Ir para conteúdo
Growroom

Rick Simpson'S Hemp Oil


Recommended Posts

  • Usuário Growroom
20 horas atrás, samurai.green disse:

Notícia maravilhosa!!!  Satisfação em ver o poder de cura da nossa querida e amada plantinha. 

muita saúde para seu parceiro!!

Esse post deveria ser fixado como um relato de cura!!!! 

Satisfação mesmo, irmão! Proibir a cannabis é crime de lesa-humanidade, temos todo o direito de usufruir de tudo que a natureza nos dá. Também é uma afronta aos nossos antepassados, que tanto manipularam essa incrível planta, até ela chegar nessa diversidade de hoje. Mas, haveremos de amanhecer! Muito grato pela positive vibration e um forte abraço.

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 785
  • Created
  • Última resposta

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Como prometido, segue o relato. Paciente 80 anos, com câncer, minha vó. sintomas atuais: estava com forte icterícia (pele amarela, parecendo os simpsons... heheh), e urina com cor de coca-co

boas novas! vovó conseguiu colocar stent através de endoscopia e no dia seguinte (hoje) voltou pra casa!! Ficou 12 horas antes sem óleo de maconha por causa da anestesia, mais 1 dia no hosp

Com muita alegria venho aqui relatar um fato que aconteceu com minha familia que esta sendo iniciado no uso do Hemp Oil graças as informações obtidas aqui nesta casa maravilhosa: Tudo começou a un

Posted Images

  • Usuário Growroom
Em 29/12/2017 at 16:45, TrincaZoinho disse:

Prezados amigos, é com a máxima alegria que faço essa atualização: ontem meu parceiro fez alguns exames e o resultado foi de que não existe mais o tumor em sua garganta. Incrível, para nós foi a melhor notícia do ano! Agora vamos seguir com o tratamento com o óleo por no mínimo mais 6 meses, porém diminuindo a dose pela metade, 0.5g/dia. Se alguém tiver experiência com esse pós tratamento, opiniões são muito benvindas. Quero agradecer muito  a todos que aqui participaram, fortalecendo essa corrente de cura. Viva o Growroom!!

Boaaaaa irmão, nossa que noticia foda, vc e seu amigo são provas vivas do poder medicinal dessa planta imagine quantas vidas essa planta poderia salvar?

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em 14/01/2018 at 11:01, FelipeFlpFe disse:

Boaaaaa irmão, nossa que noticia foda, vc e seu amigo são provas vivas do poder medicinal dessa planta imagine quantas vidas essa planta poderia salvar?

Demais, né? Valeu, meu amigo, sempre presente mandando boas vibrações!

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 weeks later...
  • Usuário Growroom

Fiz um óleo aqui pra meu uso , para ansiedade insônia stress , deixo a dica aí de um strain de fácil acesso Dinamed Dinafem para quem não pode usar thc alto. Colhi com 50 dias de flora faltava umas duas ainda , sequei uma semana e já fiz método Rick Simpson , ficou legal efeito semelhante aos óleos de 5000mg pra cima importado . 

Próxima análise que vou fazer daqui uns dias saberei os % exato do extrato,deixo o salve aqui! 

O químico que fez análise disse que foi a extração com maior razão cbd para thc que ele fez até hoje , eu creio que isso é devido só agora estar mais disponível no mercado as 20:1 mais estáveis ... Em breve pessoal vai começar a colher 20:1 mais estáveis  ...

large.IMG-20180129-WA0012.jpg.f117787937

large.IMG_20180129_132800.jpg.731e8a83a1

Ta pra ver que estão bem leitosos ainda tricomas , porém o óleo está sedativo demais igula eu precisava. Esse feno é o indica , único que saiu indica das 5 dinamed .

large.IMG_20180129_200115439.jpg.8b12d70

large.IMG_20180129_200148269.jpg.0aa6695

large.IMG_20180129_200719.jpg.43bfcc9add

 

Boa produção de óleo a todos, que dê certo pra suas patologias ;)

 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em 30/01/2018 at 21:28, TrincaZoinho disse:

Muito bom, @Maryjane2509 E o óleo, dá brisa? Pergunto porque tenho um amigo querendo alto CBD para o pai, que é idoso e não conseguiu tomar com alto THC. E esse teste que vc postou a foto, qual o resultado dele?

