Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'sementes'.



More search options

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Avisos
    • Avisos
    • Bem Vindo ao Growroom
    • Blog
  • Cultivo
    • Informações Básicas
    • Solos e Substratos
  • Outros temas relacionados
    • Notícias
    • Ativismo - Cannabis Livre
    • Segurança e Leis
    • Eventos e Competições
    • Cannabis e a Saúde
    • Cannabis Medicinal
    • Comportamento
    • Culinária
    • Artes, Filosofia, etc
  • Multimidia Cannabica
    • Galeria de Fotos
    • Galeria de Vídeos
  • Cultivo Medicinal
    • APEPI

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Location


Interests

Encontrado 39 registros

  1. Pelo que eu li .... umas 50 mil ... E a Anvisa apreendeu 200 kg em 2018 ... Na matemática .... 10 milhões ... manolos vou comprar 1' machine ...kkk
  2. Bom estou atras de sementes e n sei onde comprar alguém por favor me indique sites q entregue no Brasil??? ]desde já obrigado
  3. Galera, boa noite. fiz uma compra de sementes pelo High Supplies, e quando vou fazer o rastreio pelos correios está dando isso Objeto encaminhado26/04/2016 10:01 AVALIACAO - MINISTERIO AGRICULTURA / BR Hoje já é 25/07/2016, amanhã faz 3 meses que o produto está parado no ministério da agricultura. Alguém já passou por isso? Demora tanto assim pra liberar ou eu perdi a minha compra? Obrigado a todos pela ajuda.
  4. Galera sei que tem muita info no forum, mas pesquisei legal e nao achei respostas muito atuais de algum site confiavel pra compra de sementes. Alguem pode ajudar indicando um site, um seedbank? Pode ser no Brasil ou proximo, estou com pressa pois ja tenho tudo em mão faltam apenas as seeds. Agradeço desde já Segura o pega!
  5. Olá, pessoal. Boa tarde! Venho humildemente fazer minha primeira pergunta neste fórum maravilhoso: Qual o melhor site para comprar sementes? Nunca plantei mas já estou comprando itens para iniciar. A escolha da strain? A minha garota favorita: sour diesel. 😊 Estou estudando MUITO para iniciar minha plantação. Já li bastante coisa sobre todos os estágios, porém, a da compra da semente ainda não me deixou tranquilo. Já busquei aqui no fórum, mas acho muitas opiniões e a grande maioria divergente. Já varri essa internet (e o fórum) mas não consigo achar um bom conteúdo sobre compra sementes. Li um artigo aqui, mas todos os sites indicados são gringos, o que acarreta em risco de recebimento. Estou bem tendencioso ao CO: https://cannabiorganic.com/product/sour-diesel/ Enfim, conseguem me ajudar? Obrigado
  6. Boa para nós rapaziada alguém me indica um banco de sementes Br que seja de confiança ... Valeu a todos grande abraço
  7. Fala Grower's! Sou novato aqui e já li diversos tópicos em busca, mas não encontrei nenhuma informação com respeito a bancos brasileiros de sementes. Vocês poderiam me recomendar alguns? de preço acessível também, se possível. Quero começar meu cultivo, mas não tenho moral de importar Seeds. Desde já, obrigado pela atenção, galera. (Se não puder fazer esse tipo de tópico, dá um salve que eu tiro)
  8. ENTÃO GALERA, NOS QUE ESTAMOS NA LUTA DIÁRIAS ATRÁS DE UM BOM PLANTIO. PODEMOS TER UMA NOVA OPORTUNIDADE E CONHECER SEMENTES DE GENÉTICAS AVANÇADA ATRAVÉS DA IMPORTAÇÃO. QUEM JÁ PESQUISOU SABE QUE OS SITES ESTRANGEIROS IMPORTAM MAS POR FIM O PAGAMENTO INTERNACIONAL PARA OUTRA MOEDA É COMPLICADO. PORÉM ESSES SITES ACEITAM A MOEDA VIRTUAL BITCOIN. PARA ALGUNS É COMPLICADO MEXER COM ELAS. MAS PRA QUEM TEM PACIÊNCIA É A OPORTUNIDADE DE TER UMA SEMENTE DE GENÉTICA EM MÃOS. VÓS APRESENTO A MINERAÇÃO DE BITCOIN. EM UM LINGUAJAR MAIS INFO https://get.cryptobrowser.site/7139234
