Winter

Desrealização/Despersonalização E A Volta Ao Consumo Da Cannabis!

Recommended Posts

de_pendente    373

Não gosto muito mas quando eu fumo/bebo, viajo D+ e numa boa, pra isso vc precisa conseguir pilotar sua cabeça nesses momentos.

Misturar bagulho com alcool não é pra qualquer um cara, portanto se você não sabe seu limite vá devagar com essa dupla ou vai terminar no chão com as mãos frias, dando pala e achando que vai morrer.

A maior "desrealização" que tenho é quando meu fumo acaba.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
be green    0

Olá a todos, antes de botar em questão minha dúvida gostaria de esclarecer que sou novo no Fórum, me desculpem qualquer erro ou transtorno... Eu sei que já foram feitos muitos questionamentos sobre a Despersonalização/Desrealização, mas os que eu li aqui no Fórum não tinham me esclarecido completamente, por isso decidi criar um com a seguinte abordagem:

*Alguém que já sofreu de Desrealização ou Despersonalização decorrente do consumo da maconha, poderia voltar a consumir?

*Alguém principalmente aqui do fórum já sofreu com isso e voltou ao uso?

Alguns detalhes sobre o quadro de Dp/Dr que eu tive:

-Eu tenho 18 anos, desde os meu 15 anos sempre consumi maconha e nunca tive problemas com ela, ate um dia em que teve um evento de Reggae aqui na minha cidade e nele eu abusei um pouco da maconha, consumi cerca de 7 baseados da erva alem de ter misturado com o álcool... Tive uma "BadTrip" um pouco intensa mas nada tão insuportável, no outro dia eu acordei com a sensação de que ainda estava "chapado", parecia que eu estava em uma especie de filme ou em um sonho lucido, isso durou cerca de 1 semana e foi insuportável!

Então, eu gosto da erva mas estou com um certo receio de usa-la novamente e vim a ter quadros de Desrealização novamente, alguém poderia me dar uma luz a respeito disso? Existe alguém que teve e por experiencia própria poderia dizer se eu posso voltar a consumir?

Desde já agradeço... :335968164-hippy2:

Amigo já passei por tudo isso. Fiquei cerca de um ano com dp/dr, um verdadeiro inferno, se quiser ajuda me mande seu e-mail.

Abraço

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
GanjAgain    145

É galera, infelizmente a maconha não é para mim... Eu tive uma crise de panico na hora de dormir e meus pensamentos estão muito confusos!

Vou procurar ajuda médica e tentar me afastar da Cannabis!