Salve, sobre o teste ele vai fazer outro no laboratório pra me dizer os % miligramas que contém , esse primeiro teste que eles fez em casa era pra eu ter uma noção de thc e cbd, na experiência dele , ele me disse que provavelmente vai chegar no 20:1 ou bem próximo.

Sobre o óleo eu dilui no azeite 10ml de azeite pra cada 1ml de óleo , efeito não tem nada mental, como sou extremamente sensível ao thc , eu tomei uma dose bem alta pra ver, deu uma leve euforia de 2-5 minutos coisa suave , mais tem que está bem alimentado pois o cbd abaixa a pressão , pode dá um desconforto em pessoas sensíveis , mais aí é só comer que melhora na hora , isso é minha experiência tô falando por mim eu não sei de nada estou aprendendo, indico tomar dose baixa pra não ter problemas com pressão , boa sorte por ae, essa semana vou mandar outro feno + sativa da dinamed pra ver se tem uma variação grande ou se é mais o menos estável.

Outra dica é a nova menina da duth passion , Charlotte Angel , em breve vamos testar ela , parece ser promissora demais no cbd e thc baixo ;)

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Pô galera

desculpa o desabafo... muito dificil um cancer de fígado agressivo que não cede, lutando com isso a 5 meses +/-, a coisa me comendo, a medicina nao tem muito a me oferecer, o óleo é dificil porque como nao é regulamentado aí nao tem um acompanhamento profissional com isso vc nao sabe ao certo como usar tô me sentindo perdido, me sentindo como flutuando sobre uma situação em que nao tenho as rédeas, chegou a hora de contar para os pais... eles são bem de idade, é muito difícil, senão fosse o apoio da esposa irmãos cunhados e de alguns amigos não sei o que seria de mim, um monte de gente depende de mim e daqui a pouco nao poderei mais ajudá-los, foda!!! Que Jah olhe por nós    

poderia ter benefícios mas me tiram essa possibilidade me jogando na marginalidade 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Salve, @Aromabuds! Primeiro, minha total solidariedade contigo. Acho que um bom caminho seria você entrar em contato com a Cultive https://www.facebook.com/pg/CultiveAssociacao/  Escreva uma msg para eles, é bastante possível vc fazer um tratamento com um acompanhamento geral,  têm muitos profissionais envolvidos na associação. Também te recomendo muito entrar no grupo Cannabis Oil Success Stories no Facebook. Lá tem muitos casos iguais ao teu e muita gente se curando. E se já não leu, essa do Rick Simpson: http://phoenixtears.ca/dosage-information/, dá pra passar o idioma pra português. Achando a porta certa, dá pra ter todos os benefícios fora da marginalidade. Vai na firmeza, irmão, que dá certo mesmo!

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
19 horas atrás, Aromabuds disse:

Pô galera

desculpa o desabafo... muito dificil um cancer de fígado agressivo que não cede, lutando com isso a 5 meses +/-, a coisa me comendo, a medicina nao tem muito a me oferecer, o óleo é dificil porque como nao é regulamentado aí nao tem um acompanhamento profissional com isso vc nao sabe ao certo como usar tô me sentindo perdido, me sentindo como flutuando sobre uma situação em que nao tenho as rédeas, chegou a hora de contar para os pais... eles são bem de idade, é muito difícil, senão fosse o apoio da esposa irmãos cunhados e de alguns amigos não sei o que seria de mim, um monte de gente depende de mim e daqui a pouco nao poderei mais ajudá-los, foda!!! Que Jah olhe por nós    

poderia ter benefícios mas me tiram essa possibilidade me jogando na marginalidade 

Po mano, câncer no fígado é relativamente fácil de reverter com ingestão de RSO, é no fígado onde os cannabinóides são metabolizados e armazenados depois de serem absorvidos no intestino, é o primeiro lugar onde o coro come pros ´´dódoi``.

Não precisa de acompanhamento profissional pra ingerir o óleo, ele é um nutriente e não um remédio, não precisa de se obter um fabricado por farmacêuticas, os melhores óleos são os home grow msm.

Força cara, não desista pq o câncer tem cura, inestão do óleo somado a uma dieta detox/alcalina resolve seu problema sem sofrimento.

Abraço.