  9. https://oglobo.globo.com/sociedade/saude/stf-decide-que-importar-semente-de-maconha-nao-crime-23664858 Ministro Celso de Mello afirma que semente não pode ser qualificada como droga nem constitui matéria-prima para prepará-la, já que não possui o princípio ativo BRASÍLIA — Para o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), a importação de sementes de cannabis sativa , a planta que dá origem à maconha, não é crime. Com esse entendimento, ele rejeitou denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal contra uma mulher que importou da Holanda 26 sementes da planta. Segundo o ministro, a semente não pode ser qualificada como droga, nem constitui matéria-prima destinada a seu preparo, porque não possui, em sua composição, o princípio ativo da maconha, chamado tetrahidrocanabinol (THC). A mulher tinha sido acusada do crime de importar matéria-prima, insumo ou produto químico destinado à preparação de drogas, que pode resultar em condenação de até 15 anos de prisão. O Tribunal de Justiça de São Paulo rejeitou a denúncia. Mas, no julgamento de um recurso do Ministério Público, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu a denúncia. Agora, no recurso apresentado pela defesa da acusada, o STF estabeleceu que a prática não configura crime. Na decisão, Celso de Mello destacou que, não contendo o THC, as sementes “não se revelam aptas a produzir dependência física e/ou psíquica, o que as torna inócuas, não constituindo, por isso mesmo, elementos caracterizadores de matéria-prima para a produção de drogas”.Segundo o relator, o Supremo tem entendido, em situações análogas ao caso, que não se justifica a instauração de investigação criminal nos casos em que envolve importação, em reduzida quantidade, de sementes de maconha, “especialmente porque tais sementes não contêm o princípio ativo inerente à substância canábica”. Porte de drogas O Supremo vai decidir no dia 5 de junho se é crime o porte de drogas para consumo pessoal. O julgamento do processo está suspenso desde setembro de 2015, quando o então ministro Teori Zavascki pediu vista do processo para analisar melhor. Teori morreu em janeiro de 2017 em um acidente aéreo. Alexandre de Moraes, que assumiu a vaga dele, "herdou" o pedido de vista e liberou o caso, em dezembro passado, para julgamento. Três dos 11 ministros do STF já votaram pela liberação do porte de maconha para uso pessoal.
  10. Conhecem algum grupo que doa sementes? Recomendem
  11. Eae galera, alguém fez alguma compra de sementes do exterior pela internet recentemente, ou tem ideia de como a situação geral está? Fiquei bastante interessado em sites como o seedsman, que vende uma grande variedade de strains, com qualidades específicas ideias pra quem busca a planta pra uso medicinal. Porém, buscando sobre o assunto parece algo bastante passivo de dar ruim caso apreendido pela polícia na entrada do país. A maioria desses posts que encontro é de anos atrás, e, além de ter visto matérias que narram decisões mais recentes do STJ à favor de usuários em muitos casos (pelo fato da compra de semente constituir a possibilidade de um crime, e não um crime em si), acredito que seja muito mais provável alguém postar algo porque deu ruim do que se tudo ocorreu deboas. O meu ponto é: Alguém teve experiência recente de compra em algum site do gênero, como o seedsman, e sabe se a chance de rodar numa dessas anda alta?
  12. Pessoal, estou com um dúvida em relação a algumas sementes que ganhei. Há pouco tempo um amigo me deu sementes de girassol mas não perguntei de qual tipo elas eram, gigante ou daquelas anões, plantei elas a pouco tempo e já estão crescendo num vaso de pequeno porte, então gostaria de saber se existe alguma forma de diferenciar as sementes de um girassol anão e um gigante, porque creio eu que caso seja um gigante ele não irá se desenvolver adequadamente no vaso que plantei
  13. salve galera, recentemente vendo uns vídeos no youtube acabei descobrindo um seed bank supostamente brasileiro chamado Delaferia alguém ja ouviu falar?
  14. Já viu quanta energia potencial tem uma pequena semente de cannabis? Essas sementes foram deixadas no ambiente de germinação, sem iluminação ou nutrientes, até demonstrarem atrofiamento no desenvolvimento (pararem de crescer).
  15. Estou começando agora e preciso de um lugar para comprar sementes que aceite cartao internacional/boleto e obviamente envie pro brasil (seedsman por exemplo nao aceita mais) , obrigado!!
  16. Do álbum 2017

