Ir para conteúdo
Growroom

A Marcha Da Maconha No Stf


Recommended Posts

  • Respostas 53
  • Created
  • Última resposta

Top Posters In This Topic

  • Usuário Growroom

que legal....dá um certo ânimo ler os post...

o mundo todo precisa rever tais conceitos....

porra todos loki que conheço são pessoas bacanas....

há um enorme respeito em todas as nossas ações....

sempre me comportei bem e me comporto...pra nao dar moral de falarem mal de maconheiro!

parabéns e força aos que levam o standarte.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Sano;

Ótimas suas considerações. Eu sou o advogado que preparou o requerimento de ingresso como amicus curiae. Na próxima semana, até quarta feira, estarei juntando na ADPF 187 as razões de amicus curiae, com uma série de documentos e livros digitalizados, já que se trata de processo virtual. O fator positivo é que todos terão acesso a esse material bastante amplo, 24h por dia, pelo site do STF.

Nas razões que serão apresentadas, adianto que estou fazendo uma proposta ao relator no sentido de ampliar o debate da ação. Ou seja, além da liberdade de expressão, que seja apreciadas as questões relativas ao cultivo caseiro, ao uso medicinal, religioso e para fins economicos - utilização de suas fibras, sementes, etc - alimentação, vestimentas, etc.

Sei que a proposta é ousada. Conversei com um ex-Ministro do STF que me auxiliou e ele disse o seguinte: que a tese dificilmente terá exito. Porém, o Celso de Mello é um dos melhores Ministros da Corte para apreciar o tema. Se ele realmente indeferir o pedido, certamente fará ótimas ponderações, que poderão ser um grande passo para o futuro. E, ainda, temos o Carlos Britto, na ADI.

Somente não protocolei a petição no dia de hoje, a pedido de um parlamentar que se prontificou a ajudar e me pediu para segurar o protocolo até no máximo 4a feira, dia 03.03.2010. Estou com tudo pronto. Estou, apenas, por conta deste parlamentar.

Cara, muito bom o seu contato, vc ta de parabéns!

Eu recebi uma minuta da petição q será protocolada pela ABESUP com as razões pela procedência das Ações, e realmente está no nível que Ações importantes como essas merecem, muito bem redigida e fundamentada. E seu comentário me esclarece muito, na hora que li achei estranhas as considerações sobre o uso milenar da Cannabis, de sua proibição, seus supostos malefícios, do uso ritualístico e da importância econômica, mas sua estratégia é perfeita! Com esse argumentos você vai provocar o STF a se manifestar sobre essas questões também, embora não sejam objeto das Ações, e já teremos um posicionamento que nos ajudará em futuras Ações.

Vou ler e reler essa petição. Mas desde já adianto que senti falta de uma manifestação contundente contra as palavras do Senado Federal (que em breve ser publicadas pelo Growroom), que a meu ver, são absurdas, preconceituosas, obscurantistas e uma clara tentativa de cercear a manifestação da população quanto ao tema das drogas.

Estou a disposição para o que for necessário, conte comigo!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 weeks later...

Pessoal,

Hoje foi protocolada no STF as razões da ABESUP - Associação Brasileira de Estudos Sociais do Uso de Psicoativos.

Está bem interessante dar na peça apresentada e, ainda, uma conferida nos documentos juntados, os quais estão em PDF e disponível para cópia por qualquer um que tiver interesse.

Tem dois livros digitalizados, revistas sobre o assunto, dentre outros.

Vale a pena dar uma conferida.

Veja abaixo o andamento atualizado do processo.

Agora é ver o que vai dar.

ADPF 187 - ARGÜIÇÃO DE DESCUMPRIMENTO DE PRECEITO FUNDAMENTAL

[Ver peças eletrônicas]Origem: DF - DISTRITO FEDERAL

Relator: MIN. CELSO DE MELLO

ARGTE.(S) PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA

ARGDO.(A/S) PRESIDENTE DA REPÚBLICA

ADV.(A/S) ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO

INTDO.(A/S) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS SOCIAIS DO USO DE PSICOATIVOS - ABESUP

ADV.(A/S) MAURO MACHADO CHAIBEN E OUTRO(A/S)

AndamentosDJ/DJeJurisprudênciaDeslocamentosDetalhesPetiçõesPetição InicialRecursosResultados da busca Data Andamento Órgão Julgador Observação Documento

18/03/2010 Petição 14823/2010 - 18/03/2010 - (PETIÇÃO ELETRÔNICA COM CERTIFICAÇÃO DIGITAL) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS SOCIAIS DO USO DE PSICOATIVOS - ABESUP - APRESENTA MANIFESTAÇÃO (DOCUMENTOS JUNTADOS AO PROTOCOLO Nº 14808/2010).

