Entre para seguir isso  
rikapt

Consumo precoce de maconha-yahoo

Recommended Posts

Consumo precoce de maconha causa mais dependência

WASHINGTON (Reuters) - Quanto mais jovem é a pessoa na primeira vez que fuma maconha, maior é a propensão de se tornar dependente de outras drogas ilícitas no futuro, disseram pesquisadores do governo dos Estados Unidos na quarta-feira.

Eles descobriram que 62 por cento dos adultos com 26 anos ou mais, que experimentaram maconha pela primeira vez antes dos 15 anos, usaram cocaína.

Menos de 1 por cento daqueles que disseram que nunca consumiram maconha afirmaram ter usado cocaína ou heroína e apenas 5 por cento abusaram de drogas de prescrição, segundo o relatório da Administração de Serviços de Saúde Mental e Abuso de Substância (SAMHSA).

"Esses resultados geram preocupações graves, porque estudos mostram que fumar maconha leva a alterações no cérebro similares àquelas causadas pela cocaína, heroína e álcool", disse em um comunicado Charles Curie, do SAMHSA.

"O consumo abusivo de maconha afeta a capacidade de jovens reterem informações durante seus principais anos de aprendizado quando o cérebro ainda está em desenvolvimento", acrescentou Curie.

"A cada dia neste país, mais de 3.000 pessoas -- a maioria delas com menos de 18 anos -- experimentam maconha pela primeira vez. O uso prematuro de maconha expõe a riscos de dependência, consequências físicas e cognitivas de longo prazo e problemas sociais", disse a autoridade da Casa Branca de Política Nacional de Controle de Drogas, John Walters, em um comunicado.

Os resultados, que se basearam em dados da Pesquisa Doméstica Nacional, mostraram que 18 por cento dos adultos que disseram ter experimentado pela primeira vez a droga antes dos 15 anos se encaixavam nos critérios para abuso de álcool ou drogas ilícitas, comparados a 2,1 por cento dos adultos que disseram nunca ter fumado maconha.

O levantamento mostrou ainda que 2 milhões de norte-americanos com 12 anos ou mais disseram ter consumido maconha pela primeira vez em 1999, em comparação aos 2,5 milhões em 1998.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

sei la, mas eu fumu deis de meio novo e fiquei uns anos parados sem mexe em caderno e nada, depois quando fui estuda tava até melhor, e olha que fumu todo dia, antes, no intervalo e pra inbora. Acho q é muitu relativo falarem que maconha atrapalha no celebro, o cigarro sim, quando fumo cigarro pra disbaratina (alguns dias) que sinto que cigarro é um veneno pra humanidade, devia elimina o tabaco do brasil e naum maconha, pois da tremedera ao dar vontade de fuma, da uma dor no estomago, além do celebro fica meio intoxicado de fumaça parece...coisa que nunca me ocorreu com a erva.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eh fato que existem pessoas que sao facilmente influenciaveis (as famosas Maria-vai-com-as-outras), pessoas predispostas ao vicio (um amigo meu :( ) e pessoas que sao praticamente obrigadas ao consumo devido a N motivos, mas nao se pode generalizar, muito pelo contrario, essas sao as excessoes (tah certo assim? :P )..

Eles tao tentando "achar pelo em ovo".. eh q nem o papo da "queima de neuronios" .. bleh.. a gente tem apenas uma VAGA ideia do quanto eles tao penando pra arranjah defeito, problema etc na maconha por que eles tao vendo que a legalizacao eh inevitavel.. eh apenas uma questao de tempo..

Tsc tsc;

:( tadinhos..

snif

:´(

...

uhAEUhAUEHUAEHuAHEuAHEUahEUhAUEHAU aih aih viu..

[]´s

Lary´s

p.s.: 10 pra vc, Rikapt! ;) beijinho

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas tem uma base de verdade nisso...

raciocinem assim:

moleque fuma maconha antes dos quinze anos e gosta... vai crescendo e entusiasmado pela boa bolada, quer experimentar coisas mais "fortes".

Meio que característico da adolescência...rebeldia...essas coisas...

Se o cara experimenta meio veião... já passou aquela fase da rebeldia que tem a adolescência... tem mais responsabilidade...mais compromissos...etc...

Em tese, teria menos propensão a experimentar outras drogas pesadas...

