months later...
  • Usuário Growroom

Isso deve ser síndrome de hiperêmese de canabinoide, SHC. Muitos médicos ainda desconhecem por ter sido descoberta  q pouco tempo. Eu tenho, fumei anos diariamente... É péssimo, ânsias, dor no estômago... E tudo vai piorando, pode chegar a matar. A única cura é parar de fumar e se voltar os sintomas voltam e só pioram. Milhões de americanos estão com a síndrome. 

Se quiser saber mais a respeito, entre no grupo

https://www.facebook.com/groups/397407137879985/

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 10 months later...
  • Usuário Growroom

Opa, ressuscitando o tópico por aqui..

Quero saber se alguém tem sintomas parecidos com o meu, relacionados a gastrite e/ou maconha.

Primeiro um breve histórico, desde que me conheco por gente, lembro de quando era pequeno, comia um hotdog ou uma pizza de calabresa e depois passava mal vomitando. Meu pai e minha vó também sempre tiveram enxaquecas de problemas com comidas.

Há alguns anos atras, fiz uma endoscopia e já tinha uma gastrite moderada, agora, depois dessa quarentena, acredito que meus problemas pioraram muito, MAS, nunca tive muitos problemas com azias, refluxo, o que acontece comigo é dependendo do que comi/bebi no dia anterior, no outro dia acordo com uma dor de cabeca latejante, e ansia/vomitos.. normalmente vomito o dia todo até estabilizar e conseguir manter liquido/comida no estomago.

Nunca fumei cigarro, mas macoha fumo desde os 16 anos, hoje estou com 35.
Bebidas, sempre bebi bastante mas menos que todo mundo que conheco :emoticon-0140-rofl:

Nestas ultimas semanas, cortei 100% do alcool, alimentação cortei 90% do ifood.
Cafe, somente 1 ou 2 xícaras por dia. (Hoje comecei a tomar café com leite sem lactose para amenizar os problemas do cafe)
O que está dificil era o chocolate, ontem mesmo comi um bolo de chocolate, e hoje to cor dor de cabeça daquelas (mas sem vomito), para ajudar ainda comi mais um pedaço do bolo agora pela manha lkkk ai piorou tudo.

Sobre a erva, aumentei muito meu consumo de erva, normalmente ali por quinta já comeco a fumar e paro somente no domingo, MAS, mesmo assim, este meu alto consumo, pode ser somar 2 cigarros de maconha nesse período (quinta a domingo), seria em média meio cigarro por "noite"

Já marquei consulta, vou fazer uma endoscopia para ver como está o estrago da gastrite, será somente metade do mes que vem o exame.

Depois de dimiuir praticamente de tudo um pouco da minha rotina alimentar, sobrou o velho cigarrinho de maconha, e agora tava lendo essa sindrome SHC, mas acredito que não me encaixo muito nela,  mas estou na duvida se tambem posso ter piorado devido a fumaça da maconha ou do próprio THC !?!?!

Refletindo muito sobre o assunto, inicialmente vou trocar totalmente o cigarrinho de maconha, por um Vaporizador Dynavap e um Bong que já possuo e acompanhar ver se continuo com os problemas. Tentar tambem iniciar no mundo dos comestíveis.. 

Mas daí se não for a fumaça, e for o thc, estou lascado.. não vai adiantar usar bong, comestível, óleo :angry:

sou apaixonado por essa ervinha.. 

Isso foi mais um desabafo, do que um questionamento kkk alguem mais com sintomas parecidos ou possíveis sugestões para os meus problemas ? 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 weeks later...
  • Usuário Growroom
Em 25/09/2020 at 16:56, gelo_stoned disse:

Opa, ressuscitando o tópico por aqui..

Quero saber se alguém tem sintomas parecidos com o meu, relacionados a gastrite e/ou maconha.

Primeiro um breve histórico, desde que me conheco por gente, lembro de quando era pequeno, comia um hotdog ou uma pizza de calabresa e depois passava mal vomitando. Meu pai e minha vó também sempre tiveram enxaquecas de problemas com comidas.

Há alguns anos atras, fiz uma endoscopia e já tinha uma gastrite moderada, agora, depois dessa quarentena, acredito que meus problemas pioraram muito, MAS, nunca tive muitos problemas com azias, refluxo, o que acontece comigo é dependendo do que comi/bebi no dia anterior, no outro dia acordo com uma dor de cabeca latejante, e ansia/vomitos.. normalmente vomito o dia todo até estabilizar e conseguir manter liquido/comida no estomago.

