Ir para conteúdo
Growroom

Fumar De Manhã


lukasrr

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Boa noite galera.

Olha só, tenho uma dúvida, e gostaria de saber as opiniões de vocês

Fumar um baseado de manhã é mais prejudicial pra saúde ou mito ?

Além de dar muita mais onda ... pelo menos pra mim ehehe

Faloww

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

um só deve ser prejudicial mesmo!

meu dia ideal

começa às 4:30 da manhã,

smokeio e me preparo pra surfar,

esses dias o mar está meio fora das condições normais :)

elimino TODAS as atividades e responsabilidades que me prendam em terra. e continuo smokiando..

DEPOIS do surf, ainda bem loko (se o green é o verdadeiro) tomo café da manhã às 18:30

só pra ficar AGUÇADÃO, CONCENTRADO dentro d´água,

mas tem que estar acostumado a fazer isso, senão passa mal

ESSE é um dia ideal pra mim, pena que são raríssimos, do jeito que eu curto..

have fun!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

um só deve ser prejudicial mesmo!

meu dia ideal

começa às 4:30 da manhã,

smokeio e me preparo pra surfar,

esses dias o mar está meio fora das condições normais :)

elimino TODAS as atividades e responsabilidades que me prendam em terra. e continuo smokiando..

DEPOIS do surf, ainda bem loko (se o green é o verdadeiro) tomo café da manhã às 18:30

só pra ficar AGUÇADÃO, CONCENTRADO dentro d´água,

mas tem que estar acostumado a fazer isso, senão passa mal

ESSE é um dia ideal pra mim, pena que são raríssimos, do jeito que eu curto..

have fun!

po ricco começa 4:20 mano

uauhuh

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Bah e o melhor do dia sem tomar café, as vezes o prensadão faz até ansiá,

mais e o melhor do dia...

3 baseados que mais gosto de fumar...

1 Quando acordo...

1 Depois do almoço...

1 antes de Dormir...

e Aquele sagrado creio que pra maioria da galera...

depois de lubrifica a espingarda... :P

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cara quem te contou essa mentira?

olha durante a semana eu fumo só durante a noite, porque gosto do efeito medicinal, relaxar e tal. E porque dependendo do brasa, eu me perco no trabalho, rs.

Agora já fumei de manhã sim, é ótimo, o dia demora a passar, tu fica relaxado a manhã toda.

Se eu não tivesse nenhum compromisso, ou se a maconha não alterasse minha capacidade de raciocínio eu fumaria o dia todo, mas é que cada um cada um, tem gente que fuma e faz tudo normalmente numa boa, comigo não acontece isso.

Mas se tu fica na boa, não existe hora nem lugar pra queimar um!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Se o problema é fumar, dá-lhe óleo!

Acordo às 3h33 pra fazer um rápido yoga secreto e o incenso tem que ser cannabis, para exorcizar as impurezas.

A tradição é uttara kaula e adinath, ambas do pé dos Himalayas.... o certo seria eu usar um charas, hein.... mas enfim, quem não tem charas, se vira com medicinal mesmo... ehehe

Depois, volto para a cama para a parte final do yoga dos sonhos e do sono.

Quando é umas 8h, desperto para o dia com muita paz e alegria!

Só não torro mais durante o dia porque meu atual trabalho não permite. Mas logo isso será resolvido!

Na dúvida e preocupado com a saúde?! Toma óleo, faz brigadeiro, milk shake vegano, sei lá.

Tá, fumar qualquer coisa faz algum mal. Nosso natural não é respirar fumaça.

Por outro lado, vivo numa cidade poluída e nada melhor do que uma capa de saudáveis canabinóides para proteger meus alvéolos da fumaça do petróleo.

Enfim, o apego ao próprio ser pode ser um grande obstáculo. Como se diz na minha terra ancestral, a querida Espanha:

De algo se hay que morir.

Conheço senhores que fumam maconha há 50 anos e não têm nenhum problema e nem todos faziam esporte.

Por outro lado, um amigo meu parou com tudo, começou a nadar, andar de bike e trabalhar demais, desenvolveu um câncer e morreu com 24 anos.... vai entender....

A psicossomática influi muito e nada como estar bem relaxado e alto para encarar com harmonia a realidade.

  • Like 1
  • Confused 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
.

Se eu não tivesse nenhum compromisso, ou se a maconha não alterasse minha capacidade de raciocínio eu fumaria o dia todo, mas é que cada um cada um, tem gente que fuma e faz tudo normalmente numa boa, comigo não acontece isso.

