Ir para conteúdo
Growroom

Hector Berlioz

Usuário Growroom
  • Total de itens

    1106
  • Registro em

  • Última visita

Posts postados por Hector Berlioz

  1. essas folhas queimas pode ser excesso de água essa coloração verde clara, eu só do água para as minhas quando elas pedem quando as folhas ficam meios baixas pra nao ter erro ! acompanhando aqui !

    http://www.growroom.net/board/gallery/member/97390-pernambuco-legalize/

    valeu, pernambuco! vou acompanhar lá!

    interessante, essas plantas apresentam traços de mutação!

    btw, não achou mites perto da mancha?

    também achei que essas deformações pareciam algo da planta, mas sei lá...

    não achei nenhuma mite não...

    Cara, na minha opinião, pelas fotos parece tudo normal com apenas uma carência de Mg.

    Talvez um solo um pouco compactado, mas nem acho que é o caso... Ah... essas coisas nas plantas parece ser em razão de um feno mal estabilizado ou ruim mesmo... Já tive muitos aqui assim de alguns seedbanks e o negócio é florir mas nem clonar...

    Abs

    que bom, fico mais tranquilo!

  2. Salve companheiro, 2x 60x60x160 é exatamente o que eu tenho. Mantenho um pra flora e outro pra vega. Automáticas são bem legais, mas não são tão legais quanto regulares, que rendem mais também... Enfim, ideal seria ter o 120x120x160 pra flora ou pelo menos 90x90x160 pra flora e os 60x60x160 pra vega...

    Se levar tudo de automáticas pode ser legal também, aí não tem lance de fotoperíodo e tals. Acho que vai te servir um tempo, mas logo vai querer levar as regulares tradicionais... hehehe...

    Sorte no cultivo.

    Abs

    valeu, planta!

    o problema aqui é que é alugado, então não quero mexer em nada estrutural...

    o espaço que eu tenho pro grow é de 1,60 x 80, então teoricamente até caberia dois de 60x60, mas não sei se não ficaria apertado demais para regar e mexer nelas...

    Acho que o jeito vai ser fazer as duas fases e programar melhor o consumo pra colheita durar o tempo necessário pra nova safra sair... outra desvantagem é não dar pra clonar, né?

    mas vamo que vamo!

    • Like 1
  3. Boa noite galera,

    Dei uma busca no fórum e não encontrei resposta para minha dúvida, minha planta está na floração e provém de uma semente de prensado, queria saber se pela flor da pra ter uma idéia do strain dela, pelo que já estudei ela tem predominância de saliva, pelas folhas finas

    Se alguém puder me ajudar com algum link ou literatura a respeito

    Valew

    Tô meio enferujado, voltando pro mundo do grow agora, mas pelo que eu me lembro as sativas eram mais altas, folhas mais finas e mais thc, enquanto as indicas mais baixas e cheias, folhas largas, mais cbd e mais tardias... normalmente prensado é mais sativa mesmo... acho que se vc colocar foto a galera opina mais embasada...

    Abraço!

  4. no fundo do vaso separado da mistura ? tem que mistura junto tudo c vc coloco do jeito que vc falo a torta de mamona e a farinha de osso direto na raiz da planta queima as folhas e vai mata ela ! lol 6 de torta e 2 de farinha era pra vc mistura na vega 2 mamona e 1 osso flora 2 osso 1 mamona tudo mistura na terra preta , humus etc... c vc conseguir tira ela dese vaso urgente !

    essas medidas de torta e farinha eu misturei junto com o resto (e duas colheres de calcário dolomítico)

  5. Aqui os amarelados nas folhas debaixo:
    gallery_59063_10996_166534.jpg
    gallery_59063_10996_681991.jpg
    Uma mancha que ela tinha antes de começar a amarelar:
    gallery_59063_10996_53116.jpg
    Uma visão geral de como ela está agora (6 semanas):
    gallery_59063_10996_420839.jpg
    Apesar de cheia ela está muito baixa. Algumas folhas também estão com um aspecto caído (excesso de água?)
    Deformações nas 1as folhas. Estranho que as duas apresentaram isso
    gallery_59063_10996_460181.jpg
    gallery_59063_10996_336182.jpg
    gallery_59063_10996_419983.jpg
  6. durante os 8 meses vc deixo a terra com a mistura sempre molhada ? pq c fica ese tempo todo esquecido seca ela perde a biodiversidade !

    Não, ficou seca.

    Só coloquei uma nova camada de humus por cima quando transplantei do copinho pro vaso

  7. A mistura foi:

    40% perlita + vermiculita

    30% terra

    30% humus + esterco

    ai no fundo coloquei 4 medidas (uma colherinha que vem no pacote) de farinha de osso + 2 de torta de mamona e da metade pra cima 4 de torta + 2 de farinha

    Tirei as fotos, daqui a pouco posto aqui

    Valeu!