Nunca fumei cigarro, mas macoha fumo desde os 16 anos, hoje estou com 35.
Bebidas, sempre bebi bastante mas menos que todo mundo que conheco :emoticon-0140-rofl:

Nestas ultimas semanas, cortei 100% do alcool, alimentação cortei 90% do ifood.
Cafe, somente 1 ou 2 xícaras por dia. (Hoje comecei a tomar café com leite sem lactose para amenizar os problemas do cafe)
O que está dificil era o chocolate, ontem mesmo comi um bolo de chocolate, e hoje to cor dor de cabeça daquelas (mas sem vomito), para ajudar ainda comi mais um pedaço do bolo agora pela manha lkkk ai piorou tudo.

Sobre a erva, aumentei muito meu consumo de erva, normalmente ali por quinta já comeco a fumar e paro somente no domingo, MAS, mesmo assim, este meu alto consumo, pode ser somar 2 cigarros de maconha nesse período (quinta a domingo), seria em média meio cigarro por "noite"

Já marquei consulta, vou fazer uma endoscopia para ver como está o estrago da gastrite, será somente metade do mes que vem o exame.

Depois de dimiuir praticamente de tudo um pouco da minha rotina alimentar, sobrou o velho cigarrinho de maconha, e agora tava lendo essa sindrome SHC, mas acredito que não me encaixo muito nela,  mas estou na duvida se tambem posso ter piorado devido a fumaça da maconha ou do próprio THC !?!?!

Refletindo muito sobre o assunto, inicialmente vou trocar totalmente o cigarrinho de maconha, por um Vaporizador Dynavap e um Bong que já possuo e acompanhar ver se continuo com os problemas. Tentar tambem iniciar no mundo dos comestíveis.. 

Mas daí se não for a fumaça, e for o thc, estou lascado.. não vai adiantar usar bong, comestível, óleo :angry:

sou apaixonado por essa ervinha.. 

Isso foi mais um desabafo, do que um questionamento kkk alguem mais com sintomas parecidos ou possíveis sugestões para os meus problemas ? 

 

Já fez teste de intolerância à lactose?

 

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
9 horas atrás, ramon74 disse:

 

Já fez teste de intolerância à lactose?

 

Boa! vou pedir pra fazer também, lactose e gluten..
A boa notícia é que semana passada fiz 2 gelatinas de maconha, comi a semana toda fiquei bem chapado e não passei mal :icon_spin:então pelo menos eu acho que o Thc não está me fazendo mal.

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Interessante seu post @gelo_stoned. Tenho a mesma idade que você e pelo seu relato acredito que eu esteja mais estragado, embora melhorando. Agora na quarentena fumo todos os dias, mais de um - eu e minha esposa. O álcool eu consegui diminuir bem na quarentena e o cigarro eu parei com o careta, mas ainda fumo um tabaco de enrolar. Cortar o álcool é excelente, e sobre o café, acredito que o descafeinado pode ajudar no psicológico da situação como um todo, uma vez que a cafeína é bastante estimulante.

Pelos seus sintomas eu iria sugerir que você investigasse gordura no fígado (é mais comum que vc imagina) e acertasse um bom horário para as refeições, com um bom intervalo entre a última refeição do dia e a hora de dormir - fazer a digestão dormindo é péssimo para o organismo e você vai sentir os efeitos tanto no dia seguinte quanto à longo prazo. E essa questão do horário das refeições afeta muito a galera que fuma em função da larica. Não creio que o problema esteja isoladamente relacionado ao uso da erva ou aos efeitos do THC, mas não sou médico.

No mais, a melhor pessoa que pode te ajudar é um médico. E uma coisa que aprendi é: fale para o seu médico de todos os seus hábitos, incluindo a maconha. Não tenha medo e se achar que ele foi preconceituoso busque uma segunda opinião. Na última vez que fiz um check-up o médico foi muito mais crítico do cigarro, do álcool e do sedentarismo do que da maconha. Eu vinha mudando bem os hábitos até a quarentena também, já estava num bom ritmo de academia (que nunca foi minha praia) e tudo, mas aí o corona veio atropelando todos os meus planos.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Boa tarde senhores, 6 anos depois (e com 28 nas costas) estou de volta. Tentei ler tudo que foi publicado, mas aparentemente rendeu mais do que eu imaginava esse tópico ao longo dos anos.

Meus parabéns atrasado pela aula que o @Organic Cannabis deu para nós aqui e resolvi postar um follow up da minha situação atual:

 

Pois bem, naquela época (não lembro mais tudo de forma tão clara agora) eu fiquei uns meses bem regulado, sem alcool, sem cigarro, pouca maconha, comendo de 3 em 3 horas. No começo eu tomava omeprazol, me ajudou a sentir menos o meu estômago e ficar menos noiado com isso quando eu fumava um, mas depois que terminou o "tratamento" com omeprazol, o médico me receitou um combo de outros dois prazol da vida e eu fiquei meio com cara de interrogação, porque já estava me sentindo muito melhor. Ai comecei a tomar eles e comecei a me sentir pior, fiquei umas duas semanas tomando e larguei mão, parei de tomar de vez e nem voltei no médico.

