Ir para conteúdo
Growroom

Counterparts

Usuário Growroom
  • Total de itens

    12
  • Registro em

  • Última visita

Últimos Visitantes

355 visualizações

Counterparts's Achievements

Newbie

Newbie (1/14)

9

Reputação

  1. Se você acha que isso pode não piorar, que é besteira, então resista, "dê" o queixo e se veja numa situação crítica de escolher entre seus pais ou a erva. "Ah parça meu pai soube, debati e agora tá de bouas" "Eles sabem que eu fumo mesmo, sou de maior, compro com o meu dinheiro e foda-se se não gostar hur durrr" Se apoiar na ideia do amigo adolescente maconheiro é o primeiro passo para se arrebentar inteiro. Cada família tem um modo de entendimento, fluidez de ideias e pensamentos diferentes. Algumas mesmo "caretonas", depois de uma conversa sincera e saudável, apresentação de documentários, matérias e etc pode passar a olhar de outra forma e levantar a bandeira da paz, já outras não irão aceitar jamais, não importa a força do que fale ou apresente. Eu ficaria na minha, mesmo tendo apoio e argumentação para desmontá-los. A sua melhor resposta agora é se engajar ainda mais no trabalho e estudos, mostrar com feitos evidenciando na prática o contrário, que eles estão errados. Pode sentar e conversar tranquilamente, não tente mudar a cabeça deles na base da força, não os confronte. Fique frio.
  2. Eu não sei se isso é um efeito colateral das impurezas do prensado, o modo de consumo (vaporizar vs fumar) ou algum terceiro fator. A ideia de premeditar o banquete e já deixar as comidas preparadas é interessante. Isso veio com o tempo também, não foi sempre assim. Sobre o prensado, não tendo ele pra salvar eu ficaria anos sem encostar porque do tempo que fumo nunca conheci ninguém grower ou algum contato que possa providenciar da terra mesmo, in-natura. Compreensível até, se eu cultivasse meu remédio não sairia falando a esmo por aí, só para um amigão mesmo, brother. O máximo de qualidade que temos acesso por aqui é a 3 por 1.
  3. Foi mal galerinha, o tópico ficou incompleto. Gostaria de saber se existe alguma coisa que lhe incomoda proveniente da cannabis que já te fez parar ou dar um tempo. Sempre tive algum "problema" com a larica, eu realmente (ainda?) não tenho o controle sobre manter uma dieta à risca e continuar usando erva - porém nada grave que piore muito minha saúde, tipo obesidade. Por mais que o assunto esteja numa comunidade pró-erva, independente dos argumentos já tomei uma decisão, pretendo ficar 12 meses sem, "dar um tempo". Mas gostaria de ler as suas opiniões.
  4. Hehe ainda postam nesse tópico... Fiquei um tempo sem fumar mas estou voltando. Talvez tenha sido só a porra de uma fase.
  5. Ué, criei o topico justamente por isso, não há pesquisas deste escopo comprovando algo. Pessoal fica em choque - como se estivesse devendo alguma coisa diante de qualquer discussão que enfatize algum efeito 'supostamente' maléfico da maconha.
  6. Desde quando parei de fumar maconha notei uma melhoria muito grande na minha pele, hoje por exemplo não tenho mais nenhuma espinha ou cravo. E continuei fumando cigarro e bebendo cerveja/alguns destilados, além de não ter cortado frituras/gorduras radicalmente - se bem que, eu consumo sob controle. Doces e derivados do leite consumo vez ou outra. O intuito desse tópico não foi polemizar nada mas sim avisar as pessoas que tem alguma tendência à acne que a maconha pode sim provocar reação/crise, como ocorreu comigo. A 'boa notícia' é que isso parece acontecer com a minoria; infelizmente estou incluso nessa. Estou pensando em ir ao dermatologista e conversar com ele a respeito disso; algum tratamento ou algo similar para que quando eu volte a fumar, não venha a ter reações na pele novamente.
  7. eheuhueuhuheuhe duas vezes não, só disse a origem do fumo. evidentemente sempre que acabava, comprava mais. pessoal tem sempre mimimi falando que não presta e tal, bom é plantar e etc. - se eh mesmo ou não ela que ta zuando a pele, daqui ha um mes mais ou menos vou saber. acho que eh um periodo razoável pra dar uma desintoxicada.
  8. Isso, até na bunda, nunca me ocorreu essa porra ¬¬ Uma coisa importante que esqueci de citar e ninguém se lembrou tb: que tipo de fumo usei. Foi o prensado. Fumei de dois "lugares", a primeira erva parecia ser mais forte, os caras inclusive chamam de 'maconha borracha'. Já a do segundo lugar era mais serena, não deixava tão lombrado. e nem é lance de ficar se preocupando com cutis, até pq se algo está errado por dentro isso vai ser refletido na pele, não é apenas questão de estética. quem dera fosse tão simples e era soh passar um "anti-espinhas" depois...
  9. São evidências... Mas não tenho certeza, afinal se realmente a tivesse, não teria criado o tópico. Sequer citei caipirinha ou empada, não faça comparações descabidas. Nesse ponto estou de acordo. Mas fumo e bebo de forma esporádica, não sou do tipo que fuma uma carteira por dia e bebe diariamente.
  10. Prezados, não posso ir tocando e "fingir" que a erva não está sendo nociva pra minha pele. durante a larica sempre evitei qualquer tipo de comilança envolvendo doces/gorduras, então essa hipótese está descartada. nunca fumei em lugares arriscados pra ficar estressado e nervoso, aí a viagem só pioraria isso... das vezes que usei foi somente com um colega dentro de casa, bem sossegado, ouvindo musica e bebendo suco natural. se traz algum beneficio real, nesse primeiro momento o efeito está sendo contrário, fazendo aparecer um problema que eu praticamente não tinha mais.... como disse não tenho certeza, mas daqui pro fim do ano não quero nem passar perto disso. se houver uma melhoria, relato aqui. queria eu estar realmente precipitado, pois mal começar e ter que cessar o consumo por causa disso é tenso. forte coincidência apenas?....
  11. Boas, há um mês conheci a erva e acabei por experimentar. Gostei. Venho fumando pelo menos 3 vezes por semana. Tenho alguma predisposição pra ter acne e já passei por uma fase difícil, porem já faz um tempo (dois anos) que não tinha crise, inclusive pelos tratamentos que fiz nem marquinha das lesões anteriores tinha mais pra contar história. O pesar é que tem brotado umas espinhas vermelhas e inflamadas no rosto (uma apareceu até na bunda ehhueuhehuuheuhe), daquelas que chamam atenção e isso detona a auto-estima de qualquer um... Se fosse algo mais "sereno" eu continuaria usando sob observação e caso piorasse encerraria o uso. Mas do jeito que está vou ter que parar de usar a partir de hj mesmo e prestar atenção, ultima vez que fumei foi segunda-feira (14/11). não mudei minha alimentação nesse periodo e não costumo comer lanches gordurosos e doces durante a larica. Apesar das altas evidências, ainda não estou 100% convencido que essa seja a causa mesmo. Alguem já passou ou passa atualmente por esse problema? PS: Fumo cigarros normais e bebo álcool periodicamente há bastante tempo e isso nunca me deu um cravinho sequer. Gostaria que os colegas dissertassem sobre o assunto. []s
×
×
  • Criar Novo...