Ir para conteúdo
Growroom

Maria Alice Vergueiro

Usuário Growroom
  • Total de itens

    63
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

28 Excellent

1 Seguidor

Profile Information

  • Gender
    Female

Últimos Visitantes

589 visualizações
  1. Salve growers. Comparei algumas fotos e acho que apareceram os primeiros pistilos. Mas antes de ficar entusiasmada demais, gostaria de confirmar isso. hahaha
  2. Boa rapaziada. É o seguinte, eu estou em um cultivo outdoor há quase três meses. E, embora as plantinhas pareciam estar crescendo um pouco lento, mas estão bonitas e saudáveis até então. A não ser pelo adoecimento de algumas folhas que tem aparecido há algum tempo. Parece bem leve, pelo menos a princípio, mas agora está começando a me preocupar. Deve ter começado por volta de duas semanas e no diário que tenho feito foi indicado ausência de nitrogênio. Dei humus e composto pras plantinhas e depois uma primeira dose de chá de humus. Porém, as folhas estão começando a aparecer meio queimadas nas pontas. Tenho procurado maneirar nas doses de adubo que dou para elas, mas pensei na possibilidade de ter dado um leve over-fert? Outra questão que me chamou atenção é que tenho reparado que elas parecem bonitas e vistosas de dia com o sol, mas meio murchas e mambembes à noite com o complemento do ciclo vegetativo que faço (com uma luz fraca). Faz sentido isso? É normal? Agradeço desde já o apoio de sempre.
  3. Broder, meu aprendizado é inicial, mas pelo que já estudei é o seguinte. Essas técnicas geralmente são aplicadas no início do desenvolvimento da planta, na fase vegetativa para que as plantas cresçam mais e com possibilidade de mais buds. Eu percebi que a minha que fiz uma poda top (caule) a recebeu muito bem. Na fase de floração acredito que seja um pouco diferente. As técnicas para receber mais sol onde interessa acho que estão ok e inclusive são muito benéficas para o florescimento, pois a planta vai focar em mandar nutrientes para onde precisa. Pelo que entendi a poda mais drástica (caule) pode dar uma travada na planta de 1-2 semanas (a minha continuou a crescer bonitona e muito rápido, então creio que não seja sempre que trave). No entanto, creio que na floração é bom segurar um pouco mais a mão nas podas. Leia alguns diários, tem vários com dicas riquíssimas por aí.
  4. Valeu broder, tá certíssimo ae. Dúvida respondida, era exatamente o que eu queria saber. Tá longe de ser o ideal, mas é o que tem para o momento. Pelo menos vou poder esperar as bicha crescer até um ponto aceitável.
  5. Bom dia growers! Eu tô com uma dúvida que tava um pouco de vergonha de perguntar, mas vamos lá. Bom, eu tô fazendo o meu cultivo na varanda (ver diário: https://www.growroom.net/board/topic/72054-diário-de-varanda). Consegui finalmente posicionar as plantinhas para receberem 4-5 horas de sol direto todos os dias. E à noite tento complementar o período vegetativo, mas não tenho uma lâmpada especialmente pra elas e simplesmente acendo a luz da varanda, que não fica logo acima, mas está direcionada pra elas. Queria saber se isso basta para complementar o vegetativo ou é fortemente recomendado que eu encontre uma iluminação mais adequada. Sei que sempre é melhor adequar para as necessidades da planta, mas se for possível levar assim é minha preferência atual. Li que não precisa ser uma lâmpada forte, mas elas precisam estar totalmente iluminadas.
  6. Salve broder! Mano, eu não vejo problema nenhum, se tem sol, manda bala. Eu fiz a minha assim, em uma varanda fechada com duas janelas grandes. Tenta encontrar um lugar com bastante sol pras plantas e foi. As minhas estava recebendo 2-3 horas de sol apenas, mas agora eu empilhei dois caixotes e elas estão em uma altura que recebe 4-5 hs de sol direto. Belas e felizes. A questão de visibilidade e odor é por sua conta e risco... se não tem problema, manda bala.
  7. Velho, tive que voltar às casa da minha mãe por 2 anos e meio, quando cheguei lá tive uma conversa séria com ela sobre uso de maconha. Embora inicialmente meio resistente, ela acabou entendendo. Hoje já voltei a morar sozinha há pouco mais de dois anos e ela está bem de boa, até faz piadas, manda notícias a respeito, etc. Só não tive coragem ainda de contar que estou plantando, pois acredito que ela poderia se preocupar.
  8. Velho, ficar 1 palito pra cima era impossível porque eu cortei muito na ponta, cortei apenas o último nó e ele tava muito curtinho ainda. Eu decidi tentar pq o corte ia ser mínimo mesmo. O lance da poda não era justamente cortar o central para os periféricos crescerem mais? Em relação à lua eu viajei mesmo pq minha intenção era justamente cortar na lua nova. Parece que olhei errado a lua. 🤔
  9. Porra mano, eu também achei esquisitona, mas eu fiz o que vi nos vídeos que pesquisei. Por que você não gosta de podas? Você tem alguma sugestão para melhorar o trabalho? Agradeço o comentário.
  10. Salve growers. Ontem fiz uma poda top e uma (tentativa) fim e algumas amarras em minhas plantinhas. Eu fiz um enraizador com feijão (sei que o mais recomendado é a lentilha, mas era o que tinha e vi diversas recomendações com feijão tb) e coloquei a muda de uma das podas lá durante algumas horas e depois coloquei na vermiculita pura. Fiquei em dúvida de quanto tempo deveria deixar a muda no feijão porque vi dizendo que deveria ficar 5 minutos, 24 hs e até 4 dias. Queria saber se é benéfico fazer regas com esse enraizador na muda e também nas plantinhas que já estão maiores. Eu fiz em uma delas que não está crescendo muito em relação às outras e desconfio que pode ser por causa das raízes. A muda e as plantas podadas estão aí. Queria opiniões se estou no caminho certo. Se quiserem dar uma olhada no meu diário:
