Ir para conteúdo
Growroom

Roda Viva Entrevista O Psiquiatra Ronaldo Laranjeira


Recommended Posts

  • Usuário Growroom

A organização do CID2013 já está por dentro dessas difamações propagada pelo BundaMole Azevedo!

O Reinaldo é um propagador do "pânico moral", um fomentador de fobias, um defensor da troca da liberdade pela segurança, e, é claro, ele é livre como um taxi, e quem hoje banca seu taxímetro é a industria do controle social que é tão presente no estado de São Paulo.

  • Like 6
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 163
  • Created
  • Última resposta

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Olha a Rede Pense Livre reagindo às falácias do Dr Laranjeira: Mitos_RodaViva_final_10Jun2013.pdf

Quando eu Tinha uns 14anos meus pais me levaram nesse animal o cara queria me encher de remédios de de tarja vermelha até os tarjas pretas para controlar minha hiperatividade e ansiedade.Meus pais com

Pelo menos dois que eu conheço: Denis Burgierman (diretor de redação da revista SuperInteressante e autor do livro O Fim da Guerra) e Ilona Szabo de Carvalho (co-fundadora da rede Pense Livre, diretor

  • Usuário Growroom

A organização do CID2013 já está por dentro dessas difamações propagada pelo BundaMole Azevedo!

O Reinaldo é um propagador do "pânico moral", um fomentador de fobias, um defensor da troca da liberdade pela segurança, e, é claro, ele é livre como um taxi, e quem hoje banca seu taxímetro é a industria do controle social que é tão presente no estado de São Paulo.

Pior é que ele se auto-intitula um liberal... É pra cair o cu da bunda mesmo!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Sugiro uma enquete, pois disse isso num achismo baseado em dados aleatórios e pessoais.

Porque acredito que a maioria aqui vê esporadicamente?

Há 15 anos atrás eu via semanalmente, passei a ser expectador sazonal quando a qualidade do programa começou a cair e principalmente quando o José Serra começou a ter poder de veto na TV Cultura.

Sobre o ponto no ibope e sua audiência "culta", o João Kleber dá audiência de 0,4 a 1 ponto.

O João Kleber.

Me explique melhor os parâmetros para ligar baixa audiência a cultura e povo desinformado, pois não consegui ligar os pontos.

Mas voltando ao assunto, é o "Zé povinho" que vai definir o futuro das drogas no Brasil. Pelo menos num futuro de curto prazo, a opinião pública facilmente manipulável é o parâmetro para qualquer mudança na política das drogas.

Se nosso discurso não se comunicar com eles, podemos fazer todos os próximos Roda Viva focados na legalização que vai ser igual uma formiga pedindo licença a um elefante.

Vide o Mujica e o atraso na liberação da maconha no Uruguai, quase 70% da população se mostrou contra e isso foi definitivo para o atraso do processo.

Enquanto tratarmos a massa eleitoral como "Zé povinho", pessoas como o Ronaldo Laranjeira, Reinaldo Azevedo, etc, estarão muitos passos a nossa frente com seu discurso facilmente digerível de proteção a integridade da família, demonização das drogas, traficante na cadeia, rota na rua e usuário enviado forçosamente a clínicas pagas com dinheiro público.

Concordo, para saber se o Roda Viva é popular no GR só com enquete. Ou sua crença de que o programa não é popular por aqui também não é baseada em achismos e percepções pessoais?

Parece que eu me enganei quanto ao perfil do telespectador da TV Cultura:

Classe A/B 30 % C 44 % D/E 26 % Sexo M 48 % F 52 %

Fonte: http://www2.tvcultura.com.br/captacao/tv_index_perfil.asp

Talvez "classe" não seja totalmente correlacionada com cultura, boa notícia se não for mesmo. É que em minhas andanças pelo Brasil afora nunca cheguei a ver uma TV "popular" sintonizada na Cultura, porém meus olhos são pessoais e não têm como captar a essência do que fazem os brasileiros em geral.

"Zé povinho" é um termo cunhado no rap que identifica o fenômeno sociológico conhecido como "efeito manada". Pode ser considerado ofensivo por alguns, assim como outros termos de cunho popular. Aos olhos dos que não compartilham a cultura hip hop (a qual, aliás, é tida como coisa de "zé povinho" por aqueles que se sentem representados por Azevedo e Laranjeiras) - é um tratamento menos elegante do que o do Rei Roberto quando canta "todos estão surdos" - mas não deixa de ser a mesma crítica.

