Ir para conteúdo
Growroom

Qual o sentido da vida?


JoeyTHC

Recommended Posts

  • 3 weeks later...
  • Usuário Growroom

Se religar a consciência divina ao ocêano cosmico do amor, descobrir seu proposito na criação e quebrar a roda das reencanações, se elevar e assumir sua vestimenta de luz não precisando mais de um corpo material para sua existência nessa realidade (3 Dimensão) e descobrir as muitas moradas do reino os muitos universos e densidades existentes.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Se religar a consciência divina ao ocêano cosmico do amor, descobrir seu proposito na criação e quebrar a roda das reencanações, se elevar e assumir sua vestimenta de luz não precisando mais de um corpo material para sua existência nessa realidade (3 Dimensão) e descobrir as muitas moradas do reino os muitos universos e densidades existentes.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

As origens da humanidade é um assunto de grande controvérsia científica e religiosa.

Até bem pouco tempo, a origem da inteligência permanecia um tema pouco abordado pela comunidade acadêmica. Poucos estudiosos se arriscaram a tratar do assunto de forma mais profunda.

A classificação dos humanos e seus parentes tem mudado consideravelmente ao longo do tempo.

Eu acredito que a evolução é resultado das mutaçoes que ocorreram e continuam ocorrendo com nossa espécie.O cérebro processo 400 bilhões de bits de informação por segundo, mas só tomamos conhecimento de 2000 bits. E esses 2000 bits são sobre o que está ao nosso redor, nosso corpo e o tempo.Vivemos em um mundo onde só enxergamos a ponta do iceberg. Se o cérebro está processando 400 bilhões de bits de informação, mas só percebemos 2000 bits, significa que a realidade está acontecendo a todo o momento no cérebro, mas nós não a integramos.

Todas as épocas e todas as gerações tm suas próprias suposições. O mundo é plano, o mundo é redondo, etc. Existem centenas de suposições que acreditamos ser verdadeiras, mas q podem ou não ser verdadeiras. Claro que historicamente, na maioria dos casos, não eram verdadeiras.

Se tomarmos como guia a história, podemos presumir q muitas coisas em q acreditamos como verdades sobre o mundo podem ser falsas. Estamos presos a certos preceitos e não nos damos conta disso. É um paradoxo, que se muta com a evoluçao.

O verdadeiro truque para a vida não é ficar no conhecido, é ficar no misterioso.A nova ciência diz q o q acontece dentro de nós criará o que acontece fora de nós. O SENTIDO DA VIDA É EVOLUÇÃO!:Maria:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 weeks later...
  • 1 month later...
  • Usuário Growroom

sentido da vida é VIVER

quantos filósofos já passaram nesta terra fazendo a mesma pergunta... "porque existimos?", "qual é o sentido da vida?", mas é essa a missão do filósofo, saber fazer as perguntas e procurar a verdade.

Tendo crenças ou não, a terra foi criada, seja por deus ou seja que ela esteve sempre aqui, certo? Foi criada arvores, os animais, as cachoeiras e rios limpos e cristalinos para VIVERMOS

mas o homem estragou tudo, poluiu as aguas, destruiu a natureza, e a vida de quase todos é crescermos em escolas, trabalharmos, aponsentar e morrer... e quando fazemos essas coisas esquecemos de viver.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Perguntinha difícil!hehehe

O sentido da vida é a evolução espiritual e racional.

Infelizmente a civilização ocidental perdeu seu rumo e se tornou exclusivamente materialista-cientifica-racional. Isso se desenvolveu a partir de Descates, Bacon, Newton e outros. E está totalmente impregnada na sociedade(Basta ver algumas respostas aqui. Fala-se em átomos, bits etc). Respeito todas as opiniões, mas essa é a parte material da vida apenas.

Tem um livro muito interessante de um russo(não me lembro o nome) que estudou as civilizações mundiais em todos os tempos. A conclusão. As civilizações que mais se desenvolveram socialmente, espiritualmente, culturalmente etc foram as que conseguiram o equilíbrio entre o divino e o racional(Grécia antiga e Iluminismo entre outros, segundo o autor).

Sociedades ligadas exclusivamente ao divino perdem a razão e se tornam "fanáticos". Sociedades exclusivamente racionais...bem, vocês sabem, pois vivemos em uma!