Afaste-se das drogas a aproxime-se de você, conheça seu corpo, sua mente, sua saúde e quem você é. Saúde mental é fundamental. Quem sabe um dia você possa apreciar uma cannabis.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • Por Thespecialist
      Bom dia a todos,
      Sou novo aqui no fórum e venho aqui descrever o meu relato com a maconha para que pessoas que estejam sofrendo do mesmo transtorno consigam algumas respostas que procuram! 
      Fumo maconha diariamente desde os 19 anos, hoje estou com 23. Eu nunca tive problema algum em fumar, sempre tive uma brisa muito boa e nada demais nunca aconteceu. Mas antes de falar disso, vou voltar no tempo. Em 2013, eu tomei um ecstasy e tive uma viagem muito ruim, muito ruim mesmo. No dia seguinte disso, fiquei mal, ruim da cabeça, tive transtornos de ansiedade que eu nunca tive e isso mudou minha vida. Procurei o auxilio de um profissional (Psicologo, psiquiatra) eu estava com crises de ansiedade e crises de pânico, devido ao uso do ecstasy, desencadeou tudo isso que descrevi, sendo que eu nunca tive. Foi uma fase ruim da minha vida. Mas tive um acompanhamento de 6 meses com esse psicologo, utilizando a medicação LexaPro (antidepressivo fraco) depois desses 6 meses, nunca mais tive uma crise ou algo parecido, fiquei bem. Porém, suspendi o uso de ecstasy ou sintéticos relacionados e não uso desde então. 
      Nesse ano de 2017, fumando meu baseado de todo dia, aquele no final do dia, depois de trabalhar, ir pra faculdade, sempre fumo no final do dia, quando não tenho mais nada pra fazer. Nesse ano, comecei a ter alguns episódios de "Bad trips" em algumas vezes que fumei. Ex: Comecei a ter uma sensação de desmaio, sensação de que iria morrer, coração palpitando, mas nunca passou de algo preocupante, quando eu tinha, durava alguns minutos e logo passava. Resolvi então, depois de alguns relatos que li aqui no fórum, diminuir a dose, eu passei a fumar metade da quantidade que eu fumava por baseado, ocorreram algumas vezes o episódio e algumas vezes apenas tive uma brisa boa. 
      Porém a 1 mês atrás, fui pra praia em final de semana, com meus amigos, namorada, puta final de semana gostoso e apenas pensamentos bons! Enquanto minha namorada dormia e meus amigos estavam bebendo, PS: eu não bebo. Eu resolvi fazer 1, com uma quantidade normal, a quantidade que eu fumava depois de ter esses episódios, consideravelmente pouco. Depois de fumar, fiquei numa brisa boa por algum tempo, porém depois de um tempo, desencadeou na maior crise de pânico que eu já tive. Eu jurava que eu ia morrer, eu sentia que eu ia apagar a qualquer momento, eu puxava o ar e não via, fica hiperventilando, com sensação de que alguma hora iria cortar o ar, meu coração estava saindo pela boca, eu jurava que era o fim. Esperei um tempo pra ver se ia passar, mas passou 1h e não passou e só foi piorando, então acordei minha namorada e falei que queria ir para o hospital, pois eu achava que estava infartando. Fui ao PS, chegando lá tiraram minha pressão que estava um pouco elevada (16 por alguma coisa) não lembro, e logo fizeram um eletrocardiograma. Que resultou em que? absolutamente nada, coração normal, apenas um pouco descompassado. Após isso, eu me tranquilizei e a sensação ruim, foi passando.
      Depois disso, no dia seguinte, resolvi não fumar, pois não queria passar por aquilo de novo. E mesmo assim, mesmo sóbrio, tive mais 2 crises de pânico naquele dia. Crises pequenas, fiquei apenas hiperventilando, com sensação de desmaio e com o ar curto. Depois disso, eu vi que a Maconha estava me trazendo de volta a minha ansiedade e desencadeando esses ataques. Mesmo que depois de muito tempo. Voltei no psicologo e estava diagnosticado com Crise de panico de novo. Voltei com a medicação e hoje estou há mais de um mês sem fumar e me medicando e nunca mais tive qualquer princípio de ansiedade. 
