Ir para conteúdo
Growroom

VelhoEddie

Usuário Growroom
  • Total de itens

    671
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que VelhoEddie postou

  1. Traficante flagrado com 1.250 comprimidos de ecstasy na sexta já está solto RIO - Menos de 24 horas. Foi o tempo que Daniel Izaias dos Santos Correa, de 25 anos, flagrado com 1.250 comprimidos de ecstasy, na Barra, na última sexta-feira , ficou na cadeia. O juiz que estava no plantão noturno da Comarca da Capital no dia 29, Marcos Augusto Ramos Peixoto, concedeu a liberdade provisória ao traficante por entender que não cabia converter para preventiva a prisão dele, feita em flagrante. Leia mais so
  2. Fala BAS..(!!!) Que sonho hein meu velho. Acho que você deve ficar muito orgulhoso do seu trabalho e da sua persistência. Com certeza uma grande recompensa por todos esses anos. Na verdade, todos do GR estão de parabéns.... Afinal, Growroom é feito de "todo mundo". Estou com a revista aqui, e achei a matéria muito bem feita (e puxou bem a sardinha). Só faltou o tal do "dirijo" (hehe)... Concordo com o que o Willian Bonner disse. Isso aqui vai bombar de gente. Na verdade, foi a primeira coisa que pensei quando vi a matéria... Caraleo, o Growroom vai entupir. Se não for de malaco
  3. Fala Growroom ...(!!!) só uma passadinha pra concordar com o Alma (sempre fácil) no quote acima ...Growroom essencial para a cultura do cultivo caseiro ...e também para parabenizar tanto o Alma, o Cinco e o Bas.... tenho certeza que a pilha que vocês botaram lá na parada foi determinante... parabéns mesmo...(!!!) ...e claro ...essa rapaziada Growroom sempre na pilha forte.....uhuuuuuu !!!! PS: O fórum tá lindo hein... Abraços a todos,
  4. Fala SmokeOut...!! e também toda a Galera do fórum... Tenho que concordar com boa parte de suas palavras, especialmete quando você se refere à necessidade de os políticos que apóiem esta idéia terem apoio de seus pares, asim como concordo existirem problemas mais proeminentes em nosso País para serem resolvidos....realmente não há dúvidas quanto a isso...o que é uma pena né...já poderíamos estar na frente.... Porém, se formos pensar assim, nada jamais mudará (talvez). Todas as coisas têm um começo de alguma forma... É claro que o pessoal sabe que uma passeata não irá alterar, de
  5. Bem,..entrei lá no site da editora e no link "Fale conosco", consegui enviar uma mensagem...não sei se vai ter retorno...se tiver...só semana que vem...sexta às 18:30..nem tem mais gente lá...hheheheh Foi isso aí... Prezados Senhores, Tendo tomado conhecimento do conteúdo da última edição da Revista Conhecer Fantástico, tratava sobre o assunto Cannabis Sativa, fui às bancas de jornal na tentativa de adquirir um exemplar. Contudo, qual não foi minha surpresa, ao saber que a mesma estava sendo recolhida (informação prestada por diversos jornaleiros e, também, incrível, por um polic
  6. Onde será que se busca a informação do porque do recolhimeto da revista ?.... Será se na revista não tem um e-mail da editora, para podermos perguntar ?
  7. Cartaz falso é caso de polícia...Se foi providenciado pelo Garotinho (e porque não - impossível acho que não é - acho até provável)......pelamordedeus... Não que eu ache alguma coisa de boa nesse Lindberg....mas cartaz falso é o cúmulo da baixaria... Política, e os políticos, muitas vezes, são nojentos...parece que a ânsia de poder inibe a evolução do ser humano..e ambição desenfreada tolda os verdadeiros objetivos...pelo menos, parece. Que lepra.. Não dá nem pra ser otimista..~ Tá todo mundo fufu
  8. Realmente, é praticamente impossível discordar que os governantes eleitos são uma grande M mesmo (minha opinião). Também é uma pena a Justiça Eleitoral não dar uma "chamada" no Garotinho, por esta espécie de discurso (nele e em tantos outros). O que se vê aí, pelo menos o que me parece, é que só o problema de educação do povo já não resolveria toda a problemática envolvendo o processo eleitoral (aliás, existe uma reforma política visando também isso). Creio, que uma melhor observação das regras eleitorais, por parte dos canditados, tem que ser um tópico a ser discutido, com julgamentos
  9. Bem, a posição da Veja foi legal, pena que atinge poucas pessoas...e nem de longe os ouvintes do Garotinho
  10. Pois é..."não tem ninguém bonzinho não", como se diz por aí....Concordo tb. E realmente já que o espaço está se abrindo, melhor aproveitar, mas sempre com cuidado, pois às vezes pode ser publicado algo que não reprsente o verdadeiro espírito do Grow e, assim, vir a prejudicar nossa imagem e tal... De qualquer forma, acho que o negócio, como andei conversando há um tempo atrás, só tende a crescer, e ainda saindo matéria em revista......tá arriscado a bombar... Por isso, creio que temos que ficar cada vez mais zelosos com a qualidade do usuário do fórum. A Trip, na minha opinião de pouc
  11. Pois é, mas cá estou de volta... Tô escrevendo só pra dizer que estou vivo... Infelizmente as coisas se passam um pouco devagar mesmo...Infelizmente não dá pra ser "full time" na parada... De qualquer forma, talvez assim seja melhor...um pouco de rreflexão e uma trilha já bem feita, para que talvez outros abram, de fato, a estrada.... Espero ter novidades na próxima semana...Afinal, conjugar idéias e tal é bom, mas não é uma coisa tão simples......Ainda bem que todos vcs deixam o caminho menos árduo.. Ae Galera, o tópico permanece aberto pra todas as sugestões hein.... Abraço
  12. Aí Galera....!!! Mandaram bem.....!!!! Perfeita essa turbinada.