Mas se tu fica na boa, não existe hora nem lugar pra queimar um!

x2 comigo rola algo parecido, não tenho problema em fumar antes de trampar/estudar porém o rendimento não é o mesmo se eu estou de cara. Prefiro fumar quando to 'de boa' ou então p praticar exercícios fisicos, esportes, sexo, etc. :rollj:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Se o problema é fumar, dá-lhe óleo!

Acordo às 3h33 pra fazer um rápido yoga secreto e o incenso tem que ser cannabis, para exorcizar as impurezas.

A tradição é uttara kaula e adinath, ambas do pé dos Himalayas.... o certo seria eu usar um charas, hein.... mas enfim, quem não tem charas, se vira com medicinal mesmo... ehehe

Depois, volto para a cama para a parte final do yoga dos sonhos e do sono.

Quando é umas 8h, desperto para o dia com muita paz e alegria!

Só não torro mais durante o dia porque meu atual trabalho não permite. Mas logo isso será resolvido!

Na dúvida e preocupado com a saúde?! Toma óleo, faz brigadeiro, milk shake vegano, sei lá.

Tá, fumar qualquer coisa faz algum mal. Nosso natural não é respirar fumaça.

Por outro lado, vivo numa cidade poluída e nada melhor do que uma capa de saudáveis canabinóides para proteger meus alvéolos da fumaça do petróleo.

Enfim, o apego ao próprio ser pode ser um grande obstáculo. Como se diz na minha terra ancestral, a querida Espanha:

De algo se hay que morir.

Conheço senhores que fumam maconha há 50 anos e não têm nenhum problema e nem todos faziam esporte.

Por outro lado, um amigo meu parou com tudo, começou a nadar, andar de bike e trabalhar demais, desenvolveu um câncer e morreu com 24 anos.... vai entender....

A psicossomática influi muito e nada como estar bem relaxado e alto para encarar com harmonia a realidade.

Muito interessante seu ponto de vista, Miktal Alak...

Eu constantemente me preocupo com os malefícios da fumaça, até pq fumei prensado lixo e sujo (muito) por uns 10 anos ou mais... eu tenho até uns indicativos no meu corpo... tipo papilas gustativas inflamadas (tenho isso há anos... qdo apareceram, uns 5 anos depois de eu começar a fumar forte - eu fui em alguns médicos (clínico geral, otorrino....) e todos me disseram q não era nada, um deles disse q podiam ser pólipos e um outro falou q deviam ser as tais papilas inflamadas... Teve um q sugeriu q eu fosse num estomatologista, mas na época nem encontrei essa especialidade.

Eu desencanei disso e deixei quieto, mas às vezes fico apreensivo... fiquei mais de um ano sem fumar nadinha de nada de fumaça nenhuma, mas não sumiram.. Eu sinto q dependendo do q eu como (gordura e açucar principalmente) eu passo a sentí-las mais....

Enfim.. eu vejo q mta gente fuma por décadas a fio e não desenvolve nada. Mas me pergunto: E se eles ficarem fumando essa porcaria q vem do paraguai? Será q tbm não desenvolveriam nada? Suponho que o prensado sujo seja coisa da nossa geração.. acho q essa enxurrada de prensado com amônia, agrotóxico e um monte de outras merdas não tinha antigamente, tipo na década de 70 e 80...

Quem tem o hábito de curar o prensado sujo com vinagre por alguns dias, trocando as águas, tem a chance de ver o tanto de porcaria q bota pra dentro. O cheiro esquisito q sai da água IMUNDA é impressionante... meu Deus do céu... me dá calafrios qdo vejo q botei isso pra dentro por mais de 10 anos... se ao menos eu tivesse essa sacada de ter curado sempre o prenpren, talvez meu corpo não tivesse sofrido esses side effects...