      Infelizmente, eu acredito que vou parar definitivamente de fumar, ou pelo menos dar um grande tempo com isso, alguns anos e por aí vai. A maconha ou qualquer outro tipo de droga, se você tem pré disposição de ter alguns transtorno mental, ela vai desencadear isso, alguma hora ou outra. Não tem santo que te salve, ela VAI desencadear isso, é questão de tempo. E acredito que meu corpo transbordou e meu deu um aviso pra eu parar antes que algo pior aconteça, parei, me consultei e hoje estou bem. Sinto muita falta obvio, porque eu amo fumar e amava a brisa, fumar com minha namorada, o sexo chapado, as aventuras eram demais, mas eu tive que parar por conta disso e pretendo continuar assim, porque só quem já teve uma crise de panico pesada sabe o que é passar por isso, é a pior sensação do mundo, fora de controle. Eu espero que tenha esclarecido algumas dúvidas de algumas pessoas que estão passando por isso. Não tente achar que continuar fumando mesmo que pouco vai te dar certo porque não vai, pra algumas pessoas talvez sim porque cada organismo é diferente do outro, mas não conte com a sorte. Se você tiver sofrendo disso, antes que você chegue no auge da crise, pare, repense e fique um tempo sem, porque saúde é tudo, principalmente saúde mental que é tudo na nossa vida. Eu já conheci pessoas que passaram por isso e tiveram que parar. 
      Obrigado a todos por me ouvirem! Espero que tenha ajudado alguém!
      Um grande abraço a todos amigos! 
    • Por -Lap
      Salva growns, bem vim aqui mais uma vez porque sei que tem algo de errado comigo, poxa toda vez que eu fumo maconha seja 1 baseado com 3 colegas ou 1 fino em casa
      geralmente não fumava tudo porque a metade de um fino simplesmente me deixava triii
      bom sempre sofri com isso quando fumo maconha e as vez mesmo não fumando
      depois que começei a usar maconha simplesmente me isolei da sociedade acabei , sempre que uso maconha tenho alucinações na audição 
      a 2 dias atras fumei com meus colega o pai dele chegou é eu ouvia o pai dele falando pra esposa, ah ele fica fumando maconha se misturando com pessoas ruim dai meu outro colega falava onde que dia, acreditei que era real perguntei a meu colega depois é nada disso tinha acontecido ontem na madruga fumei um fino
      como sempre a maconha bateu forte  fiquei deitado assistindo vídeo no youtube, o ventilador ligado saber o som que ele produz ele começava a troca de forma é eu ouvia alguém falando só que não conseguia entende oque ele estava falando, dai eu voltava pra realidade aos poucos e percebia que era o som do ventilador 
      na real quando estou sã sofro muitos com varios tipos  pensamentos como varias duvidas em relação a religião e algumas crenças que passa na minha cabeça 
      acredito na biblia mais meus  pensamentos não deixa eu acredita, pra tudo que eu penso preciso descobri um sentido , sou isolado não por causa realmente da maconha
      a maconha só me fez corre dos meus medo é deixa tudo pior como pensamentos ,confusão e alucinação auditivas, quando era menor tinha uns 6 anos lembro de ver cobras amarela parecida com cano toda aberta, em tudo pra onde eu olhava no quintal ela estava lá, tenho um irmão que sofreu muito com isso de ver coisas que não existia ate os 10 anos talvez ele seja esquizofrênico não tenho certeza so parece ,
      é acho que não tenho equilíbrio no anda todos fala que eu ando estranho, eu me sinto estranho 
      tenho 18 anos é tou na 7 seri por não conseguir presta atenção nas aula o professor fica falando e acabo olhando pros lado ou desligando do mundo é indo pro mundo imaginário 
    • Por H. H. Costa
      Usuários Iniciantes ou não, estão com alguma dúvida à respeito da Maconha:
      Efeitos, Bad's, Problemas com os Pais, Experiências, Desabafo, dentre outros.
      Faça a sua Pergunta, que o Psicólogo responde.
       