  • Like 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em 10/02/2018 at 02:01, TrincaZoinho disse:

Salve, @Aromabuds! Primeiro, minha total solidariedade contigo. Acho que um bom caminho seria você entrar em contato com a Cultive https://www.facebook.com/pg/CultiveAssociacao/  Escreva uma msg para eles, é bastante possível vc fazer um tratamento com um acompanhamento geral,  têm muitos profissionais envolvidos na associação. Também te recomendo muito entrar no grupo Cannabis Oil Success Stories no Facebook. Lá tem muitos casos iguais ao teu e muita gente se curando. E se já não leu, essa do Rick Simpson: http://phoenixtears.ca/dosage-information/, dá pra passar o idioma pra português. Achando a porta certa, dá pra ter todos os benefícios fora da marginalidade. Vai na firmeza, irmão, que dá certo mesmo!

 

Em 10/02/2018 at 13:34, ThiaBo disse:

Po mano, câncer no fígado é relativamente fácil de reverter com ingestão de RSO, é no fígado onde os cannabinóides são metabolizados e armazenados depois de serem absorvidos no intestino, é o primeiro lugar onde o coro come pros ´´dódoi``.

Não precisa de acompanhamento profissional pra ingerir o óleo, ele é um nutriente e não um remédio, não precisa de se obter um fabricado por farmacêuticas, os melhores óleos são os home grow msm.

Força cara, não desista pq o câncer tem cura, inestão do óleo somado a uma dieta detox/alcalina resolve seu problema sem sofrimento.

Abraço.

Pó galera valeu mesmo a força me  deu uma injeção de ânimo vou fazer uma extração de oleo eu tenho ganja e sei  fazer vou tentar entrar em contato também com essa galera que tem usado Medicinal é foda mas não vou dar mole e não vou deixar médico ficar me desanimando vou correr atrás gratidão pela força galera  saúde e paz 

  • Like 4
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em 29/01/2018 at 13:44, Maryjane2509 disse:

Fiz um óleo aqui pra meu uso , para ansiedade insônia stress , deixo a dica aí de um strain de fácil acesso Dinamed Dinafem para quem não pode usar thc alto. Colhi com 50 dias de flora faltava umas duas ainda , sequei uma semana e já fiz método Rick Simpson , ficou legal efeito semelhante aos óleos de 5000mg pra cima importado . 

Próxima análise que vou fazer daqui uns dias saberei os % exato do extrato,deixo o salve aqui! 

O químico que fez análise disse que foi a extração com maior razão cbd para thc que ele fez até hoje , eu creio que isso é devido só agora estar mais disponível no mercado as 20:1 mais estáveis ... Em breve pessoal vai começar a colher 20:1 mais estáveis  ...

large.IMG-20180129-WA0012.jpg.f117787937

large.IMG_20180129_132800.jpg.731e8a83a1

Ta pra ver que estão bem leitosos ainda tricomas , porém o óleo está sedativo demais igula eu precisava. Esse feno é o indica , único que saiu indica das 5 dinamed .

large.IMG_20180129_200115439.jpg.8b12d70

large.IMG_20180129_200148269.jpg.0aa6695

large.IMG_20180129_200719.jpg.43bfcc9add

 

Boa produção de óleo a todos, que dê certo pra suas patologias ;)

 

é no brasil que voce faz esse teste?

sou doido pra testar umas flores pra saber se posso fumar

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

@TrincaZoinho Cara que tópico!!! Eu faço parte da comunidade há vários anos, mas só comecei a participar efetivamente quando criei essa conta e passei a auxiliar nas questões jurídicas (sou advogado). Hoje, eu e mais 5 amigos, estamos criando uma ONG para fins de pesquisa, extração e doação do óleo para as pessoas de baixa renda que não podem pagar pelo tratamento. Há anos acompanho de perto processos judiciais para fins de autorização de cultivo, mas relato igual aos que eu li aqui, poxa vida! Comecei a ler hoje e estou na página 14 desse tópico (nem terminei de ler até aqui e já senti vontade de agradecer à todos).

Estou agora estudando sobre o óleo e seus efeitos sobre bronquites e fibromialgia. A vó da minha namorada tem esses dois problemas rotineiramente e já desistiu de todos os remédios (90% hoje é fitoterápico, porém nenhum a base de cannabis). A minha namorada também enxaqueca diariamente (crônica talvez?), até para ela estou pensando em aplicar uma dose, único problema que não sei se vai fazer muito efeito (ele já fuma mais que eu hehe, fico pensando na dose).

