Ir para conteúdo
Growroom

caniggia

Usuário Growroom
  • Total de itens

    56
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

23 Excellent

Últimos Visitantes

740 visualizações
  1. Fala galerinha. Pois e cherpuila... Gratidão pelo meu tópico ter servido pra vc TBM. Na verdade, vejo que a maioria da galera passa por esses questionamentos durante seu uso crônico. Não tenho dúvida que o prensado me faz muito mal, por isso que fumando menos irei buscar com os brother que plantam uma parcela de sua produção. Referente aos sonhos, toda noite sem fumar eu sonho mto, e são sonhos mto loucos, nada a ver...uma vez sonhei que trabalhava num zoológico e precisava guardar um leão na jaula... Acordei super cansado de tanto correr do leão. Ainda não vi tanta motivação em minha vida, mas desde que dei essa diminuída na dose fiz exercícios 3z na semana e pelo menos procurei estudar todo dia.. mesmo q às vezes não fluísse. Então acredito que possa ter influenciado por essa pausa. Reparei também, fumando nos fds, q a lombra pesa demais.. então tenho evitado fumar 10 da manhã.. deixando pra depois das 14.. qdo o marasmo reina. Jamais imaginei falar isso, mas já não está fazendo tanta falta, não sinto mais aquela " vontade ". O risco de acontecer o q aconteceu com vc é grande mesmo assim ( recaída e voltar a consumir muito ) mas como entrei em acordo com minha esposa, ela tem me apoiado bastante, então acredito q isso não vai acontecer. Sempre bate mais vontade qdo tô sozinho em casa e tal, mas tenho segurado bem. Geralmente fumo nos dias permitidos com muito prazer pois aquele é meu momento. Claro q no início foi mto foda.. briguei com esposa, com família, andei tendo surto de raiva, falei até em divórcio, mas depois foi tranquilo.. a abstinência de quem nunca deixou de fumar é mto grande nessas horas.. aconselho aos brother q forem seguir esse meu caminho, que tentem meditar antes de sair brigando com todos. Valeu a atenção e vou postando as novidades por aqui... Valeu
  2. Então galera, Sei que a maioria vai falar '' Nao precisava de um topico pra isso " .. Porém após 10 anos de uso cronico ( Deixei de fumar, no maximo , 21 dias seguidos ) Resolvi, em 2019, que deixarei de fumar por compulsão e sim por prazer. E acho que seria legal, se lessem até o final, pois talvez o tópico não seja no sentido q vcs pensam que serão. ( desculpem os erros, mas to postando de celular ) A maria joana tem total influencia na minha vida, experimentei aos 15/16, porém fui tomar gosto apenas aos 18/19, na faculdade. Tive uma adolescência muito dficil, criado longe dos meus pais, e as vezes sofria algumas humilhações... Porem JAMAIS deixei de trabalhar e Estudar., fumando bastante, porém trabalhando na mesma pegada. Jamais me faltou algo. Arrisquei mais a vida, após um período “ bem difícil “ com uma empresa aberta, até que fechei e fui encarar o mundo dos concursos. Atualmente estou no meu 3º Cargo Federal, através de concurso, sendo que na época q eu estudava eu fumava apenas “ a noite “ . Também estou na minha segunda graduação ( Formei em Gestão Publica e estou no 9º Periodo de Direito ) Sem APOIO DE NINGUEM, meus pais sempre acharam q estudar era coisa pra vagabundo. Sempre fumei prensados, variando de qualidade ruim até os “ Verde Fluorescente” só produzi minha porpria 1 vez, porém deu umas 10 gramas em 6 meses de cultivo, o q me fez desanimar, ate msm pq não queria problemas na justiça devido ao cargo q eu exerço. Acontece que verifiquei que a brenfa “ parou de fazer o efeito desejado” Muitas vezes fumava um atrás do outro e dava apenas uma brisa leve. Estava fumando apenas por “ Fumar “. Queimava 1 na seda pequena, sem apagar, igual cigarro.. estava praticamente “ inalando e soltando fumaça” sem obter o desejado efeito. Decidi, desde o ano passado, que fumarei apenas 2,3 x na semana, sendo Sabado/Domingo e na quarta feira ( Meu foco é apenas o FDS, dai deixei este da 4 feira de “ escape “ ) Comecei no inicio de janeiro, fazendo um mês essa semana. A primeira e segunda semana foram fodas, só pensava “ nela ‘ E reparei que quando fumava no FDS, era PANCADA! Eu que fumava 3,4 no sábado, estou fumando praticamente 1 pra semana inteira. E o que quero dizer com isso? Temos mania de nos sabotar, achar que tudo de errado q acontece em nossas vidas é culpa da MACONHA, quando na verdade, a culpa é de nos mesmos. Sei que é cedo pra dizer , mas via de regra, não notei nenhuma melhora na minha qualidade de vida, no inicio apenas PIORA , mas agora já está se normalizando, não sinto tanta vontade, está tranquilo pra dormir e tal... Quero continuar na minha missão, pq estou na intenção de fumar APENAS SKANK, ou similares, ou seja, com um controle de qualidade melhor. E se eu continuasse naquela, iria gastar uns 500 por mês, fácil. Portanto, galera, queria dizer o seguinte: 1º Não culpe a cannabis por tudo de errado q acontece com vc, pois sem ela, você verá q o problema é vc e fica usando essa desculpa. ( Eu msm consegui mta coisa fumando MUITA ERVA e nem sei se vou conseguir de novo , fumando ou não ) 2º Se der vontade de fumar menos, FUME MENOS! O inicio vai ser FODA, mas após 3,4 semanas, vc nem vai se lembrar de fumar no “ Automatico “ 3º Busquem tudo na vida, como forma de contemplação ( isso q to buscando, pegar aquele sábado as 14 horas, naquele marasmo e fumar uma vela, e depois ficar vendo besteria na TV ) e não como compulsão ( Fumar um pra ir no banco, pra ir comer, digestivo, depois do banho, ver filme, etc ) Se não perde a graça. 4º Se eu fosse um cara RICO ou de alguma forma tivesse a VIDA FEITA , tipo morar num sitio, renda pro resto da vida ( Herança, ações, empresário o q fosse ) Eu fumaria SIM , o dia todo! Acontece q tenho mto o q correr atrás, e se voltar a este uso crônico, provavelmente eu não vá conquistar coisas a mais ( irei me acomodar ) 5º Busque a canna como algo “ Recompensa “ coloque uma meta e deixa o baseado como se fosse o premio pra essa meta ( Eu por exemplo, coloquei meta de me exercitar 3x por semana, e estudar, nem q seja um pouco ( 2 hs ) todos os dias. Fazendo isso, eu fumo “ Sem culpa “ No mais, caso seja bem vindo, postarei algumas coisas aqui conforme for caminhando essa minha meta, tipo um diário. So queria deixar essa msg, pq muita gente sofre por fumar, achando q é o motivo de todos os seus problemas, qdo na verdade, não é! O que muda o mundo é VOCE!
