Ir para conteúdo
Growroom

barbiemaconheira

Usuário Growroom
  • Total de itens

    2
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutral

Profile Information

  • Location
    wonderland

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Olá Tears4Fears! Muito obrigada pela resposta tão atenciosa! Todos os pontos que você levantou foram muito importantes pra minha tomada de decisão. E certamente vão servir para aprimorar os possíveis próximos envios das sedes pra cá, já que eu só fui me atentar mesmo pra maioria desses detalhes só depois que já havíamos postado o pacote, hahaha! A questão do padrão internacional de etiqueta me parece ser bem relevante mesmo. Sempre tive em mente aquela etiqueta dos pacotes do Aliexpress mesmo, que contém a declaração do conteúdo e seu respectivo valor, além das marcações como "gift". Foi o que me colocou a pulga na orelha quando perguntei ao meu amigo que informações o serviço postal da Hungria pediu pra ele no momento da postagem. E aí que percebemos que nada disso foi solicitado, somente o nome do remetente e nome e endereço do destinatário. Pensa num desespero, pois é. Não sei se há algum tratamento diferente dado aos pacotes remetidos por pessoa física (pois não necessariamente se trata da compra/venda de algo) mas, pra não ficar na nóia, o próximo envio certamente observará esse padrão. E o maldito CPF impresso no pacote, por via das dúvidas. Olá, Terraqueo! Muito obrigada por também ter opinado sobre a minha situação de completo desespero, haha. Assim como as ponderações feitas pelo Tears4Fears, acabei optando por deixar rolar e não colocar o CPF no idCorreios, confiando na hipótese que de que o centro de triagem de Curitiba recebe um volume enorme de pacotes todos os dias e que seria impossível fazer uma análise tão minuciosa das informações vinculadas aos pacotes. Resultado: Hoje, após muitos dias de tensão, tive a maravilhosa notícia que o pacote passou ileso pelo despacho alfandegário, sem informar o CPF impresso no pacote e/ou vincular essa informação no idCorreios! Pode ser que eu tenha tido sorte na amostragem mas o simples fato de não vincular o CPF não barrou a encomenda nem favoreceu que ela fosse inspecionada/retida, ao que tudo indica... Achei até que foi bem rápido. Agora vou realizar o pagamento do despacho postal e esperar felizzzz pelas meninas! Obrigada novamente pela ajuda de vocês, que além de me acalmarem, me ajudaram a tomar uma decisão que deu boaaaa! 🙂 e espero que o meu relato possa auxiliar alguém que porventura queira tentar receber as sementes por meio de algum intermediário pessoa física.
  2. Olá Tears4Fears! Parabéns pelo sucesso nesse novo método de envio. Bom saber que temos mais uma opção para importar agora com um pouco mais de segurança através do Hipersemillas. Massa demais a contribuição para toda a comunidade! Mas o que me chamou a atenção no seu post foi a questão da vinculação do CPF à encomenda pois estou vivendo um dilema com essa questão no momento. Se puder opinar, agradeço! (aos demais do fórum, também agradeço se puderem ajudar)... Tenho um amigo que mora na Europa (Hungria) e recentemente compramos juntos algumas sementes no SeedStockers. Combinamos que ele receberia o pacote direto do seedbank e, após receber, me enviaria as minhas sementes (são 11) ao Brasil em um outro pacote, reembalado de forma a omitir qualquer vinculação ao bank e de forma mocada, com o envio de algumas bugigangas junto para mascarar o real conteúdo, rs. Eu estava relativamente tranquila e otimista quanto ao recebimento do pacote, especialmente porque penso que o disfarce tenha ficado bom e que o remetente é uma pessoa física, além do fato de que país de origem é pouco óbvio na remessa das seeds, que geralmente partem do Reino Unido, Holanda e Espanha. Enfim. Optamos por alterar nossos nomes (moro em prédio que recebe na portaria todas as encomendas e dificilmente teria problemas pra retirar na portaria depois, além do nome ser parecido com o meu real) e ele não colocou o endereço dele nos dados do remetente, pra evitar dar BO pra ele. Meu amigo me informou que o serviço postal de lá não solicitou que ele declarasse o conteúdo nem nada do tipo, razão pela qual o pacote também não está identificado externamente como "gift" ou algo do tipo. O problema é: não nos atentamos à necessidade de identificar o pacote com o CPF do destinatário. Nem sabíamos que essa exigência tb se aplicava aos "presentes". Só nos deparamos com esse detalhe depois da postagem e estou bastante amargurada com essa questão, já que segundo o site dos Correios, a encomenda não identificada dessa forma será devolvida (não tem como, sem endereço de remetente) ou destruída. Ainda posso vincular a encomenda no idCorreios, mas estou com receio de colocar meu real CPF lá, tanto por medo disso chamar a atenção para o pacote (vá saber, né!?), até pelo fato do nome do destinatário não ser o meu nome real e tudo mais. Por outro lado, tenho medo que o não cumprimento de tal exigência acabe pela perda das sementes sem que o pacote sequer passe pelo processo alfandegário, que poderia dar boa tranquilamente (confiando no stealth que eu e meu amigo bolamos). Alguma luz de como proceder nesse contexto todo? Valeu!
×
×
  • Criar Novo...