Tiradentes

Cinco Pessoas São Detidas Suspeitas De Apologia às Drogas

Recommended Posts

Ae galera, o site do oglobo abriu uma pesquisa com os leitores... oq q eles acham da Marcha:

http://oglobo.globo.com/rio/vote/2227.asp?...amp;resultado=0

Você é a favor da marcha da maconha convocada para o dia 4 de maio?

* Sim, os manifestantes têm direito de se expressar

* Sim, já que o secretário de segurança defendeu a iniciativa em 2007

* Não, acho que é uma forma de apologia ao tráfico

* Não, essa discussão tem que ser feita apenas por políticos

Vamos votar pro 1 ou 2 !!!!!!! Agente já esta ganhando !!!!! Vamos dar aquela força

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Ae galera, o site do oglobo abriu uma pesquisa com os leitores... oq q eles acham da Marcha:

http://oglobo.globo.com/rio/vote/2227.asp?...amp;resultado=0

Você é a favor da marcha da maconha convocada para o dia 4 de maio?

* Sim, os manifestantes têm direito de se expressar

* Sim, já que o secretário de segurança defendeu a iniciativa em 2007

* Não, acho que é uma forma de apologia ao tráfico

* Não, essa discussão tem que ser feita apenas por políticos

Vamos votar pro 1 ou 2 !!!!!!! Agente já esta ganhando !!!!! Vamos dar aquela força

tem que cadastrar em: https://seguro2.oglobo.com.br/cadastro/cad_...lobo.globo.com/

e é melhor acessar direto http://oglobo.globo.com/ e ver o que está escrito... lá tem a chamada para a enquete!

valeu Need Weed

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Como já foi dito, esse lamentável acontecimento deve servir de incentivo para seguirmos firmes no nosso propósito e na nossa luta.

Todos temos a consciência limpa e sabemos que, ao reivindicar a legalização, estamos pensando muito mais nos benefícios que isso pode trazer à sociedade do que numa situação mais confortável para nós, usuários da cannabis.

A história recente mostra que, sempre que se lutou por mudanças na sociedade, houve repressão e algumas pessoas foram, de certa forma, "sacrificadas" ou mesmo martirizadas. Não que caiba a nós, agora, endeusar essas pessoas que foram presas. Mas devemos, ao menos, reconhecer o seu esforço pessoal em prol da causa.

Dia 4 está chegando e será a melhor oportunidade de mostrarmos nossa solidariedade para com esses camaradas, assim como com os growers que já foram presos e com aqueles que foram vítimas da violência causada pela guerra do tráfico.

Muitos de nós talvez nem vivamos o suficiente para ver a maconha ser legalizada e perder o estigma que recebeu ao longo de décadas de proibicionismo. Mas, a conquista pela qual lutamos hoje, se alcançada, certamente será um presente para as gerações futuras.

Nos vemos na marcha!

Valeu Moha!

Saudades de você por aqui! Essa casa é sua, é nossa!

É isso cara. Temos q aproveitar agora e ir as ruas!

Sair da frente do compi e ir marchar la!

Somos jovens e tamos na disposição de fazer esse país mudar.

A marcha é um movimento no qual o jovem ta mostrando depois de muitos anos de ditadura que ta ai pelas mudanças.

Atualmente vimos a conquista dos estudantes de Brasilia. E agora nós, defensores da liberdade do uso da cannabis estamos mostrando nossa força.

O que ocorreu com os amigos não vai dar em nada.

Serão absolvidos ou e de repente sequer acusados pelo promotor

O que rolou com eles foi um abuso de autoridade e ignorância dos policiais.

O despreparo que todos nós conhecemos.

É isso Moha! É isso galera!! Nos vemos na Marcha!

Ibira vai ficar pequeno! :<img src=:'>

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Reportagem Integral

Rio - Página 11

Marcha da Maconha já começa a causar polêmica, com detenção de 5

Para especialistas, panfletar passeata não configura apologia de crime

Carlos Brito* e Vera Araújo

Cinco pessoas foram presas ontem de madrugada, em Laranjeiras, por distribuírem folhetos convocando a população para a Marcha da Maconha, pela descriminação do uso da droga.

