Ir para conteúdo
Growroom

Nada De Moleza! - Novo Código Criminaliza Porte De Drogas Para Consumo Próprio


Recommended Posts

  • Usuário Growroom

FONTE: http://cenariomt.com.br/noticia.asp?cod=310128&codDep=11

spacer.gif

spacer.gif

1.jpg

spacer.gifspacer.gif

spacer.gifspacer.gifsp.gif

O projeto de lei de reforma do Código Penal (PLS 236/2012) que tramita no Senado Federal deve manter a lei atual no que se refere ao usuário de drogas. O substitutivo do senador Pedro Taques (PDT-MT), relator da proposta, não facilita das pessoas portadoras de substâncias ilícitas.

Segundo ele, uma das propostas em discussão previa a não criminalização em caso de porte de drogas para consumo próprio em um período de até cinco dias. Na avaliação do senador, exemplos de descriminalização ocorridos em outros países não se encaixam na conjuntura nacional.
“O Brasil não tem o espaço territorial igual ao da Holanda. O Brasil não é o Uruguai. Nós temos circunstâncias outras que nos diferem destes lugares, inclusive circunstâncias geográficas. Nós fazemos fronteira seca com países produtores de substância entorpecente, por isso entendi que seria melhor manter e será melhor a manter a previsão atual da lei de drogas”, justificou.
O pré-relatório ao novo Código Penal foi apresentado na semana passada e trouxe novidades. A progressão de pena para cidadãos que cometerem homicídio pode passar de 1/6 da pena para 1/4 em regime fechado e a pena passar de seis para oito anos em regime fechado.
O senador Pedro Taques manteve em seu relatório ao projeto de lei do Senado (PLS 236/2012) de reforma do Código Penal a criminalização à prática de aborto e da eutanásia e respeitou como princípio da nova lei penal o direito à vida fixado no artigo 5° da carta constitucional de 1988.
Senadores têm até o dia 13 de setembro para apresentar emendas ao substitutivo de taques, que deve ler o relatório final até o dia 27 do próximo mês.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

A justificativa é não dar dinheiro pras farc (segundo alguns reaças) e manter do jeito que está, com guerra, morte e consumo a mil, tomando cuidado é claro pra não descriminalizar e nem abrir brechas para o cultivo caseiro. Progresso que é bom, nada.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Qual a moral que esses políticos tem de reprimir usuários de drogas, quando eles são a maior droga que temos no Brasil? Sonho com o dia que todos brasileiros vão levantar armas, tirar esses bandidos do poder e julgar eles pelos seus crimes...à La Bastille!

  • Like 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Não podemos permitir que a opinião pessoal desse senador Pedro Taques contamine o inicio da conversa em torno do novo código penal. Se prevalecer essa linha retrograda levaremos mais de 30 anos para liberar o cultivo de uma planta. Sou a favor do barulho para levar a sociedade a aprofundar essa discussão. Sou a favor de programarmos um grande manifesto no Senado em Brasília quando a proposta do relator for votada.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Esses caras só querem aparecer!!! Só uma questão de tempo! Não tem como nadar sempre contra a correnteza.

Esses vão ser lembrados como os maiores colaboradores para uma fase de retrocesso, corrupção e injustiças no Brasil.

Vai ser bom para a posteridade deles, mais tarde, ver o que os ancestrais fizeram!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

“O Brasil não tem o espaço territorial igual ao da Holanda.

O Brasil não é o Uruguai. Nós temos circunstâncias outras que nos diferem destes lugares, inclusive circunstâncias geográficas. Nós fazemos fronteira seca com países produtores de substância entorpecente, por isso entendi que seria melhor manter e será melhor a manter a previsão atual da lei de drogas”, justificou."

Espero sinceramente que ele esteja mentindo, que tenha segundas intenções. Pedro Taques, Senador por MT, será que este senhor é tão acéfalo, burro, ignorante, analfabeto, cego, retardado, alienado, despudorado, tosco, esquizofrênico para acreditar no que ele próprio diz?

