Pentagram

Usuário Growroom
  • Total de itens

    80
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

43 Excellent

6 Seguidores

Últimos Visitantes

235 visualizações
  1. http://www.greenhouseseeds.nl/franco/ Muito triste, o cara tinha só 43 anos... Descanse em paz.
  2. Porra, que foda!!! ótima notícia galera, dá até um alívio no coração. Força!
  3. Amigo, isso é uma democracia. Qualquer mudança numa sociedade democrática leva tempo. Ninguém vai legalizar da noite pro dia. Estamos atrasados no tempo? Sim. Muito. Isso impede que haja mudanças eventualmente? Não. E esse é o ponto. Infelizmente, de maneira geral no país, quase nenhum maconheiro levanta bandeira pra nada. Fora a galera que é grower/ativista o resto mal se manifesta sobre o assunto e pra mim esse é o problema principal. Se não houver uma pressão de mais gente ainda realmente fica difícil, mas as causas tem que partir de algum lugar e acho que o trabalho agora é o maior número de pessoas falar sobre o assunto mesmo e as leis vão sendo adaptadas. Realmente, achar que mês que vem vai legalizar tudo é bobeira, mas achar que descriminalizar é um avanço pequeno é viagem. É um passo, é sinal que as coisas estão andando. E olha, as coisas andam surpreendendo positivamente. O discurso do Gilmar Mendes foi do caralho, pensa que nenhum ministro pode chegar chutando o pau da barraca. O cara pra defender a posição dele fez uma fala de mais de duas horas. Além do que a pauta era sobre descriminalizar o PORTE de TODAS as drogas. Acho que é um passo para as próximas discussões se voltarem em torno da maconha medicinal especificamente. Enfim, como já falei num post anterior, ficar achando que nada vai acontecer só porque é Brasil é totalmente irracional, é basicamente reclamar do jeito do brasileiro se comportando do jeito brasileiro. A única forma da coisa continuar é botando pressão, militando, criando discussão sobre as ideias e o assunto vai deixando de ser tabu e ganhando espaço pra ser aceito. As estatísticas estão a nosso favor. Acho que é só um passo mesmo, a comoção é a comoção de quem sempre ouviu não pra aquela pauta e agora está começando a ouvir sim. Na minha opinião tá certo que reivindica mais ainda, mas errado quem acha que não vai mudar em nada. Enfim, a mudança nunca vai acontecer de uma hora pra outra. Outro dia teve a sessão com o Cristovão Buarque, uma galera pró-legalização viajou pra Brasília só pra discutir o assunto. Dali não ia sair nada efetivamente. Mas talvez se não tivesse ninguém lá representando aquele dia o processo não teria voltado e Gilmar não teria dado o posicionamento que deu... É só um exemplo de como eu vejo que uma coisa puxa a outra necessariamente e não que o jogo vai ser ganho rapidamente só porque a gente quer.
  4. Galera, se a gente não for otimista NINGUÉM vai ser. Sério. Não existe isso de "papo rolando", como se isso fosse influenciar a decisão dos ministros. A decisão não é simples, principalmente por conta dessa onda conservadora atual. Mas isso também não define jogo nenhum. Se fosse tão óbvio assim de ser negado já teria sido negado de cara e a votação não teria sido passada pra hoje. Não existe nenhum motivo racional pra não ser otimista. Talvez só o medo de torcer por um resultado e ele não acontecer, mas essa é a natureza de uma votação. Engole o medo de não rolar e abraça a causa. Mesmo se não rolar dessa vez o assunto já mostrou estar tomando proporções cada vez maiores. Quanto mais gente for influenciada pelas ideias certas mais rápido elas vão se concretizar. Agora, vir aqui e ficar reclamando, falando que o país é isso e o país é aquilo... Pra mim é chororô. Tá descontente? Faz alguma coisa pra mudar. Ficar malhando é inútil, só enfraquece a corrente das ideias certas e não leva ninguém a lugar nenhum.
  5. Ainda n tinha visto, mas atualizaram a notícia no site... n foi o cara que ligou, foi a mulher dele.... http://oglobo.globo.com/rio/policia-acionada-para-invasao-de-casa-na-zona-sul-encontra-plantacao-de-maconha-no-imovel-15183971 enfim, de uma maneira de outra... é simplesmente estúpido. mas agora faz algum sentido pelo menos.