O grupo, formado por quatro homens e uma mulher, foi preso por policiais do 2oBPM (Botafogo) e levado para a 9a -DP (Catete), onde todos foram autuados por apologia de crime.

Segundo criminalistas, houve abuso de autoridade nas prisões, pois a panfletagem tinha como objetivo chamar atenção para a discussão de mudanças legislativas, não configurando crime. A apologia de crime está prevista no artigo 287 do Código Penal e significa “fazer, publicamente, apologia de fato criminoso ou de autor de crime”, com pena de três a seis meses de prisão ou multa.

Os amigos Alessandra Brum, de 32 anos; Flávio Ferreira, de 24; William Filho, de 32; Renato Cinco, de 33; e Raoni Ferreira, de 28, reuniram-se na noite de domingo no Baixo Gávea com o objetivo de distribuir 1.700 panfletos da Marcha da Maconha, evento que propõe pesquisas e debates sobre a pesquisa e a ampla utilização da droga. A marcha está marcada para o dia 4 de maio, às 14h, do Arpoador ao Posto 9, em Ipanema.

— Havíamos nos reunido para divulgar a marcha. Saímos do Baixo Gávea com os panfletos e decidimos seguir para Botafogo e a Lapa, onde os distribuiríamos.

Tudo estava tranqüilo até chegarmos à Rua Alice, em Laranjeiras — disse o auxiliar administrativo Flávio Ferreira.

Segundo ele, logo depois de chegarem ao local, o grupo foi abordado pelos PMs e levado à delegacia: — Chegamos lá pouco antes da meia-noite. Como não havia delegados, tivemos que ir para a 6aDP (Cidade Nova), onde fomos autuados. Retornamos ao Catete e só saímos de lá às 5h.

Especialistas criticam abuso de autoridade Flávio acusou a polícia de tratá-lo como bandido: — Nós não somos bandidos.

Mas foi dessa forma que me senti enquanto permaneci na delegacia. Expliquei que é justamente a proibição da legalização que gera um tráfico de drogas forte e faz com que usuários se arrisquem subindo o morro para comprar maconha.

Criminalistas ouvidos pelo GLOBO afirmam que a decisão da polícia foi autoritária, cabendo inclusive ação de indenização contra o estado. O advogado João Tancredo ressaltou que a própria Constituição federal, em seu artigo 5 o inciso IV, diz ser “livre a manifestação do pensamento”: — O direito de manifestação tem os limites do direito à lei.

Neste caso específico, não entendo como apologia ao uso de maconha. Seria apologia se alguém dissesse para usar drogas. Aí sim, seria contra a lei. Eles estão defendendo a legalização das drogas. Não existe crime nisso.

O criminalista disse ainda que a detenção do grupo foi uma hipocrisia. Ele lembra que nem o usuário de maconha fica mais preso hoje em dia, o que já seria uma descriminação disfarçada: — Como é que eles podem prender pessoas que defendem a não criminalização do uso da maconha se, atualmente, a pessoa, ao ser flagrada com maconha, nem presa é? O registro é feito e ela vai embora. Houve um equívoco grosseiro por parte da polícia, cabendo até uma ação de indenização. Infelizmente somos nós, que pagamos impostos, que arcaremos pelo equívoco da polícia.

O advogado Fernando Fragoso compartilha da mesma opinião: — Se a convocação a uma passeata para mudança legislativa configurar crime, não se entende mais nada. É ridículo.

Fragoso explica que seria apologia se fosse feita propaganda, divulgação de uma campanha a favor do consumo e produção de drogas, o que não aconteceu: — Convocar pessoas para discutir se é conveniente ou não o uso de maconha nada tem a ver com a lei à apologia de drogas.

É um caso claro de abuso de autoridade. Não há duvida alguma de que não houve crime de apologia nesta panfletagem.

Para o advogado Técio Lins e Silva, a atitude dos PMs demonstra que a polícia não tem o que fazer nas ruas do Rio.

— No momento em que tantos crimes estão ocorrendo no Rio, a PM está atrás de um grupo no seu direito de se manifestar? Onde está a liberdade de expressão? Será que está de volta o AI-5? O mundo inteiro discute a descriminação da maconha.