    Em breve diário.
  17. begoda

    Banco de Sementes

    boa noite brothers, proocurei bastante mais nao achei muita coisa especifica sobre bancos de sementes. quem souber algum de confiança ou ate mesmo algum banco de sementes gratuito postem aqui.
  18. Salve salve galera! Estou querendo cultivar plantas, porém as sementes do prensado que fumo nenhuma está germinando, gostaria de saber sites confiáveis que sejam no brasil, e maneiras para mim não me fuder com os policiais!!
  19. Alguem me ajuda. Um amigo meu tinha um pe macho eu peguei duas sementes e plantei ta com 8 dias ...o caso é.. Sementes do pe macho pode ser femea???
  20. “É a primeira vez que uma instituição como o MPF defende abertamente a descriminalização para uso pessoal”, afirma advogado October 19, 2016 Harumi Visconti Em decisão histórica, o Conselho Institucional do Ministério Público decidiu que a importação de 12 sementes de maconha da Holanda não é crime. Conversamos com Alexandre Pacheco Martins, advogado que atuou no caso, que nos explicou os possíveis desdobramentos do julgamento. PBPD: Hoje, o Conselho Institucional do Ministério Público Federal (MPF) decidiu que a importação de 12 sementes de maconha não poderia ser considerada crime. Qual o impacto dessa decisão? Alexandre Pacheco Martins: É uma decisão muito importante. Ela muda o paradigma das acusações no país. É a primeira vez que uma instituição como o MPF defende abertamente a descriminalização [para uso pessoal]. Eu nunca tinha visto o Ministério Público falar isso publicamente. Um ou outro até falava nos bastidores, mas eles vão colocar a decisão no papel. Isso é impressionante, é dar autonomia para os procuradores. O órgão falou: “vocês não são mais obrigados a ficar correndo atrás de usuários”. Evidentemente, isso não significa que daqui para frente todo mundo pode entrar no site e começar a importar – mas as chances de elas serem denunciadas e o caso ser arquivado aumentaram em 200%. Se eu entrar agora no site e importar, muito provavelmente isso vai ser apreendido, vai ser encaminhado para a Polícia Federal, que poderá instaurar um inquérito policial, mas eu nem seria acusado de nada. Seria tudo provavelmente arquivado. Mas o que acontece é que a pessoa ainda não vai poder receber a semente, não vai conseguir fazer uso dela. A gente não conseguiu ainda legalizar – e não é no MP que isso seria decidido. Esse é o próximo passo: ganhar no STF e regulamentar o uso. A partir de agora, em qualquer ação semelhante o Ministério Público Federal deverá aplicar essa decisão acordada hoje? Alexandre Pacheco Martins: Não. Essa decisão não tem caráter vinculante, ou seja, ela não obriga os procuradores da República do Brasil inteiro a aplicarem a decisão. Qual é a função do Conselho Institucional do Ministério Público Federal? Alexandre Pacheco Martins: A função dele é traçar as diretrizes para o próprio Ministério Público Federal, ou seja, apesar de não ser vinculante, é esse o órgão que formula as diretrizes do MPF. A partir do momento em que o órgão entende que não é tráfico internacional de drogas nem contrabando, ele desobriga os procuradores que até não concordavam, mas acabavam denunciando pela obrigação funcional. A partir de agora só vai denunciar o procurador que concorda, mesmo, que é caso de tráfico. Enfim, as pessoas que entendem dessa maneira podem continuar aplicando isso, mas grande parte dos procuradores já entendia que não era [tráfico], mas batia na Justiça e alguns juízes falavam “Você pode até achar que não é, mas eu acho que é. Então vou mandar isso para o seu chefe”. E quando chegava no “chefe”, em última análise acabava indo para esse Conselho Institucional – que hoje tomou essa decisão. PBPD: Nesse caso específico, a chance desse réu ser absolvido na Justiça é grande. Alexandre Pacheco Martins: Na verdade, não tem como falar em absolvição porque ele não vai ser processado. Ele nem sequer vai virar réu. Ele foi mero investigado por tráfico internacional e, depois dessa decisão, ele é uma pessoa comum como qualquer outra pessoa do mundo. PBPD: O senhor acha que essa decisão de hoje pode ter impacto no julgamento do RE 635.659, que