  13. bem, se vcs tão levando a sério essa parada mesmo....Acho que legal seria antes marcar uma reunião com a galera.....sem nada...em local público....pra nego se conhecer e já ir pegando uma certa intimidade e ver qualé......sugestão..
  14. IRADA....!!!! Tava no Freezer ?...huahuahahua Valeu
  15. Só mais um adendo: Não é porque é de Sampa ou qualquer outro lugar, que não pode ajudar. Todo mundo pode ajudar, idéias e sugestões relativas ao tópico são mais do que bem-vindas. Este tópico é aberto para todos...!!!! Bola pra frente agora...!!! Abraços
  16. Apenas para complementar o que o Luc falou. Situação: Pego em flagrante com 1 baseado. Jamais corra. Como todos sabemos, a nossa polícia recebe um treinamento mínimo, e sua seleção não é das mais eficazes. Uma arma na mão de quem possui "autoridade", pode se transformar em perigo sem igual. Aliás, cansamos de ver na televisão. Não adianta engolir na frente dele. O policial tem o que se costuma chamar de "fé pública". Ou seja, a palavra dele tem peso. Neste sentido, de uma forma ou de outra, ele pode te levar pra delegacia, por ter sido pego cometendo flagrante ilícito (mesmo co
  17. É apenas uma sugestão hein gente..... Aqueles que possuem textos, ou qualquer outro material relativo à cannabis, que possa ser utilizado pelos usuários que procuram se organizar em qualquer epécie de movimento ou manifestação, poderiam abrir tópicos específicos ao assunto, para que todos os users possam se informar e discutir. Assim, deixaríamos o mais limpo possível este tópico, para acompanhamento do que o pessoal anda discutindo e fazendo no que se refere à organização do movimento proposto. Lógico, que nesse debate, todas as sugestões e idéias são bem vindas, mas relativas à orga
  18. Estratégias de Redução de Danos. Entende-se por estratégias de redução de danos as medidas que podemos implantar para conseguirmos minimizar os danos à saúde relacionados ao uso de drogas. Para que estas fiquem mais claras, vamos separá-las por itens. Antes, porém, vale a pena esclarecer que a maioria delas foi delineada para trabalhar com usuários de drogas injetáveis, uma vez que a redução de danos fortaleceu-se como tal após o aparecimento da epidemia da Aids e a grande necessidade de reduzir a transmissão do vírus do HIV que ocorria nesta população em conseqüência do compartilhamento de
  19. Mas afinal, Redução de Danos serve para quê ? A humanidade sempre usou substâncias psicoativas das mais diversas com um grande leque de finalidades, indo do seu emprego lúdico, com fins estritamente prazerosos, até o desencadeamento de estados de êxtase místico/religioso. Seu uso para fins curativos sempre foi da maior importância, seja ocorrendo no bojo de práticas religiosas tradicionais, seja no contexto médico-científico da atualidade. Embora em alguns momentos esses usos tenham sido vistos como ameaçadores à ordem moral ou religiosa, em geral eles se deram dentro de um marco cultu
  20. A HISTÓRIA DA REDUÇÃO DE DANOS As estratégias de Redução de Danos tiveram início no começo do século passado. Em 1926, Sir Humphrey Rolleston, Ministro da Saúde britânico, defendeu, pela primeira vez, o uso da própria heroína para o tratamento da dependência daquela substância química. Disse ele que “a administração indefinida de morfina ou heroína deveria ser permitida para aqueles a quem uma completa retirada da droga produzisse sérios sintomas que não pudessem ser tratados satisfatoriamente sob condições das práticas conhecidas, assim como para aqueles que são capazes de conduzir um
  21. O QUE É REDUÇÃO DE DANOS Pare, olhe e pense: o que você imagina quando lê as palavras “Redução de Danos” ? Não precisa deixar sua imaginação ir muito longe. Qual sua primeira impressão? Você pode imaginar que reduzir danos é tentar diminuir ou minimizar algo que não é bom, que está causando um prejuízo. Mas não vamos entrar muito a fundo no significado das palavras, pois isto exigiria dicionários, semântica, etc... Isto já é o suficiente para entender aonde queremos chegar, no conceito básico do que esta abordagem significa. Chegando a esta conclusão, você já pode entender o que qu
  22. O FilhoDiJah, no tópico Consciência Alternativa, postou um link da www.reduc.org.br, relativo ao programa de Redução de Danos, que é bem interessante. Assim, segue abaixo alguns dos textos que compõem aquele site, e que delineiam o assunto, tratando-se, por óbvio, de manifesto, de política e entendimento daquela entidade, constando aqui no Growroom apenas como uma facilidade de acesso ao assunto, e referência para debates de todos aqueles que se interessem no assunto. Para os interessados, já que o tema merece, de fato, atenção da sociedade, mais informações, além de contatos, podem ser
  23. Ae Semente ---> Sim, sem dúvida. Eu estava apenas me referindo ao post do Filho, onde questionava não existir entidade para se cadastrar.
  24. Estava dando uma olhada no tal do questinário, e o problema maior me parece que não se trata de ser ou não uma entidade, até porque, pelo que andei vendo, no campo respectivo para o preenchimento desta informação, consta a opção "Outros" e a opção "Grupo ou organização popular/Organização comunitária", então.... O problema maior, a meu ver, para quem quiser participar, é o fato de ter que dar endereço, nome e telefone, uma vez que devido a inexistência de sede, teria que ser o endereço particular de alguém... Gostaria de saber, de quem já partipou de algum FSM, se existe a possibilidade
×
×
  • Criar Novo...