  8. Galera,

    eu pretendia ter dois armários 60x60x160, um pra flora e outro pra vega, mas to achando que não vai caber aqui. Nesse armário cabem 4 vasos, se for só ele mesmo vocês acham melhor eu colocar 4 plantas e fazer o esquema de duas fases (vega / flora) ou colocar 4 automáticas e ter plantas em todos os estágios (o que garantiria um fluxo mais constante de erva)?

    Valeu!

  9. Fala growlera,

    depois de um tempão impossibilitado de cultivar estou de volta à ativa. Estou com duas plantas, mas o crescimento delas está muito lento e a maior começou a amarelar as folhas debaixo.

    Eu usei um solo com terra + humus + esterco + farinha de osso + torta de mamona + vermiculita + perlita + calcario dolomítico que eu havia preparado há uns 8 meses e que ficou parado desde então. Fiquei imaginando se por esse tempo no vaso o solo pode ter envelhecido ou compactado demais e essa ser a causa da lentidão.

    O PH da água que sai de um dos baldes está baixo (5,8), por isso polvilhei o calcário em cima e estou regando. Fora isso tudo parece normal: to com uma HQI 250W, a temperatura está bem controlada, etc.

    Vocês acham que o problema pode ser o solo? Devo refazer o solo e transpostar? Tentar descompactá-lo com a mão?

    Agradeço os conselhos e a ajuda dos mais experientes...

    Vamo que vamo!

  10. Palmas pra atitude do usuário, que agiu como se a maconha fosse algo normal... E atenção pra atitude do políça, que quase disse "por enquanto ainda não é legalizado", ou seja, já tá se conformando com nossa vitória...

    Universitário é flagrado com cigarro de maconha e sem se importar diz que queria relaxar

    Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha

    Publicado em: 02/11/2012 - 05:36 | Atualizado em: 02/11/2012 - 19:20

    Um estudante de direito da PUC-PR (Pontifícia Universidade Católica) foi detido na noite desta quinta-feira (1°) por policiais militares do 12° Batalhão em frente à sede da universidade no bairro Prado Velho, em Curitiba.

    Ele foi flagrado pelos policiais no momento em que preparava um cigarro de maconha e praticamente ignorou a presença dos militares. Depois de detido, o jovem disse que precisava relaxar e por isso deixou a aula para fumar maconha.

    O soldado Dexcheimer comentou que o estudante preparava o baseado sem qualquer constrangimento. “Mesmo com nosso batalhão quase do lado e com a movimentação da rua, ele fazia o baseado como se a droga fosse liberada. Mas não está e por isso foi encaminhado à delegacia”, explicou.

    O universitário foi levado ao Centro de Atendimento Integrado ao Cidadão (Ciac-Sul), no qual assinou um Termo Circunstanciado e foi liberado.

    fonte: http://bandab.pron.c...-relaxar-45366/

    • Like 1
  11. Gente que eu saiba é proibido faixa em São Paulo, como vão fazer? Será removida rapidamente, eu acredito que seja melhor fazer um abaixo assinado, e abraçar alguma campanha de um político favorável e ajudar com que ele se eleja, mas um milhão de assinaturas e não seremos mais taxados de bandidos e sim de usuários. Aonde a galera está se reunindo em São Paulo?

    acho que a idéia é expor a mensagem, independente de ser proibido ou não

  12. Mais um país que percebeu (e admitiu) que a guerra às drogas não leva a nada...

    Austrália quer legalizar maconha e ecstasy para controlar consumo

    O último estudo sobre drogas ilegais feito na Austrália e divulgado neste domingo propõe ao governo do país legalizar a maconha e o ecstasy para controlar o aumento de entorpecentes no país. O professor Bob Douglas, co-autor do relatório de 54 páginas, disse que ficou claro que a proibição das drogas não funciona e que é preciso adotar outros enfoques, como a legalização e o controle governamental do consumo, segundo a rádio ABC.

    O especialista acrescentou que "o relatório deixa patente que a polícia australiana, apesar de desempenhar um bom trabalho, não conseguiu ter um impacto sério no tráfico e consumo de drogas". As estatísticas da Polícia em operações contra narcotraficantes no país durante o exercício fiscal julho 2011-junho 2012 revela que a apreensão de drogas aumentou 164% e de produtos químicos para elaborar narcóticos subiu 263%.

    Os dados evidenciam um aumento do tráfico de entorpecentes na Austrália e que a cocaína e as anfetaminas superaram em preferência a heroína e a maconha. Uma das propostas do documento é que o governo controle a venda de maconha e ecstasy, que se ofereça apenas aos cidadãos maiores de 16 anos e acompanhada de programas de assessoria e tratamento.

