5 dicas rápidas para iniciantes no cultivo de cannabis

O autocultivo tem sido uma tendência cada vez maior no Brasil. O desejo da maioria dos usuários de maconha é abandonar de vez o prensado, parar de dar dinheiro para o tráfico e começar a cultivar sua própria planta em casa.

Entretanto, apesar de descomplicado, o cultivo de cannabis pode ser um mistério para muita gente que não sabe por onde começar. Por isso nós vamos te mostrar 5 dicas para você ques está iniciando no cultivo de cannabis.

Se você também que ser um fazendeiro de apartamento/grower/jardineiro e não tem a mínima noção de como cuidar de uma planta de cannabis, veja 5 dicas que podem te orientar:

  1. Semente e germinação. É assim que começa, você pode germinar a semente em lã de rocha, direto na terra ou até em papel toalha umedecido. Espere a radícula atingir uns centímetros e se prepare para colocar na terra.

    Leia mais:
    + Como escolher as melhores sementes de cannabis pro seu cultivo

    + Aprenda como encontrar sementes germináveis no prensado
    + Como montar um grow para cultivo indoor ou outdoor
     

  2. Transplante. A sua semente já virou uma mudinha, é hora de colocá-la em um vaso maior para as raízes crescerem. Nessa fase — que dura umas 6 a 7 semanas — a planta necessita de muita água, muita luz, muito descanso e muito carinho.

    Leia mais:
    + 32 dicas para regar sua planta

  3. Desenvolvimento. A planta cresceu. A folhagem já está com o desenho clássico com 5 pontas. Depois do tempo de cada espécie (é importante observar que os períodos variam conforme a planta, afinal, cada uma delas é um ser vivo e único), chegou a fase de floração. Dica: espere a coloração dos tricomas das flores antigirem um tom “âmbar” para a colheita.

    Leia mais:
    + Fotoperíodo da maconha: estágios Vegetativo e de Floração

  4. Colheita. Chegou a fase tão esperada. <3 Assim que as flores da planta amadurecerem no ponto desejado (verifique a coloração dos tricomas na imagem), corte os buds cuidadosamente com uma tesoura e prepare a caixa para a secagem.

    Leia mais: 
    + Quanto tempo leva até a colheita de um cultivo de maconha?

  5. Secagem. Coloque os buds de ponta-cabeça em uma caixa escura e deixe lá por, pelo menos, uma semana. O ideal é que os galhinhos estejam secos a ponto de fazer um “trec” quando são quebrados. Pronto! É só enrolar… Virou fumaça, já era.

    Leia mais: 
    + Veja como fazer a secagem e cura da cannabis

Saiba que você precisará ter um pouco de dedicação e paciência com suas plantinhas. Dedicação, porque a jardinagem envolve estudo e interesse sobre o desenvolvimento da planta. E paciência, porque devemos respeitar o tempo da natureza e os ciclos do cultivo. Além disso, estudar é imprescindível para ter flores de qualidade.

Se você deseja se aprofundar de verdade no cultivo de cannabis e tornar-se autossustentável de vez, você pode se tornar um aluno da Growroom High School (GRHS), a escola de cultivo do Growroom que tem um curso completo para quem deseja ter colheitas satisfatórias em praticamente qualquer espaço e de maneiro segura.

O curso é totalmente em vídeo e foi pensado para os cultivadores brasileiros, tendo em vista o clima do país, a acessibilidade de produtos e principalmente como fazer um cultivo seguro e sigiloso, para se proteger das leis.

Saiba mais em: http://www.cursodecultivo.com/