pode descriminalizar a porte de drogas para consumo pessoal? Alexandre Pacheco Martins: Acho que pode ter um belo reflexo. Ela influencia, mas não determina o resultado. Mas a decisão dá, inclusive, amparo para os ministros que estiverem inseguros: o próprio órgão acusatório oficial do Brasil entende que casos como esse não têm grande repercussão na vida prática das pessoas. PBPD: Um dos nossos seguidores comentou em nossa página que a decisão de hoje foi pautada pela inexistência de THC na semente da maconha. Como o senhor vê esse argumento? Alexandre Pacheco Martins: O julgamento foi bem mais profundo do que isso: eles definiram que não é nem tráfico nem contrabando. Não é tráfico pela inexistência do THC, de fato. Mas cada procurador foi aprofundando em um sentido. Alguns foram no sentido de não ter THC, outros falaram da interferência do Estado na vida privada. Cada um falou em um sentido, mas a decisão final foi a de que não é tráfico porque não tem THC e que, portanto, a semente de maconha não pode ser considerada a droga em si. Num segundo ponto, entendeu-se que não era contrabando também porque o que a gente chama de semente de maconha, biologicamente é um fruto. Se todas as sementes são proibidas exceto as permitidas, os frutos seguem uma lógica diferente: eles não necessariamente são proibidos de serem importados. Eu sustentei nesse sentido e uma das procuradoras até acolheu esse argumento. Mas a maioria entendeu que como a quantidade é muito pequena e o MPF entende que, num paralelo com o cigarro, pode-se importar até 153 caixas de cigarro sem configurar contrabando, não faz sentido você criminalizar todas as sementes de maconha. É muito pouco. Não tem relevância penal essa quantidade. PBPD: Era esperada essa decisão do Conselho Institucional do MPF? Alexandre Pacheco Martins: Esse julgamento começou em agosto. Quando eu fui lá para sustentar, eu estava meio sem esperança. Mas modéstia à parte, a discussão foi tão bacana, a gente trouxe pontos tão interessantes, que eu vi alguns procuradores nos questionando e depois concordando com nossos argumentos. E aí eu vi várias pessoas indo nesse sentido, foi impossível não se empolgar. http://pbpd.org.br/wordpress/?p=4110
  21. Quem acredita que nossa vitória não será por acidente sabe, muito bem, que algo importante como a descriminalização do cultivo pra uso pessoal é uma guerra onde a vitória só virá se tivermos a humildade de saber perder e também reconhecer quando vencemos as batalhas. Neste caso, VENCEMOS UMA PEQUENA MAS IMPORTANTE BATALHA! O MPF de cada estado sempre teve divergência no que diz respeito a acusar alguém de tráfico por importar sementes. Quando alguém era pego importando seeds, as vezes o MP denunciava por tráfico, as vezes não... Então a discussão foi parar no Conselho Institucional do Ministério Público Federal onde no último dia 20/out houve a sessão de julgamento e ficou decidido o seguinte: SE ALGUÉM IMPORTA SEMENTES DE MACONHA NÃO DEVE SER DENUNCIADO POR TRÁFICO. Ñ é decisão Judicial. Não garante q vc não seja autuado. Mas entendam: É apenas o que um dos órgãos mais altos dentro do Ministério Público decidiram e serve como uma "orientação" para todos os outros MP's do Brasil, para que não acusem ninguém de tráfico por conta de ter importado algumas sementes. Tentei achar material diretamente nos sites do MPF, mas não consegui. Segue o conteúdo da divulgação feita pela VICE, aqui: http://www.vice.com/pt_br/read/importacao-semente-de-maconha ###################################################### Importação de semente de maconha não é considerada tráfico no Brasil em decisão histórica Por Equipe VICE Brasil - outubro 21, 2016 Muito mais do que ter a liberdade em acender um baseado e seguir a vida numa boa, a discussão sobre a legalização da maconha para uso recreativo e outros fins, vai além. No Brasil, tivemos um avanço na área medicinal depois da liberação do canabidiol para o tratamento de certas patologias. Já a criminalização do uso pessoal da maconha ainda tem muito a ser discutida. E parece que dessa vez um pequeno passo foi dado: o Ministério Público Federal (MPF) decidiu na última quinta (20) não