Crime?

Publicada em 21/04/2008 às 21h23m

O Globo

gallery_8432_2107_4262.jpg

Marcha da Maconha: para criminalistas, prisão é 'hipocrisia', 'equívoco grosseiro' e 'abuso'

RIO - A prisão de cinco pessoas, autuadas por apologia ao uso de drogas, na madrugada de domingo , em Laranjeiras, foi autoritária na opinião de advogados criminalistas. Para os especialistas, o fato de os jovens distribuírem panfletos para a manifestação em defesa da legalização da maconha , marcada para o próximo dia 4 de maio, não configura crime. Os cinco foram autuados e liberados em seguida, sendo que a pena pode chegar a seis meses de prisão.

O próprio governador Sérgio Cabral já defendeu o debate em torno da legalização no ano passado, quando também o secretário de Segurança, José Marioano Beltrame, aprovou a manifestação

- A passeata é uma forma justa e legítima - disse Beltrame, na época.

Você é a favor da marcha convocada para o dia 4 de maio? Vote

O advogado João Tancredo ressaltou que a própria Constituição Federal em seu artigo 5 , inciso IV, diz ser "livre a manifestação do pensamento":

- O direito de manifestação tem os limites do direito à lei. Neste caso específico, não entendo como apologia ao uso de maconha. Seria apologia se alguém dissesse para usar drogas, aí sim, contrário a lei. Uma coisa é defender a legalização das drogas, quando você está se opondo a criminalização - explicou Tancredo.

" Convocar pessoas para discutir se é conveniente ou não o uso de maconha, nada tem a ver com a lei à apologia de drogas. É um caso claro de abuso de autoridade "

________________________________________

Na opinião do criminalista, a prisão dos jovens é uma hipocrisia. Ele lembra que nem o usuário de maconha fica preso hoje em dia, o que já seria uma descriminalização disfarçada.

- Como é que eles podem prender pessoas que defendem a não criminalização do uso da maconha se, atualmente, a pessoa ao ser flagrada com maconha, nem presa é. Só é feito o registro e ela vai embora. Houve um equívoco grosseiro por parte da polícia, cabendo até uma ação de indenização contra o estado. Infelizmente, somos nós, que pagamos imposto, que arcaremos pelo ação equivocada da polícia - lamentou.

gallery_8432_2107_5369.jpggallery_8432_2107_6331.jpg

O criminalista Fernando Fragoso compartilha da mesma opinião de Tancredo:

- Se a convocação a uma passeata para mudança legislativa configurar crime, não dá para entender mais nada. Isso é ridículo. O bom senso responde por si só.

Fragoso explica que seria apologia se fosse feita propaganda, divulgação, de uma campanha a favor do consumo, produção de drogas, o que não aconteceu.

- Convocar pessoas para discutir se é conveniente ou não o uso de maconha, nada tem a ver com a lei à apologia de drogas. É um caso claro de abuso de autoridade. Não há duvida alguma de que não houve crime de apologia nesta panfletagem - concluiu o advogado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dá-lhe moha! Falou bunito..

Que pena que isso aconteceu.. já está mais que claro que a polícia cometeu um erro e, provavelmente, nada vai acontecer com os jovens que foram detidos!

Como acho bom sempre tirar o lado positivo de tudo na vida, vejo isso tudo como uma forma de divulgação a mais para a nossa marcha!

To achando que esse ano vai dar mta gente la... eu to vendo os flyers por todos os lados da cidade, e to convocando bastante gente tb!

Vamos lá galera!!! DIA 4 TAMO JUNTO MARCHANDO RUMO A PAZ!

:Maria:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Blz, então é isso a que eu me referia.

Uma matéria jornalística mostrando que a PM foi escrota, agiu de má fé.

Como diz minha assinatura,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

TOMA NO CU PM!!!

MEEEEEEEENNNNNGOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

MEEEEEEEEEEEEEENNNNNNNNNGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
,

Blz, então é isso a que eu me referia.

Uma matéria jornalística mostrando que a PM foi escrota, agiu de má fé.

