Ir para conteúdo
Growroom

ApreciadorAnonimo

Usuário Growroom
  • Total de itens

    5
  • Registro em

  • Última visita

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

ApreciadorAnonimo's Achievements

Newbie

Newbie (1/14)

1

Reputação

  1. Eae parceiro, de boa? Quando eu comecei a fumar eu também sentia muito isso, na minha segunda vez fiquei uns 5 dias depois ainda curtindo essa sequela. Mas não sei porquê, mas aqui em Brasília eu sempre conheci nego que f1 todo dia e em 3 meses eu já fumava uns 3 becks por dia, então eu acabei me "forçando" a gostar da lombra e me acostumei muito rapido, e esses efeitos pós deixaram de ser incômodos pra mim com o tempo... Vou deixar aqui uma resposta que eu dei em um tópico parecido e espero que possa te ajudar, qualquer coisa só falar manin "Salvee! Me senti na obrigação de responder o tópico pq eu já passei basicamente pelas mesmas coisas mas bem de boa, sempre tentando curtir e entender esses efeitos pós. Eu particularmente chamo de "sequela", que é quando a lombra volta fraca por alguns dias depois que você fuma e se abstém, mas basicamente é tipo um flashback mesmo. O porquê disso acontecer eu te confesso que não sei (eu acredito fortemente que sejam resquícios de thc que ficam armazenados na gordura e são liberados junto com a queima da mesma até não ter mais nada retido junto com os lipídios do corpo, mas em quantidades infinitamente menores que a de um trago, por exemplo), mas só acontece se vc fuma e se abstém, independentemente da frequência do seu uso ou da strain, mesmo com prensado, eu sempre sinto isso quando eu tenho que ficar uns dias sem f1. Parece que vc sente a lombra de leve, mas os efeitos que mais se manifestam são os mini "lapsos de memória" que fazem você achar que ainda está chapado, uma vez li aqui no fórum que o thc atua alterando a velocidade de comunicação entre os neurônios e por isso nas primeiras vezes em que você fuma maconha você sente bem esse "distanciamento" da realidade e a sensação de que não se lembra de ter feito seus atos recentes e todo o resto da lombra, o que pode deixar alguns assustados enquanto outros admiram exatamente os mesmo efeitos... Como eu sempre gostei de pesquisar e conhecer sobre as coisas que eu faço, eu comecei a entender esses flashbacks quando eu fico sem fumar. Hoje mesmo eu tô no quarto dia desde que eu dei minha última bongada no meu haxa de banana kush , e nem ligo mais pra esses efeitos, pq eu como fumante frequente (esse ano eu tava fumando uns 3 becks por dia com o meu brother, agora tô fumando só 1, um e meio, no máx 2 pra aproveitar melhor minha baixa tolerância e economizar massa sem deixar de ser "stoner" hehe) aprendi a curtir a lombra, por mais lesado que eu esteja é a melhor coisa a se fazer pra evitar bad trips. A minha primeira onda foi meio que uma badtrip, e as seguintes foram parecidas, mas progressivamente eu fui adaptando minha mente pra aceitar esses efeitos, já que é uma droga e eu, ao usar ela, devo esperar me sentir drogado, não? Então chapa, pra não prolongar muito mais aqui, eu vo te dar o seguinte conselho: se esses efeitos que você relata não te agradam, eu sugiro que você não fume maconha até poder escolher qual strain vai fumar, pq se vc reaje assim à substância e não sabe exatamente o que esperar, vai continuar se "impressionando" com os efeitos da cannabis e nunca vai aprender a curtir a brisa da maneira certa. No mais é isso, se for fumar já fuma com esssa mentalidade de que se você vai usar uma droga, tem que esperar os efeitos dela e não tentar ficar lutando contra isso, senão é bad na certa, ou pior: pode acabar desenvolvendo alguma psicose ou transtorno mental só porque não tinha cabeça e mentalidade certas no momento do ato... Muita paz e que ainda venham muitas good trips pra você irmão!"
  2. Po manin, to curtindo uma sequela dessas agora mesmo e lembrei de uma dica que eu usei pra conviver com esses flashbacks de boa, que é simplesmente focar no que você estiver fazendo e ignorar os efeitos, dps de um tempo cê mal percebe, como já falaram aí, se você fica de neuroze por causa disso fica parecendo q é mais forte... Mas pra quem é maconheiro diário e já curte a parada foda-se kkkkkk, na real vai ficar até triste por ser tão fraco os efeitos
  3. Salvee! Me senti na obrigação de responder o tópico pq eu já passei basicamente pelas mesmas coisas mas bem de boa, sempre tentando curtir e entender esses efeitos pós. Eu particularmente chamo de "sequela", que é quando a lombra volta fraca por alguns dias depois que você fuma e se abstém, mas basicamente é tipo um flashback mesmo. O porquê disso acontecer eu te confesso que não sei (eu acredito fortemente que sejam resquícios de thc que ficam armazenados na gordura e são liberados junto com a queima da mesma até não ter mais nada retido junto com os lipídios do corpo, mas em quantidades infinitamente menores que a de um trago, por exemplo), mas só acontece se vc fuma e se abstém, independentemente da frequência do seu uso ou da strain, mesmo com prensado, eu sempre sinto isso quando eu tenho que ficar uns dias sem f1. Parece que vc sente a lombra de leve, mas os efeitos que mais se manifestam são os mini "lapsos de memória" que fazem você achar que ainda está chapado, uma vez li aqui no fórum que o thc atua alterando a velocidade de comunicação entre os neurônios e por isso nas primeiras vezes em que você fuma maconha você sente bem esse "distanciamento" da realidade e a sensação de que não se lembra de ter feito seus atos recentes e todo o resto da lombra, o que pode deixar alguns assustados enquanto outros admiram exatamente os mesmo efeitos... Como eu sempre gostei de pesquisar e conhecer sobre as coisas que eu faço, eu comecei a entender esses flashbacks quando eu fico sem fumar. Hoje mesmo eu tô no quarto dia desde que eu dei minha última bongada no meu haxa de banana kush , e nem ligo mais pra esses efeitos, pq eu como fumante frequente (esse ano eu tava fumando uns 3 becks por dia com o meu brother, agora tô fumando só 1, um e meio, no máx 2 pra aproveitar melhor minha baixa tolerância e economizar massa sem deixar de ser "stoner" hehe) aprendi a curtir a lombra, por mais lesado que eu esteja é a melhor coisa a se fazer pra evitar bad trips. A minha primeira onda foi meio que uma badtrip, e as seguintes foram parecidas, mas progressivamente eu fui adaptando minha mente pra aceitar esses efeitos, já que é uma droga e eu, ao usar ela, devo esperar me sentir drogado, não? Então chapa, pra não prolongar muito mais aqui, eu vo te dar o seguinte conselho: se esses efeitos que você relata não te agradam, eu sugiro que você não fume maconha até poder escolher qual strain vai fumar, pq se vc reaje assim à substância e não sabe exatamente o que esperar, vai continuar se "impressionando" com os efeitos da cannabis e nunca vai aprender a curtir a brisa da maneira certa. No mais é isso, se for fumar já fuma com esssa mentalidade de que se você vai usar uma droga, tem que esperar os efeitos dela e não tentar ficar lutando contra isso, senão é bad na certa, ou pior: pode acabar desenvolvendo alguma psicose ou transtorno mental só porque não tinha cabeça e mentalidade certas no momento do ato... Muita paz e que ainda venham muitas good trips pra você irmão!
×
×
  • Criar Novo...