Mas enfim, antes de terminar de ler o tópico todo até aqui, vim só passar para agradecer desde já!

Jahbless todos!  

  • Like 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Salve, @jpw Demais que esse tópico se manteve ativo, muita gente buscando informação sobre o RSO. Parabéns pela atitude de criar uma ONG, na ausência do Estado, a sociedade vai se virando. Também faço parte de duas associações de cannabis medicinal. Cannabis é usada há muito tempo no tratamento de bronquite, acho que vc consegue fácil  literatura  a respeito. Sobre fibromialgia, tem esse artigo da Abrace: https://abraceesperanca.com.br/2016/04/pesquisa-mostra-que-a-cannabis-pode-ser-o-melhor-tratamento-para-fibromialgia/

Pra enxaqueca, sempre ouvi das pessoas que sofrem desse mal e usam cannabis que vaporizar é bem mais efetivo do que fumar e o óleo é um analgésico muito potente. Independente de quanto a sua namorada fuma, faz efeito, sim. E como, ehehe! Abraço forte!

  • Like 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 month later...
  • Usuário Growroom
Em 21/02/2018 at 13:39, jpw disse:

Estou agora estudando sobre o óleo e seus efeitos sobre bronquites e fibromialgia. A vó da minha namorada tem esses dois problemas rotineiramente e já desistiu de todos os remédios (90% hoje é fitoterápico, porém nenhum a base de cannabis). A minha namorada também enxaqueca diariamente (crônica talvez?), até para ela estou pensando em aplicar uma dose, único problema que não sei se vai fazer muito efeito (ele já fuma mais que eu hehe, fico pensando na dose).

Mas enfim, antes de terminar de ler o tópico todo até aqui, vim só passar para agradecer desde já!

Jahbless todos!  

Boa tarde jpw,

Ingestão do óleo é muito bom pra bronquite e fibromialgia, sua avó tb deve fazer uso tópico do rso diluído em outro óleo como de coco ou copaíba nos locais doloridos, se conseguir corte o trigo dela, o glúten é grande causador de fibromialgia.

Enxaqueca crônica sou PHD rsrs, sofri por uns 30 anos de enxaqueca crônica e estou CURADO desde 2011, me curei com ingestão de hemp oil, somado a uma reeducação alimentar, quem tem enxaqueca crônica certamente está deficiente em magnésio, então se suplementa esse mineral comprando cloreto de magnésio na farmácia e diluindo em 1,5 litros de água, ela deve tomar doais copinhos de café por dia. lactose tb é muito conhecida por causar enxaqueca, como na época que eu comecei a ingerir rso tb cortei o leite, eu recomendo ela fazer tb.

Abraço.

 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Fala galera, acabei de ler as 24 páginas desse tópico, muito obrigado pelas informações! Também tenho interesse em produzir meu óleo por questões de saúde, e já aprendi bastante coisa aqui (ainda não sei como vou conseguir uma strain rica em CBD, vou ter que dar meus pulos) mas me surgiu uma dúvida sobre a descarboxilação.

Vi que o tópico já foi discutido algumas vezes, mas a questão é a seguinte:

Nesse video que o ThiaBo repostou da mulher fazendo o óleo, ela põe a frigideira por cima de uma panela com água levemente borbulhando e desliga o fogo/gás por questão de segurança. (lá pelo minuto 21 do video)

 

Isso é o suficiente pra evaporar o álcool (que deve evaporar em torno de uns 60 graus acho). Mas pelo que eu entendi, pra rolar a descarboxilação, a temperatura deve ser de uns 106 graus, o que não chegaria nunca num sistema desse, não passaria nunca de 100 graus certo? No caso dela, isso não significa que ela vai terminar com um óleo basicamente de THCA e CBDA? (pelo que li rola um pouco de decarb durante a secagem e a cura, então teria um pouco de THC e CBD)

Encontrei esse gráfico também interessante sobre a transformação do THCA em THC em função da temperatura e tempo (nesse link http://cannabischris.com/2012/10/decarboxylation-of-cannabis/)

decarboxylation-graph-b.jpg

 

Vi que algumas pessoas colocam os buds triturados dentro do forno em torno de 106 graus (223 farenheit) durante uns 30-40 min pra que role a descarboxilação, mas não sei se fazem isso pra produção de óleo.