Não sei se é válido esse raciocícinio, pois realmente, cada ser humano é um universo em si mesmo, mas que dá pra racionalizar nesse sentido, isso dá...

Realmente, o assunto é polêmico...

:?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pow, eu comecei a fumar com 13 anos e ateh hj eu nunca cherei e nao curto esse tipo de quimica, pra falar a verdade eu nao curto quimicas no meu corpo.. nao gosto de nada do que eh artificial.. se bem q eu curto doce e extasy.. mas nao curto inalantes nem nada..

Acho que isso vem da cabeca da pessoa.. pode parecer papinho manjado, mas pow tem tanta gente q nao tem forca de vontade, que tem cabecinha.. se eu comecar a citar os tipos de pesoas que queimam o filme de nos usuarios.. vixx.. :P

[]'s a todos..

Lary's

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eh verdade ae kbeça ativa, a super interessante tb diz q num causa danos irreversiveis ao cerebro, e quanto ao vicio, pow, eu tb fumo desde os 13/14 anos, aos 12 anos eu comecei a beber, um ano depois, quando comecei a fuma eu praticamente parei parei de beber...

e sobre esse papo de maria vai com as outras, eu por exemplo naum tenho quase nenhum amigo q fuma, num me influencio por eles, nem eles por mim... tem uns q querem ser fodaum e cheram qualqué merda, e pa, pelos amigos...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu comecei a fumar super tarde, meu marido, então, nem se fala.

Mas mesmo começando tarde, provei várias coisas ( menos cola, solventes, crack e pico na veia), e achei por bem ficar só na maconha mesmo.

Meu marido nem pensa em provar outra coisa, só a maconha para ele tá ótimo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

  • Tópicos

  • Posts

    • Salve gurizada, vcs sabem se posso usar brita no lugar de perlita? Em função do novo corona virus as floricultura estão todas fechadas :s
    • Salve rapazeada!!!  Tirei umas sementes de um skunk muito gostoso q peguei uma vez, resolvi germinar, deu certo e resolvi encarar o cultivo. Tenho q cultivar indoor pois moro em apartamento, então fiz um PCGROW bem grosseiro, e estou usando um abajur pequeno pra fornecer luz, colocando a cabeça do abajur dentro do gabinete por uma abertura na traseira.  Agora vão as perguntas. ME AJUDEM COM A LÂMPADA. Não tenho ideia das especificações da lâmpada q está no abajur, então queria por uma mais correta pro meu caso. Acontece q a lampada é redonda, e a planta mais afastada fica um pouco carente de luz. Gostaria de conselhos pra uma daquelas lâmpadas compridas, dessa forma resolveria o problema, mas uma q não esquente muito. Poderia até comprar um soquete e prender a lampada dentro do gabinete.  MUDANÇA DE VASO E TERRA. Em breve vou comprar um vaso q me permita fazer amarras, para controlar e guiar o crescimento da planta. Seria possível cultivar essa danada em um vaso pequeno de uns 20CM ou até mesmo um pote de 2L de sorvete? Quanto a terra... apenas um solo com humus nesse estágio inicial da planta, é o suficiente? Me deem um help nessas questões por favor. Logo estarei disponibilizando um espaço um pouco maior (uns 70x80 cm) para colocar essas duas plantas, mas elas vão ter q ficar nesse gabinete por 1 ou 2 meses.  Procurei bastante algumas dicas aqui no fórum, mas resolvi postar pra quem sabe encontrar alguém q já fez a mesma coisa, nas mesmas condições, e conseguiu colher algo no final. ME PERDOEM A IGNORÂNCIA, e pra quem for ajudar aí, NOIS SÓ AGRADECE!!!
    • Fala pessoal, na paz? Pois bem, eu tenho 27 anos e faz 10 anos que fumo um banza. Já tive épocas que fumava quase todo santo dia, porém já teve épocas que fumei menos.  Neste ano decidi fazer algo inédito: Ficar sem fumar de forma compulsória por 40 dias. Faz parte da Quaresma; eu também optei por não beber álcool no mesmo período. Foram inúmeros os benefícios e gostaria de compartilhar brevemente a minha experiência. Nesses últimos anos eu já estava querendo melhorar a qualidade da maconha que eu fumava: fui 3x para Amsterdam, lá eu fumei Skunk de qualidade, e depois que voltei comecei a minha busca de uma maconha melhor... Logicamente a realidade é outra aqui infelizmente... porém hoje em dia com alguns contatos você consegue um Bud num preço salgado ou se tiver a oportunidade você planta - o que é de longe a melhor solução; custo, benefício, qualidade e risco.  Então eu consegui pegar mais buds e fui lentamente me afastando do pren. Hoje em dia eu quase não fumo mais prensado - acho um lixo - só fumo quando tem disponível, lógico hehe.  Já sei que terão aqueles que dirão que não dá pra largar do pren por inúmeras questões... Eu tenho amigos que fumam pren todo santo dia! Porém eu posso afirmar que os benefícios são avassaladores quando você substitui o bud pelo pren: - A brisa vai ser mais forte: Mas isso não significa que a brisa vai ser a brisa do pren x 10. A brisa é outra, a verdadeira, legítima! Você sente de verdade os efeitos da Cannabis. Se tiver sorte vai experimentar strains diferentes e vai diferenciar o efeito de uma sativa para uma indica, gosto e intensidade. Quando eu fumava pren eu ficava na maior parte lesado e depois sentia uma dor de cabeça, (não sei porque, porém era uma dor insuportável algumas vezes que fumava) além de você ter que fumar aquele baseado gigantesco e sentir a "brisa" por pouquíssimo tempo. - Quando você fuma bud você fuma menos: Isso é fato. Não tem como você fumar no mesmo ritmo. Até os que fumam todos os dias vão acabar fumando menos; por 2 motivos: 1 - A brisa dura mais e é mais intensa - você vai precisar de 2 a 3 finos pra ficar  chapado o dia inteiro. 2 - o custo será bem maior, então você vai ter que fumar menos por causa da grana. E aí muitos usam a desculpa de ser caro e vou fumar pren por causa do preço. Acredite: Se você gosta mesmo de fumar maconha, não vai querer voltar para o pren depois de fumar bud. - A qualidade é de outro nível: Nos argumentos acima eu já mencionei, porém tenho que reforçar para aqueles que não experimentaram ainda: O nível é outro!! Não tem comparação. No meu caso em particular eu comecei a apreciar muito mais quando fumava um bud em todos os sentidos, e isso fez eu moderar o consumo. Bem, agora que eu falei dos benefícios de fumar um Bud e que você acaba fumando menos voltamos a minha experiência: (paciência, agora tudo vai fazer sentido) Eu já estava fumando mais de 80% bud e 20% pren das mais variadas qualidades. Eu senti que deveria resetar o meu cérebro de todas substâncias que entorpecem o meu corpo (lícitas e ilícitas) Daí veio o desafio. E por causa que eu já estava fumando na maioria das vezes bud, e eu já fumava muito menos, (cerca de 1 a 2 x por semana) eu senti que foi mais fácil parar de fumar. Não senti qualquer efeito negativo (estresse, ansiedade, abstinência) tanto da maconha quanto do álcool (vou focar no caso da maconha apenas - porém a combinação dos 2 foi fantástica). Também me senti mais focado durante o dia em atividades, e agora já sinto uma relação distinta quanto a querer fumar. Percebi que fumar algumas vezes atrapalhava os meus planos e meu foco (isso  varia de pessoa para pessoa). Vejo que como tudo na vida, não podemos exagerar o seu consumo e além disso, devemos buscar a melhor qualidade para ter o seu melhor proveito. Ainda não quebrei a minha quaresma, vou relatar como vai ser a brisa da volta ( já deixei separado um bud de qualidade aqui), mas sinto que o meu vício irá diminuir: A moral deste relato é que a maconha tem poucos (quase nenhum) efeitos negativos quando consumida de maneiro regular e de boa qualidade. Se você fuma todos os dias pren, a história já é outra... Cabe a você priorizar o quão importante é fumar e a brisa que vai ter.  Sei que a realidade não permite, mas se tiverem a oportunidade  recomendo a todos fumar o bud mais vezes. E logicamente recomendo fazer essa pausa. Já foi comprovado que desintoxicar o corpo nos ajuda de inúmeras formas. Além disso, você vai provar para si mesmo que você está no controle, o que eu acho que é o mais importante!