Minha opinião...

Um abraço,

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 4 weeks later...
  • 2 months later...
  • Usuário Growroom

Antes de perguntarmos sobre o "sentido da vida", talvez seja interessante compreendermos o sentido da palavra "sentido". Compreender o sentido de uma palavra significa compreender como a utilizamos em nossa linguagem, na linguagem que utilizamos diariamente em nossas vidas. O significado de uma palavra, portanto, é o seu uso na linguagem.

E como usamos a palavra "sentido" em nossa linguagem? Em geral, aplicamos a palavra "sentido" a símbolos, sinais e a outras palavras, como, por exemplo, perguntamos sobre o sentido de uma palavra em outra língua ou ainda sobre o sentido de um símbolo que desconhecemos. Assim, "ter sentido" é uma propriedade que se aplica primariamente a símbolos, ou seja, a objetos que atuam como substitutos representativos.

Sendo assim, quando perguntamos sobre o "sentido" da vida, estamos aplicando à vida uma propriedade que é própria apenas a símbolos e palavras. Não é de se estranhar, nesta perspectiva, que seja muito difícil, senão impossível, encontrar este sentido. A vida simplesmente se vive.

Mas é claro que, quando perguntamos pelo sentido da vida, o que queremos mesmo saber é como viver a nossa vida de modo mais pleno, desenvolvendo todas as nossas potencialidades. E a canabbis, seguramente, nos auxilia a medidar e fazer as escolhas corretas para que a nossa vida seja plena.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

se fude, paga imposto, bailar na mão dos zomi, e se fude novamente, paga mais conta, tomar pé na bunda da sua namorada, e fazer cachorrada com as amiga dela tdo...

hj to revoltado galera..

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O sentido humano da vida seria a objetivação da vontade?

Mas gostei do que um cara ai escreveu, citando castaneda. Ser um guerreiro, que sabe que nada importa, mas vive intensamente...

Para temperar questoes existenciais, recomendo Nietzsche e Schopenhauer, mas é só para os mais fortes...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O sentido humano da vida seria a objetivação da vontade?

Mas gostei do que um cara ai escreveu, citando castaneda. Ser um guerreiro, que sabe que nada importa, mas vive intensamente...

Para temperar questoes existenciais, recomendo Nietzsche e Schopenhauer, mas é só para os mais fortes...

a real é q "vida" não existe! e sim o simples desenrolar das coisas! e nós como mera representação! (como lanternas q brotaram do todo para observar o próprio todo!) a palavra vida não deveria existir pois não faz sentido, mas como a maioria, tbm entendo oq querem dizer com ela!

Schopenhauer! esse foi o cara...recomendo cada obra a todos q querem saber a verdade!

Nietzsche tbm tem seu valor, mas não gosto de suas frescuras qto ao seu estilo de passar a idéia!

adoro filosofia!

quem tá afim de trombar umas idéias!? :)===~

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Tema complicado hein. Acho que a vida, no sentido biológico são só um monte de genes tentando se replicar, todos os seres vivos são basicamente invólucros para esses genes, que vão passando de corpo em corpo a cada geração. Nosso genes querem que a gente se reproduza pra que eles possam continuar existindo nos corpos de nossos descendentes, e por isso que temos esse impulso pelo sexo e por reprodução, e por continuar vivo acima de tudo. Todas as nossas decisões na verdade não são nossas, o livre arbítrio é uma fantasia mental.

Dito isso, fica claro que na verdade a vida só tem um sentido claro para os genes, o objetivo único da existência deles é continuar existindo, seja no nosso corpo, seja no de nossos filhos. Nossa vida, portanto, não tem sentido algum a priori. O sentido de nossas vida é aquele que escolhermos pra ela. Cada um que escolha o que quer fazer dela. Mas não acho razoável imaginar que exista algum sentido real pré-estabelecido na vida de ninguém. A própria continuidade da existência do ser humano, que é colocado na Bíblia como um dos sentidos da vida (crescei-vos e multiplicai-vos), não faz nenhum sentido se analisada do ponto de vista dos outros seres vivos do planeta, já que o ser humano os está aniquilando.