Não li sobre essa etapa aqui no tópico. Vocês não acham que fazendo essa fornada antes da extração com o solvente não iria resultar num remédio mais rico?

Nunca produzi nem sou especialista, então queria saber o que vocês acham.

Um abraço!

 

 

 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
23 horas atrás, della disse:

 

Vi que o tópico já foi discutido algumas vezes, mas a questão é a seguinte:

Nesse video que o ThiaBo repostou da mulher fazendo o óleo, ela põe a frigideira por cima de uma panela com água levemente borbulhando e desliga o fogo/gás por questão de segurança. (lá pelo minuto 21 do video)

Isso é o suficiente pra evaporar o álcool (que deve evaporar em torno de uns 60 graus acho). Mas pelo que eu entendi, pra rolar a descarboxilação, a temperatura deve ser de uns 106 graus, o que não chegaria nunca num sistema desse, não passaria nunca de 100 graus certo? No caso dela, isso não significa que ela vai terminar com um óleo basicamente de THCA e CBDA? (pelo que li rola um pouco de decarb durante a secagem e a cura, então teria um pouco de THC e CBD)

Não li sobre essa etapa aqui no tópico. Vocês não acham que fazendo essa fornada antes da extração com o solvente não iria resultar num remédio mais rico?

Nunca produzi nem sou especialista, então queria saber o que vocês acham.

Um abraço!

 

 

 

Olá della,

O fogão da mulher do vídeo deve ser elétrico, vc deve comprar uma panela elétrica ou por  uma panela inox pra evaporar em cima de uma chapa elétrica, que geralmente irá evaporar entre 80 a 110 graus dependendo do modelo usado, geralmente a tintura feita de uma extração chega a 1 litro de tintura ou mais então demora umas 3 hs o processo desde o início até o final onde só resta uns 20 ml de um óleo viscoso, então esse tempo e nessa temperatura geralmente resulta em um óleo bem descarboxilado.

A quantidade de THC ou CBD é diretamente ligada a qualidade da genética que vc selecionou pro cultivo, e não se preocupe muito com esses detalhes, e sim em por logo uma planta pra florir e fazer o óleo pra ingerir, escolha uma indica que vc já garante uma boa variação de cannabinóides e tb um ciclo mais curto pra colher em relação a sativas.

Não acho interessante fazer fornada antes de evaporar pq demora algumas horas a evaporação e já é o suficiente pra descarboxilar.

Vc quer tratar qual problema de saúde?

Abraço.

 

 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em ‎10‎/‎04‎/‎2018 at 23:29, ThiaBo disse:

Olá della,

O fogão da mulher do vídeo deve ser elétrico, vc deve comprar uma panela elétrica ou por  uma panela inox pra evaporar em cima de uma chapa elétrica, que geralmente irá evaporar entre 80 a 110 graus dependendo do modelo usado, geralmente a tintura feita de uma extração chega a 1 litro de tintura ou mais então demora umas 3 hs o processo desde o início até o final onde só resta uns 20 ml de um óleo viscoso, então esse tempo e nessa temperatura geralmente resulta em um óleo bem descarboxilado.

A quantidade de THC ou CBD é diretamente ligada a qualidade da genética que vc selecionou pro cultivo, e não se preocupe muito com esses detalhes, e sim em por logo uma planta pra florir e fazer o óleo pra ingerir, escolha uma indica que vc já garante uma boa variação de cannabinóides e tb um ciclo mais curto pra colher em relação a sativas.

Não acho interessante fazer fornada antes de evaporar pq demora algumas horas a evaporação e já é o suficiente pra descarboxilar.

Vc quer tratar qual problema de saúde?

Abraço.

 

 

Olá ThiaBo! Cara, suas respostas são sempre em cima.

De fato, levando 3 horas o processo deve dar tempo de sobra pra descarboxilar legal. De qualquer jeito eu quis tbm compartilhar esse gráfico, pq mostra como o processo depende da temperatura  E do tempo. Mudando um ou outro, haverá alterações no produto final.

Sobre minha saúde, agradeço o interesse! Não ia entrar em detalhes pra manter o tópico focado nas técnicas, mas já que vc perguntou...

