Entre para seguir isso  
Sergio Vidal

O Início De Uma Reflexão Ou Uma Análise Crítica Difícil De Ser Feita Sobre As Drogas

Recommended Posts

Sergio Vidal    167

Jornal de Colombo

Rafael F. Vianna, Delegado de Polícia

Acredito que algumas ideias lançadas no artigo anterior nos ajudaram a refletir sobre o fenômeno das drogas e podem nos conduzir a algumas conclusões, ainda que sujeitas a revisões.

A primeira, que parece forçosa, embora difícil para alguns, é que o fenômeno social da utilização das drogas jamais poderá ser eliminado. Qualquer discurso no sentido da pura e simples erradicação das drogas é demagógico e superficial.

A segunda conclusão é que as pessoas têm e sempre terão o direito de escolher, podendo usar drogas ou não, de acordo com a sua vontade. Seu filho poderá sempre escolher, cabendo a você apenas orientar, conversar e educar, apresentando a ele os males que podem advir da utilização das drogas. A partir daí depende dele.

Jamais se culpe porque seu filho se tornou um usuário de drogas. Tente ajudá-lo sempre, mas esteja consciente de que ele escolheu este caminho. Você o alertou e o advertiu, mas a escolha é sempre individual. Apenas pecaram ou falharam aqueles que fingiram não ver o problema e não se anteciparam a ele, acreditando que isto nunca aconteceria em sua família.

A terceira conclusão, iniciando uma abordagem macro, é que a melhor estratégia social é controlar, informar e reduzir os danos causados pelas drogas, reconhecendo que a pura e simples proibição é tão eficaz quanto segurar um cartaz de “não use armas” no Iraque ou um “ame seus vizinhos” na Palestina.

Não há como regular, controlar ou reduzir os danos de algo que é ilegal e, que justamente por ser totalmente ilegal, não aceita outra estratégia de enfrentamento que a ilusão da erradicação.

Qual afinal de contas é o bem jurídico protegido quando se proíbe cabalmente a utilização de drogas? Ninguém sabe. Alguns falam que seria a saúde pública. Mas será que se este problema fosse realmente tratado como de saúde pública, a solução não teria que ter outro viés ou passar por outros caminhos?

Você, leitor, gostaria realmente de saber por que a droga continua terminantemente proibida? Apenas por um motivo: sendo proibida ela é mais cara, não paga impostos e gera mais lucro para todos que investem neste “negócio”. Pouco importa se a proibição cria um poder paralelo, gera crimes inimagináveis e exige “um combate” que consome quase todas as forças da segurança pública para resultados irrisórios.

Observe-se bem: não advogo que as drogas não fazem mal ou não viciam, como – acredito – já deixei claro no artigo anterior, muito menos que existe algum romantismo ou charme em sua utilização; mas meu pragmatismo impede qualquer discurso ideológico para condená-las.

Hoje já fui longe demais. E este tema precisa ser tratado e abordado com calma. Paro por aqui, com instigantes ideias sobre qual seria a solução da segurança pública no Brasil, já que ela passa por este assunto, o que, quem sabe, abordarei em artigos futuros.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Aquaponic    359

Não tenho muito o que comentar...

simplesmente o melhor artigo que ja li sobre o tema.

Digno do selo mandou muito bem pro Delegado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
sano    11.345

Concordo, Aqua! O delega mostrou ser bem esclarecido e coerente!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
didimoco    43

Jornal de Colombo

Rafael F. Vianna, Delegado de Polícia

......a pura e simples proibição é tão eficaz quanto segurar um cartaz de “não use armas” no Iraque ou um “ame seus vizinhos” na Palestina.........

Não há como regular, controlar ou reduzir os danos de algo que é ilegal e, que justamente por ser totalmente ilegal, não aceita outra estratégia de enfrentamento que a ilusão da erradicação.

Mandou bem demais nesses dois parágrafos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
PPerverso    3.916

Cacetada!!! Brilhantemente bem argumentado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
dogo420    9

Eu tinha lido o texto antes e não havia percebido que o autor era um delegado. Muito bom, as pessoas estão perdendo o medo de se expressar sobre o assunto. É aquela história, independente do que seja dito sobre o assunto, o que importa é que ele seja dito. A razão está do nosso lado, o que tem que acontecer é que o assunto tem que deixar de ser tabu, pra ser cada vez mais discutido. Inevitavelmente a verdade vai vindo a tona...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
KGB    311

muito bom mesmo!

ah...quem me dera que todos os delegados fossem esclarecidos assim!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
eXe    11

Texto muito bem escrito e o autor, mesmo sendo delegado, muito esclarecido.

Ler textos desse tipo escrito por tais pessoas me da uma pontinha de esperança.

Legalize it!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
droopy    89

será q essa andorinha vai fazer verão!?

se um dia a casa cair pro meu lado, que seja com esse delega aí ahahah

(2)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
dexis    11

tem o email dele la : del.rvianna@hotmail.com

quanto temos aqueles que so falam merda agente critica, esses assim agente devia elogiar.

estou mandando meus cumprimentos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
quebra-unha    7

Vam bora mudar pra Colombo... o calcareo dolomitico brota naquelas terras heuaheuaheuaheuh

hehe, e ficar sem o querido inverno que ja ta chegando?? Nann...

Mas o delegado realmente mandou bem. parabéns!

PS.: bah, meu, o que houve com o nosso inter ontem, que foi aquilo!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
chuckzitto    2.376

hehe, e ficar sem o querido inverno que ja ta chegando?? Nann...

Mas o delegado realmente mandou bem. parabéns!

PS.: bah, meu, o que houve com o nosso inter ontem, que foi aquilo!!!

Colombo é frioo pra cacete no Inverno

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso