Ir para conteúdo
Growroom
Entre para seguir isso  
Bush Doctor

Maconha : um estado de espírito

Recommended Posts

Estou colocando um texto que escrevi para um antigo grupo de zines que eu participava!

Maconha, palavra doce...e sabor mais doce ainda se você conseguir aquele belo exemplar da "manga rosa" cultivado lá pelos lados de Recife e que dá uma onda incomparável.

É engraçado ficar imaginado e assitindo as cenas dessa garotada (que gosta de tirar onde porque fuma) atual fumando unzinho, aquela palha composta em sua maioria de poeira e sementes e que neguinho tem a coragem de dizer que dá uma onda do caralho; certamente são daquelas pessoas que seguem a risca o ditado : "Quem vê cara não vê croissant!" Já vi muito playboy otário fumar orégano e dizer que estava chapadão, eles deveriam saber que quando a esmola é demais o santo diz confira!

A grande verdade é que essa garotada marota fuma para ficar doidivanas, enquanto pessoas como eu, fumam simplesmente pelo fato de gostar muito de maconha em primeiro lugar e depois para dar aquela relaxada básica do estresse diário, acompanhada sempre de uma boa companhia e uma boa bebida, afinal, quem não bebe, não treme.

Bom demais também é aquele green de primeira qualidade, cheiro inigualável, sabor enebriante...mas essa jóia rara, derivada da família de nossa querida cannabis sativa não é para qualquer um, ou seja, quem nunca comeu de lado, quando come se lambuza...e pode ter um teto preto daqueles, com direito a tremedeira, vômitos e por ai vai. Para os menininhos e menininhas de plantão, que acham onda fumar um baseado e ficar por ai perdendo a linha, um conselho dos velhos de guerra na maconha é que fiquem sabendo que a gafe é a forma mais sutil de fazer uma cagada...e doidivanas então...

E as variações da brenfa...pode ser fumada em estilo fininho, cigarrão, cone e até nos mais mirabolantes cachimbos.

Nas famosas rodinhas dos fumetas, sempre pinta aqueles "figuras" quem tem dezenas de ondas erradas e começam a achar que a Hebe está tão repuxada que no próximo carnaval vai sair fantasiada de tamborim, outros divagam sobre o bidê ser uma espécie de beach park para o cu, os enrustidos filosofam sobre educação sexual e afirmam ser uma coisa que só existe entre viados...onde sempre tem um mais educado que deixa o outro entrar primeiro, os narcisistas se confessam e dizem que batem umazinha olhando para própria bunda no espelho, as vagabas discursam que uma mulher só pode ser considerada adúltera depois que completa 18 anos de traição e tem sempre o entendido, que se acha o mais inteligente dos viados.

E olha que isso é só uma pequena quantidade de ondas que podem rolar entre uma session e outra, mas aconteça o que acontecer nessas reuniõezinhas, tenha certeza de que no final o mordomo é sempre o assassino!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Manga rosa, tiro as palavras da nossa amiga Mary Greem, cadê onde está, só acredito vendo, ´quer dizer fumando.

Cara temos que semear esta danada pro resto do Brasil, ou vou acabar dando uma volta pelo Recife a procura da danada, só que tenho mêdo que só os filhos da terrinha saiba como conseguir

maconha faz mal, queima os beiços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...