nemmeviu

Usuário Growroom
  • Total de itens

    1647
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

111 Excellent

Profile Information

  • Gender
    Not Telling

Últimos Visitantes

3507 visualizações
  1. O usuário medicinal é aquele que tem prescrição médica para fazer uso da cannabis. Normalmente em casos bem específicos, como casos de epilepsia que não são controladas com medicamentos usuais.
  2. O processo de interesse foi liberado para julgamento. Eu ainda tenho bastante esperança nele e no judiciário, ainda mais com as peitadas que a família Bolsonaro deu no STF. Acredito que eles possam ter uma visão de balanceamento dessa onda conservadora de boteco que estamos vivenciando. Eu acredito que logo logo estarei plantando de novo. Realmente tenho esperança. Eu achei interessante esse post porque, nas poucas vezes que eu entro no GR, leio coisas que me passam essa ideia. Tipo, "vai legalizar o medicinal e eu vou entrar na onda". Acho isso um desserviço a questão. Maconha medicinal é algo seríssimo para garotos banalizarem como desculpa para ficar chapado. Não é um caminho responsável. Quem tem que usar como remédio tem que usar como remédio, quem quer usar recreativamente tem que batalhar pelo direito de fazer o que bem entender com o seu corpo.
  3. Não tem clima para votar o assunto. Tá todo mundo extremamente radicalizado, achando que "quem não tá comigo é o demônio". O pessoal do STF tá com a cabeça enfiada nos próprios interesses. Nós vamos ter que esperar essa onda de futebolização política e ideológica passar. A discussão que está correndo no STF tem que ser baseada em inteligência, bom senso e visando o melhor para o país. São três coisas que ninguém está preocupado. Tá todo mundo preocupado em seu time vencer todo o resto. E podem esperar um 2019 com um congresso nacional mais grotesco que o que estamos acostumados. Vai ser de Alexandres Frotas, Bolsonaros e bancada BBB para baixo. Não vai ter muito petista, em compensação vamos colocar outro tipo de corja.
  4. Eu até acredito que essa comissão vá apresentar um trabalho que tenha uma visão bem racional da questão. O problema será os legisladores aceitarem o trabalho apresentado. É sempre bom ter esse tipo de notícia, mas tem que entender a realidade da nossa situação. Não virá coisa boa para nós do legislativo. Eu sou um pouco cético com a legalização, descriminalização ou, até mesmo, um abrandamento da postura belicista do Brasil com as drogas. Minha esperança é que o STF atue onde o resto não quer agir. Eu estou ficando velho e amargo. Essa onda conservadora está acabando com o que resta de esperança para mim. É foda ver um pirralho de 20 anos falando que maconheiro tem que morrer ou defensores do aborto são assassinos. Eu não gosto de comprar de traficantes, como muitos da velha guarda do GR, acho que comprar de traficantes, querendo ou não, se está contribuindo com a violência do país, mas, vendo tudo o que estou vendo hoje, me vem à cabeça uma frase que eu li aqui de um forista das antigas: Se a sociedade chora, eu não sinto pena. Hoje eu não tenho como plantar, por diversas razões, a principal é que minha vida hoje não permite correr o risco que plantar proporciona. Então tem que ser prensado mesmo. Uma tristeza. Tanto caos por causa de uma planta que faz a pessoa dar risada.
  5. Só se as coisas mudaram muito de uns anos para cá. Eu cansei de plantar prensado e sempre tive plantas com características hibridas. E eu já plantei índica no Sol e fui de boa.
  6. Divide um pouco a responsabilidade. O GR já está ai há anos e anos batendo a cara, já fixou seu lugar na luta. Com esse povo se declarando cultivador, dando suporte e encaminhando seus seguidores para cá, ocorreria uma popularização do cultivo.
  7. O Growroom já tentou alguma vez entrar em contato com os youtubers famosos? Eu tava vendo a repercussão do caso Marielle e, além dos idiotas falando merda, têm um monte de youtuber se posicionando de forma decente. Entre esses youtubers eu vi alguns que se declaram abertamente maconheiros. Eu fiquei pensando em uma parceria do GR com esse povo. Seria interessante. O GR é um site grande e famoso, tem potencial para conseguir fazer com que os formadores de opinião comecem a se declarar cultivadores ou apoiadores do consumo para fugir do tráfico. Não vai ser a solução para uma legalização imediata, esse povo nem sempre tem um perfil ideal para ativismo, mas são o tipo de pessoa que pode botar a cara a tapa, dizer que planta e não financia crime organizado e a polícia não vai ter cacife de bater na porta deles. A gente vive em uma época de "viralização'". Se conseguir emplacar uma campanha com o espírito certo pode ser que, mesmo que não mude a lei, abrande um pouco perseguição policial. Se esses famosinhos se revoltassem cada vez que um cultivador vai preso, cedo ou tarde a polícia iria parar de ir atrás de quem não é um problema para a sociedade. É uma briga justa. O Estado não tem o direito de opinar sobre o que eu faço com o meu corpo e plantando eu não financio violência por tabela.
  8. E a situação nos presídios brasileiros continua de mal a pior. Não é possível que não haja gente séria o suficiente para que se discuta o absurdo que é sobrecarregar o sistema prisional com maconheiros.
  9. Provavelmente é paranoia. Se você não se sente bem fumando, não fume.
  10. Eu tenho minhas dúvidas de que ele dará seguimento à votação tão cedo, mas não irei ficar surpreso se ele for favorável à causa. Eu li umas reportagens na época em que se estava sendo discutido a sua nomeação onde ele deu declarações bem lúcidas sobre o tema. Mas tomara que você esteja certo. Só estou esperando a definição deste julgamento para reiniciar meu cultivo. Saudades de brigar com a temperatura da HPS.
  11. Mas de qualquer forma essa petição não garantiria segurança dos cultivadores, certo? Uma vez que quem cultiva é enquadrado como traficante e não no artigo 28. Pelo que eu entendi, como um leigo no assunto, é que, na prática, quem for pego com maconha na rua seria beneficiado por esta petição. O que não nos ajuda em muita coisa, uma vez que, imagino eu, são raríssimos os casos de detenção por posse de canabis.
  12. Eu não gosto de vaporizar, odeio cachimbo, raramente uso bong e fumar no esquema do balde é só para economizar fumo. Eu gosto mesmo é de enrolar o baseado. Não é questão de dar mais ou menos brisa, é questão do ritual e do fato que dá para ficar mais tempo no "ato de fumar maconha".
  13. E mais, com quatro semanas de vegetativo é bem normal as primeiras folhas começarem a amarelar. Se esse for o seu primeiro cultivo, é importante você "sentir" a planta. Se familiarize com o crescimento, quando trocar para o 12/12 preste atenção no tempo que leva para a apresentação do sexo, o ritmo da floração... E cuidado com o biofert. A tolerância da planta com overfert é muito maior com orgânicos do que com químicos, mas não é ilimitada. Quem usa orgânicos pode ficar tentado em sempre aumentar a dose, mas com biofertilizante os nutrientes ficam disponíveis para a planta de modo mais imediato do que se colocar os ingredientes em estado bruto na preparação do solo. Eu já cai nessa tentação e, literalmente, sequei uma planta.