  3. Legal sua história, já fumou usando a sertralina junto ?
  4. Tô tomando sertralina há 3 semanas. Vou ficar um mês sem fumar. Depois vou fumar apenas no sábado antes de dormir. Vou ver o que rola. Pena que só tenho a merda do prensado. Confesso que a vida foi melhor com a cannabis, mas vou ficar esse tempo sem pra saber de qual é
  5. Há quanto tempo vc toma sertralina ? Nesses dias tem fumado também ?
  6. Concordo que ajuda sim, mas chegou a um ponto que infelizmente preciso de ajuda, eu abusei.
  7. Então cara, questão é a seguinte.. Tenho 27 anos, fumo cronicamente há 7 anos, embora dos meus 14 aos 18 fumava as vezes, mas cheirava também. Mas antes disso tudo, com meus 10,12 anos meus pais se separaram e eu já apresentava problemas, como psoríase por exemplo. Então vamos lá... Eu acredito que meu caso seja " leve " pela frequência com que ocorre, porém quando ocorre é complicado. Deixando bem claro que durante todos esses anos eu estudei, nunca tomei pau em nada, nunca peguei recuperação, sempre tive trabalho, estou no meu 3 cargo publico federal , através de concurso.Dos meus 20 aos 25 fumava na faixa de 6 bases por dia, depois fui diminuindo por vontade própria, até que ultimamente estava fumando apenas pra dormir. Acontece que em 2012 tive uma convulsão, fui ao médico mas não encontrou nada. Desde então em momentos de pico ou ansiedade eu sentia as vistas meio escuras, independente de estar fumando ou não. Junto com essa vista escura eu via algumas luzes e tal. Depois que tive plano de saúde comecei a investigação... Fui em todo tipo de médico, descartou epilepsia, mas acusou um negócio chamado síncope vaso vagal , que é tipo quando os vasos sanguíneos se dilatam muito quando estou muito ansioso e falta sangue no cérebro. Resumindo, em 2015 tive outra e a duas semanas atrás tive outra. Voltei ao médico e ela disse que era por causa da ansiedade, já que nao tinha nada de anormal nos exames. Ontem ela me receitou esse remédio, eu já vinha há um mês somente fumando no fim de semana, então quando ela falou de remédio " cloridrato de setronina" eu fiquei tão assustado é tão na bad que nem tive como comentar com ela que fui usuário pesado dessas substâncias e nem perguntei se podia continuar fumando, pretendo ir lá amanhã. Então isso, a erva me ajudou muito em minha vida, faz parte da minha personalidade e como eu disse, modéstia a parte, tenho uma vida bem sucedida, apesar de não ter tido apoio de ninguém da família consegui vencer. Não acho que a maconha causou o problema, mas tenho certeza que o excesso sim causou. Quem sabe eu tivesse tido disciplina pra fumar apenas finais de semana, na contemplação então no puro hábito e mania. Confesso que estou muitos , muito triste. Meu problema a princípio pelo espaço de tempo entre as crises, praticamente de dois em dois anos, parecia ser leve. Mas só quem sofre uma convulsão, em via pública, sabe o trauma que fica, a vergonha, enfim.. então busquei uma solução pra não acontecer mais e espero que não aconteça. Parece q vou tomar o remédio apenas dois meses.. uma caixa com meio comprimido por dia. Espero mto que resolva. Vou tentar falar com ela amanhã e ver se posso continuar fumando, pois sei de amigos que tomam e continuam. Mas médico é bicho porreta. Sinceramente não pretendo mais fazer o uso diário e sim contemplado, finais de semana, feriados, enfim. A erva é boa Sima, não vou culpar mas o excessão me fez pecar. Estou ciente disso. No mais, não sejamos ignorantes a ponto de falar que não faz mal. Ela faz mal sim, quando usada em excesso, acentua problemas que talvez vc não teria se fizesse uso moderado. Então essa é minha opinião, de um cara que está contrariado, mas não derrotado.
  8. E ae galerinha do bem.. Pois então, muito tempo atrás eu tinha feito um post, falando que tava neurado de fumar no apartamento e tal.. Acabei vendo que o vizinho fumava um tabaco cabuloso e animei fumar tambem, já que ele poderia ser o principal reclamante em caso de se importar com o cheiro.., acabei começando naquela de fumar com janela fechada, mas agora acabei esparrando. Questão que agora to ficando incomodado com o cheiro de cinzeiro que tá ficando no quarto onde eu fumo.. sempre a chego do trabalho careta sinto esse cheiro. Queria fumar no banheiro, mas lá tem tipo aqueles dutos de ventilação, creio que dá ruim... Mas queria saber o q vcs fazem quando fumam sempre em um lugar fechado e tal, se rola de Passar algo antes ou depois.. lembrando que não tenho dinheiro p comprar vap. Quem sabe um dia...
  9. Da hora esse negócio ein Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk
  10. Então mano.. quem dera se fosse assim, eu já legalizo, obviamente darei meu jeito de fumar.. mas claro, tentando amenizar o cheiro.. não queria incomodar um pai de família jantando 19 da noite e eu lá.jogando fumaça pra ele.. é só questão de relativizar Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk
  11. Aí galera.. obrigado por responder. Eu tinha um grow, mas depois que um vizinho me viu fumando na minha varanda eu resolvi " desativar " ele.. Bom, as ideias são boas. Geralmente quando fumo de janela aberta eu ligo um.incenso. O problema de fumar no quarto fechada é que a fumaça " da uma impregnada" mas bem melhor do que cigarro... Sobre comprar vap, tipo, eu ainda não.sou auto suficiente na produção, então acho " bobagem " comprar o vap pra fumar prensado. Posso ser antiquado, mas gosto de ver o negócio queimar.. Passat a goma.. enfim, Vou continuar fumando no meu apartamento, sem neurose. Tomando os cuidados que já tomo.. fechar janela e tal. Claro que em um sábado de sol , um domingo dá pra sair de bike e fumar ao ar livre.. mas isso já são outros quinhentos.. valeu pela ajuda pessoal
  12. caniggia