  6. Quis dizer no sentido de que não foi simplesmente o ato de chamar a polícia gratuitamente. Eram dois aposentados que tiveram a casa invadida. Não estamos falando de um casal de jovens que sequelaram. Estamos falando de dois coroas que tiveram a casa invadida e acabaram chamando a polícia, com certeza por medo. O marido abraçou a culpa sozinho (obviamente, pois mais de um envolvido caracterizaria uma situação pior na vista da lei), o cara é professor universitário, doutor. Enfim, óbivo que o cara vacilou, isso não está em discussão. Mas achei que a forma como foi editada a matéria omitiu fatos que levaram ao acontecido. O que dá a entender pela matéria é uma situação ridícula, o meu questionamento é se o acontecido foi esse mesmo como falado na matéria. Não concorda que é uma história estranha?
  7. Pois é, mas tinha um monte de gente compartilhando e fazendo graça da notícia como se o casal de aposentados fossem dois idiotas que ligaram pra polícia ir na casa deles com uma floresta no quintal ( o que dá a entender pela matéria da globo). Sendo que não foi este o caso.
  8. Só acho uma pena a matéria ter sido editada dessa maneira pela globo. A história de fato é: um casal de professores aposentados que teve a casa invadida, no final quando os policiais chegaram a única coisa que foi dada falta foi o celular, mas com medo na hora que o cara tinha invadido a casa eles acabaram chamando a polícia. O jeito como a matéria foi escrita dá a entender que o cara é um retardado que chamou a polícia pra um jardim desses...
  9. Amigo, compras via courrier realmente vem com o desembaraço aduaneiro incluído no envio (ou seja, não vão para a fila das encomendas comuns, tem um tratamento especial). A única notícia que já li de problemas do gênero com o FedEx foi quando de fato uma pessoa enviou uma quantidade grande de green, só que acabou rodando pois o FedEx errou o endereço de entrega e a pessoa que recebeu por engano prestou a denuncia. O que seria interessante, se alguém tivesse esse conhecimento de fato, seria entender como funciona esse processo do desembaraço aduaneiro. Com importações em geral não lembro nunca de ter ouvido falar de embalagens abertas, mas por outro lado não tenho conhecimento se há algum aparelho de raio x ou não nesse processo. O FedEx já recebe há um tempo denuncias clássicas de favorecerem tráfico de medicamentos (tipo xanax e essas bostas...) O ideal seria saber de mais de uma experiência positiva com courrier ou arriscar. Aguardo informação também! Vamo que vamo!!
  10. Valeu pela notícia original! Ví uma tradução que deu outro enfoque e não citou os pontos positivos. Uma pena sempre as chamadas aqui serem depreciativas, simplesmente cortaram o final "but compensates..."
  11. jovem, vai estudar! a vida ainda te reserva muita coisa maneira, mas isso ainda não. vai andar de skate, jogar bola, aprender algum instrumento. 14 anos não é idade de fumar maconha, é idade de aprender. ouça a galera do forum, a maioria aqui entende do que está falando.
  12. fiz hoje o suco, e amigos, que maravilha. sério. minha planta tá no início da floração, portanto as folhas ainda não estavam resinando. Fiz um suco baseado nos outros posts do tópico mas com algumas alterações: 1- Suco de laranja 2- Gengibre 3- 3 pedaços de manga tommy 4- 12 folhas 5- gelo O suco de laranja e o gengibre coloquei a gosto, portanto não usei água. Optei também por não coar o suco, ficou uma delícia! Fiz esse suco pra minha namorada que sofre de cólicas e pro meu cachorro que tem bronquite alérgica, e os dois reagiram muito bem!!!!!!!!! Só amor!!!!!
  13. Silva, muito obrigado pelo relato!! Vou experimentar também. Minha esposa sofre exatamente do mesmo problema de cólicas, além de um pouco de insonia. (O loucão aqui dorme que nem uma pedra 100% das vezes, de cara ou chapado hahahahahahah) Ela só fuma se for green, e como meu primeiro cultivo ainda não saiu, ela prefere n fumar do pren. Então eu fico morrendo de pena as vezes quando ela fica sozinha na madruga sem conseguir dormir.