Foi muito bom ler seu comentário, Miktal... às vezes eu vou juntando uma carga nas minhas costas, um peso na consciência, como se eu tivesse cometendo um pecado mortal.. De fato preciso ficar esperto com relação aos side effects do uso prolongado no meu corpo dessa fumaça suja do prenpren paraguaio misturado, mas é importante não se contaminar com a satanização e ignorância provindas de boa parte de nossa sociedade com relação aos cannabinóides. Se a fumaça ta fazendo mal, ok, da pra resolver. E com ctz mtos vão alegar q o q gostam é a fumaça... eu tbm, mas é questão de costume.. da pra encontrar maneiras alternativas e prazerosas tbm.. hj em dia eu acho MUITO BOA a sensação qdo fico o dia inteiro sem queimar um e tomo o leite thc.. é massa qdo a brisa vai batendo, mesmo sem vc ter fumado... ou melhor, a VENTANIA!!! hehehe

O desapego é importante, mas essa vida é sensacional e não da pra saber se existem outras assim... vai que essa é a única? Eu acho q largar tbm não é a solução, a não ser q a pessoa se sinta bem com isso... Pq parar e ter q viver sempre naquela agonia, ou tristeza, vazio, whathever, aí o cara adoece mesmo! Eu lembro qdo descobri o tópico aqui no growroom das receitas culinárias.. puts, revolucionou minha vida.. hehe antes de eu descobrir essa alternativa de ingestão era um saco qdo eu parava de fumar.. nossa... ter q ficar dias ou semanas com aquela sensação.. baita tédio.. hehehe mordendo o pé da mesa...

Valeu, Miktal! Mó onda boa essa!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Consultores Jurídicos GR

Pqp, ri de mais com esse tópico...hauihaiuuia

Acordei hoje, cheio de sono de ontem a noite que comi pra caralho. Chego na rede, acendo uma chaura que tinha bolado e apagado antes de dormir e dou uma fumada na metade só pra ir pro trampo...

Pessoalmente, é impressionante como um tapinha de manhã muda meu dia inteiro. Mas não pode ser fumo pra ficar lesado, tem que ser apenas um 2 mesmo.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
(...) às vezes eu vou juntando uma carga nas minhas costas, um peso na consciência, como se eu tivesse cometendo um pecado mortal.. De fato preciso ficar esperto com relação aos side effects do uso prolongado no meu corpo dessa fumaça suja do prenpren paraguaio misturado, mas é importante não se contaminar com a satanização e ignorância provindas de boa parte de nossa sociedade com relação aos cannabinóides. Se a fumaça ta fazendo mal, ok, da pra resolver. E com ctz mtos vão alegar q o q gostam é a fumaça... eu tbm, mas é questão de costume.. da pra encontrar maneiras alternativas e prazerosas tbm.. hj em dia eu acho MUITO BOA a sensação qdo fico o dia inteiro sem queimar um e tomo o leite thc.. é massa qdo a brisa vai batendo, mesmo sem vc ter fumado... ou melhor, a VENTANIA!!! hehehe O desapego é importante, mas essa vida é sensacional e não da pra saber se existem outras assim... vai que essa é a única? (...)

Saudações auspiciosas, camarada!

Olha só o que eu penso quando fico "passando malozo" (wink, wink) no café da manhã:

Todos nós temos essa autoconsciência de que você fala. Ela nem é moral, é física mesmo: o sistema nervoso sente a mínima ameaça a outros sistemas, especialmente os delicados como o respiratório.

Eu tenho rinite, desvio de septo e outros problemas afins. Já fiz todo tipo de tratamento desde moleque. Estava à beira de ser operado quando achei um otorrino, hoje já falecido, especialista em nasoacupuntura. O cara foi o único que me diagnosticou com eficácia e tratou melhor ainda: explicou que o cocô dos ácaros, mais do que os próprios serzinhos, irritavam a mucosa. Para acabar com a inflamação crônica, ele limpou bem com um remédio manipulado por ele, me deu a receita pra eu usar por dois meses e manipular onde quisesse.

Umas agulhadas dentro do meu nariz evitaram que eu fosse operado e nunca mais tive crises como as daquela época, tendo uma melhora definitiva, ainda que não completa (afinal, vivo na Paulicéia Desvairada). Ah, claro, como 99,999% do pessoal aqui no GR, eu adoro fumaça.

Eu não tenho esse pudor moral da autodestruição lenta. Encaro mais como um pagamento para o prazer e insight que eu tenho com o uso da nossa querida mardita (mar dita.... kkkk... essa é pra quem é da UDV... ehehehe). Claro, já tive a fase de tabagismo autodestrutivo de uma mente punk adolescente querendo se firmar como adulto e sexy perante a mulherada (como se isso ajudasse.... kkkk)

Pouco importa se há reencarnação ou não. Se há, o que importa é o aqui & agora, que é a soma de todas que passaram e a causa das que virão. Se não existe, então mais importante ainda é o aqui & agora, único presente.

