Ir para conteúdo
Growroom

Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'hash'.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Avisos
    • Avisos
    • Bem Vindo ao Growroom
    • Blog
  • Outros temas relacionados
    • Notícias
    • Ativismo - Cannabis Livre
    • Segurança e Leis
    • Eventos e Competições
    • Cannabis e a Saúde
    • Cannabis Medicinal
    • Comportamento
    • Culinária
    • Artes, Filosofia, etc
  • Multimidia Cannabica
    • Galeria de Fotos
    • Galeria de Vídeos
  • Cultivo Medicinal
    • APEPI

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Location


Interests

Encontrado 11 registros

  1. Boa tarde, meus camaradas. Seguinte, fumava direto desde os 17 anos, atualmente tenho 27. A onda sempre foi de muita risada, descontracao, relaxamento e alegria. Sempre fumei hash ou skunk.. Fumava ate mt mas nunca me atrapalhou em nd, me formei e trabalhei desde cedo. Porem, ha dois anos atras a historia mudou, e infelizmente pra pior. Passei o reveillon de 2015 no Universo Parallelo, e desde que voltei a onda da maconha ja nao era mais a mesma. Ficava mt pra baixo, passava da preguica.. Batia na depre mermo. Nessa epoca tava saindo do meu emprego e nao sabia pra qual area
  2. Salve, rapaziada! Galera, preciso de vosso conhecimento. Um amigo meu pegou um hash com um amigo dele e eu gostaria de saber como proceder para me certificar de que não terei um hash com vírus. Procurei em todos os cantos sobre o que fazer para esterilizar o hash e não encontrei. Será que deixando o hash parado por um tempo o vírus "morre"? Sei que o envolucro do vírus é feito de gordura, e sendo o hash pura gordura também, me pergunto se o vírus se dissolve no hash (devido a lipossolubilidade) e acaba perdendo a capacidade de contaminação, ou se ele acaba sendo preservado pelo hash. Qual
  3. Caros growers e entusiastas, Trago a vocês uma situação recentemente experienciada por mim e por muitos (senão todos) que experimentam concentrados pelas primeiras vezes. Acredito que o relato e as informações a seguir se aplicam somente ao dabbing, termo aqui utilizado como o método de ingestão de concentrados (qualquer que seja) - que consiste em fumar o oil/wax/dab/shatter/hash por meio de sua vaporização via bong (com algum material aquecido, seja titânio ou vidro). Afinal, essa forma de ingestão da efeitos mais potentes e mais imediatos do que quando diluído no meio de outros mate
  4. Elas gostam de terra VERMELHA ! Verdade nua e crua >>>>
  5. Boa noite, gostaria de saber se haxixe para transar é uma boa, da velha e boa green eu já sei, mas na falta dela o haxixe é bom?
  6. Salve aventureiros ! queria saber sobre trazer algumas gramas de hash da Espanha, e se alguém já fez isso. dizem que rola um verdadeiro hash la, e ouvi algumas pessoas falando sobre engolir... Quero algumas dicas se possível ! Grande abraço e obrigado pela atenção desde Jah!
  7. Traficante internacional preso em Ipanema vendia 'super maconha'http://www.tribunahoje.com/noticia/157225/brasil/2015/10/09/traficante-internacional-preso-em-ipanema-vendia-super-maconha.html Patrick Rúbio, de 27 anos, vendia droga com efeito igual a 20 cigarros comuns de maconhar7.com 09 Outubro de 2015 - 08:43 Preso em Ipanema, integrante de quadrilha internacional de tráfico vendia drogas para a alta sociedade Reprodução/ Balanço Geral RJ O integrante de uma quadrilha de tráfico internacional de drogas preso nesta quinta-feira (8) em Ipanema, na zona sul do Rio, vendia wax, uma "super macon
  8. Do álbum Diário - Meu Primeiro Grow

    Esse é o "hash de tesoura" que ficou nas lâminas após a manicure.
  9. Bevar Christiania! Olá! Este tópico tem o intuito de condensar os relatos de Christiania que até agora estavam espalhados pelo forum. Creio que isto facilitará a vida de quem ainda planeja visitar este paraíso anarquista do Hash que fica localizado na Dinamarca. Da seu dab dae que lá vem a história. Breve panorama de Christiania : A história começa em 1971, quando um terreno do exército cheio de alojamentos abandonados foi invadido por grupos de hippies, libertários, socialistas, punks e fugitivos (da lei, dos pais, da sociedade convencional), entre tantos outros. A Cidad
  10. Pergunta boba. Quanto mais ou menos se extrai de hash por planta? E 1g de hash serve pra mais ou menos quantos baseados?
×
×
  • Criar Novo...