Ir para conteúdo
Growroom

Marechal Random

Usuário Growroom
  • Total de itens

    45
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

56 Excellent

Profile Information

  • Gender
    Male

Últimos Visitantes

365 visualizações
  1. Nops. O cobertor vai ficar super marofado. É vai se impregnar que só lavando muito bem na máquina e olhe lá. NADA supera um vape. Pode confiar. Vape + quarto ventilado e é batata.
  2. Eu lembro de conversar com uma antiga terapeuta que a maconha puxa pra superfície aquilo que tá no subsolo da gente. Talvez seria legal explorar sóbria esse tema de autoimagem mas buscando referências positivas, e não apenas histórias tristes hehe. Ter um diário ajuda também a gente a aprender mais de si. Eu daria um tempo no beck e só fumaria de tempos em tempos, de preferência sem ninguém na paz do lar.
  3. Acontece às vezes. Acho que pode ser muito benéfico sim por te dar uma perspectiva melhor das coisas. Como disseram acima, se eu tenho dor crônica no joelho, analgésico é ótimo pra me ajudar a seguir o dia e me mostrar que é possível viver sem dor. Mas a solução vem com a fisioterapia. E o fisioterapeuta vai me ajudar a entender por que eu tenho dor no joelho, onde tá a causa disso, onde está a solução... Uma das coisas que eu espero ao plantar o meu, por exemplo, é ter uma strain que se adeque melhor a mim. Se cuida! Vai ficar tudo bem!
  4. Entendo as suas preocupações mas discordo educadamente com base no que li e assisti da votação e também no que acredito. Acho importante ser pragmático. Uma coisa é o que eu quero, outra coisa é o que eu posso ter. Dado o nosso contexto brasileiro (e mundial) de alarmismo, populismo, falácia lógica, fake news e muita emoção pra pouca razão, eu acho impossível avanço sobre a cannabis aqui que não seja como está sendo agora. E se isso for aprovado, com o passar dos anos, a opinião pública pode ficar menos alarmista. Foi assim na Califórnia, Canadá e Uruguai. Vejam, tivemos deputad
  5. Yes! Agora a gente precisa torcer pra: 1) não ir pra câmara completa como os alarmistas querem, senão pode ser descartada. 2) ser aprovada pelo Senado. 3) E por fim que o boçal-mor não vete. Parece que vetar seria demais até pra ele, mas eu não espero muitos limites desse sem-noção. Mas vou pensar positivo. Ele pode muito bem fingir que não viu, falar uma merda qualquer e "esquecer" que poderia vetar.
  6. Leo, honestamente, não sei. Já vi ambos e não lembro de ter algo relacionado a variantes... Mas parece que alguns tratam ambos como a mesma coisa e tem uns que diferenciam desrealização de despersonalização.
  7. Cara, nenhum psicológico pode revelar esse tipo de informação. Eles só podem quebrar sigilo em caso de risco a sua integridade e a dos outros, como agressão e suicídio. Sua descrição parece com desrealização, mas não tenho como afirmar, obviamente. Não se encane. Nossa mente é vasta e complexa. Uma ajuda psicoterapêutico pode ajudar. Enquanto isso, o tenta uma meditação, um exercício físico... Algo que ajude a controlar estresse. Abraços e boa sorte!
  8. Poxa, valeu pelo toque! Esse tópico me fez lembrar que quero comprar um vape esse mês, mas fugir me mudar pro Uruguai ano que vem e, claro, vou querer levar o vape comigo. A diferença é que ele é mais discreto, mas mesmo assim fiquei bolado deles ficarem de putaria e me tirar o vape. Chega a dar uma dor no coração e no bolso de pensar...
  9. Teve uma coisa que não entendi: se a luz dá um pico à noite pelo grow, basta arrumar o fotoperíodo para combinar com o dia. Dá pra fazer perfeito com a flora 12/12 (liga 8h, desliga 20h) e mascarar com o consumo de um ar condicionado, por exemplo. Ou pra quem trabalha em casa, ajuda no discurso do apelo emocional do trabalho se você também mandar essa.
×
×
  • Criar Novo...