Filhinho vendido para o grande capital, espero que aconteça com vc a mesma justiça que tocou o demóstenes, não pelo meu desejo, mas pela lei do retorno. Que o ódio, a violência e a desgraça que você direciona aos floristas canábicos volte em dobro pra vc, seu merda dos infernos !!!

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Tópicos

  • Posts

    • que trampo, e que caro, mas admiro sua soluçao! boa ideia para medir o runoff sem deixar aquela sopa no fundo dos pratos, ultimamente tenho visto q nao é bom deixar um restinho de fert(ou agua .. mas sempre ta cheio de nutris) no prato ... acaba ficando bem concentrada aquela sopinha acredita q em 15 anos cultivando nunca medi pH nem EC ?  mas isso tambem acarretou em perdas e travamentos !  
    • A tempo, sobre a questão do runoff: Em cultivo inerte, o ideal é você medir o pH e EC do runoff sempre que possível, então é meio necessário até que você deixe escorrer algumas vezes e dê um jeito de coletar a água. No cultivo orgânico isso não é necessário (é até ruim, porque você vai estar disperdiçando nutrientes que não serão repostos na terra).   Depois de muito quebrar a cabeça e tentar várias formas diferentes, hoje uso uma plataformazinha dessa para regar minhas plantas. Coloco uma bacia embaixo, coleto o runoff, e deixo a planta secando ali até parar de escorrer. Depois volta pro grow.
    • Salve, rapazeada! Com base no que venho estudando e no que tenho praticado nesse meu último ciclo, acredito que a questão das regas depende muito do tipo de substrato e do método de cultivo (se é substrato inerte, semi-inerte ou orgânico). No meu caso, levo a maioria das plantas em inerte (perlita, turfa 50/50) e uma planta em solo Tropikali. No começo eu estava regando bem no mesmo esquema que tu falou, @mospri, uns 20% da capacidade do vaso (meus vasos são de 11L, então uns 2L), até pra evitar o runoff. Acontece que pelas aulas que vi do https://www.instagram.com/brunocg310/ sobre fertirrigação, no caso do substrato inerte e ferts minerais, é importante sempre regar com pelo menos uns 20% de runoff pra você ter certeza que está deixando escorrer qualquer excesso e para garantir que a planta estará com a solução que você acabou de regar.  Confesso que no meu caso, com vasos de 11L, fica difícil regar com 20% de runoff, senão é muito fert que vai pro ralo. Mas tenho regado todas as vezes com 5-6L de solução de fert, muitas vezes diluída em água com até mais volume pra fazer um flush quando mudo de solução. No caso da Tropikali, eu dou muito mais tempo entre as regas e nunca vi aquele substrato secar totalmente. Estou adorando no sentido de que me dá pouquíssimo trabalho e as flores dele estão muito lindas. Só água direto da torneira com 2 gotinhas de pH down. E no caso do Tropikali, rego com 1L, no máximo 1,5L, pra evitar mesmo o runoff.   Outra coisa que parece ser muito importante (e muito subestimada) são os períodos de dryback (o período de seca). Segundo a mesma fonte que citei antes, da 3a/4a semana de flora em diante cada dryback é importante, deixando o substrato ficar com uns 20% de umidade (bem leve, mas antes de murchar as flores/folhas) pra então regar novamente.  E mais uma curiosidade quanto a isso, parece que existe um consenso de que quando você deixa o substrato secar a ponto de a flor murchar, você perde o equivalente a 12 horas de desenvolvimento (que é o tempo que a planta demora pra voltar a funcionar normalmente após murchar).   Pra quem cultiva inerte, recomendo muito o insta que mencionei acima. O cara é agrônomo e chefia a plantação da AlienLabs, uma empresa de cannabis no Arizona, curto bastante porque ele sempre dá as aulas com bastante base científica.
×
×
  • Criar Novo...