Juiz nega liberdade provisória ao ativista THCProcê

Segundo o magistrado, Sérgio é um perigo iminente à sociedade

24
22441

Na última quinta-feira (16), o ativista Sérgio Delvair da Costa, mais conhecido por THCProcê, foi preso em flagrante por cultivar 76 pés de maconha e por manter uma cooperativa de trocas de sementes.

Polícia Civil do DF invade conta do THCProcê e comete abuso de autoridade 

Em sua audiência de custódia, o Juiz Dr. Vitor Hugo Aquino de Oliveira negou a Sérgio o direito de responder ao processo em liberdade. Aquino justifica sua decisão judicial dizendo que tal delito é equiparável a hediondo, e que esta prática (plantar maconha e distribuir sementes) põe em um acentuado risco a segurança social, a integridade da população e nas palavras do magistrado, para “conter o seu ímpeto delitivo”.

Conter o ímpeto delitivo é uma forma de evitar que Sérgio volte a praticar os crimes pelos quais foi preso, (plantar maconha e distribuir sementes). É bom lembrar que a polícia apreendeu todas as plantas e sementes de Sérgio, o que o impossibilitaria de voltar a praticar tais “delitos”.

Em um vídeo postado no Youtube, a ex-mulher de Sérgio mostra a casa simples que o ativista morava, sem grandes luxos. Apesar da Cooperativa de Cultivadores do Brasil (CCB), criada por Thc, conter cerca de 1500 pessoas associadas, apenas uma parcela pequena desse número pagava a mensalidade, o que garantia apenas o custo de produção e envio. Por isso o ativista não ostentava grandes riquezas nem obtinha lucro com a cooperativa.

“Ele é um sonhador, um cara que jogou tudo pra cima. Perdeu mulher, carro, emprego, tudo por não abaixar a bandeira do que ele acredita. Aquele cara do vídeo é ele, que assume que fuma e não abaixa a cabeça”, diz um amigo próximo de Sérgio.

Com a CCB, Sérgio tinha uma ambição quase que ingênua, de que a maconha fosse acessível para todos que quisessem plantar. Hoje em dia, se um usuário quiser cultivar sua própria cannabis, ele tem que conhecer alguém que cultive, o que ainda é raro no Brasil, ou comprando sementes pela internet em dispensários da europa, que além de caros são arriscados, ou tentando a sorte e plantando sementes de prensado. A cooperativa do THCProcê ajudava muita gente a não precisar tentar a sorte com sementes do tráfico, nem a gastar um monte de dinheiro em sementes importadas.

Você sabia que o Growroom presta consultoria jurídica grátis para cultivadores com problemas legais?

Mas esse ativismo do THCProcê, que visava tirar as pessoas das mãos de traficantes, foi julgado como sendo perigoso à sociedade, assim, o Juiz Aquino de Oliveira achou o fato de plantar maconha e distribuir sementes, suficiente para justificar a prisão preventiva de Sérgio, que teve que permanecer algemando durante a audiência inteira, por determinação do mesmo juiz, que alegou “risco de fuga”.

Os advogados do THCProcê estão tentando marcar uma nova audiência para revogar essa decisão judicial de mantê-lo preso, e conseguir que Sérgio responda ao processo em liberdade.

Agora, Sérgio pode esperar meses na cadeia até seu processo ser julgado no Tribunal do Distrito Federal, que decidirá o futuro de um jardineiro, ativista, professor, que dava uma alternativa para quem não queria financiar o tráfico.

Nós do Growroom, esperamos que o próximo juiz que for julgar o caso do THCProcê, entenda que grower não é traficante e que ao contrário do que pensa o Juiz Dr. Vitor Hugo Aquino de Oliveira, o Sérgio não representa um risco à sociedade. Ele representa uma esperança de um país melhor, com o cultivo permitido, com mais qualidade de vida para pessoas que usam a maconha de forma medicinal, com menos poder para o tráfico e consequentemente com menos violência.

Não vamos nos esquecer, #LiberdadeTHCProcê

24 COMMENTS

  1. Poha meu, a qualidade dos magistrados brasileiros é lamentável. Será que não dá para o Juíz observar o restante do mundo antes de deixar o cara preso? É revoltante!!!