    Fumando em apartamento

    E aí irmandade.. Tô fazendo esse tópico pra abordar um assunto meio chato. FUMAR EM APTO. Acontece que sou casado há um ano, morávamos.em.uma.kitnet no primeiro andar e, como era alugado, eu sempre taquei fogo apesar dos olhares estranhos dos vizinhos pra mim no corredor. Acontece que agora estamos morando em nosso próprio apartamento, em um condomínio mais " careta " no subúrbio de Brasília. Bom, há princípio eu não estava fumando em casa. Estava saindo de carro ou indo em um campo de futebol aqui perto fumar. Acontece que fumo muito a noite, antes de dormir.. E reparei que o vizinho de cims.fumava cigarro, então se pode um , pode todos....então comecei a fumar no apartamento.. De início fui pra varanda, mas ela é muito exposta, uns 5 andares me vêem nela tranquilamente, inclusive quando fumo na madrugada uma ou outra " janela acende" aí fico cabreiro de me verem, ou já devem ter até visto. Depois comecei a fumar no banheiro, porém aqui o banheiro não tem janela, tem tipo um.exaustor, mas não rola também, pois sobe tudo pro vizinho. Comecei a fumar no.outro.quarto q tem aqui, com janela aberta, mas minha mina sentia lá.na.cozinha.. e agora, creio eu, a melhor forma seria fumar no.quarto com janela fechada e depois abrir.. alguém aqui passando por isso também ? Fizeram alguma estratégia ? Creio q essa ideia seja boa, muito.dificil o.cheiro sair , e antes do.corredor tem a sala, então TB acho q não sai.. e isso ai, valeu galera.. fumando sempre!
×
×
  • Criar Novo...