18/03/2010 Petição 14826/2010 - 18/03/2010 - (PETIÇÃO ELETRÔNICA COM CERTIFICAÇÃO DIGITAL) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS SOCIAIS DO USO DE PSICOATIVOS - ABESUP - APRESENTA MANIFESTAÇÃO (DOCUMENTOS JUNTADOS AO PROTOCOLO Nº 14808/2010).

18/03/2010 Petição 14808/2010 - 18/03/2010 - (PETIÇÃO ELETRÔNICA COM CERTIFICAÇÃO DIGITAL) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS SOCIAIS DO USO DE PSICOATIVOS - ABESUP - APRESENTA MANIFESTAÇÃO.

01/12/2009 Publicação, DJE ** Despacho de 18/11/2009. (DJE nº 225, divulgado em 30/11/2009)

Despacho

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Recomendo a todos os membros do GR, envolvidos com o Direito ou não, a acompanhar esse processo. Ler as peças, ver os documentos, entender as estratégias processuais. Entendo que o que está acontecendo no STF teremos argumentos para defender a realização da Marcha e tb a mudança na Lei.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

achei a adpf 187 no site do stf.

tem como cadastrar email para ser informado quando houver movimento? Não achei nada neste sentido.

no site da câmara eu faço isso com as leis que me interessam.

valeu, e desculpem minha ignorância jurídica.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom
  • Usuário Growroom

achei a adpf 187 no site do stf.

tem como cadastrar email para ser informado quando houver movimento? Não achei nada neste sentido.

no site da câmara eu faço isso com as leis que me interessam.

valeu, e desculpem minha ignorância jurídica.

Acho que o STF não tem esse sistema de informação automática. Procurei no site e não achei nada.

Lembrando tb q não é só a ADPF, e agora tb temos a ADI 4274.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

:Ddura: Parece um processo parado por interesses politicos,pois seria a maioria

contra a legalização , temos nossos direitos e devemos continuar a pressionar

para que de andamento ao processo ,e qual será a posição do novo governo ,vamos se posicionar politicamente para que sejamos a maioria e não menoria mostrando os beneficios

a sociedade que ainda recrimina o uso da cannabis quanto mais pessoas perceberem que é melhor a legalização e a exclusão da nossa classe da vala comum misturando a maconha :Maria: com outras drogas temos que conscientizar mais pessoas possiveis mostrando

o lado economico e também o combate ao trafico e mudar a lei contra usuarios de outras drogas separando o joio do trigo !!! :punk:

:martela: GET UP STAND UP DON´T GIVE UP THE FIGHT !!! :martela:

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 weeks later...

Amigos;

Hoje o advogado que está nos ajudando na ADPF, este no STF conversando com o Ministro Celso de Mello, o relator do processo. Ele é atualmente o Ministro mais antigo da Corte e um dos de maior credibilidade.

Posso dizer que a conversa foi muito positiva. O advogado informou que os movimentos em prol dos debates da cannabis são obstaculizados de se manifestarem por conta da constante ameaça do crime de apologia, inclusive com processos abertos pelo Ministério Público. Foi dito que em 2008, de 240 cidades do mundo todo, em apenas 10 foram proibidas, sendo que 8 eram cidades brasileiras. FOi dito que os grupos dessa natureza estão organizando manifestações para Maio. Como o processo já está apto para julgamento, o relator disse que pretende levar o processo a julgamento, provavelmente em caráter liminar, ainda no inicio de maio. Ao mesmo tempo, o advogado saiu da audiência bastante otimista com o posicionamento do Ministro Cels em prol da liberdade de expressão.

Vale lembrar que na petição foram apresentados outros argumentos, bastante ousados, sugerindo o avanço em tópicos mais conflituosos como o uso religioso, medicinal, etc.

Junto do protocolo da petição foi apresentado uma variedade enorme de documentos, artigos, livros, etc. Tudo isto está disponível, de forma facilitada para download, no site do STF, no acompanhamento processual da ADPF 187. O processo é eltrônico (virtual).