Aparentemente não há motivo para se ocupar com assuntos ilusórios como renascimento, pois a natureza mais profunda da realidade é pura e infinita eternidade. Para isso ela é eterna mudança, devir. Mesmo se considerando a existência de um Eu Superior, uma Alma Mater, um Atman, uma alma, espírito ou qualquer individualidade possível, isso sempre teve um começo e, como tudo que começa, sempre tem um fim. Portanto, não é da natureza verdadeira da Realidade.

Mesmo renascendo, a astrologia, em seus pretensos cálculos, diz [fonte: Dr. Lino De Siatti] que não haverá um ser humano igual ao outro por pelo menos mais um milhão de anos ou algo assim, na escala do inconcebível e distante (a não ser para mentes fantasiosas).

Na boa, é importantíssimo cuidar daquilo que nos foi emprestado, para não ter o cheque caução depositado.

Tem gente que fala que o grande problema do prensado é a quantidade de almas penadas, fantasmas, espectros obsessores, demônios e magos negros o acompanham. Nenhum banho de vinagre ajuda a remover esse sangue....

Felizmente, eu sou mais uma das formiguinhas aqui que vem falar: a realidade do plantio caseiro é possível!!!!

Comungo ganjah, uso cannabis, consagro a erva de Shiva! A folha de Eshú! Koshi Eshú, Koshi Orishá!!

Há filósofos e pensadores que diriam que, mesmo sendo crime, temos de fazer, porque é nosso dever cívico lutar contra o tráfico que, infelizmente, acabamos ajudando a alimentar!

Caramba, se liberassem a cannabis, um monte de nóia conseguiria se libertar da pedra e do pó.... poderia tipo gerar receita e ainda formar um networking de voluntários que ficariam isentos de imposto sobre sua cannabis.

Prefiro muito mais pagar imposto e poder fazer um outdoorzaço legalizado do que ficar na mutuca, tendo que esconder meu cultivo até da maior parte da família, quando recebo visitas!!!

Nossa, de manhã o beq, o kief, o ragga, funciona para despertar!!!!!!!! ehehehehe

Prefiro os colhidos com tricomas 90% leitosos de strains mais puxadas para sativas, que já levanto acelerado.

À noite, um bem ambarizado, tipo coca-cola exportação, vindo de umas com tons indicas definidos, para relaxar.

aaaaaaaaaaaa

La Dolce Vita

kkkkkkk

Abraços cósmicos e cômicos!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 9 years later...
  • Usuário Growroom
Em 05/02/2012 at 21:20, Miktal Alak disse:

 

Saudações auspiciosas, camarada!

 

Olha só o que eu penso quando fico "passando malozo" (wink, wink) no café da manhã:

 

Todos nós temos essa autoconsciência de que você fala. Ela nem é moral, é física mesmo: o sistema nervoso sente a mínima ameaça a outros sistemas, especialmente os delicados como o respiratório.

 

Eu tenho rinite, desvio de septo e outros problemas afins. Já fiz todo tipo de tratamento desde moleque. Estava à beira de ser operado quando achei um otorrino, hoje já falecido, especialista em nasoacupuntura. O cara foi o único que me diagnosticou com eficácia e tratou melhor ainda: explicou que o cocô dos ácaros, mais do que os próprios serzinhos, irritavam a mucosa. Para acabar com a inflamação crônica, ele limpou bem com um remédio manipulado por ele, me deu a receita pra eu usar por dois meses e manipular onde quisesse.

 

Umas agulhadas dentro do meu nariz evitaram que eu fosse operado e nunca mais tive crises como as daquela época, tendo uma melhora definitiva, ainda que não completa (afinal, vivo na Paulicéia Desvairada). Ah, claro, como 99,999% do pessoal aqui no GR, eu adoro fumaça.

 

Eu não tenho esse pudor moral da autodestruição lenta. Encaro mais como um pagamento para o prazer e insight que eu tenho com o uso da nossa querida mardita (mar dita.... kkkk... essa é pra quem é da UDV... ehehehe). Claro, já tive a fase de tabagismo autodestrutivo de uma mente punk adolescente querendo se firmar como adulto e sexy perante a mulherada (como se isso ajudasse.... kkkk)

 

Pouco importa se há reencarnação ou não. Se há, o que importa é o aqui & agora, que é a soma de todas que passaram e a causa das que virão. Se não existe, então mais importante ainda é o aqui & agora, único presente.