  2. Esse juiz Vitor Hugo Aquino de Oliveira, só pode ter comprado o curso, que animal, como pode prender um senhor de 52 anos por causa de uma planta. O certo seria a gente invadir tudo, quebrar tudo, matar os gorvernantes, chega de esperar, todos sabem que é impossivel parar com o consumo de Maconha, não adianta lutar, as pessoas nunca vão parar de usar.

    • chorei ao ver esta , reportagem , o certo seria isto mesmo meter bala nesses filha da puta que tratam esse senhor como traficante , quando se observa um trabalho muito nobre pela sua parte .

  3. Faltou falaram que ele não ajudava apenas as pessoas com sementes e seus ensinamentos, ele tbm ajudava quem estava doente (com câncer) enviando óleo da cannabis, que influência muito na melhora dos que estão doentes…

  4. Passando aqui só pra divulgar uma ideia meio radical em favor da legalização que eu vi por ai e me pareceu bastante eficiente.
    Se você tiver sementes a disposição, mesmo sementes de prensado, que em mais de 90% dos casos não florescem, espalhe suas sementes por canteiros, praças e todos os cantos de terra aberta que puder encontrar, especialmente se puder espalhar sementes de plantas automáticas.
    A ideia é relativamente simples, se plantarmos cannabis o suficiente por ai, a única opção seria legalizar, devido a pressão social e ao fato de que não seria possível recolher todos os exemplares e as pessoas, inclusive você, poderiam colher um camarão na esquina de sua casa para consumir, se quisessem. Porém, isso deve ser feito relativamente na encolha, em segredo e contando somente para aqueles seus amigos que você sabe que fumam e querem a legalização para que nenhuma espécie de “movimento contrário” venha a surgir antes que plantas o suficiente sejam espalhadas.
    Se você acredita que a cannabis deva ser legalizada e que a maconha deva ser livre para voltar a natureza, espalhe suas sementes, converse com seus amigos, semeie essa ideia. Vamos colocar mais verde no Brasil.
    ^^ , \ /,,

  5. Dr ??? Esse juiz fez doutorado?
    Vamos parar com essa babaquice de tratar formados em direito como Deuses !

    O sérgi nao é traficante… ele é inimigo dos traficantes do Congresso !

  6. Hediondo é continuar deixar um mercado de trilhões sendo 100% monopolizado pelo narco trafico… manda esse juiz ler as noticias do que ta acontecendo aqui na fronteira MS/paraguai , o narcotrafico usa o mercado descontrolado das drogas para patrocinar seus crimes hediondos… um juiz que não tem discernimento de qual conduta causa mais dano social, é representante da justiça Brasileira , que é cega , surda e burra…

  7. Que absurdo!!! Até quando vamos
    Passar por isso no Brasil? Um país
    Atrasado e uma justiça burra que condena inocentes que não alimentam o tráfico e deixa livre os corruptos! Liberdade ao Sérgio!

  8. VAMOS PLANTAR ,PLANTAR PLANTAR E PLANTAR ,ASSIM ELES NUMCA IRAO CONSEGUIR NOS DERRUBAR,VAMOS PLANTAR NOSSA SANTA PLANTA SAGRADA AJA OQUE OUVER,PRECISAMOS UMA REVOLUCAO DE TODOS OS GROWERS,NOVATOS OU VETERANOS,NO INICIO NO CANADA ACONTECEU ISSO,MAS APARECERAM TANTOS JARDINEIROS QUE AS AUTORIDADES NAO DERAM CONTA DE PRENDEREM TODO MUNDO,HOJE ELES PODEM CULTIVAR SEM RESTRICOES FACISTAS IGUAL AO NOSSO PAIS.

  9. ABSURDO!
    ABUSO DE AUTORIDADE!!!!! VIOLAÇÃO GRAVE DOS DIREITOS HUMANOS!!!

    PELO FIM A HIPOCRISIA, PELO FINAL DE UMA GUERRA INÚTIL AS DROGAS… AGORA É HORA DE REGULAMENTAR O CULTIVO DOMESTICO.

    #LiberdadeTHCProce #LiberdadeRASGeraldinho #EvoluiBrasil

  10. Galera… não fumo e nunca fumei. Tenho 44 anos e venho de família tradicional (onde todo porra louca é considerado maconheiro).
    E sabe qual a minha opinião? Quer fumar… putz, vai ser FELIZ!!
    Quanto a idéia de plantar a sua própria erva, é uma forma de combate ao tráfico que eu julgo (e eu que não quero julgar nada!) das mais inteligentes e eficazes já descoberta. Inteligentississíssima!!!
    A conta é simples: um cara plantando é um cara a menos na biqueira.
    Pronto.
    E vou além: quer cheirar? Deixa cheirar. Quer beber? Deixa beber.
    Quer andar de moto sem capacete? Problema seu!
    O Estado tem que deixar de se intrometer na sua vida. E temos que nos organizar para isso.
    E para tanto, temos que nos politizar! É a única saída.