    O professor Douglas assinalou que projetos similares foram adotados na Europa com bons resultados, e opinou que a Austrália necessita ter um debate sério sobre este assunto. "As pessoas que adotaram posições duras contra as drogas obtiveram juros políticos, mas já há muitos políticos na Austrália que reconhecem que esta postura deve mudar", disse Douglas.

    Cerca de 200 mil pessoas, de uma população de 22,3 milhões, fumam maconha na Austrália. Austrália e Nova Zelândia são as nações com a maior taxa de consumo de maconha e anfetamina no mundo, segundo um estudo publicado na revista médica The Lancet.

    fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI6140695-EI17616,00-Australia%2Bquer%2Blegalizar%2Bmaconha%2Be%2Becstasy%2Bpara%2Bcontrolar%2Bconsumo.html

  13. mano a uns 15 anos atrás entrei nessa porra dessa pedra!

    graças a deus consegui sair sem maiores danos

    coisas que tenho pra falar! VENENO! domina!Transforma!

    dos meus amigos quem não tá morto da época tá preso ou gagá! tem que acabar com esse lixo problema que ainda tem coisa pior pra chegar por aqui...

    então, mas proibindo não vai acabar... talvez com mais informações as pessoas não entrem nessa...

    Paz!

    • Like 1
  14. tenho 27 anos e fui viciado em crack durante 7 anos da minha vida, roubei assaltei trafiquei, só nao matei

    mas fiz o que um lixo de ser humano é capaz de fazer, entao sei o que falo, nao li, vivi

    parabéns por ter conseguido sair dessa... agora, como a proibição evitou que você entrasse nela?

    e cuidado para não achar que por ter uma ampla experiência no assunto sua opinião não ter que responder às críticas que recebe...

  15. nao quero minha filha vendo pessoas consumindo crack e tudo parecer normal, sei como é na pele a desgraça desta droga, descul-pe, mas o que disserem de teoria, tenho a pratica pra rebater e mostar em dados que a mesma ciencia e pesquisadores que falam que maconha tem efeitos e propriedades medicinais, estes mesmos afirmam em todos quantos jornais revistas e eu sei que é verdade pois sinti na pele, que o crack corrompe nao so o corpo, mas a alma e a vida da pessoa

    mas proibindo sua filha não vai ver e legalizando sim?

    Você acha que se legalizasse todo mundo sairia usando por aí? Você sairia?

    Você acha que todo mundo que não é usuário não usa só porque é proibido e se legalizassem isso mudaria?

    E sobre sua filha, não vou dizer como deveria criá-la, mas eu explicaria que existe crack, que é perigoso e se aparecesse alguém usando até mostraria, por mais chocante que pudesse ser... é melhor conhecer o mundo assim do que viver no mundo cor de rosa e um dia se deparar com a verdade inesperadamente...

    enfim, pense no crack como você espera que outros pensem na maconha e aí tente diferenciar os dois...

  16. irmao ragoo, parabens por sua palavras e suas ideias, temos sim que diferenciar as coisas, senao nao vamos poder plantar maconha e fumar de boa, aqui no gr e acredito que a maioria da populaçao ,ao quer isto, ninguem vem aqui no gr pra aprender a plantar coco ou aprender como furar uma latinha pra fumar um crack, viemos aqui por cannabis, é só por cannabis

    parabens irmao ragoo

    paz

    acho que nosso raciocínio tem que ser estruturado e coerente... não adianta dizer que o crack tem que ser proibido porque você não usa, é tão legítimo quanto dizer que a maconha tem que ser proibida porque sua vizinha não usa... se você acredita mesmo que a maconha tem que ser legalizada, tem que ter um critério claro para dizer porque outras drogas não tem que ser... e aí não deveria usar argumentos que não usem esse mesmo critério...

    por exemplo, se você acha que o crack faz mal demais para ser legalizado, não pode dizer que a maconha tem que ser legal porque o estado não tem direito de te dizer o que você faz com o seu corpo, já que isso também deveria se aplicar ao crack...

  17. O que fazer, afinal?

    Eu sei o que não fazer: proibir e culpar o usuário por toda a situação...

    Como o mrgrower, eu vejo o uso do crack ligado a problemas na vida pessoal e social da pessoa que a levam a essa auto-destruição... como se o crack fosse um refúgio para a merda que o cara tá vivendo.. A questão, para mim é como lidar com isso, como lidar com as pessoas que por causa disso cometem crimes contra terceiros e principalmente, como evitar que isso aconteça, seja diminuindo problemas sociais (um pouco utópico, mas vai lá) seja educando e dando estrutura para a pessoa lidar melhor com esses problemas...

    • Like 1
×
×
  • Criar Novo...