Granjaman

Folha: 90% Aprovam Internação Involuntária

Recommended Posts

90% aprovam internação involuntária

Datafolha mostra que, para maioria, viciados em crack devem ser internados para tratamento mesmo que não queiram

Conselho Federal de Psicologia é contra a medida, mas alguns a defendem para casos agudos de vício

VAGUINALDO MARINHEIRO

DE SÃO PAULO

É quase uma unanimidade: 9 em cada 10 brasileiros acham que os viciados em crack devem ser internados para tratamento mesmo que não queiram. É o que mostra pesquisa nacional do Datafolha feita na semana passada.

Questionados se um adulto dependente de crack deveria ser internado para tratar seu vício mesmo contra a vontade, 90% dos entrevistados disseram que sim.

A concordância é praticamente a mesma entre homens e mulheres e em todas as faixas etárias. Cai um pouco entre os moradores do Sul (86%), os que têm ensino superior (84%) ou renda acima de dez mínimos (79%).

A chamada internação involuntária (feita à revelia do paciente/viciado) é prevista na lei 10.216, de 2001, que trata de doentes mentais.

Ela exige a recomendação de um médico e que seja comunicado o Ministério Público em até 72 horas, para que se evitem abusos.

O tema voltou a criar polêmica com o lançamento, em dezembro, do plano federal de combate ao crack e com a ação da PM na cracolândia, iniciada no dia 3 pelo governo do Estado de São Paulo.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, defendeu a internação involuntária dos craqueiros. Ganhou o apoio de alguns psiquiatras e o repúdio de psicólogos.

O psiquiatra Marcelo Ribeiro, professor na Unifesp e um dos organizadores do livro "O Tratamento do Usuário do Crack", diz que a internação involuntária deve ser considerada para os que estão numa fase aguda do vício, quando o drogado perde a capacidade de escolher se deixa ou não o consumo do crack, e é o primeiro passo para que o viciado recupere a condição de analisar a própria vida.

"[A medida] Deve durar de duas a quatro semanas. Aí ela recebe alta e é encaminhada para um tratamento de longa duração, que será conduzido se o viciado concordar."

Já o Conselho Federal de Psicologia é contra.

O presidente do órgão, Humberto Verona, diz que a internação involuntária não pode ser vista como sinônimo de tratamento.

"O que querem fazer é apenas uma limpeza das ruas. Essas internações são, muitas vezes, pura privação da liberdade ou uma forma de aplacar a culpa das famílias dos viciados", afirma.

Para Verona, a maioria da população apoia a medida por ter a ilusão de que, feita a internação, o problema do drogado está resolvido.

DIREITOS

Outro argumento dos que discordam da internação sem o consentimento dos doentes é que os direitos deles estariam sendo violados.

Cid Vieira de Souza Filho, da Comissão de Estudos sobre Educação e Prevenção de Drogas e Afins da OAB-SP rebate. Para ele, o que se vê nas cracolândias são pessoas que atentam contra a própria vida e a dos outros.

"Nesses casos, o Estado deve agir de forma enérgica para garantir a vida."

Apesar de divergências, todos concordam num ponto: a adesão voluntária a um tratamento de longo prazo é essencial para que o viciado ao menos retome uma vida familiar e profissional.

O Datafolha ouviu 2.575 pessoas em 159 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidiano/22009-90-aprovam-internacao-involuntaria.shtml (somente para assinantes).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Casas concivencia em pontos criticos já salvaria muitas vidas

Utilizar canabis para redução de danos

Este foi o meu caminho para me livrar do crack

O que fui usuario cronico

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Típico de um Estado de meia-tijela como o brasileiro, vamos criar outro problema ao invés de resolver o que causou toda essa situação que vivemos hoje...tapar buraco com terra choveu enche de lama.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Utilizar canabis para redução de danos

Ia ser uma boa, mas, pelo menos onde eu moro, maconha é pior que crack. Me refiro a mentalidade das pessoas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

godbud é seu trabalho mudar essa mentalidade retrógrada desse povo, e só através de lógica e argumentação você pode fazer isso, a não ser que eles sejam religiosos fundamentalistas ou muito caretas mesmo, daí só uma paulada na cabeça não tem jeito mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grandeçiçima merda...Perguntar pra população um procedimento tecnico medico não tem cabimento. Eh um assunto para especialistas e não pra palpiteiros. Sera que se na pesquisa fosse informado antes da pergunta os indices de recuperacao da internacao compulsoria X voluntaria o resultado era esse?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas aí também existem os erros, eu num vi no jornal ainda os dados com mais razão

Mas é na realidade, eu acho inclusive ser possivel isso. em casa, meu irmão (que consome mais ganja que eu) é a favor da internação compulsória, e também da ação na cracolandia, é opnião dele