Quanto a tratar as massa como zé povinho, fique tranquilo. Praticamente não há grupo dependente de eleições que não trate as massas como tal. Nesse quesito Laranjeiras e Azevedo não estão na frente.

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Sinceramente,nao acho que estamos lidando com nada perto de gente ignorante,ou seja,que nao acredita que a proibicao falhou.Acho sim que estamos aqui falando,e lidando,com pessoas que munidas de todo o conhecimento possivel,escolhem,por observar a atual situacao do Brasil,que e bem facil de ganhar rios de dinheiro com o discurso proibicionista,e com todo o resto que ele acarreta(clinicas,presidios,medo etc)

Esses caras sabem muito bem que estao cagando pela boca,mas sabem melhor ainda que nada vende mais que merda...

Nao adianta mostrar que eles estao errados,porque a "verdade",dependo de quem a diz,nao vale nada.E eles sabem disso.Por isso esse merda de Laranjeira mente e manipula na cara dura,afinal de contas,quem sabe mais um "doutor" em "medicina" ou o advogado da "turma do fuminho",ou pior,um "drogado"(afinal de contas,usuario recreativo e responsavel,so de alcool,que nao eh droga[e nao sou contra o alcool de maneira nenhuma,na verdade sou um cervejeiro inveterado]) em pessoa.

A briga eh de foice nesse assunto meus amigos...e ainda vai longe...

Abracos

  • Like 4
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Concordo, para saber se o Roda Viva é popular no GR só com enquete. Ou sua crença de que o programa não é popular por aqui também não é baseada em achismos e percepções pessoais?

Amigo, na pressa a concordância pode ter ficado dúbia, mas quando disse isso :

Sugiro uma enquete, pois disse isso num achismo baseado em dados aleatórios e pessoais.

Quis dizer que EU disse isso num achismo e por isso achava a enquete legal pra ter uma noção.

Quanto ao termo zé povinho, não sou familiarizado com o rap, seja nacional ou internacional, por isso não entendi a referência do rap mas entendi dentro do contexto que você expôs.

E vou te dizer que fiquei surpreso com os índices do Roda-Viva.

Mesma surpresa que tive ao descobrir que filmes dublados são mais procurados por pessoal das classes A e B, do que C e D.

O Brasil é um mosaico formidável, é uma pena ver nossos políticos se valerem da desconhecida ( por eles ) voz do povo e proferirem tantas merdas.

Estamos na luta, valeu a conversa e troca de informações.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Amigo, na pressa a concordância pode ter ficado dúbia, mas quando disse isso :

Sugiro uma enquete, pois disse isso num achismo baseado em dados aleatórios e pessoais.

Quis dizer que EU disse isso num achismo e por isso achava a enquete legal pra ter uma noção.

Quanto ao termo zé povinho, não sou familiarizado com o rap, seja nacional ou internacional, por isso não entendi a referência do rap mas entendi dentro do contexto que você expôs.

E vou te dizer que fiquei surpreso com os índices do Roda-Viva.

Mesma surpresa que tive ao descobrir que filmes dublados são mais procurados por pessoal das classes A e B, do que C e D.

O Brasil é um mosaico formidável, é uma pena ver nossos políticos se valerem da desconhecida ( por eles ) voz do povo e proferirem tantas merdas.

Estamos na luta, valeu a conversa e troca de informações.

Opa, perdão pela má interpretação de texto, entendi errado, foi mals :Pothead:

Obrigado você por me fazer ir mais atrás de informações.

Abração!

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 weeks later...
  • Usuário Growroom

Olha a Rede Pense Livre reagindo às falácias do Dr Laranjeira:

Olá, grupo.
Em resposta às mentiras ventiladas pelo Dr. Ronaldo Laranjeira no último programa Roda Viva, a Pense Livre lança o seu documento Resposta aos Mitos II.
Com a contribuição do Maurício Fiore e do Renato Filev, buscamos desconstruir os pilares centrais que estruturam o discurso dele sem responder especificamente cada afirmação. A intenção não era deixar o documento muito longo. O tom segue a linha: pesquisas científicas + experiências internacionais. Por isso o documento tem uma cara mais austera, quase de relatório, com bastante referências e fontes bibliográficas.
Hoje vamos circular o doc no blog e na fan page da Pense Livre. A ideia é fazer pressão para a reunião de amanhã do CONAD que terá apresentação dos dados da LENAD pelo próprio.
Por isso não podemos deixar que um único discurso se torne hegemônico.
Sugestões para circular o material e comentários são super bem-vindos!