Como diz minha assinatura,

Vai vendo...

Na minha humilde opinião, fica o marco para futuras panfletagens, onde a opinião pública de pessoas notórias, saírem em defesa da livre manifestação de pensamentos.

Parabéns pela coragem e determinação das pessoas envolvidas neste episódio!

Manda Bala,

Luchi

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

valeu pela coragem pessoal que foi em cana

fico feliz em saber que não aconteceu nada de mais grave, e acredito que vão sair limpos da acusação!

vale ressaltar, que esse acontecimento entrou na mídia, claramente a nosso favor, claro que nada vai mudar da noite para o dia. mas só a manchete da notícia no oglobo já é uma grande mudança, de como foi no ano passado e como jamais foi... o debate ta rolando frenético no fórum do oglobo... graças a vocês galera! o mínimo que eu posso fazer é agradecer... valeu mesmo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Isso tudo que esta acontecendo é um sinal para que pessoas que irão participar das marchas nas cidades participantes serem conscientes e não levarem sequer um baseado, para não dar motivo para policiais maus treinados cumprirem suas "obrigações" que é levar pessoas de bem e que estão lutando por mudanças para tomar chá de cadeira no DP mais próximo.

Abrazos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
alo galera da mesa diretora da marcha,

escrevam p/ o governador sergio cabral pelo amor de deus,

informe a eles o grau de repressao que esta sendo imputado aos organizadores da passeata!!

Só ele pode conter esse equivoco!!

Será que não seria o caso de da marcha ter um advogado de plantão pra esses casos? Conseguir uma liminar assegurando o direito de divulgar a marcha e vedando a polícia de apreender material de divulgação?

Eu acho que é por aí....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

a sensação é d estar vivendo d novo uma ditadura...

agora parece q as pessoas entendidas estão apreciando o caso da maneira devida, a qual o delegado foi incapaz de compreender, por isso deu continuidade ao abuso de autoridade q foi a detenção dos manifestantes e a apreensão de camisas e flyers, por parte da policia militar carioca.

agora eu acabei de ouvir uma chamada na MTV sobre a marcha, o gordolipe do dominio mtv tava anunciando alguma coisa...

o lado bom é q a marcha está nos jornais! :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito constrangedor.

Mas por outro lado a coisa ta sendo divulgada na mídia e os esclarecimentos tb.

To botando muita fé na parada.

To divulgando aqui e uma galera já ta agilizando prá ir em BH.

Ta rolando galera, tá rolando...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É isso ai galera !!!

Acabo de panfletar pra uns policiais que confirmaram a presença na marcha(a trabalho) hoauhoau

Salve a brincadeira(foi verdade).. isso tudo foi so um susto e so tem a engrandecer o movimento !!!

NOS VEMOS NA MARCHA !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
É isso ai galera !!!

Acabo de panfletar pra uns policiais que confirmaram a presença na marcha(a trabalho) hoauhoau

Salve a brincadeira(foi verdade).. isso tudo foi so um susto e so tem a engrandecer o movimento !!!

NOS VEMOS NA MARCHA !!!

Salve salve growlera,

Posso garantir que a minha parte eu também estou fazendo, a exemplo do meu brother aqui. Ontem passei a manhã na frente da UFCG-PB, entregando panfletos a todos que passavam para assistir aula e colando cartazes da marcha nos painéis dentro desta instituição. E vou avisando, não para por aqui. Acontece que de nada adianta debatermos assuntos referentes ao tema, malhar àqueles que criticam nossa posição, e etc, mas que nada estão fazendo para divulgar este evento. Caros colegas, é como eu li num outro post, "estamos fazendo parte da história", pois em nehuma outra época desde que a cannabis foi criminalizada no Brasil, houve tantas manifestações e discussões sobre o tema. Não podemos ficar de fora dessa história. Temos que um dia contar aos nossos descendetes que a erva que eles fumam hoje, já foi proibida um dia e taxada de "erva do demônio". Acredito que isso irá soar como uma piada para eles, rs.

Mas é isso irmãos, vamos nos movimentar e lutar por esta causa que é de todos nós. Um grande abraço aos companheiros, em especial ao "eu como é com farinha", growrunner, wise up, alma rastafari e o bas.