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

pior que o pensamento de varios crackeiros e crakeiras era de que aceitariam serem levados a força para tratamento

isso mostra que no fundo eles tem conciencia do seu estado optando na ultima instancia pela sua vida

triste pra caralho

mais triste ainda é a competencia dessa "ultima instancia"

o homem é mau

small-logo.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

  • Tópicos

  • Posts

    • Falaaa galera, que bom que esse tópico ta rendendo e tem muita gente bacana aparecendo para compartilhar suas informações. Sobre o medo de morrer eu nunca tive, era daimista, hoje em dia sou umbandista, não vejo a morte como algo ruim, ja usei muito DMT na vida, e com essas experiências não vejo a morte como algo ruim. Meu maior medo durante a crise era ficar louco saca, e não morrer, meu medo era ficar perturbado mentalmente e viver assim. Cara tive que me render ao medicamento, to tomando um escitalopram, que é um antidepressivo leve. De inicio algumas vezes ate piorou as crises, mas ta me ajudando como uma muleta. Eu acredito que a cura disso tudo esta dentro da gente. Mas igual você falou. Não estava conseguindo fazer nada, e não tenho paciência para viver assim muito tempo. Acho que a medicação da um alivio mais rápido. Mas cabe a nós uma mudança interna! Eu nao curto falar sobre minhas paranóias depois de fumar pois foi justamente me abrindo de uma paranóias que tive a primeira crise. Então eu tento fumar e esquecer as coisas ruins e focar so no positivo. Mas isso é impossível na roda de amigos, sempre rola um assunto mais bad, ou coisa do tipo. Isso temos que aprender a relevar. Por isso digo que minhas melhores experiências estão sendo quando fumo sozinho. Acho que esse assunto deve ser mais discutido aqui no fórum. Muita gente passa por isso e larga a cannabis, para a vida por conta desse problema! Eu mesmo culpei a cannabis no inicio de tudo e vejo que isso é tudo coisa da minha cabeça.  Hoje mesmo eu ja dei uma saída boa aqui, dei uma corrida, fui a academia. Dei uma caminhada. Esperando anoitecer para carburar um. Hoje cedo dei umas 3 bolinhas depois que acordei. Mas me deu uma lezeeeera hahaha. Então to esperando finalizar mais o dia, dar uma geral aqui nas coisas. Tentar fumar de recompensa para as missões do dia cumpridas! E é aquilo, um dia apos o outro!! Ao amigo que disse sobre alimentação e exercícios. Isso é fundamental. Foca nisso e tenta se energizar. Tenho feito Yoga, 2 vezes na semana, e to curtindo demais!!! Negocio eh a gente se cansar. E se encher de boas sensações que isso tudo passa!  Muito obrigado a todos que estão aparecendo aos poucos para dar dicas e conselhos. Eu por ser muito ansioso não quis esperar mais meses para vencer isso. To tomando uma medicação leve, correndo dos ansioliticos, as vezes tomei para ir em uma festa ou algo do tipo e não ter umas sensações ruins, mas ate na faculdade sinto as mesmas coisas hora que tem prova ou algo do tipo. Mas bem menor do que antes! Eh tudo um processo que devemos abraçar e aceitar. Outra coisa é parar de pesquisar sobre ansiedade. Por que se não fica doido haha, eu ja tava insano no google e youtube sobre ansiedade. Parei com isso a uns 5 dias, só aqui mesmo que troco um pouco de ideia sobre. Mas fico vendo outros videos, jogando um pczim. Ouvindo uma boooooa musica, e espantando essas coisas. Vou melhorar amigos! E esse tópico no futuro vai ajudar muita gente!  Gratidão amigos! Jah Bless!!
    • Espero te ajudar e ajudar futuros membros que estejam pesquisando sobre o G Pen Elite. Tenho um há mais ou menos 1 mês e não fumei nada nele além da planta. Demorei a me adaptar e aprender a apreciar, mas nas últimas vezes parece que finalmente acertei a mão. Minha reclamação era a mesma de uma galera aí que relatou que ele não vaporizava muito. Resolvi isso acidentalmente: sempre utilizei conforme o recomendado, que é encher a câmara. Contudo, em um dia que tinha pouca erva utilizei com cerca de 60% do que cabe na câmara. Vaporizou bem mais e chapei o galo muuuuito mais do que das outras vezes, mesmo utilizando por 2 ciclos seguidos (que é como costumo utilizar). Então, acredito que os relatos do pessoal aí sobre ele entupir facilmente e muita erva obstruir os furinhos por onde ele vaporiza etc. se aplicam perfeitamente.   
    • Boa tarde família !!   Estou no meu primeiro cultivo e estou um pouco perdido ainda... Tenho duas meninas de prensado com 4 meses de vida e 1 mês e 10 dias na flora..  Só queria saber. De quanto em quanto tempo eu rego com o chá de banana..    Alguém pode me informar de quanto em quantos dias eu faço essa rega nelas ?