Ir para conteúdo
Growroom

Redução De Danos Para Cannabis


Recommended Posts

  • 2 months later...
  • Usuário Growroom

Alma, mto bom!

Estou bolando um projeto de uma Força Humanitária pra se engajar no ativismo da causa de redução de danos da cannabis.

Pretendo engajar a força com ideia de torna-la um movimento.

Vou antes germinar e fertilizar a ideia...

Pretendo redigir um texto com vies acadêmico, introdução, desenvolvimento e conclusão.

A priori, a ideia nasceu da minha observação da tática de Guerrilha de Informação utilizada pela Al Qaeda....

E seria essa a idéia: militantes sem um "comando geral", mas sim com uma hierarquia progressiva, aonde na ausencia de um o proximo na hierarquia tem autonomia pra decidir...

A ação pela redução de danos se daria com materiais que membros autorizados irão produzir e distribuir...

ou mesmo militantes agindo segundo o vies ou nao, com metodos proprios, arrebanhados para lutar junto a causa devido a identificação com o grupo, ajudariam na propagação do combate as informações pejorativas relacionadas a cannabis.

Assim como voce fez esta perfeito.

Posso começar esse projeto colando cartazes desses em lugares permitidos e de livre circulação?

Agora em 2008 eh epoca de eleição municipal, e esses politicozinhos sao mais acessiveis.... eu pelo menos vou chegar em alguns, se possivel. ou enviar ao e mail, enfim.

so o fato de alguem proximo dele ler e comentar, ja espalha o "verme" e ajuda.

A 10 anos a globo falava mto mal da maconha e do planet hemp.

a 2 anos o d2 tocou no faustao e em 2007 o jo e outros "globais" e politicos se declararam favoraveis a legalização

eu mesmo vi aquele "serjao loroza" no altas horas, num papo sobre legalização, falando que " sem hipocrisia, eu sou usuario de maconha, e blablabla"... e nao foi despedido!!!

po vamos abusar disso e fazermos nossas vozes serem ouvidas!

e mostrar pra sociedade o que causa o proibicionismo e a alienação/ demagogia / descaso - por mais que um pai odeie maconha e que sei filho fume, nao vai admitir que um policial bata em seu filho ou o faça vitima de extorsao por um motivo como tal, como por exemplo acontece.

ou que se envolva com bandidos traficantes que geralmente tem arma, pessoas violentas... balas perdidas... enfim!

ou mesmo o proibicionismo que nao nos permite ter um bong em casa pra fumar com 90% menos alcatrao e agredir menos o pulmao.

o problema é que ninguem sabe o que passamos.

CHEGOU NOSSA HORA DE PEDIR ATENÇÃO E RESPEITO.

EU VOU PEGAR ESSE PANFLETO E IMPRIMIR 100 DELES.

inicialmente

e vou fazer questão de entregar em igrejas e instituições dessas.

vou fazer isso na minha cidade!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

sobre o folheto, uma sugestão...o folheto inteiro é bom, mas acho que, além dele, poderia-se fazer cópias de uma editação mais curta...digamos, como aqueles "você sabia?" que conta uma coisa só, mesmo qdo o assunto tem 10 páginas de informação... fazer várias versoes, cada uma com 3 "dicas", e espalhar...até pq assim a pessoa acaba lendo (nao se assusta com o tamanho do texto), e isso pode puxa-la para um site ou para o texto comprido

enfim, já faço algo do tipo e posto aqui

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Usuário Growroom

Temos muito o que aprender com a militancia gringa.... A FORMA como são conduzidos os manifestos em países desenvolvidos é de enorme eficácia... Pode ver que a midia se aproxima muito mais... A parada é mais organizada, os militantes mais bem embasados...

Me dá uma agonia ver "ÃO ÃO ÃO, num sei que num sei quelá!!"

:blink:

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 weeks later...
  • Usuário Growroom

Nem os gringos são tão eficazes nem nós somos incapazes. Somos incapazes se ficarmos esperando o Super-Man aparecer vestido com as cores dos EUA para nos Salvar. Aí sim, a legalização nunca virá mesmo.

Vamos fazer pessoal...

Essa é a hora...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 month later...
  • Usuário Growroom

bedrocan,

Achei muito interessante a tática que você mencionou de Guerrilha da Informação utilizada pela Al Qaeda. Temos muito a aprender com o conhecimento produzido pelo Oriente e em especial estes grupos mais ativos.

Há uma infinidade de técnicas e ciências produzidas por eles ao longo destes milênios, que as direcionando para o bem, seriam de grande valia para nós ocidentais. E aplicá-las na disseminação do conhecimento cannábico para a população brasileira seria bastante oportuno e aplicável.

Há de se levar em conta que o que temos a propagar é a disseminação de conhecimento/informação. Ou seja, algo que genuinamente não gera ônus-direto em se tratando de ações guerrilheiras.

A aplicação desse tipo de técnica para conscientizar a população brasileira da perniciosidade da proibição da cannabis, na minha opinião é a única opção que se enquadra no atual *contexto. (leia-se hostilidade geográfica, ignorância da população, tamanho do Brasil...)

Há alguma fonte que possa nos indicar, que detalhe mais o Modus Operandi de ações guerrilheiras (especialmente de grupos com formação miliciana) orientais?

pS: A exemplo do panfleto do Alma, este sim gera um ônus alto que é a impressão e distribuição dos panfletos nem sempre eficazes e com o alto risco de serem amassados e jogados no chão 10 metros depois. Técnicas de guerrilha de informação podem ter alternativas mais eficazes e baratas.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
×
×
  • Criar Novo...