ligalizeit

Usuário Growroom
  • Total de itens

    36
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutral

1 Seguidor

Sobre ligalizeit

  • Data de Nascimento 02/15/1977

Profile Information

  • Interests
    Paz, Saúde & felicidade !
  1. Massa, gostei. Só se começa do começo! No proximo eu vô!
  2. Meu rei! entao fica mehor Clonar! q reproduzir, ne? ou reproduzir especies P.O. !
  3. Broder´s achei essa parada depois de uma puta procura! saca ai....... <a href="http://www.growroom.net/board/index.php?sh...rt=#entry112553" target="_blank">http://www.growroom.net/board/index.php?sh...rt=#entry112553</a> Algum do Sr.´s pode me dizer qual a especie mais forte, Skunk XXX (T.H.Seeds) ou Skunk Nº1 (Dutch Passion) ???????????????
  4. O que sao : F1, F2. Planta híbrida? homogeneo?
  5. Broder´s me digam.... se clonar uma planta girl, seus clones tbm serao girl????? Gracias!
  6. Broder´s é possivel clonar todas as plantas? Por ex.: Northen L. x Shiva, ( Nirvana) ela pode ser clonada, agora lhes pergunto a Afghani S. ( Nirvana) pode? E quanto a reproduçao. Todas as plantas podem reproduzir-se? Machinho + Feminha = Sementinha???
  7. Broder, ele disse que se serve em varios bancos, inclusive o Nirvana! Ele me indicou a Jack H. "100% germinaçao" .
  8. Alguem pode me dizer algo sobre: High Supplies Cannabis Seeds Shop. Valeu....!
  9. Alguem pode me dizer algo sobre: High Supplies Cannabis Seeds Shop. Valeu....!
  10. Reis! Gastei a mesma grana, crente na economia, porem..... ate agora dez tentaivas, e nada! nasceu! Tens umas rachadinhas, mas n sei s vai fingar! Caso ocorra, conto aqui! Frank, q mancada! ! ! Sim..... ele ta vindo p o Brasil!!!!!
  11. Ainda a Tropa da Elite (UM BRODER) CartaCapital dessa semana traz matéria de capa sobre Tropa de Elite. A autora é Ana Paula Sousa, uma das juradas que escolheu "O ano em que meus pais saíram de férias" para representar o Brasil no Oscar. Assim como o Hector Babenco havia feito, ela também denuncia a pressão que sofreu para votar em Tropa de Elite. Isso tudo é vergonhoso. Primeiro, fazer um filme fascista, de apologia ao crime, que está ajudando a transformar o Brasil num lugar ainda mais violento devido à forma elogiosa com que trata a tortura e o assassinato em nome da lei. Em segundo lugar, o aplauso das corporações de mídia. Em terceiro, a pressão para que fosse o escolhido. Em quarto lugar, sua derrota (mesmo com tanta pressão). E o pior de tudo são os responsáveis pelo filme, que deveriam estar respondendo a processo por apologia ao crime, posarem de indignados quando alguém fala o óbvio: seu filme é fascista. O discurso do Wagner Moura é pueril: "O filme é feito pelos olhos do capitão Nacimento. Se as pessoas elegeram esses olhos como salvadores, não é responsabilidade nossa". É sim, Wagner. Há diversas maneiras de apresentar um olhar ao público e, francamente, é estarrecedor saber que uma pessoa que trabalha com comunicação de massa não saiba disso. Mas talvez o pior mesmo seja a covardia. É como abrir aspas para dez sujeitos de direita e dizer que o resultado é plural porque ouviu dez pessoas. E depois declarar: "Não fui eu quem disse isso, foram os entrevistados".
  12. ''''A ?guerra contra as drogas? é o carro-chefe da criminalização da pobreza, através de discursos de lei e ordem disseminados pelo pânico." Palavras do Dr. delegado Orlando Zaccone, de 43 anos, - Diz que seu objetivo é desmistificar a questão da violência urbana, da política de segurança ao perfil de traficantes, passando pela crítica à imprensa e à "cultura do medo". Ex-jornalista e ex-adepto da seita Hare Krishna, Zaccone já comandou sete distritos, tanto na rica Barra da Tijuca como na violenta Baixada Fluminense. Ele denuncia a "seletividade punitiva" no combate às drogas. "Em 2005, a polícia fez 63 flagrantes de tráfico na zona sul e Barra da Tijuca, o mesmo número registrado só em São Cristóvão, zona norte. Isto não reflete a realidade. Na Barra, que teve 3 flagrantes, o tráfico acontece em condomínios fechados onde polícia não faz blitz." Mermao.... o cara fala muito! Merece uma sacada!!!!
  13. Una reivindicación de la libertad moral Escrito en 1875. I. Vicios son aquellos actos por los que un hombre se daña a sí mismo o a su propiedad. Delitos o crímenes son aquellos actos por los que un hombre daña la persona o propiedad de otro. Los vicios son simplemente los errores que un hombre comete en la búsqueda de su propia felicidad. Al contrario que los delitos, no implican malicia hacia otros, ni interferencia con sus personas o propiedades. En los vicios falta la verdadera esencia del delito (esto es, la intención de lesionar la persona o propiedad de otro). En un principio legal que no puede haber delito sin voluntad criminal; esto es, sin la voluntad de invadir la persona o propiedad de otro. Pero nunca nadie practica un vicio con esa voluntad criminosa. Practica su vicio solamente por su propia satisfacción y no por malicia alguna hacia otros. En tanto no se haga y reconozca legalmente esta clara distinción entre vicios y delitos, no puede haber en la tierra cosas como el derecho individual, la libertad o la propiedad; cosas como el derecho de un hombre a controlar su propia persona y propiedad y los correspondientes derechos de otro hombre a controlar su propia persona y propiedad. Para un gobierno, declarar un vicio como delito y penalizarlo como tal, es un intento de falsificar la verdadera naturaleza de las cosas. Es tan absurdo como sería declarar lo verdadero, falso o lo falso, verdadero. Ceú Não há! Inferno, Não existe! O castigo do vicio é o propio vicio! O beneficio da virtude, é a propia virtude.
  14. "...o que me incomoda nessa merda toda de direitos humanos..." Sem nada a crescentar!!!!!!!!!
  15. Reis, n sou pastor, n quero fomar rebonho! O confronto de ideias é massa! Digo, o que digo do filme, pois,como ja disse antes uma obra de abordagem social n pode ser neutra! E esse n é! A diferença desta obra p um documentario, é que: O filme é feito p ser visto em massa! Esta dentro do circuito comercial, sera a coqueluche do verao. O efeito é bem maior, sem falar q o mesmo é totalmente tendencioso! Um Documentario serio, traria a tona as razoes (equaçoes) que levaram aquelas almas aos caminhos do crime. Lhe digo Broder, a razao; sem titulo algum, apenas um maconheiro! A MiZERIA, esse é o caminho do crime! Para finalizar, lhe digo que tudo é pessoal!