Depois disso, aos poucos fui retomando meu ritmo de antes, voltei a fumar cigarro, tomar cerveja nos roles, porém mudei drásticamente o ritmo de fast food/porcarias e principalmente, sobremesas. Eu sou uma formiga, se deixar eu tomo um pote de sorvete tranquilamente em um dia (não que eu tenha feito isso mesmo), mas percebi que era exatamente esse tipo de exagero que me deixava mal. Até hoje se eu pego e tomo muito sorvete, ou como muito em geral e durmo, com certeza vou acordar zuado e talvez vomitando no dia seguinte.

O stress da faculdade colaborou na época, mas se fosse o principal eu estaria ferrado, porque depois dissou começou a vida de trabalho e quem já trabalhou em agência de publicidade deve saber como é. Desde aquela época eu me considero "estável" até hoje, se algum dia de role eu sei que vou exagerar, eu já tomo um omeprazol antes, mas é raro, fora isso eu não tomo mais nada para controlar, eu tenho doença do refluxo, então não dormir com o corpo um pouco inclinado pra mim é até estranho. Quanto à alimentação eu diminui, mas acabei que diminui tudo, acho que pelo ritmo de trabalho que entrei e tudo mais, hoje tenho menos tempo pra ficar comendo e a maioria das vezes que eu ficava comendo besteiras antigamente é quando estava atoa, tinha acabado de fumar um e tudo mais.

O meu ritmo mudou completamente, mas acho que é bem fora do normal também. Hoje eu acordo 10h da manhã e durmo as 4h da madrugada, me alimento geralmente 2x ao dia, entre 16h e 18h, depois por volta das 2h a 3h da madrugada. Não sinto muita fome no decorrer do dia, apesar de sempre ter meu baseadinho no cinzeiro pra ir dando uns tragos (faço um novo em média de 3 em 3 horas, mas finecos, que eu prefiro). Cigarro eu tive uma fase de fumar mais de meio maço por dia na agência, mas desde janeiro estou trabalhando de forma autônoma e já diminui bem a quantidade (enquanto a de baseado aumentou :P), nos últimos 2 meses eu reduzi ainda mais e agora fumo cerca de um maço por semana, eventualmente vou parar de vez.

Geralmente minha refeição maior é a última do dia, mas depois que como eu fumo um deitado na cama em um espaço de 1h a 1h30 geralmente, então dá tempo de fazer a digestão pra não acordar com azia ou coisa do tipo.

Me sinto bem em geral, apesar de estar magro e precisar melhorar um pouco a alimentação por isso agora, mas meu estomago nunca mais me incomodou, de vez enquando ele dá uma reclamada e ai eu pego mais leve e fica tudo certo, mas não é algo que assombra meu dia a dia como imaginei que fosse ser na época.

Porém, sempre lembrando que essa foi minha experiência pessoal e cada corpo é diferente do outro e reage de forma diferente. Só estou deixando meu relato aqui da minha experiência, não tomem como verdade absoluta para o seu caso.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

@Randal Graves É sobre o café, diminui 90% também, só de manha tomo um golinho com leite sem lactose, pq seu eu nao tomar, aí da dor de cabeça de falta kkk mas aos poucos estou acostumando com menos, até conseguir ficar sem totalmente.

Sobre a gordura no figado, ontem mesmo peguei meus exames de sangue, e fiz os específicos para o fígado tb, está tudo normal dentro dos valores.
Mas terça agora vou fazer minha endoscopia, vamos ver o que vai dar, acredito que deva ser algo mto irrtado mesmo, hoje mesmo acordei com dor de cabeça e nem comi nada diferente ontem, só fumei uma ervinha, mas pensando agora, vou parar de fumar esse prensado que tenho fumado, vai que é ele né.. neste fim de semana vou queimar só as flores para ver se acordo com dor de cabeça.
De qualquer forma os próximos passos são fazer o teste de intolerância a lactose e gluten.. vamos ver kkkk

@rChong legal sua atualização... realmente os omeprasois da vida diz que não é bom mesmo o uso contínuo, tem mais efeitos colaterais do que pra resolver nosso problema de estomago, ele só "disfarça o problema". E também me sinto igual a voce, quando comeco a tomar continuamente, parece que piora meus sintomas.

:smoke18:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 month later...
  • Usuário Growroom

Pra adicionar aqui no debate.

"O ex-triatleta profissional Ivan Razeira sentiu o desequilíbrio metabólico quando parou de treinar profissionalmente. Com a Cannabis, não só ajudou a equilibrar a rotina, como também controlou um problema de refluxo."
https://www.cannabisesaude.com.br/cannabis-controla-refluxo/

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...