    • Fellipe, seu pensamento “parece” ser muito justo, mas não é. Quando você diz: “quer cheirar? Deixa cheirar. Quer beber? Deixa beber. Quer andar de moto sem capacete? Problema seu!” Eu te pergunto: quem vai arcar com o prejuízo causado pelo viciado que comete roubos e assaltos para sustentar o vício?? Quem vai pagar pelo acidente que o bêbado causou? Quem vai pagar a conta do hospital do motoqueiro que quebrou a cabeça? Para todas as perguntas a resposta é a mesma: a sociedade! Você, eu e todo mundo que não tem culpa dos erros e escolhas dos outros. Isso é justo? A liberdade só é válida quando não invade a liberdade dos outros.

  11. Mano na real,sou super afavor da descriminalizaçao e legalizaçao da maconha,acho muito legal a intenção dos growers(acho que se escreve assim) de plantar para nao comprar,iqualmente o thcprocê,acompanhava ele há muito tempo,vi varios videos dele,varias histórias que ele contava … enfim,mano plantar pra nao financiar o trafico é algo bacana,mas o problema do Sergio foi,ele vender as sementes,pois querendo ou nao ele acaba vendendo “maconha”(pois qnd florescer e … vai virar maconha) e ele nao sabia pra quem vendia e poxa … sao 99 pés,vamos supor que metade sao femeas e cada uma de 100 gramas,49 x 100 dá 4900 dividido por 12(meses) 408 gramas por mes ele fumava … era uma caipora??logico que ele tem o direito de fumar o quanto quiser,mas tambem …
    enfim depois que vi por esse lado fiquei no meio dessa briga,nao sei direito oque acho

  12. Lamentável! Se um juiz, que deveria ter um pouco mais de conhecimento diz algo assim, os que podemos esperar? Acentuado risco a segurança social, a integridade da população é a falta de conhecimento e de informação, incluindo quem tem o papel de julgar. Esta planta ajuda os seres humanos há mais de 5000 anos, e pessoas, que não pensam nem um pouco no bem estar dos cidadãos, tentam a 50 anos proibir. Foi um verdadeiro fracasso em todos os lugares que se tentou e nunca vai funcionar. Quanto tempo vamos colocar pessoas inocentes na cadeia? Para que? Quem se beneficia com isso?

  13. “Ele representa uma esperança de um país melhor, com o cultivo permitido, com mais qualidade de vida para pessoas que usam a maconha de forma medicinal, com menos poder para o tráfico e consequentemente com menos violência.”. Isso é justamente o contrário do que a máfia de políticos do Brasil quer. Esses canalhas do colarinho branco são os que realmente lucram rios de dinheiro (sujo). Portanto, qqr um que tentar se sustentar plantando maconha, e parando dr comprar nos pontos de venda (bocas de fumo), pertencentes à tais políticos, serão presos. Afinal, eles não querem que a minha de ouro deles acabe!

  14. Os “poderosos” estão acabando com a segurança em locais mais pobres, assim como deixando a saúde sucateada, a educação inútil… todo o essencial para um ser humano, independente de sua classe social, crescer bem, com educação, saúde e qualidade de vida. Nao ha interesse no povo ser inteligente e minimamente pensante. Afinal, assim é mais dificil manipular a massa, né? Estão rapando, para si, TODA a grana que nós geramos em impostos (que deveriam retornar em serviços FUNCIONAIS, e DE QUALIDADE). Mas, ao invés disso, mandam td para paraísos fiscais (em máfias conjuntas, de modo que juízes, desembargadores, políticos, empresários… todos os “chefes de setor” dessa máfia possam retirar a sua gorda fatia!), de modo que só eles e suas famílias desfrutem de toda a riqueza ROUBADA do povo! Eles querem a segregação de pobres e ricos. Querem empobrecer cada vez mais os da classe média (e os já pobres) e enriquecer cada vez mais os já ricos!

LEAVE A REPLY