Ir para conteúdo
Growroom

Coreia Do Norte É Livre De Tabus Contra Maconha


Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Coreia do Norte é livre de tabus contra maconha

Para o país mais fechado do mundo, a maconha é livre:

norte-coreanos fumam tranquilamente pelas ruas e plantam a erva em seus

jardins

por

Redação Galileu

0,,69820993,00.jpg

Quando

as pessoas pensam na Coreia do Norte, a sensação é de medo. Tropas

marchando, câmeras de segurança, ogivas nucleares, mísseis

apocalípticos, tudo no mesmo lugar, ao mesmo tempo. A provável guerra

contra os EUA não melhora muita essa imagem, mas há um traço pouco

comentado a respeito do país na mídia internacional – a sua relação com a

maconha. Para o país mais fechado do mundo, maconha não é motivo de

tabu: norte-coreanos fumam tranquilamente pelas ruas e plantam a erva em

seus jardins

A repressão contra as drogas é

levada a sério. Em 2010, quando a meta anfetamina – substância que tem

causado estragos nos EUA comparáveis aos do crack no Brasil – começou a

virar moda no país, as autoridades cravaram placas nas calçadas dizendo

que a punição para quem fosse flagrado consumindo drogas seria “a tropa

de fuzilamento” – se tratando de Coreia do Norte, é claro que não se

trata de uma força de expressão. O problema é que, pra eles, a maconha

não é droga.

De acordo com Benjamin Young, jornalista que escreveu um relato para o site NKNews,

não há “absolutamente nenhum tabu em relação a droga”: os mais de 1

milhão de soldados do país preferem a maconha ao cigarro, que costuma

ser a válvula de escape preferida dos pelotões ocidentais e comprar é

bem fácil, já que se conta com improvável vista grossa da onipresente

presença do Estado. Mas, se o tabu não existe, ele conta com pelo menos

dois tipos diferentes de exceção. O primeiro são os estrangeiros: se

você perguntar para o seu intérprete (que é também uma espécie de espião

e vai aonde você for) qual o melhor lugar pra comprar maconha, ele vai

desconversar. E a outra é o falecido ditador Kim Jong-il e seu filho,

Kim-Jong-Un. Como a erva costuma ser enrolada em folhas de jornal, as

fotos dos líderes do país são meticulosamente retiradas antes do cigarro

artesanal ser enrolado e aceso.

No verbete

“Legalidade da cannabis por país” do Wikipedia em inglês está lá: tanto

posse, como cultivo, transporte e venda são legais . É comum ver

arbustos de maconha na beira das ruas e estradas e as pessoas fumam

livremente pela cidade. A qualidade do cigarro vendido por lá é baixa,

então a maconha acaba sendo uma das principais formas dos trabalhadores

desanuviarem a pressão de se viver em um regime tão autoritário e

impregnado de vigilância e hostilidade.

Acredita-se que essa naturalidade com que a maconha é encarada por lá

tenha origem no mesmo país para o qual os mísseis norte coreanos apontam

nesse momento. Durante a Guerra da Coreia, no início dos anos 50,

soldados americanos costumavam fumar nas trincheiras, entre uma batalha e

outra. Exatamente como seus atuais inimigos estão fazendo em algum

lugar de Pyongyang nesses tensos instantes pré-guerra.

fonte: http://revistagalileu.globo.com/Revista/Common/0,,EMI335650-17770,00-COREIA+DO+NORTE+E+LIVRE+DE+TABUS+CONTRA+MACONHA.html

  • Like 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Como tem loco pra tudo vai aparecer alguém falando daqui a pouco "partiu Korea"

Mas realmente interessante essa característica dos norte coreanos, nao fazia ideia que era legalizado por lá.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...