Basicamente, eu tenho vivido com uma dor de cabeça crônica desde fev/2014, toda hora todo dia. Começou após um momento de ansiedade que eu vivi no trabalho (na verdade foi um acumulo de coisas que já vinha de 2 anos) seguido de uma tosse carregada que durou uma semana . Eu tava sentado e de repente minha mente virou um turbilhão e veio essa dor e nunca mais foi embora. Mas o pior é que ao mesmo tempo minha mente meio que parou de funcionar. Eu tinha/tenho dificuldades de acompanhar conversas, me expressar, me sinto meio autista/ADD/lento. Talvez um pouco de ansiedade e/depressão tbm, junto com uma insônia nervosa que me impede de ter uma rotina normal. 

Nesses 4 anos eu tentei de tudo, alimentação, atividade física, dezenas de dietas, meditação, ayurveda, acupuntura, terapia, passei um ano viajando, fiz trabalho voluntário, passei um mês no Himalaia, um mês andando de bike etc. E nada me fez sentir melhor.

Em relação à Cannabis, já faz uns 6 anos que de repente a brisa começou a parece que me fazer mal. Ainda assim demorei um tempo pra parar de fumar de vez, pq até então minha história com a erva tinha sempre sido positiva. Especialmente agora, se eu fumo, parece que esse sentimento autista multiplica por 1000 e eu entro num estado FULL RETARDED. Fico pior que um zumbi.

Então sinto certa apreensão em investir tempo e dinheiro num grow agora sem saber como a planta vai me afetar, além de eu só ter contatos de prensadão no momento.

Eu li sua dica do Cloreto de Magnésio, é algo que eu pretendo tentar em breve. A diferença entre nós é que eu nunca tive dores de cabeça na infância/adolescência, e de repente eu tenho o tempo inteiro. 

Uma pergunta. Você acha que se eu encontrar um strain que me faça sentir melhor vaporizando e/ou fumando, é um indicativo de que seja a planta certa pra eu produzir meu óleo?

Obrigado pela resposta e parabéns por tentar ajudar tanta gente com esse tópico.

Um abraço

  • Like 2
  • Thanks 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
2 horas atrás, della disse:

 

Sobre minha saúde, agradeço o interesse! Não ia entrar em detalhes pra manter o tópico focado nas técnicas, mas já que vc perguntou...

Basicamente, eu tenho vivido com uma dor de cabeça crônica desde fev/2014, toda hora todo dia. Começou após um momento de ansiedade que eu vivi no trabalho (na verdade foi um acumulo de coisas que já vinha de 2 anos) seguido de uma tosse carregada que durou uma semana . Eu tava sentado e de repente minha mente virou um turbilhão e veio essa dor e nunca mais foi embora. Mas o pior é que ao mesmo tempo minha mente meio que parou de funcionar. Eu tinha/tenho dificuldades de acompanhar conversas, me expressar, me sinto meio autista/ADD/lento. Talvez um pouco de ansiedade e/depressão tbm, junto com uma insônia nervosa que me impede de ter uma rotina normal. 

Nesses 4 anos eu tentei de tudo, alimentação, atividade física, dezenas de dietas, meditação, ayurveda, acupuntura, terapia, passei um ano viajando, fiz trabalho voluntário, passei um mês no Himalaia, um mês andando de bike etc. E nada me fez sentir melhor.

Então sinto certa apreensão em investir tempo e dinheiro num grow agora sem saber como a planta vai me afetar, além de eu só ter contatos de prensadão no momento.

Eu li sua dica do Cloreto de Magnésio, é algo que eu pretendo tentar em breve. A diferença entre nós é que eu nunca tive dores de cabeça na infância/adolescência, e de repente eu tenho o tempo inteiro. 

Uma pergunta. Você acha que se eu encontrar um strain que me faça sentir melhor vaporizando e/ou fumando, é um indicativo de que seja a planta certa pra eu produzir meu óleo?

Obrigado pela resposta e parabéns por tentar ajudar tanta gente com esse tópico.

Um abraço

Não devemos ter receio de expor os problemas de saúde pq outros pacientes com o msm problema podem se beneficiar do conhecimento de uma possível situação de cura que um membro pode vivenciar pondo em prática o conhecimento conquistado aqui na área medicinal do Fórum, e quem sabe isso possa incentivar tb as pessoas que normalmente não tem iniciativa, a tê-la.... a lias, iniciativa é o segredo pra se obter os resultados dentro desse conhecimento.