      Conto com a colaboração de todos!
    • Por H. H. Costa
      O livro CASO 181, narra a história de um estudante de Psicologia que fuma Maconha, 
      e passa a observar os grupos "Sativos" no intuito de desenvolver um estudo sobre a 
      questão social da maconha. 
      No desenrolar da história, Sexo, Drogas & Rock n' Roll.
       
      Livro anexo abaixo.
      CASO 181 - H. H. Costa.pdf
    • Por Dulrso
      Post com intuito de ajudar, caso precise de ajuda/conselho não exite em me chamar por mensagem privada.
      Bom esse é meu primeiro post, resolvi criar uma conta especificamente para criar esse post e dar um alerta pra galera ou até mesmo ajudar quem tem/teve problemas similares. 
      Acompanho o fórum a algum tempo e estou vendo muitos casos de problemas psíquicos, no qual eu também obtive por conta do uso da maconha, que serviu como gatilho. 
      Bom, se você está com problemas, sentindo que a onda não passa, se sentido fora de si, angustia, medo constante (pânico), confusões mentais, paranoias, recomendo primeiramente que pare de ler tudo relacionado a isso na internet, pois isso só ira piorar e também que procure um psiquiatra o mais rápido possível, aceite que você precisa de ajuda, não espere ficar pior.. Quanto mais cedo você tratar disso, mais rápido sairá dessa.
      Hoje infelizmente não posso mais fumar, ultima vez que tentei fumar (a 3 dias atras) com apenas 2 tragos em 1 beck, tive uma crise que pensei que fosse a ultima(pensei que iria morrer), senti Despersonalização, Pânico e Ansiedade novamente; Vou contar a história pra que tudo fique mais claro.
      Fumo macohna des dos 15 anos, hoje com 17, no começo era só trip boa, risada, bem estar e tudo que atribui a uma good vibe. Porem, nos últimos tempos, estava tendo umas brisas bem "pesadas" apesar de fumar pouco, no máximo 1 fino,já conseguia viajar legal, ou melhor dizendo, bem mal...
      As brisas não eram como antes, quando fumava sentia que entrava em um filme, me tornava espectador da minha pessoa, havia dificuldade grande de raciocínio e motora também, quando misturava alchool e maconha era bad trip na certa,só pensava em coisas ruins, o quanto era imprestável, pensamentos do tipo " Para que tudo isso, se no final a gente morre?"
      Meu erro foi insistir em fumar, com pensamento de voltar ter as velhas e boas brisas do começo, porem, a coisa foi ficando cada vez pior, cada vez eu ia tendo brisas mais pesadas, era como isso fosse um sinal/aviso, mas só entendi quando já era tarde de mais.
      Fui em um festa, bebi, fumei, voltei me sentindo meio fora de si,foi ai que tudo começou, 2 dias depois a onda ainda não havia passado, me sentia estranho e eu pensei,"deve ser só algo da minha cabeça, ta tudo normal" e la vai eu fumar de novo... Encontrei uns amigos e acendemos um, de começo foi só risada, mas sentia que minha cabeça estava destorcendo tudo, foi a brisa mais louca e ruim que tive na minha vida, era como se tudo fosse mentira e estivesse em um filme e alguém tivesse dando play e pause no mesmo.
      Só percebi o quanto nada disso era engraçado quando cheguei em casa e vi que a brisa que não passava e havia se intensificado, minha cabeça estava rodando, eu sentia angustia, despersonalização e medo, muito medo com medo de ficar daquele jeito para sempre. Tive a ideia de tentar dormir para ver se isso passava, tudo que eu mais queria era acordar no outro dia normal, mas isso só piorou, ao deitar,minha cabeça começou a rodar em sentimentos e pensamentos horríveis, foi ai que surtei, tive minha primeira crise de pânico, sai correndo pro banheiro lavei meu rosto e tentei me acalmar, comecei a ler coisas na internet e fiquei pior ainda, com medo de ser algo ruim permanente, por isso recomendo que não leiam essas bostas, só serviu para intensificar os pensamentos ruins.
      Depois desse dia não conseguia mais dormir, entrei em conflito com o tempo e comecei a agonizar mentalmente, só conseguia ter pensamentos ruins, fiquei 5 dias sem dormir pensando em merda, minha mente não me deixava em paz sequer 1 segundo, ficava o dia todo deitado chorando, não ia pra escola, nem trabalho e tambem nem tinha contado para minha familia, até que eles perceberam que havia algo de errado comigo e conseguiram me levar ao um psicologo que me encaminhou a um psiquiatra, logo então fui diagnosticado com tudo que contem no titulo, sim, Despersonalização,Ansiedade,Depressão Aguda e Síndrome do Pânico, foda né?
      Fiquei aproximadamente 2 meses nessa "onda" ruim, até me sentir um pouco melhor, hoje faço terapia psicológica e estou sendo medicado com Paroxetina, consigo dormir e ter mais controle do meu pensamento ( coisa que havia se tornado impossível). As vezes sinto sensações ruins, como agora enquanto escrevo esse texto, mas é algo que estou aprendendo a lidar, aos poucos vou tomando controle de mim, já vejo uma boa melhora mas acabei regredindo um pouco como dito acima quando decidi fumar novamente e senti tudo novamente, me arrependo profundamente.
      Infelizmente isso foi o que a maconha despertou em mim, até então nunca tinha dando sinais de loucura, pânico, depressão, era uma pessoa normal feliz que, infelizmente não teve sorte com o psicoativo.Nunca imaginaria que a maconha pudesse fazer isso comigo e até mesmo tirava sarro  de quem falava que ela podia sim, trazer efeitos negativos em pessoas com pré-disposição a transtornos mentais, mas também eu nem imaginava que eu era vulnerável, em toda minha vida a erva foi a unica coisa que usei, nunca cheguei perto de doce nem nada semelhante.
      Se você passa/passou por isso, saiba que nenhuma dor é eterna, tudo é fase, tudo passa, esteja ciente disso sempre, eu mesmo no ápice da depressão, pensei em me suicidar, não por ser fraco, mas por ser algo realmente insuportável. Tudo isso aconteceu a pouco mais de 5 meses.
       
      Que isso sirva de ajuda para alguém e de conhecimento para outros.
       
      Que Jah os abençoe