  11. Então, uma informação: essas plantas já foram transplantadas, ela estava numa vasilha daquelas de colocar tempero e eu coloquei em baldes que pretendo que sejam os definitivos. Eu sei que não pode deixar a planta "limpa" na hora de transplantar, mas quando fiz este transplante a terra majoritariamente não veio junto. agora que ela tá em um balde bem maior e (penso que) ainda não está realmente enraizada virá menos ainda. Respondendo sua pergunta, não é minha intenção deixá-la sem terra nenhuma, mas imagino que a maior parte dessa terra não irá vir junto. Então minha dúvida é essa: essa terra que "sobra" pode ser aproveitada? Aproveitando o ensejo, aquelas duas primeiras folhas que nascem quando está germinando estão amarelando em todas as minhas plantinhas. Li que é normal que isso aconteça com o tempo, mas estou preocupada se isso não pode ter a a ver com algo que prejudique minhas plantinhas mais cedo ou mais tarde. Há como reconhecer isso desde já? No mais, nunca fui realmente ligada ao cultivo de qq planta, não acho que tenho realmente "mão boa" para plantas, mas sempre quis cultivar a cannabis e não tive muitas oportunidades anteriores.. Estou lendo bastante, mas acho que algo pode acabar passando desapercebido. Provavelmente estou cometendo alguns erros em minha prática. Abs e agradeço as informações que tenho recebido por aqui.
  12. Seria só no caso do solo ficar duro (não sei se isso realmente vai acontecer) como se fosse um transplante, mas ao invés de pegar outros substratos e jogar esse fora, o reaproveitar.
  13. Blz, valeu, vou fazer isso então, embora eu não tenha achado essa terra tão boa... mas é só um pequeno acréscimo, então acho que tá ok. Penso em só mexer novamente nessa terra quando ela não estiver mais fofa como agora. E somente se isso acontecer. É um pensamento errado? Eu fico com o pé atrás de mexer demais nas plantinhas e dar ruim. Queria saber tb se tá errado misturar, quando/se for fazer isso, misturar a perlita no mesmo solo pra aproveitar o atual. Enfim, a economia é um fator importante pra mim até pq se eu gastar muito com substrato não vou conseguir investir em equipamento pra um indoor, até pra medir o solo, etc. Tô pensando nesse cultivo como um paleativo e um aprendizado para posteriormente ir investindo e procurar obter plantas melhores. Valeu, tá ajudando demais!
  14. Salve growers. Mais uma pequena dúvida. Notei que uma das minhas plantas ficou um pouco "rasa" e a terra não tá até onde poderia ir no balde. Li em um tópico pra adicionar terra. Então minha dúvida é se posso simplesmente acrescentar terra adubada ou deveria fazer a mistura pra acrescentar. Achei uma loja que vende perlita. Tá ok misturar com a que eu já tenho nas minhas plantinhas?
  15. E aí meu broder, se liga, esse nome é uma homenagem a atriz que fez um dos primeiros memes da internet, hehehehe O grande Tapa na pantera, se liga: https://www.youtube.com/watch?v=6rMloiFmSbw Mas vamos para o que interessa. Infelizmente não encontrei fibra de coco ou perlita. O que encontrei foi pó de coco (vi que algumas pessoas usam, mas fiquei pé atrás) e substrato de coco. Eu não confio na loja (um hipermercado) e fiquei pé atrás mesmo, além do dinheiro gasto. Mas o gasto não seria apenas de 20 reais, pq 20 reais é o valor para 1 kg e eu precisaria usar bem mais que isso, creio que ficaria por volta de 100 reais pra um material que não tenho tanta confiança. Ainda estou pesquisando onde poderia encontrá-lo, mas sem sucesso. Aqui no nordeste o gasto com transporte é alto demais, tudo fica mais caro pra cá. A terra tá bem fofa e eu continuo observando isso diariamente. Na loja que encontrei expliquei ao vendedor minha questão de obter uma terra aerada e foi aí que ele me sugeriu o composto frutado. Fiz minhas compras com a sugestão dele e a mistura com base no que li até agora e pensei que seria o melhor pra terra. Penso que enquanto ela está macia não tenho o que me preocupar em relação a isso, correto? O npk continua bem guardadinho aqui pra eu usar quando tiver uma mistura sem adubos e compostos orgânicos, quem sabe em uma próxima safra. Valeu demais pela atenção, broder. Continuo atenta às indicações e em busca dos substratos sugeridos. E aí mana, eu comprei justamente dois baldes para usar em minhas plantinhas (por incrível que pareça até balde tá difícil de encontrar por aqui). Penso que as plantas nos baldes vou manter até a colheita, mas talvez procure algo para as outras em recipientes menores. É uma busca que tb terei que me engajar. Mas na verdade eu não quero plantas muito altas, pois tenho um pouco de medo de ser descoberta. Embora eu more em um andar alto, mas seguro morreu de velho e como não tenho condição pra um indoor no momento, acho que já estou me arriscando de qualquer maneira. Ainda não descobri o que poderia ser um mínimo ok. Pode deixar que o fertilizante tá bem guardado e não será usado nessas plantas. Enquanto isso vou me informando a fim de deixá-las o mais saudável que for possível. Agradeço demais a disposição e paciência de vcs. Grande abraço.
×
×
  • Criar Novo...