Se analisarmos o comportamento do ser humano na terra desde os seus primórdios vemos que somos com uma infecção no crosta da terra, nós nos multiplicamos desordenada e freneticamente, consumindo todos os recursos do planeta. O aquecimento global é como se fosse a febre do planeta que tentará nos aniquilar com o objetivo de se preservar. Do ponto de vista da saúde do planeta uma atitude bastante digna seria a extinção voluntária do ser humano. Se todos os humanos parassem de ter filhos poderíamos por um fim nesse câncer do planeta Terra chamado humanidade e deixar de herança para os demais animais um planeta ainda viável. A alternativa a isso e continuar nessa jornada proliferando-se até que os cataclismos ambientais aniquilem lenta e agonizantemente a raça humana em um inferno prolongado de fome, doenças e guerra por recursos naturais.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Tema complicado hein. Acho que a vida, no sentido biológico são só um monte de genes tentando se replicar, todos os seres vivos são basicamente invólucros para esses genes, que vão passando de corpo em corpo a cada geração. Nosso genes querem que a gente se reproduza pra que eles possam continuar existindo nos corpos de nossos descendentes, e por isso que temos esse impulso pelo sexo e por reprodução, e por continuar vivo acima de tudo. Todas as nossas decisões na verdade não são nossas, o livre arbítrio é uma fantasia mental.

Dito isso, fica claro que na verdade a vida só tem um sentido claro para os genes, o objetivo único da existência deles é continuar existindo, seja no nosso corpo, seja no de nossos filhos. Nossa vida, portanto, não tem sentido algum a priori. O sentido de nossas vida é aquele que escolhermos pra ela. Cada um que escolha o que quer fazer dela. Mas não acho razoável imaginar que exista algum sentido real pré-estabelecido na vida de ninguém. A própria continuidade da existência do ser humano, que é colocado na Bíblia como um dos sentidos da vida (crescei-vos e multiplicai-vos), não faz nenhum sentido se analisada do ponto de vista dos outros seres vivos do planeta, já que o ser humano os está aniquilando.

Se analisarmos o comportamento do ser humano na terra desde os seus primórdios vemos que somos com uma infecção no crosta da terra, nós nos multiplicamos desordenada e freneticamente, consumindo todos os recursos do planeta. O aquecimento global é como se fosse a febre do planeta que tentará nos aniquilar com o objetivo de se preservar. Do ponto de vista da saúde do planeta uma atitude bastante digna seria a extinção voluntária do ser humano. Se todos os humanos parassem de ter filhos poderíamos por um fim nesse câncer do planeta Terra chamado humanidade e deixar de herança para os demais animais um planeta ainda viável. A alternativa a isso e continuar nessa jornada proliferando-se até que os cataclismos ambientais aniquilem lenta e agonizantemente a raça humana em um inferno prolongado de fome, doenças e guerra por recursos naturais.

,,,cara achei q vc mandou muito bem na sua resposta..., resume bem oq eu acho..., o sentido da vida e simplesmente a vida..., ou seja viver...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 4 weeks later...
  • Usuário Growroom

o sentido da vida é simplesmente viver, procurar momentos de felicidade pois a felicidade é momentânea, ninguém é feliz a vida inteira...

a unica certeza que temos é que um dia vamos morrer... nós podemos ouvir de tudo, mas todos sabemos que tudo que tem vida um dia morre... putz, e é tão facil morrer cara, e essa é a unica chance de vida que temos... se ouve falar em vida pós morte, no paraiso, mais eu prefiro particularmente viver essa ao invés de arriscar se terei a proxima...

o amor é um sentimento maravilhoso, amar tudo, cada formiga no chão, pra mim levo essa filosofia de vida, e não me engano, pois estou sempre feliz, quer dizer, mais parte do tempo feliz... dar valor a tudo, tudo mesmo, desde que levanto, até a hora que vou deitar pra dormir, por estar inteira e ter minha familia unida, ter um emprego e amigos, faço de tudo pra ocupar minha cabeça com várias coisas... são tantas coisas que nos deixa ficar felizes e as vezes na hora de um momento down vc esquece de tudo isso... adoro os animais e faço tudo o que posso pra ajuda-los, isso me satisfaz demais... e fumo um pra relaxar minha mente... ahhhh... que vontade de sei lá, fugi, ahuahauhau!!! talvez escrever um livro... kkk

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...