 

Aparentemente não há motivo para se ocupar com assuntos ilusórios como renascimento, pois a natureza mais profunda da realidade é pura e infinita eternidade. Para isso ela é eterna mudança, devir. Mesmo se considerando a existência de um Eu Superior, uma Alma Mater, um Atman, uma alma, espírito ou qualquer individualidade possível, isso sempre teve um começo e, como tudo que começa, sempre tem um fim. Portanto, não é da natureza verdadeira da Realidade.

 

Mesmo renascendo, a astrologia, em seus pretensos cálculos, diz [fonte: Dr. Lino De Siatti] que não haverá um ser humano igual ao outro por pelo menos mais um milhão de anos ou algo assim, na escala do inconcebível e distante (a não ser para mentes fantasiosas).

 

Na boa, é importantíssimo cuidar daquilo que nos foi emprestado, para não ter o cheque caução depositado.

 

Tem gente que fala que o grande problema do prensado é a quantidade de almas penadas, fantasmas, espectros obsessores, demônios e magos negros o acompanham. Nenhum banho de vinagre ajuda a remover esse sangue....

 

Felizmente, eu sou mais uma das formiguinhas aqui que vem falar: a realidade do plantio caseiro é possível!!!!

 

Comungo ganjah, uso cannabis, consagro a erva de Shiva! A folha de Eshú! Koshi Eshú, Koshi Orishá!!

 

Há filósofos e pensadores que diriam que, mesmo sendo crime, temos de fazer, porque é nosso dever cívico lutar contra o tráfico que, infelizmente, acabamos ajudando a alimentar!

 

Caramba, se liberassem a cannabis, um monte de nóia conseguiria se libertar da pedra e do pó.... poderia tipo gerar receita e ainda formar um networking de voluntários que ficariam isentos de imposto sobre sua cannabis.

 

Prefiro muito mais pagar imposto e poder fazer um outdoorzaço legalizado do que ficar na mutuca, tendo que esconder meu cultivo até da maior parte da família, quando recebo visitas!!!

 

Nossa, de manhã o beq, o kief, o ragga, funciona para despertar!!!!!!!! ehehehehe

 

Prefiro os colhidos com tricomas 90% leitosos de strains mais puxadas para sativas, que já levanto acelerado.

 

À noite, um bem ambarizado, tipo coca-cola exportação, vindo de umas com tons indicas definidos, para relaxar.

 

aaaaaaaaaaaa

 

La Dolce Vita

 

 

kkkkkkk

 

 

Abraços cósmicos e cômicos!

Você é meu herói

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
  • Tópicos

  • Posts

    • Não vi irmao, senão tinha acrescentado junto aqui... Se tu achar que vai agregar, cita o post e põe junto aí!  Vai ficar 2 páginas de um debate legal sobre seeds de seleção X bulk seeds. Tmj e bom domingo 
    • Eu falei as mesmas coisas com palavras diferentes, essa a a visao de futuro, Valeu e tamo junto,  
    • Que merda, criaram um pren sem prensar la fora. Tao inserindo porcarias no produto tbm. Por isso plantar o proprio verde é o futuro. Se enfiam essa porcaria lá, é pq é mais barato do que ter qualidade na producao. Ja ja chega por aqui no nosso pren junto com reajuste de valor. Por isso q o q mais custa é o tempo dedicado no cultivo, seja ele atuando, estudando ou ate melhorando. E la fora, mesmo sendo mais evoluido o esquema de cultivo/uso ja pegaram um caminho alternativo errado por lá. Confesso que peguei 30 feijoes no OA, mas estou mais interessado nas minhas cruzas da Killa Bees e Cake. Ja saiu delas fenos bem diferentes e a cruza com a pren deu uma planta resinadona e com cheiro azedo do pren. Foi a que mais rendeu em peso. Se meio que tudo é uma caixinha de surpresas, pq nao se surpreender com um feno seu? Derivado de sua cruza e esforco? Isso que fico pensando direto quando penso em comprar 30 feijoes regulares de umas 22 geneticas diferentes. Nao tenho tempo para dedicar atencao e usa tudo para criacao, entao uma grande parte vou somente fumar mesmo, se forem femeas. Se forem machos trago para a linhagem da reserve genetics que estou cruzando. Queria na verdade ter espaco de sobra, um grow para fumar e uma fazenda para a selecao genetica, ai sim ia viver isso, desde acordar ate dormir na roça se for o caso,  Kkkkkk Valeu e tamo junto,  
×
×
  • Criar Novo...