totjairo

Usuário Growroom
  • Total de itens

    15
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

10 Good

1 Seguidor

Sobre totjairo

  • Data de Nascimento 08/01/1989

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Recife, PE

Últimos Visitantes

459 visualizações
  1. Quando o argumento não cabe mais, só basta a justificativa!

  2. não há liberdade, não vivemos em um país livre, aonde o estado decide o que é bom ou ruim pra mim. não há justiça, nossas leis foram impostas por pessoas ignorantes e preconceituosas que só beneficiam os interesses de quem há controla. há paz, ainda sonhamos e lutamos para que isso um dia mude.

    1. Mostrar comentários anteriores  %s mais
    2. Fabrício BrasilC (olho)

      Fabrício BrasilC (olho)

      sim, sim.... sem sombra de dúvidas. o brasil está sim inserido numa economia capitalista.

    3. Thas Dirijo

      Thas Dirijo

      de estado, né? só pode

    4. siro

      siro

      Estado é outra coisa, isso aqui eu nem sei o que é...

  3. Formigas - o grupo mais numeroso dentre os insetos. E também possuem uma larica do ka**i", comeram as folhas de cima, "poda top natural" o pro é que, é uma muda ainda Mediante a esse problema.... algodão! Ao redor de todo o vazo colar o algodão, funciona como uma cerca. essa quem passou foi a coroa, heeheheh
  4. “O segredo é ter paciência!” http://www.growroom.net/board/gallery/album/12398-/ O que aconteceu comigo muitas vezes foi não ter paciência na espera, muitas sementes demoram muito já outras nem tanto, varia muito dependendo de sua genética! Sementes de sativas e principalmente do prensado (que levam várias substancias no processo) tendem a demorar muito mais para quebrar a dormência. Basicamente temos que dar algumas condições favoráveis para a quebra da dormência: escuridão, umidade, calor e oxigênio. Já mencionado por alguns aqui, mais esse é o método que utilizo, e é 100% de êxito, se não funcionar é devido a strain está comprometida ou algum descuido na limpeza. 1º Limpeza Lavar bem as strains com água corrente da torneira mesmo, desde que ela não tenha muito cloro. 2º Copo d’água (garantia à mais, pode ser passado para o 3º) Colocar 12 / 24 h em um copo cheio com água (só retirar para colocar no papel toalha quando a semente estiver no fundo do copo) 3º Tupperware com papel toalha. Inserir papel toalha no fundo da tupperware (fazer uma caminha) e deixar úmida com água (ideal é mineral), não deixe o papel muito encharcado, ele deve ficar úmido. Particularmente não cubro a parte de cima com o papel toalha para que haja mais oxigênio no seu desenvolvimento. 4º Caixa de sapato. Coloque-as em uma caixa de sapato, deixando totalmente sem claridade, se possível, coloque em algum lugar que seja meio quente. 5º Paciência. De tempo para elas, que vai rolar, espere nem que sejam 15 dias. 6º Para o solo. Quando a radícula sair (aquela parada branca dentro da semente), já pode ser inserido no solo, coloque a radícula virada para baixo. As sementes que já tenham um tempinho é bom causar algum tipo de estresse baixo, como água morna. Não é bom inserir água sanitária, vinagre, realizar raspagem e etc. (possa ser que funcione), mais o risco de esse material entrar em contato dentro da semente é maior.
  5. Areia lavada (aquelas para fazer reboco e massa de concreto), ajuda bastante para deixar o solo bem aerado porem ela interfere no PH do solo. O ideal é algo que não altere muito o seu solo (inerte), como comentado pelo LaureBuds, fibra de coco é ideal, a perlita também faz esse trabalho bem e vai ajudar muito na respiração das raízes.