Vale investir em um grow sim, o benefício medicinal de ficar ingerindo o óleo diariamente é absurdo de bom, e sempre digo que somando isso a uma reeducação alimentar, é a combinação mais poderosa que q/q pessoa doente pode e deve fazer a fim de reverter sua condição.

Sobre a strain, sim... ache uma que te faça sentir bem depois de fumar e essa será a mais indicada pra se fazer óleo.

Abraço.

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Sem receio nenhum! E a tentativa dando certo pode ter certeza que irei compartilhar meus resultados. Só não sabia se esse tópico específico era o espaço pra isso.

Quanto ao grow, também não tenho dúvidas de que seria a melhor opção. Mas como eu disse, no momento só tenho acesso à prensados, e minha experiência com eles hoje em dia é negativa.

Meu sonho seria conseguir algo como juntar um dinheiro, voar pra Califórnia, fumar tudo que eu puder, trazer uma variedade boa de sementes e produzir um remédio riquíssimo.

Um abraço e boas colheitas!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
Em 12/04/2018 at 21:04, della disse:

Uma pergunta. Você acha que se eu encontrar um strain que me faça sentir melhor vaporizando e/ou fumando, é um indicativo de que seja a planta certa pra eu produzir meu óleo?

Salve @della

tenho cultivado strains ricas em cbd e posso afirmar que o efeito é completamente diferente das convencionais ricas em THC.

tendo em mente que as proporções thc/cbd podem variar bastante (ex. 30:1 ou 1:30), o que posso falar é referente a uma durga mata cbd que cultivei e que era 1:1. 

Me atendo ao que parecer ser o seu problema ao fumar(introspecção e ansiedade), a variedade 1:1 ainda lhe dará uma onda, mas muito mais limpa, sendo “clear high” o melhor termo que encontrei p/ descrever. Aquela confusão/ atropelo mental que pode ocorrer simplesmente não existe, ou em bem menor escala.... controlável.

O que percebo tb é uma disposição muito maior, digamos as vezes qdo se fuma uma do THC antes de sair de casa bate aquela marola e o cabra acaba ficando na prega, nem sai mais...rss. Enquanto com o cbd a disposição é muito maior.

um amigo quw parou de fumar por anos por conta de crises de ansiedade e paranoia experimentou um bek do cbd comigo e a experiência foi tão boa que ele pilhou em começar a plantar!

cbd puríssimo é usado como antídoto para a galera que entra na noia qdo manda os dabs. Num momento o cara tá se escondendo debaixo da mesa e 5 minutos após o uso do antídoto cbd ele tá normal.

Isso exemplifica o efeito prático que o cbd produz, o que não sei explicar tecnicamente, mas se não me engano já foi descrito aqui mesmo no tópico.

Tente fumar e/ou cultivar variedades ricas em cbd. Experimete os diferentes ratios. Talvez essa seja a ganja que vc procura! Só não saberia dizer como se reflete no oil...

abxx

  • Like 1
  • Thanks 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Valeu pela informação @Budweiser

Pelas que eu venho pesquisando por enquanto, minha conclusão também é essa. Começar com uma strain rica em CBD:THC 1:1 ou mais, e ir aumentando o THC aos poucos (com outra strain talvez) pra ver se complementa/melhora os resultados medicinais.

A dificuldade é encontrar essas strains aqui no Brasil. 

Mas vamo que vamo, desistir jamais!

Abraços

 

  • Like 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Oi pessoal,

A gente Lê, lê, lê e fica com mais dúvidas, né?!

Percebi que o Simpson faz com isopropílico, certo? Mas pode-se fazer com álcool de cereais? Li que é mais indicado para ingerir.

Achei que se fazia com a panela de arroz na função aquecer, mas relendo em inglês fiquei na dúvida. Se faz com a função normal (cozimento) e somente no final se poe na função aquecer (que é mais fraca) da panela de arroz? Ou faz desde o início na aquecer/fraca?

Mais uma dúvida. Ao final, quando o óleo começa a sair aquela fumacinha, que deve ser das gotas que você acrescentou, eu já não entendi muito bem. Ele retira e termina de outra forma. Alguém pode me orientar como é esta finalização?

Grato desde já,
Plunct

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...