Jah bless.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Salve salve growlera,

Posso garantir que a minha parte eu também estou fazendo, a exemplo do meu brother aqui. Ontem passei a manhã na frente da UFCG-PB, entregando panfletos a todos que passavam para assistir aula e colando cartazes da marcha nos painéis dentro desta instituição. E vou avisando, não para por aqui. Acontece que de nada adianta debatermos assuntos referentes ao tema, malhar àqueles que criticam nossa posição, e etc, mas que nada estão fazendo para divulgar este evento. Caros colegas, é como eu li num outro post, "estamos fazendo parte da história", pois em nehuma outra época desde que a cannabis foi criminalizada no Brasil, houve tantas manifestações e discussões sobre o tema. Não podemos ficar de fora dessa história. Temos que um dia contar aos nossos descendetes que a erva que eles fumam hoje, já foi proibida um dia e taxada de "erva do demônio". Acredito que isso irá soar como uma piada para eles, rs.

Mas é isso irmãos, vamos nos movimentar e lutar por esta causa que é de todos nós. Um grande abraço aos companheiros, em especial ao "eu como é com farinha", growrunner, wise up, alma rastafari e o bas.

Jah bless.

Opa ... Salve Salve Mr. Bong

É isso ai galera ... vamos q vamos com tds as forças q temos !!!

Sinto que a hor é agora ... O assunto esta repercutindo em varias midias televisivas e jornalisticas !!!! Uns falando mal, mas muitas tbem falando bem !!!

Famosos se manifestando...

A BABILONIA com o seu SISTEMA já estaum fikando sem argumentos, sempre batendo na mesma tecla !!! Já esta ficando massante e até os caretas já estaum sacando isso !!!!

Vamus a luta "pois qdo maior é a batalha ... bem maior será a vitoria"

Paz, amor, luz e conciencia a tds nós

Legalize ... rumo ao auto sustendo / Não ao traficooo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Marcha contra a maconha

Grupo organiza passeata contra droga para o mesmo dia da manifestação favorável à liberação

Josie Jerônimo

Rio - O próximo dia 4, um domingo, será marcado pela polêmica na Zona Sul. Enquanto a Marcha da Maconha acontecerá em Ipanema, a orla de Copacabana sediará a ‘contramarcha’. Batizada de Marcha da Família, a passeata deve reunir representantes públicos e integrantes da Igreja Católica. O ‘contramanifesto’ é organizado pela vereadora Sílvia Pontes (DEM).

A Marcha da Família também terá camisetas promocionais inspiradas na brincadeira “vô, não vou”, em referência à passeata da maconha. “Tem que parar com esse negócio de que maconha não faz mal. Isso é o estupro da sociedade carioca. Duvido encontrar alguma mãe com o filho na passeata da maconha”, afirma.

A vereadora conta que vai convocar adeptos na missa de domingo da Igreja Santo Afonso, na Tijuca. Sílvia, no entanto, criticou a detenção de jovens que distribuíam material de divulgação da Marcha da Maconha na madrugada de segunda-feira.

O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PP) defendeu a ‘contramarcha’: “Família nenhuma é a favor da maconha. O protesto, na verdade, vem de um pequeno grupo de vagabundos que querem impor seus interesses”.

RECLAMAÇÕES

O estudante F***** F*******, 24 anos, detido em Laranjeiros com quatro amigos que distribuíam panfletos sobre a Marcha da Maconha, reclamou da atuação da polícia. “Indiciaram a gente por apologia. Nós deveríamos ter liberdade de expressão. Estamos preocupados com o que pode nos acontecer agora, no trabalho, porque sabemos que o preconceito ainda é muito grande”, disse.

O deputado federal Fernando Gabeira (PV), que já defendeu a legalização da droga, informou que não participará da passeata este ano. O deputado estadual Alessandro Molon (PT), potencial adversário de Gabeira na disputa da prefeitura, discorda da bandeira da marcha, mas afirmou que a prisão dos jovens foi arbitrária.