Mitos_RodaViva_final_10Jun2013.pdf

  • Like 18
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

clapclap clap clap clap

Realmente a questão das fontes mostra um método bem diferente do método proibicionista...

Sensacional!

É uma pena que esse debate no Brasil tem um outro viés que não o viés científico... Um debate só de emoção, sem conhecimento, um debate de fé, ignorando a ciência e um debate de interesses (econômicos), ignorando os direito humanos...

Que esse trabalho traga luz ao debate! Pressão total!

  • Like 5
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Trabalho muito bem desenvolvido pelo pessoal do Pense Livre e de caráter cientifico. Essas informações trazem luz ao obscurantismo disseminado pelos proibicionistas.

Precisamos de uma divulgação ampla desse estudo em todos os setores da sociedade que tenha algum tipo de interesse na política de drogas.

E o Dr. Laranjeira afirmou desconhecer pesquisas que envolvesse o uso de canabis medicinal. Para um pesquisador sério do tema isso é uma falha que só pode ser atribuída a dois motivos- Má intenção; ou total estupidez..

Vamos combinar que de estúpido o Dr, Laranjeira não tem nada, muito pelo contrario..

Portanto....

  • Like 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Excelente trabalho!!! Muito bem documentado com uma farta referência bibliográfica.

Quem deveria mostrar esse trabalho na mídia deveria ser a Roda Viva. Afinal foram eles que deram a oportunidade para o Laranja falar um monte de asneira sem fundamento.

Eles deveriam entrevistar alguém da Rede para que possam falar a respeito desse material.!!

De outra maneira, eles vão estar atestando que o programa não é imparcial e muito menos confiável!

  • Like 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Verdae, este documento tem que ser divulgado em todos os canais, pois apesar de contrariar as baboseiras do Laranjeira no Roda Viva, o mesmo não é ofensivo e, ao contrário dele mesmo, cheio de fundamentação científica.

Mal intencionados como ele PRECISAM ser denunciados e expostos publicamente!!!!!!!!!!!!!!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

  • Tópicos

  • Posts

    • Olá Gabreil Passos, boa noite, É... assim... como posso dizer? Neste seu início de cultivo você cometeu uma sequência de erros bastante grande. Eu pessoalmente acho que você tem o principal, que é a vontade de cultivar e tal. Mas, tenho que ser sincero contigo: não há atalhos aqui. Esta planta não é uma planta qualquer, requer cuidados com vários aspectos técnicos que não admitem muitos erros. Minha sugestão é investir mais nos estudos e seguir o caminho já trilhado por váááários cultivadores mais experientes, tem toneladas de conhecimento neste fórum e na Internet, mas isto exige muitas horas de bunda na cadeira e estudo, leitura, anotações. Sério, vai por mim, este estudo é o melhor investimento que você poderá fazer na sua nova carreira de cultivador. O conhecimento ninguém vai tirar de você. Você mesmo percebeu que se perdeu um pouco... 😄 é, de fato, se perdeu. Mas segue a trilha padrão, não inventa moda. Casca de banana, luz de banheiro, poda precoce em uma planta subdesenvolvida... enfim, nada disto. Dê uns passos para trás, tente corrigir os erros o mais breve possível. Talvez esta planta não renda tudo o que você está imaginando... mas prossiga nela, nem que seja para aprender e ficar mais familiarizado com este tipo de cultivo. Tem MUITA coisa pela frente ainda. Uma coisa é conhecer o caminho, outra bem diferente é trilhá-lo. Abraço,
    • Olá alexnatas, boa noite, Concordo com o Mr.Pothead, me parece um pouco cedo também, com base no aspecto um tanto magrinho do camarão, ele pode crescer mais. Não dá para ver mais detalhes também por causa da luz que ficou na imagem, e também em que ponto cronológico está a planta e seu aspecto geral. Mas o segredo mesmo é acompanhar os tricomas. Tem muito material sobre isto, você saberá o que fazer. Abraço,  
    • cuidado com o nome ali em cima na foto ..... parece q ainda está cedo ... está marcando o tempo de flora ?  é legal ver de longe, pra ver o aspecto gerla e tambem beeeem de perto, pra ver os tricomas .. compra uma lupa 60x +/- e começa a ler a espeito de maturação, porque dá diferentes efeitos ! ( normalmente)
×
×
  • Criar Novo...