Ir para conteúdo
Growroom

Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'produção'.



More search options

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Avisos
    • Avisos
    • Bem Vindo ao Growroom
    • Blog
  • Cultivo
    • Informações Básicas
    • Solos e Substratos
  • Outros temas relacionados
    • Notícias
    • Ativismo - Cannabis Livre
    • Segurança e Leis
    • Eventos e Competições
    • Cannabis e a Saúde
    • Cannabis Medicinal
    • Comportamento
    • Culinária
    • Artes, Filosofia, etc
  • Multimidia Cannabica
    • Galeria de Fotos
    • Galeria de Vídeos
  • Cultivo Medicinal
    • APEPI

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Location


Interests

Encontrado 2 registros

  1. Maconha deve ser plantada na Universidade Federal da Paraíba, em João Pessoa. Foto: Pixabay Maconha poderá ser cultivada na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) para que medicamentos sejam produzidos no Laboratório Industrial Farmacêutico da Paraíba (Lifesa). Da cannabis são extraídos cerca de 500 elementos que podem ser base de remédios, entre eles o canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC). Uma reunião na sede do Ministério Público Federal (MPF), em João Pessoa, avançou na criação de um convênio inédito para que a erva paraibana seja pesquisada e ganhe registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Segundo o procurador da República José Godoy Bezerra de Souza, um dos próximos passos é solicitar autorização de cultivo da planta pela UFPB para que a universidade e o Lifesa desenvolvam pesquisa para registro do medicamento. Além de José Godoy (que responde também pelos Direitos do Cidadão), participaram da reunião que aconteceu na sexta-feira (9) o diretor do Lifesa, Sérgio Augusto da Motta, a professora do Departamento de Fisiologia e Patologia da UFPB, Katy Lísias Gondim Dias de Albuquerque e a coordenadora de convênios da UFPB, Verônica Lins de Araújo Macedo. As negociações para a produção do medicamento à base de maconha em escala laboratorial, em parceria com a UFPB, já ocorrem há mais de um ano. Em maio de 2017, a vice-presidente da Liga Canábica, Sheila Geriz, informou que a entidade estava trabalhando numa parceria para que a universidade cultivasse a cannabis, produzisse os óleos e começasse a fazer estudos clínicos com os pacientes que já utilizam os óleos extraídos da maconha. Eficácia do medicamento Documentos médicos e artigos científicos indicados pelo MPF em ação judicial, que já garantiu o cultivo da maconha na capital da Paraíba, exclusivamente para fins medicinais pela Associação Brasileira de Apoio Cannabis Esperança (Abrace), apontam inexistir dúvidas sobre a eficácia do uso dos óleos da cannabis no tratamento de crises epilépticas e outras doenças. Seu uso já é autorizado em vários países como Inglaterra, Nova Zelândia e Canadá e em mais de 20 estados norte-americanos. Fonte: Redação OP9
  2. Minha dúvida é bem simples, com a manutenção correta, o pé pode produzir mais de uma vez ????
×
×
  • Criar Novo...