Ir para conteúdo
Growroom
  • Conteúdo Similar

    • Por Cr4cko
      Pessoal, boa noite primeiramente.
      Estou com um problema. Em breve, estarei mudando de cidade. Tenho uma plantinha de quase 2 semanas.
      Estou com um sistema hidropônico DWC. A viagem vai durar 2 dias aproximadamente. Ficará sem luz 18-6 e sem a bomba oxigenando as raízes.
      Vou tentar pelo menos deixar a raiz na agua e rezar para não tombar o vazo dentro do grow. Assim que eu chegar em casa eu consigo ligar novamente.
      Vou fazer a viagem em breve, então gostaria de saber se a planta vai morrer, se tem como recupera-la, mesmo que prolongue a vega.
      Uso os fertilizantes da general hydroponics.
    • Por JanTrindade
      E aew pessoal, meu primeiro post aqui no fórum (desculpa se está na área errada).
      Esse é meu primeiro cultivo, estou fazendo um grow humilde de papelão. Fiz a base de cano, no tamanho 1,20x40x40, irei usar 2 lâmpadas LED 36W (3060/3060 Lúmens). Pesquisei bastante coisa, mas tem bastante informação, acabei ficando com algumas duvidas muito importantes pra mim tirar. Se alguém puder me dar aquela força, ficaria MUITO GRATO MESMO!
       
      TERRA/SOLO DO PLANTIO
      Não encontrei aqui perlita e nem vermiculita. Aí comprei pó de coco e isopor, li que dava pra substituir. O que vocês acham, procedi corretamente?
      Comprei também um saco de homús e outro de terra adubada (na embalagem diz ter: esterco ovino e bovino, palha de milho e calcário dolomítico).
      Esses materiais (homús, terra adubada, pó de coco e isopor) é suficiente pra vega e flora? E Como devo misturar em cada fase? quantos % de cada?
      (DEI UMA LAVADA NO PÓ DE COCO PRA TIRAR O TANINO)  
       
      QUAIS MATERIAL É MELHOR PRA FORRAR O INTERIOR DO GROW?
      Na minha pesquisa vi que papel alumínio não era legal, pois fazia hotspots e aumentava a temperatura do grow. Pensei em isopor ai falaram que é bem inflamável e que não é tão reflexivo assim. A idéia mais aceitável achei foi FOLHA DE PAPEL A4, porém vi que ele não era tão reflexivo quanto o mylar por exemplo (aqui região não tem esse material), vi um comentário dizendo que era melhor deixar sem nada do que com o A4, pois ficaria zoado. Estou sem saber com o que forrar, o que indicam? Pensei em lona branca ou manta térmica, qual dos dois é mais eficiente, tem outros?
       
      VENTILAÇÃO
      Comprei 3 cooler, todos 12V, um com 0.20A outro 0.16A e outro 0.14A. Vi que preciso de uma fonte de 12V pra ligar estabilizado. Caso eu consiga uma fonte de 12v com 2.0A eu consigo ligar os 3?ou os Ampères não influenciam e precisaria de 3 fontes de carregador? O que eu poderia usar pra substituir o carregador?
       
      Acho que minhas maiores dúvidas até o momento são essas, se alguém puder me ajudar. Só gratidão mesmo, GROWER É IRMÃO!
    • Por Krubbb
      Fotinha da rainha do meu cultivo! Essa SuperKush pink da mais linda de todas. Ainda sou eternamente grato a um Dragão da resistência que tive o prazer de conhecer aqui na nossa casinha e me cedeu uma unica semente dessa strain maravilhosa e pude perpetua-la com grande exito. Essa é pra você meu amigo! E continue alçando seus voos por aí!

      PS: Não fiz nenhum edit da foto nem ajuste nem nada. O exif do arquivo pode ser conferido abaixo da descrição da foto.
  • Tópicos

  • Posts

    • acho que revegetar tem a ver com a quantidade de horas e não quantidade de luz. Com relação as pragas é o mesmo de sempre, oléo de neem. Se não tiver acesso eu recomendo pesquisar algumas receitas naturais com fermentação de casca de citrinos e etc.
    • olha, pode ter sido overfet? Isso já aconteceu comigo em uma planta e foi assim até o final. O gosto tava igual mas ficou só pipoca.
    • Oi, gente, tenho duas dúvidas simples. Sou cultivadora de primeira viagem, Meu cultivo é outdoor com semente genérica, de fumo solto que comprei. Minhas plantinhas foram atacadas por spider mites e mosca branca. Eu estava sempre fazendo a limpeza e usando alguns recursos que aprendi aqui no fórum (água com vinagre e umas gotas de detergente) e não acabava, mas se mantinha estável com poucos insetos na planta. Só que o trabalho apertou demais e eu fiquei sem condição de dar tanta atenção a elas e deu um pequeno boom principalmente de spider mites, com umas teias pequenas (não muitas). Mas quando finalizei o trabalho e tive condição de cuidar das plantas as spider mites sumiram (não sem antes matar um galho rs, mas o outro continua firme). As moscas brancas continuam, mas em nível baixíssimo. É normal isso acontecer? Qual deve ser meu procedimento agora? Existe alguma possibilidade de recuperar o galho que morreu? A outra dúvida: eu tenho um pouco de dúvida para identificar se uma planta revegetou, mas percebi o seguinte: - Minhas duas plantas grandes estão do lado de dentro ao lado da janela, mas parecem continuar florindo normalmente (a flora tá atrasada por uns problemas que tive no início dela), mesmo no verão do nordeste. - Minhas duas plantas menores estão em cima da janela (a mesma das grandes, mas mais exposta ao lado externo) e parece que revegetaram (começou a aumentar os galhos, crescer folhas, mas sem as flores. As flores aparecem depois, nos galhos anteriores, mas não desenvolvem. Isso faz sentido? Existe um limite de luz q a planta continue a florir? Eu gostaria muito que continuem todas a florir, mas tá um pouco complicado tirar a luz delas mais cedo por causa da estrutura aqui da casa. A não ser que eu as mude de cômodo, mas dizem que ficar mudando a planta de lugar por estressá-la. Sugestões?   Valeu comunidade!!!!
×
×
  • Criar Novo...