Fonte: Jornal O DIA

23/4/2008 01:30:00

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Marcha contra a maconha

Grupo organiza passeata contra droga para o mesmo dia da manifestação favorável à liberação

Josie Jerônimo

Rio - O próximo dia 4, um domingo, será marcado pela polêmica na Zona Sul. Enquanto a Marcha da Maconha acontecerá em Ipanema, a orla de Copacabana sediará a ‘contramarcha’. Batizada de Marcha da Família, a passeata deve reunir representantes públicos e integrantes da Igreja Católica. O ‘contramanifesto’ é organizado pela vereadora Sílvia Pontes (DEM).

A Marcha da Família também terá camisetas promocionais inspiradas na brincadeira “vô, não vou”, em referência à passeata da maconha. “Tem que parar com esse negócio de que maconha não faz mal. Isso é o estupro da sociedade carioca. Duvido encontrar alguma mãe com o filho na passeata da maconha”, afirma.

A vereadora conta que vai convocar adeptos na missa de domingo da Igreja Santo Afonso, na Tijuca. Sílvia, no entanto, criticou a detenção de jovens que distribuíam material de divulgação da Marcha da Maconha na madrugada de segunda-feira.

O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PP) defendeu a ‘contramarcha’: “Família nenhuma é a favor da maconha. O protesto, na verdade, vem de um pequeno grupo de vagabundos que querem impor seus interesses”.

RECLAMAÇÕES

O estudante F***** F*******, 24 anos, detido em Laranjeiros com quatro amigos que distribuíam panfletos sobre a Marcha da Maconha, reclamou da atuação da polícia. “Indiciaram a gente por apologia. Nós deveríamos ter liberdade de expressão. Estamos preocupados com o que pode nos acontecer agora, no trabalho, porque sabemos que o preconceito ainda é muito grande”, disse.

O deputado federal Fernando Gabeira (PV), que já defendeu a legalização da droga, informou que não participará da passeata este ano. O deputado estadual Alessandro Molon (PT), potencial adversário de Gabeira na disputa da prefeitura, discorda da bandeira da marcha, mas afirmou que a prisão dos jovens foi arbitrária.

Fonte: Jornal O DIA

23/4/2008 01:30:00

A tal veriadorzinha meia boca, que não tem argumentos e com medo de que sua marcha seja um fracasso, APELA pra fazer campanha em igrejas ( religiões nao deveria ter NADA a ver com a Legislação "politica" )

E ao deputado estadual Flávio Bolsonaro ... tbem APELOU E PERDEU A RAZÃO ao chamar-nos de Grupinhos de vagabundos ... só prova q é um idiota e que nao sab nada de politica !!!!

O brasil é o que mais consume maconha ... e o cara fala em grupinhos de vagabundos :vsf:

Vagabundo é vc que nao faz porra nenhuma e ganha rios de dinheiros !!!!

Vai trabalhar e ajudar, em vez d querer atrapalhar e modelar as conciencias humanas

MAS É ISSO AI GALERA ... ELES APELARAM !!!! E ISSO RESPLANDECERÁ AINDA MAIS A NOSSA GLÓRIA

DIA 4 É NOZZZZ

E CONTAGEM REGRESSIVAAA

FALTAM 7 DIASSSS

EU VÔ

PAZ

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

PORRA desde quando fazer passeata pela LEGALIZACAO é fazer apologia as drogas????

Puta q pariu... essa deu raiva

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PP) defendeu a ‘contramarcha’: “Família nenhuma é a favor da maconha.

Quantas famílias esse cara conhece? Pergunta pra família Marley, hehehehe.

O protesto, na verdade, vem de um pequeno grupo de vagabundos que querem impor seus interesses”.

Aqui ele demonstra o quanto sua mente é pequena e o quanto é despreparado para ocupar o cargo que ocupa. Eleitores do Rio, acordem!!!

Só para constar, PP é o partido de um cara chamado Paulo Maluf.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma pergunta aos entendidos.

Isso que eles querem fazer é constitucional?

Poderiam muito bem criar a passeata deles, mas em outro dia ao meu ver.

E vagabundo é esse deputado de merda que não faz porra nenhuma. O FDP não passa um ignorante que trata pessoas responsáveis com tal termo chulo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...