Ir para conteúdo
Growroom

Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'produtos'.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Avisos
    • Avisos
    • Bem Vindo ao Growroom
    • Blog
  • Outros temas relacionados
    • Notícias
    • Ativismo - Cannabis Livre
    • Segurança e Leis
    • Eventos e Competições
    • Cannabis e a Saúde
    • Cannabis Medicinal
    • Comportamento
    • Culinária
    • Artes, Filosofia, etc
  • Multimidia Cannabica
    • Galeria de Fotos
    • Galeria de Vídeos
  • Cultivo Medicinal
    • APEPI

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Location


Interests

Encontrado 1 registro

  1. CanhamoMAN

    Mcdonald’S Da Maconha

    McDonald’s da maconha Com variedade de produtos e marketing ativo, empresas brigam pela liderança de mercado nas regiões dos Estados Unidos que legalizaram o consumo da erva 21/10/2014 - 18H10/ atualizado 18H1010 / por Fabiano Rampazzo http://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2014/10/mcdonalds-da-maconha.html Em 22 dos 50 estados norte-americanos, o uso medicinal da cannabis já é permitido, sendo que nos estados do Colorado e de Washington o consumo é legal inclusive para fins recreativos (e o Alasca pode se tornar, ainda este ano, o terceiro estado a liberar o uso da erva com esse propósito). Hoje, a legalização conta com o apoio da maioria da população, e especialistas acreditam que a maconha deve se transformar em um mercado com lucro na casa dos bilhões de dólares em menos de cinco anos. É que a lei nos estados que permitem o consumo recreativo prevê a abertura de coffee shops em que qualquer pessoa poderá comprar até 28 gramas da erva para consumo próprio. Peter Norris, presidente da Diego Pellicer, empresa especializada na locação de imóveis para negócios nessa área (sim, na área da maconha), está otimista. “Este é apenas o começo. Acreditamos que mais estados seguirão o exemplo de Washington e do Colorado nos próximos dois anos", ele diz. E algumas marcas começam a ganhar destaque nesse mercado prometendo a melhor experiência possível com seus produtos — que vão desde a erva pura até protetores labiais, refrigerantes e chocolates. MERCADO EMERGENTE Conheça algumas marcas que já começam a lucrar com a legalização A Cannariginals (1), da Califórnia (estado que só legalizou o uso medicinal), tem vários analgésicos em forma de óleos e pomadas na sua cartela de produtos. Já a Mary Janes (2) revende seus protetores labiais e loções corporais em dispensários da Califórnia e do Colorado. E a Dixie Elixirs (3), com sede em Denver, comercializa subprodutos como cigarrilhas, chocolates, balas e refrigerantes. Joe Hodas, diretor da empresa, está otimista: “Acho seguro dizer que veremos a legalização total no país nos próximos cinco anos”.
×
×
  • Criar Novo...