  6. O recurso extraordinário 635659 de 2011, está para ser jugado nas próximas semanas. O RE 635659 trata do caso de um cidadão que já estava preso no estado de São Paulo e foi flagrado na cela com 2g de maconha. Com a ajuda da defensoria pública paulista o caso passou por juízes e desembargadores, com a defesa questionando a condenação do porte de drogas para uso pessoal, mesmo que esta não resulte em pena de prisão. Vale destacar que esse réu não estava preso por delitos da lei de drogas. Agora, com o caso no supremo, o processo ganhou uma dimensão maior. Se a maioria dos ministros entender que este cidadão não pode ser condenado por portar drogas para uso pessoal, a decisão se amplia para todos os brasileiros que futuramente forem enquadrados na mesma situação. A descriminalização do cultivo caseiro de drogas também será contemplada com este processo. Na prática, o artigo 28 da lei 11.323 (que trata do porte para uso pessoal) deixa de existir. Entretanto, o artigo 33 (que trata do tráfico) continua valendo, e ainda corremos o risco de ter muitos usuários enquadrados e presos. Mesmo que o Supremo decida pela descriminalização do usuário, as drogas ainda vão continuar ilegais no Brasil. Você pode se livrar do processo, mas se rodar vai perder a droga que estava portando ou cultivando. A legalização que tanto defendemos não vai sair pelo STF. O único caminho para essa conquista ainda é o Congresso Nacional (SUG8/2014 e PL 7270/2014). E lá você sabe que o ambiente anda lotado de proibicionistas. Fonte: http://hempadao.com/pt/hemportagem/weednews/3208-finalmente-stf-deve-julgar-a-descriminalizacao-do-porte-de-drogas.html http://oglobo.globo.com/blogs/blogdomerval/posts/2015/06/09/consumo-sem-crime-567929.asp http://www.stf.jus.br/portal/processo/verProcessoAndamento.asp?numero=635659&classe=RE-RG&codigoClasse=0&origem=JUR&recurso=0&tipoJulgamento=M
  7. O recurso extraordinário 635659 de 2011, está para ser jugado nas próximas semanas. O RE 635659 trata do caso de um cidadão que já estava preso no estado de São Paulo e foi flagrado na cela com 2g de maconha. Com a ajuda da defensoria pública paulista o caso passou por juízes e desembargadores, com a defesa questionando a condenação do porte de drogas para uso pessoal, mesmo que esta não resulte em pena de prisão. Vale destacar que esse réu não estava preso por delitos da lei de drogas. Agora, com o caso no supremo, o processo ganhou uma dimensão maior. Se a maioria dos ministros entender que este cidadão não pode ser condenado por portar drogas para uso pessoal, a decisão se amplia para todos os brasileiros que futuramente forem enquadrados na mesma situação. A descriminalização do cultivo caseiro de drogas também será contemplada com este processo. Na prática, o artigo 28 da lei de drogas (que trata do porte para uso pessoal) deixa de existir. Entretanto, o artigo 33 (que trata do tráfico) continua valendo, e ainda corremos o risco de ter muitos usuários enquadrados e presos. Mesmo que o Supremo decida pela descriminalização do usuário, as drogas ainda vão continuar ilegais no Brasil. Você pode se livrar do processo, mas se rodar vai perder a droga que estava portando ou cultivando. A legalização que tanto defendemos não vai sair pelo STF. O único caminho para essa conquista ainda é o Congresso Nacional (SUG8/2014 e PL 7270/2014). E lá você sabe que o ambiente anda lotado de proibicionistas. Fonte: http://www.stf.jus.br/portal/processo/verProcessoAndamento.asp?numero=635659&classe=RE-RG&codigoClasse=0&origem=JUR&recurso=0&tipoJulgamento=M http://hempadao.com/pt/hemportagem/weednews/3208-finalmente-stf-deve-julgar-a-descriminalizacao-do-porte-de-drogas.html http://oglobo.globo.com/blogs/blogdomerval/posts/2015/06/09/consumo-sem-crime-567929.asp