Em resumo, o Ministro se mostrou muito interessado. A conversa foi ótima. Provavelmente o STF não deve avançar sobre essas questões mais complexas. Deve, apenas, se limitar a questão da liberdade de expressão. Contudo, o voto a ser proferido por pelo relator deve ser bastante interessante para a causa.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

Hoje o advogado que está nos ajudando na ADPF, esteve no STF conversando com o Ministro Celso de Mello, o relator do processo. Ele é atualmente o Ministro mais antigo da Corte e um dos de maior credibilidade.

Posso dizer que a conversa foi muito positiva. O advogado esclareceu ao Ministro, em apertada síntese, que os movimentos em prol dos debates da cannabis são obstaculizados de se manifestarem por conta da constante ameaça do crime de apologia, inclusive com processos abertos pelo Ministério Público. Foi dito que em 2008, de 240 cidades do mundo todo, em apenas 10 foram proibidas, sendo que 8 eram cidades brasileiras. FOi dito que os grupos dessa natureza estão organizando manifestações para Maio. Como o processo já está apto para julgamento, o relator disse que pretende levar o processo a julgamento, provavelmente em caráter liminar, ainda no inicio de maio. Ao mesmo tempo, o advogado saiu da audiência bastante otimista com o aparente posicionamento do Ministro Cels em prol da liberdade de expressão.

Vale lembrar que na petição foram apresentados outros argumentos, bastante ousados, sugerindo o avanço em tópicos mais conflituosos como o uso religioso, medicinal, etc.

Junto do protocolo da petição foi apresentado uma variedade enorme de documentos, artigos, livros, etc. Tudo isto está disponível, de forma facilitada para download, no site do STF, no acompanhamento processual da ADPF 187. O processo é eltrônico (virtual).

Em resumo, o Ministro se mostrou muito interessado. A conversa foi ótima. Provavelmente o STF não deve avançar sobre essas questões mais complexas. Deve, apenas, se limitar a questão da liberdade de expressão. Contudo, o voto a ser proferido por pelo relator deve ser bastante interessante para a causa.

Vamos ver o que vai dar.

PS: É possível cadastrar nos e-mails no site do STF para receber o andamento automático do processo. STF Push. Está no roda-pé da página do STF o link.

Abraços a todos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Grande noticia, Sniperrrr! Se temos o decano do STf do nosso lado, td fica mais facil! Espero que ele julgue logo, para em maio possamos colocar a Marcha nas principais cidades do país!

Vamo q vamo!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

é... o pessoal da marcha tem de pensar bem no que fala pq estão sendo observados... infelizmente vivemos num país hipocrita...

será que mudar o nome pra "MARCHA PELA LEGALIZAÇÃO DA MACONHA" não iria ajudar a tirar alguns argumentos dos hipocritas?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

é... o pessoal da marcha tem de pensar bem no que fala pq estão sendo observados... infelizmente vivemos num país hipocrita...

será que mudar o nome pra "MARCHA PELA LEGALIZAÇÃO DA MACONHA" não iria ajudar a tirar alguns argumentos dos hipocritas?

Cara, qnd eu conheci o Bas eu pensava como vc, achava a Marcha muito agressiva. Mas ele me abriu os olhos, me mostrou que a Marcha da Maconha é uma reação proporcional ao proibicionismo e toda hipocrisia reinante neste país. A Marcha da Maconha já é uma Marcha pela Legalização da Maconha, em nenhum momento instigamos o consumo ou enaltecemos a erva. Quem diz que a Marcha faz apologia esta mentindo! A Marcha é uma crítica social à política de drogas, e o uso do nome MARCHA DA MACONHA está amparado pela liberdade de expressão. Mas, se nós mesmos abaixarmos a cabeça, e acharmos que o nome deve ser mudado, os proibicionistas vão crescer ainda mais, e logo nem mesmo uma Marcha pela legalização da Maconha poderemos fazer.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sano...

Interessante seu posicionamento...

Na verdade, sequer eu cogito de pensar em sugerir outro nome para o movimento...já é conhecido desta forma...

Mas, na minha modesta opinião, acho relevante haver uma distinção...eu costumo falar que maconha, é aquela que compramos de traficantes.

E, cannabis, é aquela planta que consumimos, para fins médicos, terapêuticos, religiosos ou pelo prazer de desfrutar seus sabores e odores.

Mas a causa é única...cada um tem seu relacionamento com esta planta. Uns, viciados. Outros, responsáveis. Uns com uso desregrado. Outros, controlados. Cada qual com seu caminho.

Por isso, aceito o termo marcha da maconha numa boa, embora eu pense um tanto diferente.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...