Tudo que você precisa saber sobre a Expocannabis Uruguay 2017

O evento que reuniu 10 mil pessoas, do mundo inteiro, em três dias no ano de 2016, aguarda um público ainda maior em 2017, ano em que a legalização da cannabis foi concretizada no país

0
1375
O evento visa reunir diferentes vertentes do movimento cannábico — Foto: expocannabis.uy

A cidade de Montevideo vai sediar a Expocannabis Uruguay 2017, entre os dias 8 e 10 de dezembro. O evento funciona como uma plataforma de articulação e informação sobre a cannabis industrial, medicinal e recreativa.

“Em cada edição demos importantes passos em direção à normalização e desestigmação da cannabis e de seus usuários. Trazemos informações valiosas ao público, referente às possibilidades que a planta pode proporcionar para a indústria e a medicina”, afirma Mercedes Ponce de Léon, fundadora da Organización Uruguay Siembra, organizadora e porta voz oficial da Expocannabis Uruguay.

As inscrições para expositores e participantes pode ser realizada através do site oficial, assim como todos os detalhes do evento. O Growroom vai estar presente!

Um pouco da edição de 2015:

Para aqueles que desejam participar da Expo, os passes de entrada vão de US$ 9,00 a US$33,00, podendo variar de um para três dias, com direito a alguns brindes. Todas as atividades acontecem no Parque de Exposiciones del LATU (Laboratorio Tecnológico del Uruguay).

A ExpoCannabis chega à quarta edição. É o único acontecimento do gênero a contar com apoio da esfera pública e procura articular um ponto de encontro entre a academia, a comunidade canábica, os movimentos e organizações sociais, os setor privado e público, além de curiosos.

Mercedes garante que o público é bastante variado e afirma que o evento vem ganhando volume e respaldo não só a nível nacional. “O evento cresceu ano a ano. Na última edição recebemos 10 mil pessoas em três dias. Esta edição é especial pois foi um ano intenso para a cannabis em nosso país, que atraiu a atenção não só de jornalistas mas do público em geral”, explica.

Foto: expocannabis

Os três dias de evento vai reunir mais de 60 expositores, sendo uruguaios e estrangeiros. Uma série de oficinas, conferências com peritos do mundo inteiro, um Laboratório de Cannabis, um Consultório de Orientação em Cannabis Medicinal, além de programação artística e musical.

A Expo teve início em 2014, ano em que se começou o processo de legalização da maconha em solo uruguaio, com o intuito de trazer informação sobre a planta e tratar do preconceito aos usuários.

Em 2017, na sua quarta edição, o evento já se encontra com a política de legalização concretizada, pois neste ano se iniciaram as vendas da cannabis em farmácias do país.

Abaixo, o vídeo oficial da última edição da ExpoCannabis Uruguai:

A política de regulação do Uruguai articula três possíveis vias de acesso à cannabis. O auto cultivo e os clubes de cultivo são duas delas, que já vem ocorrendo desde 2014. A terceira via de acesso são as farmácias, que foram legalizadas e postas em funcionamento no dia 19 de julho de 2017,  com a lei 19.172.

Leia mais: Uruguai vai iniciar as vendas de cannabis em farmácias

Tais acontecimentos apenas alimentam o potencial que a Expo pode trazer para toda a comunidade. Todos os participantes serão parte de um evento sobre cannabis, em um país com vias legais de acesso à planta.

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.