criminalizar a importação de sementes de maconha feita por um homem investigado pela Polícia Federal, já que, segundo a decisão, semente não pode ser considerada droga. A expectativa é que a resolução da justiça possa abrir um precedente para futuros casos que envolvam growers e usuários. A decisão foi dada por meio do Conselho Institucional do MPF, cuja função é julgar os recursos das câmaras de revisão do próprio órgão e também estabelecer as institucionais do órgão. Segundo o advogado do caso, Alexandre Pacheco Martins, o seu cliente foi enquadrado nos crimes de tráfico e drogas e, posteriormente, contrabando, após importar oito sementes de maconha da Holanda por causa de uma aposta entre os amigos. De brinde, mais quatro sementes foram enviadas. A acusação foi feita após a Polícia Federal rastrear o pacote. O caso quase chegou a ser arquivado pela PF e foi julgado contra o acusado duas vezes até o advogado recorrer ao Conselho, instância máxima do MPF formada por 21 subprocuradores-gerais da República. Assim, o caso das sementes foi reavaliado e votado pelos subprocuradores-gerais. O resultando foi 11x8 a favor do acusado, como conta o advogado. "Para o País, eu realmente acho que é uma decisão histórica. Um baita precedente, uma luz na luta pela descriminalização," afirma Martins celebrando a vitória histórica, um exemplo atual que poderá ser referência para casos mais específicos que envolvem cultivadores de plantas de maconha. Assim como a liberação do canabidiol para uso medicinal autorizado pela Anvisa ainda esse ano e a conclusão do julgamento do RE 635.659 que discute a inconstitucionalidade da criminalização do porte de drogas no país.
  22. Ontem me surpreendi ao ver que no ali express alguns vendedores vendem sementes de maconha. Eh beeem mais barata do que os seedbanks, entao nao devem ser de uma genetica boazona, ne? Mas custa tipo 10 reais 100g de sementes. Um vendedor com boa reputaçao me afirmou que eram feminizadas e que ps buds produziam thc. Mas sei la. Alguem ja tentou essa porra aqui? Eu nao tenho acesso a sementes de bankseeds gringos, e tem ficado cada vez mais dificil encontrar sementes boas em prensado. Mto obrigado growers.
  23. Fala Galera, Tenho aproveitado muito as promoções dos seedsbank gringos. Sei que tem gente do Brasil planejando algumas promoções também. Que tal juntarmos estas informações em um único tópico que fomente o cultivo de genéticas bacanas? Aliás, a época é propícia: a primavera acabou de começar no hemisfério norte e logo mais devemos ter um monte de promoções de sementes da safra passada, bem como um monte de lançamentos de novas genéticas. Pra inaugurar, deixo avisado: A partir do dia 18 de abril o seedsman vai entrar com a promoção "420". Vão fazer bundles (kit´s) de sementes consagradas. Para cada 50 euros gastos, 5 sementes de White widow FEM de freebie e etc. vale a pena conferir. http://www.seedsman.com/en/fourtwenty Quem mais tá sabendo de promoções bacanas? Abraços!
  24. então galera estou querendo começar um cultivo outdoor, aproveitando a semana 420 no site seedsman tenho algumas duvidas. 1) qual a diferença entre o tipo de sementes, feminizadas, autoflorecentes, regulares? não sei se tem algum outro tipo. 2) o que muda entre as strains; kush, haze e demais. 3) tem alguma data pra poder plantar e colher ? preciso fica esperando até a data mais apropriada ? 4) qual a melhor pra plantar outdoor, sativa ou indica.. lembrando que a planta não pode crescer muito pra não passar do muro 5) preciso comprar muitos produtos pra cultivar ? 6) o site seedsman é confiavel pra compra ? eles escondem bem o produto ? no momento não me recordo de nenhuma outra pergunta, mas posso fazer algumas mais se obtiver resposta mais rapido, agradeceria valeu galera!!!
  25. Galera, alguém aí já comprou sementes pelo http://www.ilovegrowingmarijuana.com/ ? O site é bom. Tem boletins informativos diários de alguma utilidade. Ele tem uma Marijuana Grow Bible muito boa tb, que ele disponibiliza de graça depois que vc faz o cadastro. Não encontrei nada sobre compras nesse site. Pelo menos não no Brasil. Alguém já ouviu algo a respeito? Valeu. Abraços.